História A linha vermelha - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 2
Palavras 406
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Escolar, Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 6 - O reencontro


Fanfic / Fanfiction A linha vermelha - Capítulo 6 - O reencontro

Depois de um tempo, Trace e eu haviamos "esquecido" tudo o que aconteceu. A escola que eu estudava resolveu fazer uma excursão pro shopping de uma cidade próxima a que eu morava. Iria juntar os 3 períodos (manhã, tarde e noite). Eu não podia perder essa viagem, afinal era a chance de reencontrar Ali, que só de pensar nela já me dava um arrepio na alma.

Não parava de pensar na possibilidade de rever Ali, mas Trace não podia saber de jeito nenhum sobre ela... Se não eu estaria ferrada.

No dia da viajem, fui até a escola (lugar marcado de pegar o ônibus) fiquei parada sozinha em frente ao portão, perto de um monte de gente, quando minha amiga chega perto de mim - Vivian.

- Hey Mary, tudo bem?

- Ooi Vivi, tudo ótimo e com você?

- Tudo bem também. Sabe quem vai com a gente pro shopping?

- Aaah não - digo sem jeito.

- A Alice, e ela está bem ali... Oii Alii - Diz ela entusiasmada.

Eu olho pro lado e ela está bem ali, linda como sempre, minhas pernas amolecem e meu estômago parece ter milhões de borboletas, eu a cumprimento com um oi tímido e ela retribui... Me viro pra Vivian e digo:

- Será que ela vai no mesmo ônibus que a gente?

- Não, acho que a turma dela vai no outro.

E realmente foram. Passei a viagem toda lembrando de tudo o que aconteceu. Minhas mãos suavam frio. Vivian percebeu que eu estava assim e logo cortou meu barato.

- Mary, você sabia né que a Alice tá namorando?

Fico paralisada por alguns segundos e digo:

- Cê tá falando sério? Não pode ser ... Mas...

- Tô sim, mas é namoro a distância, duvido que vá durar tanto.

- Ah sei lá né, vai saber.

A viagem passou rápido e chegamos ao nosso destino, descemos do ônibus e fomos direto ao cinema, pois iríamos assistir filme, todas as turmas iam.

Eu tinha combinado com uma amiga minha que morava naquela cidade mesmo de nos encontrarmos, ficamos nos 3 andando pelo shopping, e o que mais me deixou intrigada foi que, pra tudo que é lugar que eu ia, nós trombavamos Ali. Parecia até perseguição.

Quando estávamos indo pra casa, pedi que vivi me passasse o número de Ali de novo, já que eu tinha apagado, ela me passou e eu fiquei pensando dias e dias se mandava ou não mensagem pra guria que me fez perder todos os sentidos...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...