História A Menininha Dos Tsukinamis - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Azusa Mukami, Beatrix, Carla Tsukinami, Christa, Cordelia, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laito Sakamaki, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Richter, Ruki Mukami, Shin Tsukinami, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Tougo Sakamaki "Karlheinz", Yui Komori, Yuma Mukami
Visualizações 126
Palavras 1.289
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Hentai, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Survival, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


"por que estou sozinha?"
capítulo 6

Capítulo 6 - Why am I alone?


Fanfic / Fanfiction A Menininha Dos Tsukinamis - Capítulo 6 - Why am I alone?

Narrativa Online.

 

Presa Na escuridão

na prisão perpétua

sem luz

sem esperança

somente com poucos sentimentos

passos pequenos

sons baixos

choro sem voz

olhos sem vida

(...)

—O-Onii-chans??Shin-Nii-san?Carla-Nii-San???

Uma menininha de longos cabelos avermelhados com a pele quase branca meio cinza chamava seus irmãos

Aiko...era essa menininha

—T-Tá e-escuro...P-Por favor m-me tirem daqui!

dizia chorando sentada

Aiko estava com medo

e com frio

nada ali se movia ou tinha vida

ninguém a escutava

—Aonde estou?

olhou em volta vendo um quarto escuro com apenas uma janela que iluminava...um caixão

a pequenina curiosa foi em direção á grande caixa que era iluminada pela lua

assim quase gritou 

seu corpo pálido ali

na sua frente

ela estava pasma

Como ela estaria ali se ela estava andando agora?

Ela viu suas mãos

e as mesmas eram transparentes

 

arregalou os olhos e ficou com a testa franziada

—c-c-c-como!???

estava com medo e logo viu a porta

tenta abrir ela mais nada com sussesso

—NII-CHAN!SHIN!CARLA!ME AJUDEM!

gritava chorando batendo na porta

Ninguém á escutará....Aiko-Chan

Aiko se virou olhando quem falava com ela

Uma Mulher de cabelos longos e albinos olhava ela com um olhar gentil

—Q-Quem é você?

Haha....A pergunta não é "Quem é você" e sim o que eu sou

Disse a mulher sorrindo colocando o dedo na bochecha

—....

Are are...Vamos logo com as apresentações,Sou Hizuna Temari Tsukinami,Mãe de Carla e Shin

A meninha arregala os olhos

—E-Então é m-minha mãe?

a mulher deu outra risada

Não meu Bem,Você é Filha de Osuka Taika e de Kiron Taishi Tsukinami,Ou sejá você é minha Sobrinha

Disse a olhando 

—O-O que?M-Mais S-Shin e Carla...

Hai...Mentiram...Tsc...Eu ensinei muito mal...Vamos resumir um pouco minha flor,Shin E Carla acharam você quando bebê numa casa...Cujo uma Mulher desconhecida que provavelmente era sua "Mãe" que lhe adotou morta,e criaram a história que era irmã deles...Mais...Isso não deixa de lado que você ainda é uma Tsukinami,você é uma Tsukinami pois meu irmão era um.

Disse se sentando ao lado do caixão

—Mi-Minha infância é...uma mentira

disse começando a deixar lágrimas cairem

A mulher a abraça

Nem tudo é perfeito...Meu bem...Eu sei como se sente...

—H-Hizuna-San...

Por favor me chame de Oba-Chan...

Disse sorrindo para a pequena

—H-Hai...Oba-Chan,Como...é a histórinha dos meus pais de verdade?

é uma História interessante...podemos dizer assim...

Sua Mãe Ozuka Taika era Humana,mais tinha um brilho especial,era linda....Bem seu Pai Kiron Taishi Tsukinami,era um demônio tinha o sangue de lobo em suas veias,era sombrio e perigoso,um dia ele foi com sua alcatéia junto de meu marido atacar uma vila...e lá a conheceu...Ozuka era uma criança de poucos anos...uns 12 ou 10...ele se apaixonou assim que a viu...deixou a mesma viva,e dias foram se passando e Kiron foi a visitar,ela achava que ele era um "anjo" haha...tava mais pra capeta haha Kiron deixava mais de lado seu lado sombrio e sadíaco Mais havia um porém....Como para os lobos/Demônio/vampiros eram como se passasse mêses...para os humanos eram anos...Ozuka foi crescendo e virando uma mulher,bonita e com os rosto angelical,Kiron Pediu-a em casamento e Ozuka nem hesitou,assim descobriram que estavam grávidos,Ozuka ficou feliz e depois de alguns dias teve você...uma linda garotinha..Eram uma família linda e felizes...é como ampulheta...a areia vai escorrendo pra baixo...e depois acaba...Alguém havia entrado no quarto...Iriam matar você...mais Ozaku foi mais rápida e a protegeu...ela foi assassinada na sua frente...você chorou...e seu pai chegou...Viu Ozuka toda ensanguentada...e você havia sumido...eu não o via tão irado...ele logo foi ficando isolado á procura do assassino...e nunca o achou...

Aiko chorava ao saber como era realmente sua história

E acho que o sequestrador e assassino á deixou na frente da porta da mulher que cuidou pouco tempo de você

Aiko apertava suas mãos no tecido de Hizuna

—O-Oba-c-chan!

disse choramingando

Shhh...calma meu bem...shhh....seus pais...a amava....mais eu esqueci de um detalhe...seu nome real não é Aiko...e sim "Yoki Taika Tsukinami"...A filha do Imperador Demônio e da Humana...

Aiko ou melhor Yoki olhava Sua tia impressionada

—Po-Por que estou aq-aqui?

Ah...querida...Você veio para o mundo paralelo,ninguém pode te ouvir ou te ver...

—Você também foi enviada pra cá tia?

Não...eu...morri

Yoki arregalou os olhos

—A-ah!M-mais e-eu te vejo

Como te disse minha flor...é um mundo paralelo...podes ver quem está morto...

—E-então posso ver minha m-mãe?

Infelizmente não...Sua mãe não morreu aqui...

—E-espera...você...

Esse era meu quarto...eu morri por causa da minha doença...que acho...que Carla também tem...

Disse cabisbaixa 

—C-Carla-N-...San?

disse Yoki arregalando os olhos

Hai...meu filho mais velho...

Disse olhando pra porta

—O-Oba-chan...não podemos sair daqui?

Claro que podemos...Venha

Disse segurando a mãozinha de Yoki e a levando em direção da porta

—O-Oba-chan!Es-estamos indo em direção da...KYAH!

deu um gritinho mais se viu no corredor...

Viu?fantasmas atravessam a parede

Disse rindo da reação da pequena

A menina sorriu e as duas foram caminhando

Eles...estão aqui

Disse sorrindo triste

logo Yoki viu aonde as duas estavam vendo Shin e Carla

Carla lia um livro...

e Shin sentado com as mãos juntas com a cara cabisbaixa

—P-Por que eles estão assim?

Eles sentem sua falta...acham que você..."Morreu"...

Disse olhando-a de lado

—Ah...

é a terceira vez que eles perderam alguém que amavam muito...

Ahn?

Eles perderam-me...perderam...minha antiga filha...e agora você....deles sofreram muito...mais do que parece

Yoki ficou em silêncio e olha Shin

Largou a mão de Hizuna

Não adianta tocar neles...vai atravessar como sempre...

Yoki observava Carla em silêncio e tocou suas mãozinhas no seu rosto e sussurrou....

Saudades....Nii-San

Carla arregala os olhos e se levanta imediatamente

—Aiko?

disse e Surpreende Hizuna

—c-como Oba-chan...

disse Yoki de olhos arregalados

Acho...que meus instintos estavam certos...aqueles que eles lembram...aqueles que guardam tanto na memória...devem sentir uma parte de sua presença...

disse triste

—M-Mais por que está triste?

Acho...que eles me esqueceram...

Disse sorrindo fraco

Yoki abraça rapidamente Hizuna que sorriu acariciando sua cabeça

—E-Eu nunca á esquecerei Oba-Chan!

—O que é Nii-san?...

disse Shin o olhando

—Eu...eu a senti...deve ser coisa...da minha cabeça

disse suspirando se sentando calmamente

...

Hizuna olhava eles atentamente

Vocês...não podem esquece-la

Disse suspirando

Yoki-chan...Quero que me prometa...Nunca acredite que...algum eles esqueceram você!Tente lembra-los...

Disse segurando o rostinho da meninha

—Hai!Oba-chan!

disse dando um sorriso largo

Sua mãe...deve estar orgulhosa agora...

Disse acariciando a bochecha de Yoki

(sete anos depois)

Yoki tinha 11 anos,e cresceu na parte de altura e cabelo

a mesma agora sempre conversava com Hizuna

que parecia mais como uma "Mãe" passageira

Nesse momento ela observava Shin carregar madeiras para colocar no fogo

—Ah...Como queria derrubar aquelas madeiras...

Yoki?

A voz de Hizuna é ouvida por Yoki

—Hai Oba-San!?

Querida...está...na minha hora

Disse observando Yoki sorrindo triste

Yoki que antes tinha um sorriso foi desmanchado pela tristeza e pânico

—Não...Isso não pode....Não me deixe Oba-San!

disse a abraçando

Desculpa...é que...finalmente...achei aquele que procurava

Assim um homem de cabelos Vermelhos meio loiros aparece sorrindo

Yoki-san,Você cresceu...quando á conheci...era um bebezinho ainda

Deu uma risada nasal

Sou Kodeko Tsukinami...é um prazer rever você...

disse dando uma piscada

Oba-chan...

disse assim olhando Hizuna

Esse é meu marido...Yoki...depois de séculos nos reencontramos...

Olhava o marido apaixonada

—então...isso é um Adeus?

Disse Yoki começando a chorar

Infelizmente Sim..Yoki

Disse tristonho

Hizuna beija a testa de Yoki

Yoki...você é especial...lembre-se da nossa promessa.

Yoki mesmo chorando assentiu sorrindo triste

Sua carruagem á espera querida...

Disse se curvando

era uma parede com um belo quadro 

com as suas figuras

eles chegam perto do mesmo e se viram para Yoki e sorriram

Sayonara Yoki-San/Minha flor

assim sumiram aos poucos..

E Yoki...no mundo paralelo...estava sozinha

a mesma não parava de deixar lágrimas mais escutou Carla

—Shin...Venha aqui

Shin largou as madeiras na lareira e foi até Carla

Yoki seguiu eles e se viu numa biblioteca...nem mesmo ela se lembrava mesma

Mais sentiu uma pontada forte e se ajoelhou

—O-Oque?

Sete anos...pequena...o tempo...está acabando...Eve

Yoki desmaiou ali mesmo...

 

 

 

 

 


Notas Finais


Ohayooooooooooooooo gostaram?
:P
byee até!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...