História A Maldição..... A força de um desejo - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Once Upon a Time
Personagens David Nolan (Príncipe Encantado), Emma Swan, Henry Mills, Mary Margaret Blanchard (Branca de Neve), Regina Mills (Rainha Malvada), Sr. Gold (Rumplestiltskin)
Exibições 79
Palavras 1.160
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Fantasia
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Hey pessoinhas, eu postei essa fic a um tempo atras no Nyah, mas agora resolvi postar aqui tbm. Espero que gostem

Capítulo 1 - Capitulo Unico


Pan havia lançado a maldição, não tinha como voltar. Rumple se sacrificou para eles poderem ter uma chance de tomar o controle sobre a maldição e Regina sabia o que deveria fazer agora. Ela estava relutante, só ela sabia o quanto iria ser doloroso.

- Qual é o preço? Gold disse que tinha um preço. Qual é? – Emma parou atrás de Regina enquanto a morena encarava o pergaminho.

- Esse não é o nosso preço – Regina disse se virando e encontrando aqueles olhos verdes que tanto amava. – É meu.

- Do que você está falando? – a loira perguntou espantada

- Foi o que senti quando peguei o pergaminho – a morena suspira e aperta o artefato em suas mãos – tenho que dizer adeus a pessoa que mais amo. – suspirou pesadamente – Eu não tenho escolha. Tenho que acabar com isso.

- A maldição que nos trouxe a Storybrooke – Snow se pronunciou pela primeira vez.

- Ela criou Storybrooke. O lugar dela não é aqui e nem o nosso – Regina disse fazendo todos entenderem o que aconteceria a seguir.

- Quebrando a maldição vai destruir a cidade. – David disse com pesar

- Vai ser como se ela não nunca tivesse existido. Todos vão voltar para o lugar de onde vieram e nunca mais poderão voltar. – a morena fala por fim nitidamente arrasada.

- Vocês vão voltar para a Floresta Encantada – a loira volta a falar depois de um tempo

- Todos nós menos o Henry. – a morena respira fundo e voltar a falar – Ele vai ficar aqui porque nasceu aqui.

- Sozinho? – Emma já estava a ponto de chorar, ela não queria deixar seu filho, não agora.

- Não – Regina chega perto de Emma – Você vai leva-lo embora porque você é a salvadora. Foi criada para quebrar a maldição e vai escapar dela mais uma vez

- Eu não quero. Nós vamos voltar com todo mundo. – a loira estava agarrada ao filho e olhando atentamente no fundo dos olhos da morena

- Não temos essa opção, tenho que pagar o preço para que dê certo. – Regina já não estava conseguindo segurar o choro.

Ouve-se um barulho. A maldição estava vindo e eles estavam quase sem tempo. Emma não queria ir, não queria deixar seu lar e tudo aquilo que estava começando a construir com Regina, mas não poderia deixar seu filho sozinho e nunca mais vê-lo. Isso ela não conseguiria.

Regina também não queria nada daquilo, sabia que estava abrindo mão do seu filho, mas o que iria fazer a maldição ser quebrada era o fato de abrir mão de Emma. A morena sabia que estava abrindo mão do seu true love e consequentemente estava perdendo seu happy ending ao lado de Emma e Henry.

Snow e David sabiam que aquilo era preciso, mas mesmo assim estavam sofrendo muito porque perderiam sua filha outra vez e dessa vez seria pra sempre. Eles sabiam disso.

 

Na saída da cidade

Emma estava abraçada a seus pais, queria ficar ali para o resto da vida. Henry estava com Regina.

- Isso é tudo culpa minha – Regina ficou surpresa ao escutar aquela frase do seu filho. – Se eu não tivesse ido procurar Emma, nada disso estaria acontecendo.

- Henry – a morena se abaixou – não é sua culpa, você a trouxe como meu final feliz – ela sorri para ele. – Cuide dela, ok? – ele assentiu e se abraçaram.

Em seguida Henry foi falar com seus avós e Regina foi ao encontro da sua loira.

- Meu amor, quero fazer uma última coisa por vocês.

- Vai preservar nossas memórias?

- Não Emms, vou fazer como fiz com todos dessa cidade. Lhe darei outras. - Regina sorri em meio ao choro e beija a loira – Darei uma boa vida a você e para Henry. Você nunca desistiu dele. Sempre estiveram juntos. Agora vá querida. - Ao falar essas palavras, Regina só não sabia que algo poderia dar errado.

Emma se afasta de Regina e entra em seu fusca a espera de seu filho. Henry se despede da mãe com um abraço.

- Nunca te esquecerei, meu pequeno príncipe. Eu te amo.

- Eu te amo mamãe

Henry então entra no carro onde sua mãe loira o espera. Emma dá a partida e sai dali. Regina começa a lançar o feitiço, porém em seu subconsciente se passa algo diferente daquilo que ela tinha planejado e assim que Emma ultrapassa a linha tudo acontece.

---- X ----

Storybrooke 11 anos antes

Regina abre os olhos e vê que está na prefeitura. Ela sente uma leve dor de cabeça. Será que foi só um sonho? Pensou a morena, porém algo chama sua atenção, ela estava usando uma aliança em sua mão esquerda.

- Estou casada? oh céus algo deu errado - a morena já começava a se desesperar quando escuta a voz de Snow e seu celular em cima da mesa. - Alô?

- Regina você está bem? Está todo mundo aqui no hospital, Emma entrou em trabalho de parto. - a voz de Snow soou desesperada e irritada ao mesmo tempo

- Snow? - Regina achou aquilo estranho - oras, porque eu iria ao hospital e como assim Emma entrou em trabalho de parto?

- Regina, pelo amor de Deus, para de brincadeira e vem logo pra cá que seu filho está nascendo. – Regina escutou a voz de David e então se lembrou do que acontece.

A morena simplesmente deixou seu celular cair ao se lembrar. Agora tudo fazia sentindo, ela havia conseguido acabar com a maldição de Pan, mas também conseguiu modificar o passado de Emma como era de desejo de seu subconsciente. Ela não havia perdido nada. A morena então levantou correndo e seguiu para o hospital.

- Cadê ela? Cadê a Emma e o meu filho? - Todos apontaram para trás da morena e ao se virar ela deu de cara com Whale.

- Parabéns Regina, Emma esta esperado por você. – Foi a única coisa que Whale conseguiu pronunciar.

Ela seguiu com Whale até o quarto de Emma e ao entrar sentiu uma felicidade que nunca havia sentido até aquele dia. Ela estava completa.

Emma estava a sua frente segurando um pequeno embrulhado numa manta azul. Assim que a viu, a loira sorriu e a morena se aproximou.

- Desculpa por não estar aqui com você meu amor.

- Henry - Emma falou pegando Regina completamente de surpresa - Henry Daniel, esse vai ser o nome. - Regina sorriu ao entender.

- Obrigada Emms - Regina segurou o queixo de Emma e a beijou com paixão. – Eu te amo

- Eu também te amo, minha rainha. – Foi o que Emma conseguiu dizer ao fim do beijo

Todos os contos de fadas convencionais terminam com “E foram felizes para sempre”. Mas este aqui não pois, este aqui não é nada convencional. Ali foi o começo de uma vida feliz e não importava o que tinha acontecido até chegar naquele ponto. Só importava o futuro daquela pequena família Swan-Mills.

 

The End



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...