História À namorada do meu irmão (Camally) - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello
Tags Ally Brooke, Camally, Camila Cabello
Exibições 228
Palavras 1.308
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 19 - Bebê?


Camila P.O.V 

Estaciono o carro de qualquer jeito,saio do carro e pego Ally no colo,entro no hospital e logo vem dois enfermeiros me ajudar,eles põem Ally numa maca e eu sigo eles.

- senhorita você tem que ficar aqui - um dos enfermeiros fala

- não e-eu -

- senhorita,precisamos fazer o nosso trabalho -

- ela vai ficar bem? - 

- vamos fazer o possível pra que ela fique sim - ele fala e eu sento e ponho as mãos na cabeça.Depois de 15 minutos eu vejo uma moça saindo pela porta e eu vou até ela.- Por favor eu queria saber da Ally Brooke - 

- o doutor vai vim falar com você daqui a pouco - 

- eu só quero saber se ela está bem - falo desesperada 

- eu não posso responder,eu não estou cuidando dela,tenha calma,ja ja o doutor vem falar contigo -

......

Depois de 47 minutos um senhor de jaleco para e chama por algum parente de Ally,me levanto rapidamente.

- tem que ser da família? - 

- sim -

- eu sou a namorada - minto

- namorada? - 

- sim - 

- okay,vamos conversar na minha sala - ele fala e eu o acompanho,entramos numa salinha pequena,ele senta e eu faço o mesmo.

- e ai doutor ela está bem? - 

- sim - 

- que bom,eu estava ficando agoniada -

- bem mas eu tenho que dar uma notícia triste,você sendo namorada dela ficará arrasada mas eu tenho que falar -

- por favor doutor fale logo - 

- infelizmente ela perdeu o bebê - 

- Ela perdeu o bebê? - 

- sim,ele não tinha se formado completamente ainda,vocês podem tentar de novo,inseminação é uma bela opção,ela engravidou assim certo? - o doutor pergunta,bem ele acha que eu sou namorada dela,por isso ela está falando isso.

- Mas porque ela perdeu?  -

- Não sabemos ainda,os resultados dos exames vão sair daqui a pouco -

- tá,eu posso ver ela? - 

- não pode,mas eu vou deixar,apenas cinco minutos - 

- muito obrigada - falo e ele me leva até o quarto de Ally,entro e fecho a porta,viro e ela já estava me olhando,me sento na cadeira ao lado esquerdo da cama.

- você está melhor? - 

- sim - Ally

- eu...eu falei com o médico,ele disse que você estava grávida,verdade? - pergunto e ela assenti - do meu irmão? - de novo ela assenti,a dor era imensa,ela tinha engravidado do Troy,ela tinha engravidado,nao importa de quem,isso me deixava arrasada.

- pera,estava grávida? - Ally pergunta e eu me levanto sentando na ponta da cama

- infelizmente você perdeu o bebê - falo e ela não ficou muito surpresa,eu como sou uma pessoa muito inteligente fui ligando os pontos - o que eram aqueles comprimidos que você estava tomando mais cedo? - pergunto mas ela não responde - você sabia que ia perder esse filho,não sabia ally? Você estava tomando remédios pra perder o bebê? - ela não conseguiu falar nada,só assentiu com a cabeça,minha vontade era de dar um belo sermão nela,dizer que estava completamente triste pelo o que ela havia feito,porque independente de tudo era uma vida que estava se formando e ela a matou,mas eu não falo nada eu apenas abraço ela.- está tudo bem Ally,eu não estou te julgando - falo e ela me abraça também - como que você vai contar isso pro Troy? - 

- bem ele não sabe que eu estava grávida - Ally

- Ah sendo assim você não tem que contar nada - 

- é - Ally fala e batem na porta,era o doutor falando que ja tinha dado o tempo

- daqui a pouco você vai ser liberada e eu vou te levar pra casa - falo e ela assenti - eu não vou sair daqui,prometo - 

....

Um pouco depois o médico liberou Ally,agora estávamos no carro indo pra minha casa.

- ela é bonita - Ally fala quando paramos no semáforo - falo de Ariana,você escolheu bem - olho pra seu rosto mas não respondo nada,o sinal abre e eu volto a dirigir.- porque você voltou? - 

- Porque a pergunta? Você não gostou de eu ter voltado? - 

- não falei isso,só queria saber porque -  Ally

- aqui é meu lugar,onde mora os meus amigos,minha família,aqui estão as pessoas que eu amo - falo e olho pra ela,em parte a resposta estava certa,mas eu não falei o que eu realmente queria falar.Estaciono o carro e ajudo Ally a ir até meu quarto,deito ela na cama e à cubro.

- obrigada - Ally

- de nada pequena -

- por favor nao conte isso pra ninguém - Ally

- tá - 

- obrigada por entender,sabe você está diferente - Ally 

- diferente? Estou mais bonita é isso? - pergunto brincando 

- Kk é,você está mais bonita - Ally fala passando a mão pelo meu rosto,olho no meu celular e tinha uma ligação perdida de Ariana e duas mensagens dela.

- você vai ficar bem? - 

- sim,você tem que ir embora? - Ally pergunta com aquela carinha,aquela carinha que mexia comigo.

- na verdade não -  falo guardando meu celular

- Fica comigo? - Ally 

- Claro - falo e me deito ao seu lado,ela põem sua cabeça em meu ombro e a mão na minha barriga,com uma mão faço cafuné em seus cabelos e coloco a outra em cima da sua mão que estava na minha barriga.

....

Ally pegou no sono um tempinho depois,eu não queria mas eu me levanto devagar pra não acorda-lá e vou pra casa de Dinah,quando entro na casa dela Ariana rapidamente veio até mim.

- eu fiquei preocupada,você não atendeu minha ligação,não respondeu minhas mensagens - Ariana

- desculpa Ari,acabei perdendo o tempo,o papo com o Simon estava ótimo - 

- tudo bem - Ariana

- tem cerveja Dinah? - Dinah fica surpresa com minha pergunta mas logo responde que não - eu vou comprar então - 

- eu vou com você - Dinah 

- não vou demorar linda - 

- tá - Ariana fala e eu e Dinah saímos.

- Que friozinho -  

- é,você ja viu ela né? - Dinah

- sim,agora entendo porque você não queria que eu fosse pra minha casa - 

- você estava conversando com o Simon certo? Pelo o que eu me lembre Ally trabalha com ele - Dinah fala e entramos no mercado

- sim,eu vi ela tomando uns comprimidos quando estava indo pra sala dele,na volta eu encontrei ela desmaiada,levei ela pro hospital e o doutor disse .......... - falo e vou no caixa com uma caixinha com 6 latas de cerveja geladas.

- Ele disse...... - Dinah fala quando eu estou pagando 

- ele disse que Ally tinha perdido o bebê - 

- UKE? Que bebê? - Dinah

- pois é,eu fiquei chocada,não fale disso pra ninguém,só ela,eu e você sabemos que ela estava grávida -

- ela não contou pra ninguém? - Dinah

- não,eu acho que ela não queria o bebê - 

- coitada,ela deve estar perturbada,pelo o que você me disse ela - corto Dinah 

- É,os comprimidos eram pra isso,ela estava tomando pra perder o bebê - 

- Ta,eu não vou contar pra ninguém,pode deixar,você quer que eu conte tudo não é? Tudo que aconteceu aqui no tempo que você estava fora - Dinah pergunta quando nos sentamos no banco de uma praça.

- com certeza kkk - 

- sabia kkk - Dinah fala e eu abro uma cerveja - você não era muito fã disso,o que aconteceu? - 

- À bebida virou meu melhor amigo nesse tempo,agora fale logo - falo e abro uma cerveja e dou pra ela 

- começo por onde? - Dinah

- pela pior parte,pelo relacionamento de Troy e Ally - falo dando um gole em minha cerveja 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...