História A irmã dos Sakamakis - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Azusa Mukami, Carla Tsukinami, Cordelia, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laito Sakamaki, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Ruki Mukami, Shu Sakamaki, Yuma Mukami
Tags Ayato, Drama, Kanato, Kou, Laito, Mistério, Reiji, Shuu, Subaru, Suspense
Exibições 91
Palavras 1.001
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Luta, Mistério, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oii meus amores tudo bom com 6? Obrigadinha pelos 42 Favoritos vocês são de mais <3. hoje um capítulo postado um pouco mais cedo rsrsrsrs

Capítulo 8 - Capítulo VII


Fanfic / Fanfiction A irmã dos Sakamakis - Capítulo 8 - Capítulo VII

                                                                                                     Pov Yui

—Por que esta me olhando assim Ayato-kun? —perguntei dando outro passo para trás

—Estou tentando fazer o bagulho que Shiroi fez! —senti vontade de rir naquele instante — no que está pensado panqueca? —Ele tinha parado de me chamar desse apelido ridículo, mas pelo visto ele não tinha se esquecido da existência dele.

—Porque você e a Shiroi não se fala mais como antes? — perguntei de uma vez, Ayato arregalou os olhos, ele deu dois passos para trás e se se encostou ao piano. 

—não sei bem ao certo — Bem oque ele quis dizer com aquilo — É complicado....Foi uma noite, eu estava em meu quarto, acho que eu tinha uns 12 anos.....

*Flashback

Ayato ouviu gritos vindo do andar de baixo, ele abriu sua porta e correu ate o andar de baixo Avistou Cordelia segurando Shiroi pelos braços, Shiroi gritava e chutava Cordelia com suas pequenas pernas seus pequenos olhos mostravam o quanto ela estava com medo e assustada com aquilo. Seu cabelo ruivo estava bagunçado e cortavam o lento rapidamente, Havia vários hematomas nas pernas e braços de Shiroi.

—Oque esta fazendo Mamãe? —perguntou Ayato no ultimo degrau da escada olhando para Cordelia

—Volte para o seu quarto! —ordenou a Ayato, mas ele insistiu e ficou lá.

—Oque vai fazer com ela?

Nesse momento dois homens entraram pela porta principal, suas vestes eram típicas de quem trabalhava na cidade, Calças beges largas e camisa azul suja e galochas já desbotando, ambos se aproximaram de Cordelia e a comprimento enquanto olhavam para Shiroi que já cansada de tentar escapar ficou paralisada.

—Quem são eles mamãe? —perguntou Ayato a Cordelia

—Já disse para voltar para seu quarto! —disse Cordelia soltando Shiroi e olhando para Ayato, quando se deu conta do que acabara de fazer Shiroi correu o mais rápido possível e Cordelia colocou as mãos sob a cabeça — Ayato....se você pegar a Shiroi e traze-la ate a mim eu vou te deixar no poder.......você vai ser o novo membro chefe da família......não era isso que você sempre quis? —perguntou Cordelia olhando para Ayato

—Sim mamãe, mas para onde Shiroi vai? —Cordelia olhou para o alto pensando

—Para a casa de seu pai, querido, lá ela vai ter uma vida melhor e ser mais feliz, você não tem que se preocupar com ela Ayato ela vai esta bem —Ela deu um sorriso para Ayato que ficou impressionado —não decepcione sua mãe querido...

Ayato se sentiu especial pela primeira vez, Cordelia nunca tinha o tratado bem na sua vida, mas ele não queria a decepcioná-la ele sempre se esforçava ao máximo para ter atenção dela porem agora era tão simples, e também ele queria ser o novo chefe da família e sairia na frente de seus irmãos. Ele correu até o ultimo andar e foi até uma pequena porta que dava para o teclado, ali era o lugar preferido de Shiroi, ele sempre a via lá encima olhando para o mundo.

Ayato abriu a porta e lá estava ela encolhida na beirada no teclado olhando para a floresta sombria e escura, Ele se aproximou e sentou-se ao lado dela.

—Shiroi....todos estão te procurando! —ele disse a olhado nos olhos, mas ela continuava a olhar para a floresta.

—Você acreditou nela? —perguntou Shiroi sem tirar os olhos da floresta

—ela me disse que sua vida ia ser melhor lá e...—ela o interrompeu

—VOCÊ ACREDIROU NELA!? —perguntou já sem paciência

—Sim, mas você sabe que isso é só para o seu bem, então eu vou ter que avisa-la que você está aqui!

—Para o meu bem? Você só ESTÁ FAZENDO ISSO PORQUE QUER SER O LIDER DA FAMILIA!! —os olhos de Shiroi começaram a lagrimejar

— claro que não eu estou fazendo isso porque eu gosto de você....porque —o rosto de Ayato corou —eu..te amo —Shiroi o olhou

—então prove! —Ayato se aproximou seu rosto com os olhos chegados perto do rosto de Shiroi e então a beijou, os corações de ambos aceleram, o rosto de Shiroi estava completamente vermelho quando Ayato afastou seu rosto — Ayato-kun...—ele se ajeitou e a beijou mais uma vez a fazendo ficar embaixo dele

—não se mecha! —ordenou se aproximando do pescoço de Shiroi, com um movimento rápido ele a mordeu e sentiu o corpo de Shiroi estremecer, era o sangue mais doce e gelado que ele já tinha tomado em sua vida, era como um coquetel de frutas no verão, Ayato conseguia ouvir a respiração de Shiroi em ouvido aquilo o deixava mais excitado ainda — eu quero você comigo.....— disse se afastando e olhando nos olhos dela

A porta do telhado foi aberta e um dos homens correão até eles, Shiroi se levantou rapidamente, mas o homem a segurou e enfincou uma agulha com toda sua força no braço de Shiroi, o corpo dela  foi perdendo sua força e sua vista foi ficando mais escura, o outro homem atirou um sedativo em Ayato que caiu e não pode fazer nada

—AYATOOOOOOO! —ele conseguiu ouvir ela o chamando antes dele desmaiar

*Flashback off

—Eu não fiz nada para ajuda-la, deixei eles a levar...—Me aproximei de Ayato e o abracei, ficamos em silencio por longos segundos, juntei coragem e perguntei

—para ondes ele a levaram? —ele abaixou sua cabeça e prossegui-o

—para um orfanato na cidade, eu achava que lá não era um lugar horrível ,depois que eu vi, lá era um lugar terrível onde seus integrantes vendiam as crianças mais belas e resistentes a qualquer pessoa, normalmente as pessoas que compram crianças lá são para satisfazem-se com elas mas eu não sei oque aconteceu com Shiroi......mas agora ela está estranha, muito estranha —Ayato me olhou e eu senti meu coração dar um pulo —mas isso não muda oque eu sinto por você......—mas ele foi interrompido com um barulho

Um grito alto e amedrontador foi ouvido do andar de baixo, Ayato se tele portou me deixando sozinha lá, não entendi ele. Sai da sala e fui em direção ao anda de baixo, levei um susto com oque vi....    

 


Notas Finais


Obrigadinha por ler e fiquem com Kami


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...