História A magia e o amor - Capítulo 20


Escrita por: ~

Postado
Categorias O Diário Secreto de um Adolescente
Tags Colegial, Comedia, Fantasia, Magia, Romance, Sobrenatural
Exibições 10
Palavras 1.383
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Fantasia, Festa, Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 20 - O mundo do mini -humanos parte 2


Fanfic / Fanfiction A magia e o amor - Capítulo 20 - O mundo do mini -humanos parte 2


Mais tarde...

Lua : daqui a pouco o sinal de recolher bate e nós temos que obedecer, ninguém poderá andar pelas ruas...

Lui: mas ninguém proibiu de andar pelo subsolo ...

Eles riram...

Ana: e o quê vamos fazer??
Pol: é, o quê podemos fazer andando pelo subsolo??

Lua: por baixo tem massagem pra todo canto do reino, porém, só nós dois sabemos disso pois somos pesquisadores... E bisbilhotamos tudo por aqui... E acabamos descobrindo essas passagens ..

Pol: danadimhos...

Lua: é apenas uma arma de defesa...

Ana: é eu entendo vocês...

Lui: quando o sinal tocar e nenhum som mais ouvirmos ... Será quando partiremos

Ana: e pra onde oh grande só quê pequeno Luí...

Pol: para de zombar do anão ana...

Ana: não são anões são ... É ... São....

Lua: mini- humanos...

Ana: eu quanse disse...

Eles riram...

Zuuuuuuuuuuuuuummmm - soua o toque de recolher... Todos se calam ...


Lui: é a hora.. Me sigam...

Lui andou em direção a seu mini quarto... Tirou sua mini cama do lugar e ergueu uma tabua que em baixo tinha...

Lui: aqui está a passagem...

Lua: anda não podemos perder tempo...

Ana: pra onde estamos indo??

Lui : ela é sempre assim?? Curiosa??

Pol: se tá achando ela assim pequena desse jeito.. Imagina só no nosso tamanho real ...

Ana: ah é né...

Pol: te amo amor..

Lua: vocês gigantes humanos pernudos são engraçados...

Lui: chega de papo furado... Estamos quase no palácio do draco ....

Ana: à.. Então pra lá que estamos indo... Custava falar???

Lui: você achou quê estava indo pra onde.. Pra um baile real???

Pol: e qual o plano??

Lui: o plano é sua noiva acabar com o draco...

Ana: eu??? Mais os meus poderes eu desse tamaninho não acabo nem com uma mosca...

Lua: você não acaba com um pernudo do seu tamanho normal... Mas um mini humano, é fração de segundos...

Pol: não vou deixar ana ir sozinha... Vou lutar também...

Lui: eu não aconselharia você se mostrar... Draco tem uma irmã ela é louca pra casar e você seria seu melhor pretendente...

Ana: oooo quêêê??????? - gritou...

Ana se infurece e a terra começa a tremer ....

Lui: eita, se acalme mini pernuda...

Lua: viu, seus poderes são fortes para nós...

Lui : tive uma ideia...

Pol: qual??

Lui: podemos fazer você de cobaia.. Para destrair o draco... A minerva vai ficar na sua cola e enquanto isso ana procura o núcleo para destruir...

Ana: não.... Eu entro lá derrubo tudo e vamos embora...

Lua: não é só assim, o núcleo tem quê ser destruído com magia branca...

Ana: então vai ser com magia branca mesmo quê eu vou demolir esse palácio...

Lua: tem quê ser diretamente no núcleo...

Pol: por mim tudo bem... Eu ajudo...

Ana: se essa minerva tocar em você eu esmago ela feito um inseto asqueroso...

Lui: essa é a ideia...

Lua: luii..

Pol: não vai acontecer nada amor, você sabe quê só tenho olhos pra você...

Ana: o problema não é você...

Pol: é eu sei...

Andaram um pouco e chegaram... No palácio...

Na porta tinham uns lacaios ...

Lua: como iremos passar por esses lacaios??

Ana: se a gente tivesse um disfarce...

Pol: olhem... Servos da cozinha... Vamos abordar e pegar suas roupas...

Lui: são nosso amigos... Coitados estão sendo obrigados a servir o draco...

Ana: melhor ainda vamos pedir a eles para ajudar a gente.. .

Lui vai atrás dos servos demora alguns minutos e volta com as roupas ...

Lua: demorou em..

Lui: eles estavam com medo de ser pegos... E eu até compreendo ..

Ana: tadinhos...

Eles se vestiram, só pol quê não se vestiu pois seria o chefe que apresentaria sua especialidade...

Eles foram andando em direção aos lacaios...

Lacaio: nome

Pol: chefe pol, lago do sul ... Estou com meus aprendizes para apresentar minha refeição ao vosso rei...

Lacaio: pode passar....

Pol e os outros seguiram para o salão onde o draco ficava...

Lui: vire a esquerda... Você está indo pro lado errado...

Pol: UE, você quê devia ser o chefe... Eu não conheço nada aqui...

Lui: mais a minerva nunca ia se apaixonar por mim...

Ana: desgraçado...

Lui: confie no seu taco pernuda....

Eles entraram no salão ... Minerva bate os olhos em pol...

Minerva : draco eu quero...
Draco: será seu então...
Minerva: aaahh magnifico

Pol se aproxima e faz reverência assim como todos quê com ele estava.
.

Pol: vosso rei... Minhas reverências... Vim apresentar minhas refeições ... Espero quê goste ..

Draco: o quê você tem ai??

Pol: sopa de sapo com erva da Polônia...

Carne de caracol no molho de lesma ao choio ...

Draco: parece bom, me deixou com água na boca...

Lua coxicha baixinho com ana..

- o núcleo fica no cajado do draco você tem quê acertar na mira...

Ana: pode deixar...

Enquanto isso draco estava provando as gororobas de pol....

Minerva sai do trono e vai até o pol...

Ana: repara a desgraça quê eu vou fazer se ela tocar nele...

Lua: calma não vai por tudo a perder agora. ..

Olá - minerva fala se aproximando do rosto do pol ...

Pol: minhas reverências senhora...

Minerva : você é muito interessante.. Adoraria desposá-lo

Pol: creio quê isso não sera possível minha senhora... Pois sou muito pobre e não teria como te dar uma vida tão boa quanto leva...

Minerva: o quê eu tenho da pra nós doís..

Pol: meus agradecimentos... Mas..

Minerva interrompe... - mais nada ... Iremos nus casar agora...

Ela puxa o pol pelo braço...

Ana joga sua bandeja no chão...

Ana: tire essas patas pequenas e imundas do meu pol...

Minerva olha para ana indgnada ....

Ana corre até minerva e a empurra... Ela cai ao chão...

Minerva: lacaioooooss- ela grita...
E uns quinze vem imediatamente.

Minerva: leve- os

Ana com um só movimento derruba - os..

Draco se surpreende e com seu cajado deixa ana imóvel...
Pol vendo tudo isso se transforma... Draco se assusta...

Draco: mais o quê é isso.. Draco tenta acertar um imobilize em pol mas ele desvia...

Lua sai correndo em direção a ana com o lui.. Draco faz uma gaiola de ferro e os tranca...

Pol destraido vendo ana e os mini humanos presos cai na armadilha de draco e fica imóvel também... Pol se destrasforma ...

Minerva se aproxima de pol...
- meu futuro marido... Temos que fazer cinco filhos antes de casar - ela diz...

Ana enche seus olhos de raiva... E arrebenta a gaiola em um grito só .....

Ana atira um petrificus em minerva e ela vira uma estátua...

Draco: naaaaaaooooooooo

Ele grita e atira algo contra ana ... Ana usa um escudo...

Ele atira novamente e seus poderes se unem... Do lado de draco seu poder brilhava numa cor escura .... O lado de ana seu poder era arco-ires ....

Draco lutava fortemente... Seu poder estava tomando conta do de ana...
Faltava apenas um palmo para seu poder ser absorvido pela magia negra do draco...

ana eu te amo... - pol fala...

Ana converte seu ódio em amor e começa a reverter o lado... Seu poder começou a ficar forte e a tomar conta da magia negra do draco...

Draco: não... Não .. Não... Não pode ser ....

Ana: aaaaaaaaaaaaaah - ela grita

O cajado de draco causa uma enorme explosão... Destruindo tudo ao redor...

Ana aparatou com todos que ali estavam antes mesmo de tudo explodir... Até os lacaio ela levou ... Minerva petrificada ... E o próprio draco...

Ana: todos estão bem??

Lua: tô bem..
Lui: tô vivo...
Pol: você conseguiu amor.
- e a abraçou
Ana: meu amor é mais forte que a raiva...

Draco: por quê não nus deixou lá??

Ana; a pena para seu erro não é a morte..

Assim os mini humanos se uniram e colocaram minerva e o numa prisão no subsolo sendo obrigados a fazer trabalhos comunitários para todo reino....

Tudo voltou ao normal... Os mini humanos se juntaram e agradeceram a ana e ao pol por ter trazido a vida normal deles de volta...

Três urras para ana e o pol - lui fala...

Todos os mini humanos do reino: hIP hIP ... Urraaa ... Hip hip ... Urraaaaa ... Hip hip ... Urraaaaa...

Ana e pol fizeram reverência a todos e saíram...

Já no jardim de sua casa...

Ana; e como ficamos grandes de novo??

Lui: é só pedir...
Lua: obrigado ... Jamais esqueceremos o quê fizeram por nós...

Lui: somos eternamente gratos...

Ana: não precisam agradecer...

Pol: fariam o mesmo por nós...

Ana: adeus...
Pol: adeus mini humanos...

Lua: até breve...
Lui; nos nunca damos adeus...

Ana e pol : queremos voltar a nosso tamanho real...

E assim foi... Grandes de novo...

Lui: lá se vão nossos salvadores pernudos...

Ana e pol acenaram para os dois quando já estavam na porta de sua casa... E entraram...

Ana: que dia viu...
Pol: né...
Ana: quê horas são?
Pol começa a rir ao olhar para o relógio..
Ana: o quê foi??
Pol: passamos apenas cinco minutos lá ...

Ana: nossa pra mim foi uma eternidade...

Pol: crois... Os dias deles, lembra??
Ana: nossa .. Impressionante...
Eles subiram





 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...