História A Menina Do Vestido Azul - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Drama, Magia, Misterios, Revelaçoes, Sonhos
Visualizações 7
Palavras 517
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Suspense

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 17 - Um passado esquecido


Fanfic / Fanfiction A Menina Do Vestido Azul - Capítulo 17 - Um passado esquecido

Capítulo 17 - Um passado esquecido

Enquanto Hanna e Rishter procuravam Sara, Lili e Aninha, elas estavam á procura de algo que fizesse Hanna acordar. Essa mesma menina do lago escondia algo. Ela parecia conversar com a água ou com alguém que estava amaldiçoado. Então, uma lembrança veio à cabeça dela de quando esse misterioso mundo era um lugar mágico. Havia uma vila de estrangeiros e alguns clãs da magia. Nessa vila morava essa menina, só que antes de ter magia. Ela era uma garotinha comum e muito feliz por ter alguém que cuidasse dela. Essa pessoa era seu irmão adotivo que a amava como se fossem irmãos de sangue. Um dia, ele pediu que ela fosse comprar algumas maçãs para fazer sua torta favorita de maçãs. Ela saiu e foi comprar as maçãs, até que um carrinho de vegetais acidentalmente rolou ladeira abaixo e estava indo na direção dessa garota. O carrinho vinha muito rápido e estava chegando cada vez mais perto dela, até que um menino a salvou. Ele se jogou nela e o carrinho seguiu em frente e bateu num muro. Ele a ajudou a se levantar e começaram a se olhar de uma forma que fez seus corações acelerarem. Então, eles começaram a trocar umas palavras:

- Você está bem? - ele perguntou a ela.

- Sim, obrigado.

- Onde você mora? Não é muito seguro aqui nessa rua, é muito movimentada e sempre acontece algum acidente por aqui.

- Eu moro perto daqui só vim para comprar algumas maçãs.

- Eu posso te acompanhar?

- Por mim tudo bem.

Eles começaram a sorrir de forma discreta e foram andando até a casa dela. Quando ela chegou, contou ao irmão o que quase lhe aconteceu e que um menino salvou sua vida. O irmão dela ficou meio assustado quando ela contou que quase foi atropelada por um carrinho e disse que nunca mais iria deixar que ela fosse sozinha pra lá. Mas, ele também ficou aliviado que nada aconteceu a sua irmã e queria agradecer ao garoto que a salvou. Então, ele a perguntou quem ele era e qual era o seu nome, mas ela não sabia, pois não tinha perguntado a ele. Caiu a noite e eles foram dormir, porém, ela não conseguiu dormir sem pensar quem era aquele garoto e se o veria novamente. Ela abriu a janela de seu quarto, olhou para o céu estrelado e viu uma pequena estrela e disse:

- Eu me lembro dessa pequena estrela, pois ela foi a minha escolhida desde o dia em que nasci. Quero fazer um pedido a essa estrelinha. Por favor, faça com que eu o encontre novamente para saber seu nome e conhecer sua história!

Depois de fazer o pedido, ela foi dormir. Então, foi só isso da memória dela de hoje. Será que tem algo mais por baixo dessa memória? Por que será que ela quer esquecer essa lembrança? E o que ela pretende fazer? Qual será o mistério que está ligado a essa realidade criada num jogo? O que irá acontecer? Haverá uma resposta? Descubra no próximo capítulo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...