História A Máscara - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, Personagens Originais, V
Tags Bishouju, Bishounen, Bts, Colegial, Imagine Bts, Imagine Taehyung, Romance, Taehyung
Visualizações 30
Palavras 1.778
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Bishounen, Colegial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oe linduh, qual é a boa?

Espero que esteja gostando da fic, espero que goste desse cap.

Boa leitura ❤

Capítulo 19 - Festinha do Pijama


Fanfic / Fanfiction A Máscara - Capítulo 19 - Festinha do Pijama

Ontem eu fui dormir feliz e acordei mais feliz ainda.

A minha vida inteira mudou em um só dia...

Eu aprendi a viver com o passado, mas não a depender dele. E agora... Eu tenho um namorado.

Meu Deus como eu fui tão burra de não perceber antes que gostava do Taehyung?

Ah, mas não interessa...

Hoje é sábado!

Finalmente um dia pra poder descansar depois de toda essa montanha russa de emoções que eu passei ontem.

Eu ainda estava na cama. Eram dez da manhã quando meu primo entrou gritando no quarto.

- SÁBADO POHA! - Ele subiu na cama e começou a pular em cima.

Sabe o que eu fiz? Comecei a pular e gritar junto.

Antes sempre que eu via alguém sorrindo, se divertindo eu queria fazer junto. Mas na minha cabeça eu não podia.

Agora? Agora eu vou ser feliz.

Vou fazer o que eu quiser!

- SÁBADO! DIA DE DORMIR, DESCANSAR E COMER! - Comecei a gritar.

Por um segundo Mathias parou de pular na cama e me olhou. 

- Que foi? - Parei de pular também e ele me abraçou.

- Fico feliz por você prima - Ele disse - Fico feliz que você tenha voltado a ser aquela garota doida e alegre de sempre. Eu estava com saudades. Sei que aquele dia ainda vai ficar marcado para sempre... Mas não deixe que nada apague quem você é de verdade. - Me emocionei um pouco com suas palavras e deixei uma lágrima escorrer.

- Obrigada Math... Mas - Eu disse - Você esqueceu de dizer grossa e brava.

- É, tem isso também... Certas coisas não mudam nunca - Nós rimos.

- VENHAM TOMAR CAFÉ! - Mamãe gritou do andar de baixo. Mathias desceu, e quando eu estava prestes a fazer isso meu celular tocou.

Era o Taehyung.

- Alô?

- Alô? Amor?

- Oi Tae, o que foi?

- Nada... Só queria saber se está tudo bem.

- Estou, por que?

- Por que eu me importo com você... Inclusive eu queria dizer mais uma coisa.

- O que?

- Saranghae!

- Saranghae Tae! Eu vou tomar café agora, beijos.

- Beijos. - Eu desliguei o celular.

Que namorado fofo que eu tenho!

Desci as escadas saltitando e quando cheguei lá embaixo todos me olharam.

- Está de bom humor? Que milagre é esse? - Papai disse.

- Aish, eu acordei bem hoje! Mas amanhã a rotina já volta! - Me sentei na mesa.

- Comemorei cedo...

- Comemorou mesmo!

Nós tomamos café rindo e brincando, como a muito tempo não fazia.

Depois do café eu e os meninos ficamos jogando videogame.

- Vai perder! - João disse.

- Vou nada! - Na mesma hora ele perdeu as energias e morreu - Ta vendo? Ganhei, chupa! - Comecei a comemorar.

- Eu deixei!

- A CAMPEÃ VOLTOU!

(...)

A tarde nós almoçamos e fomos ver filme de terror, enquanto Bárbara e Lorena ficaram no quarto.

- Alá, vai morrer - Mathias disse.

- Cala a boca! - Joguei uma pipoca nele.

- Morreu. - João disse.

(...)

Mais a noite nós ficamos brincando do jogo das palavras, aquele que tem falar uma palavra seguida da outra sem repetir.

Éramos eu e o João.

- Banana.

- Arroz.

- Garfo.

- Faca.

- Peixe.

- Jogo.

- Palmas.

- Cidade.

- ... Ai, dei branco! - Eu disse.

- GANHEI! - Ele tirou a blusa e começou a rodar ela no ar.

- Tudo retardado! - Lorena disse.

Nós rimos.

A muito tempo mesmo que eu não me divertia assim.

Enquanto a gente ria alguém tocou a campainha.

- Eu atendo! - Gritei e fui até a porta.

Estava na esperança de que fosse o Taehyung mas...

Não era.

Era a pessoa que eu menos queria ver naquela hora.

- O que você quer Taeyang? - Perguntei fria.

- São oito horas. - Ele disse.

- E...?

- Cinema, esqueceu? - Ah não...

Eu não acredito que ele teve a cara de pau de vir aqui pra isso!

- Você perdeu um parafuso? Acha mesmo que depois de tudo o que você fez ontem eu ia sair com você?

Ele não respondeu.

- E outra... Eu e o Taehyung estamos namorando - Fechei a porta na cara dele.

- Que foi? - Bárbara perguntou.

- O cara de pau do Taeyang!

- Nossa...

- Aquele que você contou que começou a briga toda e tals? - Mathias perguntou.

- Ele mesmo.

- Que babaca!

(...)

O sábado acabou desse jeito.

Agora era o domingo.

Eu estava sentada vendo TV depois do almoço quando a campainha tocou.

Fui até ela e abri.

Dessa vez era quem eu queria ver.

- Tae! - Ele se aproximou e me beijou.

- Oi!

- O que você faz aqui?

- Esqueceu né?

- Do que?

- B-r-i-g-a-d-e-i-r-o - Ele disse pausadamente.

- Putz! - Eu bati com a mão na testa e ele riu.

- Cabeça de vento.

- Ah, me deixa!

- Oi, nós estamos aqui! - Jimin acenou de trás do Tae. Jungkook também estava lá

- Ai, desculpa Jiminnie! - Eu o abracei - Desculpa tu também Kookie - Eu abracei ele.

- Eh... Antes você não chama eles pelo apelido! - Tae disse.

- "Antes" meu caro. Eu não sou mais a mesma de antes! - Disse com um sorriso - Entrem!

Assim que eles entraram papai desceu as escadas.

- Filha, cadê meu... - Ele olhou para os meninos - Seu namorado?

- Sim - Eu peguei na mão do Tae.

- Prazer senhor. - Tae se curvou de leve e papai também.

- O prazer é meu... Vocês dois também. - Os meninos se curvaram.

- A propósito... Eu não tinha chamado só você pra comer brigadeiro? - Perguntei.

- Sim... Mas assim que eu citei o nome "doce" eles imploraram pra vir. - Tae disse.

- Não duvido nada! Agora venham aqui - Eu os levei até a cozinha e começamos a fazer o brigadeiro.

Meus primos se juntaram a nós, e a cozinha virou uma zona!

Quando acabamos de fazer os brigadeiros arrumamos tudo antes de comer.

Distribui eles numa bandeja e levei pra mesa.

- Irmã - Bárbara disse - Se eu comer um desses brigadeiros vai ser canibalismo? - Nós rimos.

- Que bosta! - Começamos a comer.

Quando eu ia comer um brigadeiro, Tae tirou ele da minha mão e comeu primeiro.

- Kim Taehyung! - Eu disse.

- O que? - Ele perguntou de boca cheia. - Eu cruzei os braços e ele me abraçou.

Ele me entregou outro brigadeiro e depois deu um sorriso quadrado lindo!

Depois de comer, ficamos conversando mais um pouco, e quando os meninos estavam prestes a ir embora começou a chover.

- Vocês não vão na chuva! - Mamãe disse - Esperem ela passar.

(...)

Cinco da tarde... Seis... Sete... Oito...

E nada!

A chuva só piorava.

Nós estávamos na sala. Jimin e Jungkook estavam sentados nas poltronas, Lorena e Bárbara nas outras, Mathias e João no chão e eu e Tae no sofá.

- Meninos - Mamãe disse - Eu liguei para a mãe de vocês. Vocês vão dormir aqui.

- O que? Não, não precisa mesmo... - Jimin disse.

- Precisa sim! Está escuro, chovendo forte... Vocês podem acabar se acidentado também!

- Ela tem razão - Tae disse.

- Venham, vou arrumar os quartos.

(...)

Depois de arrumar os colchões, dividir quem dormia com quem, nós fomos jantar e depois dormir.

Lorena, Jimin e Jungkook ficaram no quarto da Bárbara, Mathias e João na sala e eu e o Taehyung no meu quarto.

Ele estava sentado na minha cama, eu estava me preparando para ir me deitar quando alguém bate na porta.

- Pode entrar - Era meu pai - Oi pai?

- Ta tudo bem aí?

- Sim, por que?

- Nada não... Só queria avisar que tem camisinha no banheiro - Ele começou a rir.

- Aish, para pai! - Eu o empurrei pra fora do quarto. Me virei e vi o Taehyung rindo.

- Bom saber - Ele disse.

- Idiota. - Eu me deitei e ele se deitou do meu lado.

- Boa noite amor - Eu acho tão fofo ele me chamando assim!

- Boa noite... TaeTae - Eu apaguei a luz

Deus é testemunha que cinco segundos depois de eu apagar a luz Mathias entrou no quarto.

- O que você tá fazendo aqui? - Eu perguntei acendendo a luz.

Ele colocou o dedo na frente dos lábios pedindo silêncio e nos pediu para segui-lo.

Nós o fizemos, e ele desceu as escadas.

Quando a gente desceu...

É isso mesmo que você está pensando.

Todos lá, em cima do sofá.

- Papai e mamãe tem a melhor qualidade de todas - Bárbara disse - Dormem rápido, e não acordam de jeito nenhum!

- Oh meu Deus... Ah! - Uma almofada voou no meu rosto.

- É guerra! - Logo cada um começou a jogar travesseiro no outro.

(...)

Nós fizemos guerra de travesseiro, comemos mais doce e ainda jogamos alguns jogos.

Eram duas da manhã quando a gente foi dormir mesmo.

- A gente não devia ter feito isso - Eu disse sonolenta - Amanhã tem aula.

- Ah, deixa... Vem cá - Ele se deitou e sinalizou para que eu fizesse o mesmo.

Eu fui, mas deitei em cima dele. O abracei e fechei os olhos.

- Eu acho que vamos precisar daquela camisinha - Eu dei um tapa nele - Ai!

- Apaga a luz. - Ele apagou e jogou o cobertor sobre nós. Dormi rapidinho.

(...)

- Hum? - Acordei no dia seguinte com Tae dando vários beijinhos no meu rosto.

- Acordou! - Ele sorriu.

- Não quero ir! - Me virei.

- Mas a gente tem que ir! - Coloquei o cobertor em cima de mim.

- Levanta! - Ele tirou o cobertor e me pegou no colo.

- Ta bom, ta bom! Me larga! - Ele me soltou e eu fui ao banheiro.

Fiz tudo o que tinha de fazer e coloquei o uniforme.

Tomamos café e saímos.

(...)

Os meninos tinham ido na casa deles pegar o uniforme, o que nos atrasou um pouco.

Chegamos na escola um pouco depois do primeiro horário.

Jimin bateu na porta e nós entramos.

- Atrasados. - O professor disse.

- Sorry - Eu disse e fui me sentar no meu lugar, mas antes Tae me puxou e me deu um selinho.

- Que gracinha! - Jungkook disse.

- Tss... - Todo mundo começou a olhar e cochichar.

Nem liguei. Me sentei e a aula começou.

 

 


Notas Finais


Oe linduh, sou eu try again!

Gostou? Espero que ss!

Bjs e até amanhã ❤❤❤❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...