História A Nerd e o Problemático - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 34
Palavras 1.008
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Luta, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Fala galera! Espero que curtam esse capitulo. Talvez fique pequeno, então desculpa. Sem mais delomgas. Vamos lá.

Capítulo 2 - A verdade sempre vem a tona.


Anne: Vamos antes que o sinal bate novamente.

Ricky: Claro

No caminho, eles passam por um inspetor.

Rocky: Ora, Ora.Parece que eu vou ter que dar a primeira advertência, Senhorita Anne.

Ela simplesmente abaixou a cabeça, esperando pela advertência.

Ricky: Ei! Cara! Nós fomos só deixar os papéis que o professor pediu.

Rocky: Ah! É! Então, vamos ver isso com o professor.

Ricky: Ta legal.

Eles foram para a sala quietos, sem comentar nada.

Rocky: Professor.- disse ele batendo na porta da sala.- Licença, essas crianças disseramvque foram deixar uns papéis seus na sala dos professores. É verdade?

Cláudio: O que? Mas é claro que não.- disse ele dando um sorriso maldoso no final.

Anne: Professor,você pediu para eu entregar lá na sua mesa.

Cláudio: Mentira.

Milena: Quem tá mentindo é você professor.- disse uma garota que se levantou lá no meio da sala.

Ela era loira e tinha olhos marrons claros, era bonita de corpo e tinha uma otima vestimenta.

Cláudio: Leve todos eles para a diretoria, agora!.- disse ele bravo.

Rocky: Com certeza. Vamos.

Nós fomos empurrados para a fora da sala pelo inspetor.

Ricky: O que? Mas...- disse ele bravo, reclamando.

Anne: Vamos, Ricky. Eu, a Milena e você não estamos mentindo. Não temos nada do que temer.- disse ela dando um sorriso gentil.

Milena: Isso ai garoto, que não conheço. Nada vai dar errado.- disse ela dando um sorriso divertido, mas as suas mãos estavam tremendo e suando.

Ricky: Quem é você?- disse ele meio confuso.

Milena: Milena, prazer. Melhor amiga de Anne, e você é...- disse ela estendendo a mão enquanto andava.

Ricky: Ricky, prazer.- disse ele apertando a mão dela.

Rocky: Chega de converseiro.- ele disse com um sorriso maldoso no rosto também.

Sem perceber, eoes haviam chegado na sala da diretoria.

Toc, Toc, Toc.

Catia: Sim?- disse um moça de cabelos curtos completamente alinhados, e de sorriso delicado.

Rocky: Vim deixar esses alunos que estavam matando aula, mentiram dizendo que o professor havia pedido e que faltaram respeito a ele.

Ricky: Não estavamos matando aula e não mentimos.- disse ele se virando para o inspetor.

Catia: Se acalmem, e me expliquem isso direito. Ah! E Sr.Rocky pode ir. - disse ela e ele concordou com a caveça e saiu.- Sente-se por favor.-disse ela apontando para as cadeiras a sua frente.

Ricky: Senhora, é serio. Não matamos aula.

Anne: Deixa que eu explique Ricky.- disse ela com a mão no ombro de Ricky, e deu um sorriso gentil.- Senhora, o professor Cláudio assim que começou a aula. Ele me pediu qhe levasse os deveres das férias para a sua mesa, na sala dos professores. Eu fui deixar, só que estava meio pesado e o Ricky- disse ela apontando para ele.- Me ajudou a carregar a metade, no caminho de volta. O inspetor Rocky nos encontrou, e nós explicamos só que ele não acreditou. Nisso ele foi no professor, só que o professor disse que era mentira, e a Milena disse que não e foi isso.

Catia: Certo, deixa eu ver nas cameras.

Nisso a diretora viu nas câmeras todo o caminho da Anne e tudo o que passou no caminho. Viu que tudo que ela disse era verdade.

Catia: Senhorita Anne tem algum motivo, para o Sr. Cláudio ter feito isso?

A Milena e o Ricky, olharam para ela juntos. Esperando ela dizer alguma coisa.

Ricky: Fala para ela.- disse ele ensentivando Anne.

Milena: É Anne, você tem a chance agora de dizer tudo para ela. Fale.- disse ela segurando a mão de Anne, como ajuda.

Catia: Tudo o que Senhorita Anne? Pode ter confiança, que nada vai sair daqui.

Anne: Promete que ele não vai saber que foi eu que disse.- disse ela olhando nos olhos da diretora.

Catia: Prometo- disse ela levantando a mão, de um jeito escoteiro.

Então, Anne contou tudo que o professor Cláudio fazia com ela. Desde zoação até o Bullyng.

Catia: Irei resolver isso.- disse ela surpresa, e não só ela. O Ricky também estava surpreso, não sabia disso, ele pemsava que era coisas bobas. Mas não era.

Antes que eles, passem pela porta. A diretora Catia chamou a atenção nocamente.

Catia: E Senhorita Anne, se tiver mais coisas. Não hesite em me contatar.- disse ela seria.

Anne somemte concordou com a cabeça, e passou pela porta. Indo em direção a sua aula de português.

Ricky: Por que você nunca falou com ela?- disse ele surpreso.

Anne: A minha mãe sempre disse para esperar a hora certa.- disse ela sorrindo.

Milena: Tenho certeza que ela não sabia que era esse assunto. Se não, não teria falado isso.

Ricky: Concordo.

Anne: Relaxa,pessoal. A verdade veio a tona, é isso que importa.- disse ela dando um sorriso.

Eles passaram nos armários, e pela sorte ou azar o Ármario de Ricky era do lado de Anne. Assim que pegaram suas coisas, eles foram em direção a sala de português. A na qual, a professora esperava sentada os alunos.

Jaque: Anne, to sabendo que foi para a diretoria, por que?- disse ela indo até eles.

Anne: Professora, eu contei tudo.- disse ela dando um sorriao de alivio.

Jaque: Oh! Que bom, querida. Agora estou mais tranquila.- ela olhou para atrás de Anne e viu Milena- E você, Milena. Estou orgulhosa, enfrentar o professor para defender uma amiga. Isso é um ato lindo de se ver.- disse ela dando um abraço em Milena.- E você...- disse ela olhando de cara feia para o Ricky que paralisou ali mesmo.- Va se sentar do lado de Anne. Vão, rápido que a aula já vai começar.

Nessa escola as mesas eram uns messōes que era dividido para duas pessoas. E Anne sentava uma cadeira atrás de Milena.

Ricky: Isso é o distino, tentando nós juntar.- disse ele surpreso.

Anne: Por que?- disse ela se sentando.

Ricky: Ora essa. Do lado do ármario e agora do lado da mesma, só pode ser isso.- disse ele fazendo uma brincadeira.

Anne deu uma risadinha gostosa de se ouvir, e deu um sorriso doce para Ricky que retribuiu


Notas Finais


Foi isso pessoal. Espero que tenham gostado, comentem o que acharam.
Bjs 😙
Até o próximo capitulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...