História A historia fantasticamente estranha de um soldado - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lendas Urbanas
Personagens Personagens Originais
Visualizações 1
Palavras 446
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Sobrenatural, Suspense
Avisos: Canibalismo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas do Autor


Dean vai para a cidade desconhecida e faz uma descoberta

Capítulo 2 - O fim da Guerra e o começo de uma avetura


Os gritos cessaram, as bombas não mais estouravam, e de dentro do abrigo não se ouvia mais nada, Dean abriu a porta de onde ele estava com cautela caso ainda houvesse algum inimigo por ali, mas nao havia nada. Nada mesmo, apenas um monte de cinzas e pó.

Dean chamou a equipe de ajuda para levar os refugiados, quando recebeu a noticia de que precisava ir a uma cidade procurar mortos e feridos.

A caminho da cidade, ele encontrou muitos restos de bombas e aviões escrito CROATOÃ, mas o que era croatoã afinal, se perguntava Dean incessantemente.

Chegando a cidade sua primeira impressão era que não havia vivos ali, mas mesmo assim sua busca não parava, mas o estranho era que em todos os lugares a palavra croatoã predominava.

Dean resolve entrar em um beco, e no final dele havia uma menina, agachada, suja, ele chega perto dela falando "oi você esta perdida? Cadê seus pais? Você quer ajuda?

Mas ele nao recebia nenhuma resposta dela, ele chega mais perto quando ela olha para ele, os olhos da garota eram negros com a borda amarela, os extintos de Dean falavam para ele correr mas ele evitou pois queria ajudar a garota.

A menina estava levantando lentamente mas sem tirar os olhos de Dean, e ele começou a dar passos pra traz pois seu medo era maior que sua vontade de salva-la.

Ela finalmente poi-se de pe e começou a andar em direção ao Dean, cada vez mais rápido, então Dean resolve correr.

Dean pegou seu radio enquanto corria, mas ele estava sem sinal, quando ele olha pra traz a menina desapareceu, ele para sem saber o que aconteceu, então resolve entrar num carro despedaçado que estava por perto, tentou entrar em contato com o comando mas não conseguiu.

Ele ouve uma batida forte na traseira do carro e imediatamente olha, e era a menina, com mais algumas pessoas com a aparência parecida com a da dela, e todas aquelas pessoas pareciam estar famintas e o soldado parecia ser seu almoço.

Mas para sorte de Dean chega algumas pessoas com metralhadora pistolas e facas e começaram a atirar nas pessoas que pareciam zumbis.

Quando todos aquele "seres" morreram Dean saiu do carro e os atiradores chegaram perto dele e perguntaram se ele estava bem.

Dean perguntou quem eram eles e o que aquelas coisas eram, eles falaram que eram caçadores e aquelas coisas eram pessoas que por um fato sobrenatural viraram canibais, falaram que as pessoas que sobreviveram daquela cidade estavam escondidas isso é se elas não viram aquelas coisas ou fora comidas por elas.

Os caçadores convidaram Dean para ir pro abrigo com eles, Dean aceita e vai sem dizer uma palavra, pois ainda estava se recuperando do choque.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...