História A luz que há em mim - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Noragami
Personagens Iki Hiyori, Yato
Exibições 81
Palavras 1.035
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Mutilação, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


oii minha gente volteiii e nesse cap o yato vai conhecer os pais da Hiyori será que eles vão gostar do nosso yato? proximo cap vamos ter safadezas hihihih já prometi isso faz tempo e vou cumprir então vamos ao cap

Capítulo 15 - O jantar de namoro


Fanfic / Fanfiction A luz que há em mim - Capítulo 15 - O jantar de namoro

Minha tia foi na escola por causa da briga que eu tive com o Yukine. Quando ela voltou da reunião não sei por que, mas ela estava feliz e sorria consigo mesma. Eu sabia que ela não ia ficar brava comigo, mas não sabia que ela ia ficar feliz, mas resolvi não perguntar o motivo de tanta felicidade, não queria cutucar a fera com vara curta.

Depois de Hiyori dizer que me amava eu parei de implicar com Yukine, porque a minha namorada só tinha olhos para mim. Então eu tomei coragem e resolvi conhecer os pais dela, já que ela já conhecia os meus. Pedi para Hiyori falar com seus pais e marcar um jantar, coisa que ela fez com um sorriso no rosto. Nosso jantar foi marcado para sábado e eu estava nervoso, será que eles iam gostar de mim? eu me fazia perguntas o tempo todo até que finalmente o dia de nosso jantar chegou.

Eu me arrumei todo com a ajuda de Kofuku e tia Bishamon, botei uma camisa social branca, gravata preta, calça jeans e tênis, lavei o cabelo, passei perfume e fiz todo aquele ritual que eu fiz para sair com Hiyori.

No final eu estava lindo e chique e meu coração batia a uma velocidade impressionante. Respirei fundo e caminhei até a casa da minha menina dos olhos rosa com um buque de flores na mão, que eu tinha comprado para dar para a mãe de Hiyori. 

Toquei a campainha e uma mulher de cabelo preto, olhos castanhos e pele clara atendeu, ela usava uma blusa da cor vinho e uma saia longa preta. Ela me deu um sorriso e perguntou

- você deve ser o yato?

- sim, e você deve ser a senhora Ikki? - falei

- sim, mas pode me chamar de Naho - a mãe de Hiyori  falou

- é um prazer te conhecer Naho - eu disse

- o prazer é todo meu, pode entrar - ela disse e saiu de frente da porta para eu passar e depois ela fechou a porta.

A casa de Hiyori era simples, mas bonita, era muito parecida com minha. A mãe da minha namorada pegou um vaso para botar as flores e eu esperei a minha garota sentado no sofá branco da sala. Logo minha Hiyori desce as escadas com os cabelos soltos, ela usava um short jeans, uma blusa lilás e um all star preto. Assim  que a vi me levantei e ela correu para os meus braços e me abraçou, depois de um tempo o senhor ikki também desceu as escadas e fomos todos até a cozinha para o jantar. A mesa já estava pronta, 4 pratos, copos e talheres estavam postos na mesa e no meio as comidas, arroz, frango, salada e varias outras coisas. O senhor Ikki sentou na ponta da mesa, Hiyori do lado esquerdo e senhora Ikki do lado direito, eu me sentei ao lado da mãe da Hiyori e começamos a nos servir e conversar

- você é muito lindo yato - Naho disse

- obrigado, você também já sei da onde veio a beleza da sua filha - falei

- eiii e eu? - o pai de Hiyori falou e eu ri e respondi

- você também é muito bonito senhor Ikki - eu disse

- pode me chamar de Uehara - o pai de Hiyori disse e eu apenas afirmei com a cabeça

- quantos anos você tem? - o pai de hiyori falou

- 17 - respondi

- você tem notas boas yato? - o senhor uehara perguntou

- sim, sou o melhor aluno da turma - respondi

- é papai e o yato que me ajudou a tirar aquela nota na prova - Hiyori disse

- que bom - o pai de hiyori falou e depois continuou - gosta de futebol yato?

não - falei

humm - o senhor ikki disse

- eu não sou muito fã de futebol, mas eu gosto de basquete - falei

- que legal  - o senhor uehara disse e continuou- você gosta de que tipo de musica?

- rock - falei

- também, gosta de legião? - o pai da hiyori falou

- sim - respondi

- qual sua musica preferida? - perguntou o senhor uehara

- gosto de Eduardo e monica - falei

- adoro essa musica, mas o minha preferida é pais e filhos - o senhor ikki disse

- também gosto dessa - eu falei

- você parece ser um bom garoto yato, você e a minha filha já transaram? - perguntou o pai de hiyori e eu e a garota coramos

- pai - minha namorada disse

- não - respondi

- tem certeza? - ele perguntou de novo

- sim, eu vou esperar o tempo da sua filha - falei

- você  é  virgem? - o senhor ikki disse

- não - falei

- humm - uehara disse

-  pai, eu e o yato vamos lá pra cima ta? - Hiyori disse me puxando pela mão e me tirando da mesa para acabar com aquelas situação constrangedora, e a minha namorada nem esperou a resposta de seu pai para subir para o segundo andar junto comigo.

Entramos no quarto da garota e assim que entrei fiquei espantado. O quarto da doce linda e fofa Hiyori era cheio de pôsteres de um lutador chamado Tono. Hiyori percebeu o meu espanto e disse

- agora você descobriu o meu segredo

- você gosta de artes marciais? -perguntei sorrindo

- sim, e eu até sei fazer uns golpes - ela disse e eu sorri e falei

- você é incrível sabia?

- por quê? - ela perguntou

- porque você é muito estranha - eu disse

- eiii... - ela ia começar a reclamar, mas eu a peguei pela cintura e a beijei

 Hiyori era muito estranha e era isso que eu gostava nela, como uma garota fofa e linda podia gostar de artes marciais? Eu adorei saber do segredo dela, pois aquilo me fez ver que a minha namorada não era só uma menininha bonita e gentil, ela era também forte e lutava pelo que queria, aquele era mais um lado que eu gostava em Hiyori


Notas Finais


pq será que a tia bishamon voltou da reunião tão feliz?? Hiyori e seus gostos nada a ver com a vida kkkkkkkkkk eu sou igualzinha gosto de funk e k-pop dois tipos de musica bem parecidos né kkkkkkkkkkkkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...