História A morte - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, EXO
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 71
Palavras 811
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Científica, Harem, Hentai, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel, Yuri
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Esse cap deu muito trabalho, espero que gostem.

Capítulo 9 - As trevas


Fanfic / Fanfiction A morte - Capítulo 9 - As trevas

(S/n) on 

Passou-se uma semana, nesse tempo eu e meu filho ficámos em observação, agora estou no carro com o meu bebé em meus braços, ele é muito saudável e bonito, dei a ele o nome Kim Sungjoo .

- Chegamos- falou jin quebrando o silêncio, descemos do carro e entramos em nossa casa, como já era muito tarde coloquei o Sungjoo no berço ao lado de nossa cama assim eu Jin fomos dormi 

1 ano depois 

Hoje eu acordei cedo, fiz minhas higienes matinais, preparei um lindo café da manhã na bandeja para levar para o meu lindo esposo.

- Jin acorda- falei dando varios selares em sua carinha inchada, ele abriu lentamente seus olhinhos e sorriu, abri as cortinas e lhe entreguei a bandeja, feliz da vida, ele comeu tudo e me deu varios selinhos rapidos 

- Bom dia meu anjo- falou ele

- Bom dia meu amor- falei fazendo carinho no cabelo do mesmo.

- Que horas são ? - ele me perguntou

- São 7:00, por que ?- Falei 

- Vou trabalhar, falou se levantando e indo para o banheiro.

Jin almoçou fora e eu comi macarronada, estava brincando com o Sungjoo que ja estava muito gordinho e com alguns fiozinhos de cabelo, quando recebi uma mensagem do Jin

Mensagem on 

 Amor - (s/n) quero sair hoje

- CLARO

Amor - estou indo te buscar, xau te amo ❤

- Também te amo ❤

Mensagem of 

(S/n) on

Liguei para a babá da familia e fui me arrumar rapidamente, coloquei um vestido  florido que batia pouco antes do meu joelho e um salto não muito alto bege, e logo ele chegou em um carro diferente, estranhei mas não dei importancia e entrei no carro, a viagem foi silenciosa.

Minutos depois 

- Chegamos- falou ele descendo do carro.

- Onde estamos Jin ?  - mas quando o olhei não era mais o Jin, fiquei assustada

- QUEM E VOCÊ ? - falei dando passos para trás, a cado passo para trás meu era um ele em minha direção 

 - Meu nome e Ji Yong mas conhecido como a morte- falou ele, na mesma hora tentei correr mas o mesmo agarrou meus pulsos.

- Eu te farei minha por completo- falou ele e logo comecei a chorar e me debater porem foi inútil pois o mesmo me prendeu com cordas em uma árvore, arrancou meu vestido junto com minhas peças intimas, ele começou   lamber meu peito enquanto massageava o outro,gritava mas ninguém me escutava, so fazia chorar.

Ele me desamarrou e tirou o seu membro para fora, ele me penetrou, enquanto eu chorava loucamente ele gemia , sentia nojo de mim mesma, depois de varias estocadas ele ejaculou dentro de mim.

- Você é muito gostosa (s/n)- ele falou colacando seu membro dentro da calça

- Vamos (s/n), ele está vindo, não posso deixar ele te levar de mim de novo - na mesma hora o Jin apareceu atrás dele

- DESGRAÇADO- falou Jin tentando lhe dar um soco, mas o Ji Yong foi mais rapido e logo desviou.

- Olha se não é o anjinho iluminado - falou Ji Yong 

- É  anjo da luz - fala Jin e o mesmo, abriu asas grandes e douradas, seus olhos estavam dourados, Jin sem perder tempo, acertou um soco em cheio no Ji Yong que sumiu depois do soco

Jin me vestiu com sua blusa e me carregou até seu carro, chegamos até nossa casa, ele dispensou a babá, me deu um banho e me vestiu.

- Desculpe-me minha pequena- falou ele me dando um beijo na testa.

- Agora descanse, vou botar o Sungjoo para dormi- falou ele saindo do quarto

1 semana depois 

Acordei no meio da noite, fui direto para o banheiro e comecei a vomitar muito, Jin acordou e ficou preocupado estão o mesmo pegou o Sungjoo nos braços.

- Vamos ao hospital- falou ele pegando a bolsa do nosso filho e a chave do carro

- Ta - falei indo com ele, trancando a casa e depois entrando no carro, quando chegamos na porta do hospital eu apaguei.

Tempo depois

Abri meus olhos com dificuldade e percebi que estava na maca do hospital,  Jin estava me olhando junto com o Sungjoo, logo apareceu o medico  no quarto 

- Como está a mamãe? -falou o médico.

- Como assim?  - perguntou  Jin e eu na mesma hora 

- Você está grávida a uma semana- falou ele 

- Mas eu e o Jin estamos sem fazer a três semanas- falei e logo percebi o que estava acontecendo, assim deixando varias lágrimas caindo e logo Jin também percebeu.

- Você vai abortar- falou Jin

- NÃO, essa criança não tem culpa de nada, ele é meu filho e eu o amo - falei ja aos prantos

- Tudo bem mas eu não agirei como o pai dessa criança, você cuidará dele sozinha- falou ele com uma cara de raiva.

- Okay - falei alisando minha barriga.

Deixe tudo com a mamãe, eu vou te proteger meu filho - pensei 

"O filho das trevas"


Notas Finais


Eta, falo nada.
Man espero que gostem bju

(Desculpem os erros)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...