História A Jornada - Capítulo 1


Escrita por: ~

Visualizações 228
Palavras 2.825
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Colegial, Comédia, Crossover, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Harem, Hentai, Luta, Magia, Policial, Romance e Novela, Saga, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Canibalismo, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Self Inserction, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - A Imperatriz e seu Guardião


Capítulo 1: A Imperatriz e seu Guardião

 

Ash piscou quando despertou num espaço completamente branco muito para a sua surpresa. Ele tentou sentar-se, mas, em vez de uma posição sentada, de alguma forma ficou parado e encontrou-se flutuando no ar. Ele olhou em volta para descobrir onde ele é apenas para encontrar apenas escuridão.

 

Ele olhou para si mesmo para ver que ele ainda estava vestindo a roupa que ele usava em Kalos. Ele tentou se lembrar de qualquer coisa que havia ocorrido recentemente. De repente Arceus e uma mulher de aparência e roupas estranhas surgiu na sua frente.

 

Ash: Senhor Arceus onde eu estou?

 

Arceus: Você está no "Meio" Ash.

 

Ash: Meio?

 

A mulher então apontou para baixo e em seguida para o cima fazendo-o arregalar os olhos. Isso queria dizer que ele estava... Morto?

 

Ash: Mas como eu morri?

 

Arceus: Você se sacrificou para derrotar Lysandre e Alain. Meus parabéns pois você salvou bilhões de vidas humanas e pokémons.

 

Ash: Então os meus amigos estão a salvo?

 

Arceus: Sim.

 

Ash (sorri): Então está tudo bem! Irei para o céu ou inferno?

 

Arceus (divertido): Depois de tudo o que você fez acha mesmo que iria para o inferno?

 

Ash (ri sem graça): Desculpe. (curioso) Mas então por que eu estou aqui ao invés de ir para o céu? E quem é essa senhora?

 

Arceus: Esta é Chronoa a Kaioshin do Tempo.

 

Ash: Prazer em conhecê-la.

 

Chronoa: Prazer Ash. E bem você está aqui pois queremos te oferecer outra chance.

 

Ash (animado): Uma segunda chance na vida? Você quer dizer que vocês vão me trazer de volta? Que bom! Vou ver meus amigos de novo!

 

Chronoa (sorriso triste): Não você não vai Ash.

 

Ash (confuso): Mas vocês disseram que iam me reviver.

 

Arceus: Tem uma pegadinha nisso Ash.

 

Ash: Pegadinha?

 

Chronoa: Nós vamos reviver você em outro mundo e você não vai ser mais completamente humano.

 

Ash: O que eu seria?

 

Chronoa: Um meio saiyajin.

 

Ash: Saiyajin? E por que vocês não podem me reviver no meu mundo?

 

Arceus: Há um mundo que realmente precisa de sua ajuda. Nós só podemos te reviver nesse mundo.

 

Chronoa: Os saiyajins são uma raça guerreira. A genética deles é voltada para as batalhas. Aumentam os poderes ao se recuperarem de ferimentos graves. São resistentes, ao ponto de sobreviver no espaço por um período de tempo e se adaptam a qualquer condição climática. São muito fortes e tem transformações. Também aprendem uma técnica de luta, apenas a observando. Eles usam o Ki. Podem se metamorfosear em um Oozaru, que seria algo como um macaco gigante com um focinho grande repleto de presas afiadas.

 

Arceus: No mundo para onde você vai, se aceitar, as pessoas usam magia. Você vai entender melhor se aceitar a proposta.

 

Ash ficou triste ao pensar que não veria mais sua mãe, amigos ou pokémons mas estava se sentindo atraído por este mundo desconhecido, e sobre ser um meio saiyajin. Ele suspirou e sorriu para eles aceitando a proposta. Os dois sorriram para ele enquanto começavam a explicar tudo.

 

Arceus: Com uma nova vida também vamos aumentar seus poderes naturais de Guardião da Aura.

 

Ash: Ok.

 

Chronoa: A gente se vê Ash.

 

Ash: Não. Nada disso.

 

Earth Land:

 

Ash despertou dentro de um trem em movimento e observou as coisas ao seu redor, notando que agora tinha uma cauda de macaco. Ele notou um jovem de cabelos cor de salmão dormindo no colo de uma jovem albina de olhos azuis, que acariciava seus cabelos. Na cabeça dela estava um gatinho azul com asas adormecido também.

 

Ele então começou a filtrar as informações do mundo em que ele estava cujo nome era Earth Land. Em uma terra distante, o reino de Fiore, uma nação pequena e pacífica de dezessete milhões, e um lugar cheio de magia. Encontrado em cada casa, comprado e vendido em todos os mercados, para a maioria, a magia é apenas uma ferramenta, uma parte mundana da vida cotidiana.

 

Para alguns, no entanto, a magia é uma arte, e eles dedicaram suas vidas à sua prática. Estes são os magos. Reunidos em guildas mágicas, eles aplicam suas habilidades em busca de fama e fortuna.

 

Muitas dessas guildas partem a paisagem de Fiore, mas há uma certa guilda em uma determinada cidade que sobe acima do resto, uma da qual nascentes lendas já nasceram. Uma aliança que, sem dúvida, continuará a criar lendas bem no futuro. Seu nome é...

 

Fairy Tail a guilda em que ele deveria se juntar e ele estava vendo dois membros da guilda ali. Eram Natsu Strauss Dragneel, o Imperador das Chamas, e Lisanna Strauss Dragneel, a Imperatriz de Animalia. Assim que o trem parou, na cidade portuária de Hargeon, Lisanna acordou Natsu e os dois junto com o gato saíram do trem enquanto Ash os seguia.

 

Ele estava pensando em como se apresentar quando notou uma menina de cabelos azuis longos, olhos chocolate, de sua idade (catorze anos), usando vestido branco e amarelo, sapatos azuis e ao seu lado havia uma gata branca com asas voando. Ela estava sendo intimidada por três caras mais velhos do que ela com caras de poucos amigos. Ash se aproximou enquanto ouvia a conversa.

 

Idiota 1: O que uma garota linda como você faz aqui?

 

A azulada não respondeu olhando para o chão enquanto tremia. A gata entã disse:

 

"Ela está esperando o namorado dela. E se vocês não caírem fora ele virá dando uma surra em vocês!"

 

Idiota 2 (gargalhando): Acha mesmo que acreditamos que essa garotinha estupída tem um namorado?

 

Idiota 3: E mesmo se você tiver um... (sorriso pervertido) O que acha de eu mostrar a você o que é um homem de verdade?

 

Ash ficou de cenho franzido vendo aquela cena e decidiu interferir. Por sorte a gata deu a ele um bom disfarce sem saber. Ele sorriu e se aproximou da azulada dizendo:

 

"Docinho eu voltei!"

 

Por meio segundo ela ficou confusa antes dele dizer:

 

"Vou te ajudar a se livrar deles. Só atue junto comigo."

 

Ela e a gata sorriram agradecidas antes dela abraçá-lo, corando muito. Os três idiotas estavam tão esbasbacados que ficaram de queixo caído enquanto eles se afastavam. Depois que eles dobraram uma esquina a azulada o agradeceu novamente e se apresentou.

 

Wendy: Sou Wendy Marvell e essa é a Charle. Muito prazer.

 

Ash: O prazer é meu. Sou Ash Ketchum. O que estão fazendo por aqui?

 

Charle: Wendy quer se juntar a guilda Fairy Tail e ouvimos falar que um dos membros está nessa cidade.

 

Ash: Eu também quero entrar na guilda. Só um? Eu vim de trem e antes de encontrar vocês eu vi dois deles. Eu reconheci o brasão.

 

Wendy: Sabe como eles são?

 

Ash: Bem um tem cabelos cor de salmão espetados e a outra tem cabelos brancos curtos.

 

Charle: Devem ser Natsu Strauss Dragneel e Lisanna Strauss Dragneel.

 

Wendy: Que tipo de magia você usa Ash-san?

 

Ash: Eu sou um Guardião da Aura. (cria uma Aura Sphere nas mãos que muda de forma para um cristal) Além disso eu sei fazer alguns truques.

 

Charle: Entendo.

 

Wendy: Eu sou uma Dragon Slayer do Céu mas só tenho um feitiço de ataque e o restante é só para cura ou suporte.

 

Ash notou que a azulada abaixou a cabeça triste enquanto Charle tentava animá-la. Ele colocou a mão em seu queixo fazendo-a encará-lo e corar um pouco quando seus olhares se encontraram. Sua cauda balançou fazendo ela sentir vontade de apertá-la.

 

Ash: Isso não significa que você não pode aprender outros feitiços Wendy-chan. (ele cora no "chan" mas continua) Você tem potencial para ser poderosa.

 

Charle de repente viu uma visão de Wendy atacando um inimigo com o seu rugido sendo que o mesmo, estava dez ou mesmo cem vezes mais poderoso, que antes. Ela sorriu e acenou concordando com Ash.

 

Ash: Nós dois queremos nos unir a Fairy Tail certo? (ela acena) Então vamos juntos! Vamos nos tornar poderosos juntos!

 

Wendy (corando): T-Tem certeza Ash-kun? (cora no "kun")

 

Ash: Absoluta. (oferece a mão)

 

Na mente de Wendy um jovem de dezessete anos disse:

 

"Vá com ele Wendy-chan."

 

Wendy (mentalmente): Tem certeza oniichan?

 

Oniichan: Sim.

 

A azulada pegou a mão dele e os dois começaram a procurar os dois magos de Fairy Tail acompanhados por Charle. Eles logo encontraram Natsu e Lisanna, junto de seu gato, junto de uma jovem loira de olhos verdes com uma espada embainhada nas costas. Eles repararam um homem caído surrado no chão e se aproximaram curiosos.

 

Wendy: Vocês são magos de Fairy Tail?

 

Lisanna: Vocês três também querem se juntar a guilda? (eles fazem que sim) Quatro novos membros num só dia. Uau.

 

Natsu: Sim. Bem eu creio que vocês saibam nossos nomes. (aponta para o gato azul voador) Esse é Happy.

 

Happy: Aye Sir! (Charle olha para ele e cora discretamente)

 

Wendy, Charle e Ash fizeram suas apresentações assim como a loira. Ela se chamava Alexis Argento e era uma descendente de Fafnir, do Rei Dragão Dourado dos Sonhos. Ela parecia um cruzamento entre Asia Argento e Anna Hearthphilia para um observador que observava aquela cena. Ele suspirou tristemente ao se lembrar desses nomes e recuou para a escuridão da mente de Wendy.

 

Ash: Quem é esse cara?

 

Alexis: Ele é Bora um comerciante de escravos. Ele estava fingindo ser o Natsu-san e usando um feitiço de atração para seduzir as garotas e transformá-las em escrava sexuais. Ele tentou fazer o mesmo comigo mas eu sabia era mais poderosa, e resisti facilmente. Depois ele tentou atacar e eu o espanquei.

 

Ash: Ok... E qual é a da espada?

 

Alexis: Ela? (saca mais rápido que Wendy e Ash pisquem) Ela se chama Ascalon e pertenceu a um Sekiryuutei (Imperador Dragão Vermelho) a alguns séculos atrás. (guarda a lâmina de novo)

 

Na mente de Wendy o observador se remexeu um pouco incomodado ao ouvir da antiga espada. Depois dessa conversa e os Rune Knights recolherem Bora eles se dirigiram a Magnólia tranquilamente. Mais tarde em Magnolia:

 

Natsu: Nós chegamos. (abrindo a porta)

 

Wendy: Então isso é Fairy Tail. (Alexis e Ash a agarram e os três se abaixam para se esquivar de alguém que foi arremessado fora)

 

Charle (gota): Isso é normal?

 

Happy (sorri): Muito.

 

Natsu (animado): Estamos de volta!

 

Macau (bebendo cerveja): E o rumor? (leva soco na cara de Natsu)

 

Natsu: Esse foi o pior rumor de todos!

 

Lisanna: Natsu-kun isso deve ter machucado. (com as mãos nos quadris)

 

Natsu: Ok. Desculpe M-... (Macau joga uma garrafa de cerveja nele mas Natsu esquiva e ela passa perto da bochecha de Wendy)

 

Gray: Ele vai morrer. (sem camisa)

 

Cana: E bem dolorosamente. (com um barril de cerveja)

 

Lisanna (balança a cabeça): Eu correria se fosse você Macau. (divertida)

 

Macau (observa o olhar assassino de Natsu): Eu vou morrer. (sai correndo desesperado com Natsu jogando bolas de fogo nele)

 

Isso faz uma grande briga estourar na guilda (pra variar). Natsu e Lisanna estavam no centro cobrindo as costas um do outro até Makarov chegar, na forma Titan e botar ordem na guilda. Alexis, Wendy, Ash, o observador e Charle observam essas cenas impressionados.

 

Makarov (com papéis): Pirralhos! Vocês fizeram isso de novo! (olha para Gray) Gray bom trabalho em matar o monstro mas você tinha que andar nu pela vila, e roubar roupas? (Gray desvia o olhar corado) Cana você não pode cobrar ao Conselho da Magia 15 barris de cerveja! (a morena está assobiando com cara de tacho) Elfman por que você insultou o cliente depois que a missão acabou? (Elfman gritou algo como: "Mas ele não era um homem!") Natsu e Lisanna... Bem desta vez eu não tenho motivos para reclamar pois vocês não fizeram nada.

 

Mirajane (divertida): Bem eu acho que há uma primeira vez para tudo.

 

Cana: Garanto que as mulheres não devem ter reclamado de ver o Gray nu. (ri enquanto ele cora sorrindo sem graça)

 

Makarov (rasga os papéis): Magia não nasce! Regras não ajuda a nos unirmos e a tornarmos mais fortes! Então que o Conselho da Magia vá para o inferno! Faça o que você pensa! Essa é a maneira dos magos de Fairy Tail! (queima os rasgos e joga a bola de fogo para Natsu que come) E quem são esses?

 

Lisanna: Novos recrutas para a guilda.

 

Makarov: Tudo bem ei Mirajane traga o selo!

 

Lisanna: Qual o local e a cor da marca vocês querem?

 

Wendy: Azul no braço direito.

 

Ash: O mesmo local e cor que a Wendy-chan.

 

Alexis: O mesmo local mas a cor é dourada.

 

Assim que o monshou foi aplicado eles repararam que um desespero se instalou na guilda. Eles olharam aquilo curiosos.

 

Rogue: O que houve agora?

 

Wakaba (passa desesperado): Ela está vindo!

 

Ash (curioso): Quem?

 

Lisanna: Erza Scarlet.

 

Lisanna: Assim como eu, Natsu-kun e Mirajane-oneechan ela é uma maga Classe S.

 

Natsu: E ela e Mirajane competem para ver quem é a mulher mais forte de Fairy Tail.

 

Happy: E ela é assustadora!

 

Mirajane (sorriso demoniáco): Mas geralmente eu venço!

 

Erza (abre a porta): Onde está o mes-... (leva um soco de Mirajane) O que aconteceu? (rosna irritada)

 

Mirajane (sorriso demoniáco): Puxa Erza você fica muito bem no chão.

 

Erza então começa a discutir com Mirajane que rebate com boas palavras e logo isso se torna uma briga. Logo a guilda inteira está envolvida na briga pois Bickslow tentando escapar derruba o barril de Cana deixando-a furiosa, Elffman rosna com a exibição de carinho de Natsu com sua irmã e vai atacá-lo, Alexis nota uma mulher com armas e começa a discutir com ela o que é melhor balas ou lâminas e Gray luta contra Jet e Droy preguiçosamente após insultá-los dizendo que eles sempre deixam o trabalho inteiro para Levy Mcgarden. Wendy e Ash se entreolham com gotas enquanto Happy e Charle estão escondidos debaixo da mesa.

 

Wendy: Bem eles são bem animados...

 

Ash: Diria mais que eles são amantes por batalha Wendy-chan... (sente vontade de lutar contra alguém)

 

Oniichan: Wendy-chan puxe Ash-san e desvie para a esquerda!

 

A azulada agarrou Ash muito para a surpresa do mesmo se jogando no chão com ele, enquanto chamas coloridas explodiam suas cadeiras. Os dois encararam seu atacante e viram um garoto da idade deles, cabelos negros, lenço laranja, colete vinho, calças verdes e sapatos amarelos. Ele exibia uma chama que brilhava as cores de um arco irís numa das mãos.

 

Ash não podê deixar de compará-lo com Alain.

 

Ash: O que diabos você está fazendo? Poderia ter nos machucado assim! E quem é você afinal?

 

Romeo: Sou Romeo Conbolt e estou testando os novos recrutas.

 

Wendy: Teste?

 

Oniichan (resmungando): Eu reconheço um valentão quando vejo um.

 

Romeo: Vocês tem que aguentar o calor! (dispara esferas flamejantes neles)

 

Ash rapidamente criou uma redoma de Aura protegendo ele mesmo, Wendy e os gatos que haviam voado para o lado deles. Romeo ficou de cenho franzido antes de sorrir e começar a concentrar as chamas num único ponto fazendo a redoma começar a rachar, muito para o espanto de Ash. Wendy olhava a cena insegura do que fazer.

 

Oniichan: Wendy-chan derrube esse pirralho.

 

Wendy: Não consigo...

 

Oniichan: Claro que consegue. Não há nada ou ninguém que você não possa derrotar... Não... Não há nada ou ninguém que você e Ash-san não irão derrotar juntos!

 

Nisso o meio saiyajin começou a pensar no que fazer quando Wendy colocou uma mão em seu ombro.

 

Wendy: Ash-kun você pode desfazer essa redoma.

 

Ash: Mas daí ficaremos sem proteção Wendy-chan.

 

Wendy:  Dizem que a melhor defesa é o ataque. (sorri confiante) Confie em mim. (nisso a mão esquerda dela brilha vermelho fazendo uma manopla com jóia verde e detalhes dourados surgir enquanto uma voz gritava "Boost!")

 

De repente as batalhas na guilda pararam ao ouvir esse som e todos olharam esbasbacados para a manopla da azulada. Makarov levantou uma sombrancelha ao ver a Boosted Gear nas mãos dela. Ash sorriu para Wendy antes de acenar e para a surpresa de Romeo ele desfez a redoma.

 

Romeo (divertido): Desistiu?

 

Wendy: Ele só preparou o terreno para mim. (a manopla anunciou: "Explosion!") Tenryuu no Hoko (Rugido do Dragão do Céu)!

 

Um círculo mágico se formou em sua frente e então ela rugiu disparando um grande ciclone da boca no garoto que o mandou voando arrancando mesas e cadeiras dos lugares, e explodindo a parede. Todos olharam para a Marvell e o Ketchum esbasbacados.

 

Ash: Que poder grandioso Wendy-chan...

 

Wendy: Eu achei que só um Boost seria o suficiente para derrotá-lo. Parece que eu estava certa.

 

Enquanto eles conversavam murmúrios enchiam a guilda enquanto todos olhavam para a cena.

 

Mirajane: A Sekiryuutei dessa geração está em nossa guilda...

 

Cana (ainda socando Bickslow): Notou como o Ketchum a protegeu antes dela atacar? Claro que ela não precisava de proteção mas ela poderia ter recebido dano.

 

Gray: Bem de fato algo ocorreu. Repararam que ela não estava tão confiante antes?

 

Levy: Então vocês querem dizer que a Imperatriz tem um guardião?

 

Alexis: Exatamente isso.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...