História A Máscara - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, Personagens Originais, V
Tags Bishouju, Bishounen, Bts, Colegial, Imagine Bts, Imagine Taehyung, Romance, Taehyung
Visualizações 51
Palavras 1.244
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Bishounen, Colegial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Viadoooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo


Mais de 600 views!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

AAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH!

♥♥♥♥♥♥♥♥

Capítulo 14 - Ciúmes


Fanfic / Fanfiction A Máscara - Capítulo 14 - Ciúmes

- O que você ta fazendo aqui? - Ele perguntou claramente irritado.

Fiquei totalmente sem palavras.

Eu sei que o Taehyung é afim da (S/n)... 

- Virou mudo agora Taeyang?! - A raiva dele aumentou.

Fudeu.

Taeyang OFF

Terminei de explicar o trabalho para as meninas e saí.

O Taeyang não voltou até agora... O que será que aconteceu?

Eu desci as escadas e fui para a porta da frente.

- Taeyang ta tudo b... - Parei de falar assim que vi o Taehyung.

- (S/n)?

- Taehyung? O que ta fazendo aqui?

- Eu ia vim te ver... Mas parece que você esta ocupada... - Ele começou a olhar feio para o Taeyang.

Ele ta com ciúmes?! 

- Bom, eu voltou outra hora - Ele se virou e saiu andando até o carro que estava do outro lado da rua.

- Taehyung, espera! - Eu corri atrás dele.

- O que? - Ele parou de andar mas não se virou.

-" O que" digo eu. Ta tudo bem?

Ele não respondeu e continuou de costas para mim.

Eu suspirei.

- Por que você não foi na aula hoje?

- Ta tentando mudar de assunto?

- Que assunto? - Ele se virou pra mim.

- O Taeyang - Ele disse apontando para ele com a cabeça.

- O que tem?

- Por que ele ta na sua casa?

- Aigo, só isso? Ele trouxe a irmã dele aqui pra fazer um trabalho com a Bárbara e eu convidei ele pra entrar.

- Hum...

- E por que você não veio na aula hoje?

- Eu passei mal.

- E os meninos?

- Eu fiquei com o carro do Jungkook, então não tinha como levar pra escola. Até por que eu passei mal bem na hora de ir.

- Entendi... Já ta tudo bem?

- Sim - Ele sorriu de leve.

- Beleza... Eu... Eu tenho que ir agora tchau - Eu ia me virar para ir embora mas ele me puxou pela mão e me abraçou.

Eu paralisei na hora. Não esperava por isso.

Eu conseguia ouvir o som batimentos cardíacos bem alto... Não sabia se eram meus ou dele.

Com um pouco de dificuldade e hesitação eu retribui o abraço.

Depois nós nos soltamos. Eu me despedi rapidamente e corri para casa.

Entrei e bati a porta.

Meu coração ainda estava um pouco acelerado.

Taeyang passou por mim e subiu as escadas sem dizer nada.

Coitado, ele parece sem graça ainda.

(...)

- Tchau Kim, tchau Mi Cha! - Bárbara se despediu das meninas e vimos o carro ir embora.

- Conseguiram terminar o trabalho? - Perguntei.

- Sim! - Nós entramos e ficamos vendo TV até mamãe e paia chegarem com a janta.

Nós comemos e depois fomos dormir.

(...)

Acordei um pouco ruim.

Me levantei e fui tomar um banho rápido.

Fiquei pensando na atitude do Taehyung ontem.

Mas que merda!

Eu falo que vou me afastar, eu teno de tudo... Mas eu não consigo!

É como se eu... Se eu precisasse dele.

Arg!

Saí do banho e fui me trocar. 

Coloquei meu uniforme e desci. Não estava com fome, então só tomei meu remédio e fiquei sentada no sofá esperando meus pais e Bárbara terminarem.

Enquanto mexia no celular recebi uma mensagem do Jungkook.

Ele disse que ia passar aqui pra buscar a gente...

Acabei cedendo com um pouco de remorso...

Eu só não estava afim de ir andando até a escola.

(...)

Assim que ele chegou nós nos despedimos do papai e da mamãe e entramos no carro.

- Oi! - Entramos e os meninos nos cumprimentaram.

- Oi...

- Como foi de viagem? - Jimin perguntou

- Foi muito legal! - Bárbara respondeu animada e depois começou a contar um pouco no caminho.

- Olha, eu tirei até algumas fotos - Ela pegou o celular e se inclinou para mostrar as fotos ao Jimin.

- Legal!

- Eu também quero ver! - O Taehyung, que estava na frente reclamou.

Bárbara tirou o cinto e levantou para mostrar o celular a ele e ao Jungkook.

- Legal... Espera, quem é esse? - Eu me inclinei um pouco e vi que ele estava falando da foto onde eu aparecia abraçada com o Mathias.

- É nosso primo Mathias - Bárbara respondeu.

- Não precisa ficar com ciúmes Tae! - Jungkook disse.

- É. Você só precisa pedir a minha irmã em namoro logo ou alguém vai pegar ela de você - Eu olhei ela assustada.

Os meninos começaram a rir e o Taehyung se virou para a frente de novo vermelho como um pimentão.

- Porra, nessa idade e já falando esse tanto de merda? - Eu comecei a falar em português.

- Olha a língua! E outra, esta mais do que na cara que ele gosta de você! - Ela respondeu em português também.

- Ata...

- E você gosta dele!

- Quem disse?

- Você mesma!

- Não tô me lembrando disso...

- Seus olhos, suas bochechas vermelhas e sua cara disseram.

- Vai pro inferno! - Eu dei um tapa atrás de sua cabeça.

- Ai! Hahahaha!

(...)

Nós entramos na escola e fomos juntos até a sala de aula.

Ficamos conversando um pouco mas depois precisei ir no banheiro.

- Já volto. - Saí da sala.

Taehyung ON

- E aí Tae - Jimin disse assim que ela saiu - Vai pedir a (S/n) em namoro ou não?

- Não viaja! - Respondi.

- Tae a escola inteira já deve ter percebido que você gosta dela! - Jungkook disse.

- A escola inteira Jungkook? - Perguntei

- Você me entendeu. - Ele se virou e ficou olhando pro nada.

- Mas e aí.

- E aí o que?

- E aquela história toda do passado da (S/n)?

Suspirei.

- É mesmo - Jungkook voltou a olhar para a gente - Eu também fiquei curioso.

- Não é por curiosidade - Eu disse - É para ajuda-la. Eu sinto que ela precisa de ajuda.

- Intuição amorosa? - Eu dei um tapa no braço do Jimin

- Idiota...

- Mas então quando a gente vai falar com ela de novo? - Jungkook perguntou.

- Não vai ser agora. Se a gente ficar pressionando muito ela, aí que ela não vai falar nada. Vamos esperar um pouco.

- Esperar o que? Você pedir ela em namoro? - Jungkook disse rindo.

- Vixe, se for esperar até isso... Nunca vamos conseguir falar com ela - Os dois começaram a rir.

Afe!

Ta legal que eu sou um pouco tímido, mas não ao ponto de demorar tanto assim.

Se bem que já estou demorando demais...

- Você vai pedir a (S/n) em namoro Taehyung? - Me virei e vi o Taeyang nos encarando. Os meninos se viraram e pararam de rir também.

- O que você quer? - Perguntei.

- Nada. Só estou perguntando...

- Hum...

Nunca fui com a cara dele.

- Não tem nada de mais interessante aqui... Até! - Ele se virou para ir embora.

- Espera aí - Jungkook disse - você gosta dela?

Ele parou

- De quem?

- Não se faça de idiota.

- (S/n)? É, talvez - Ele foi embora.

Assim que ele passou pela porta eu cerrei meus punhos e fiquei olhando a porta com raiva.

- Ih... - Jimin disse.

- Que foi?

- Parece que agora temos dois rivais aqui... - Ele riu baixinho.

- Quem é rival de quem?

 

 


Notas Finais


O que eu posso fazer? Rivalidade sempre deixa tudo mais interessante...

Até o próximo cap, beijus! ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...