História A Nerd mudou - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Escola, Romance
Exibições 42
Palavras 870
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Mistério
Avisos: Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 11 - Reencontro -Parte 1


~Bianca P.O.V~

Eu acordei com duas loucas pulando em cima de mim, e adivinha quem era se vocês acertarem eu dou uma nutella, descobriu? eu vou dar duas dica.

1-Elas vão estár mortas quando eu me levantar.

2-Elas são duas vacas

Se você falou Carol e a Amanda vocês...






ACERTARAM HEEEE QUE LEGAL FERA QUER BISCOITO!!. Ta bom parei, eu me sentei na cama empurrando elas fazendo as mesmas cairem de bunda no chão, quando elas se levantaram reclamando eu joguei um travesseiro nelas só que elas se abaixaram fazendo bater no MEU vaso e cair no chão, eu olhei mortalmente para elas aquela era meu vaso preferido!

-Eu não ACRERIDOOO AQUELE ERA MEU VASO PREFERIDO EU VOU MATAR VOCÊS.-E elas só me olharam sorrindo me fazendo ficar com raiva delas.

-Eu já perdi a conta de quantas vezes você disse isso amiga -Disse Amanda

-Uhum é verdade- Concordou a Carol

-Vocês são irritantes.

-E para isso que servem as amiga para irritar ser irritantes e tam...

-Tabom eu já Amana não precisa repitir isso ok, agora saiam do meu quarto agora.

-Está nós expulsando e isso mesmo produção?-Falou Carol sempre drámatica.

-Sim estou algum problema o quarto e meu eu faço oque eu quiser com ele, agora saiam logo do meu quarto eu já estou perdendo a paciencia.

-Pedindo com jeitinho assim quem não sai não e mesmo Amanda?.

-Sim, claro Carolzinha bay bay Bia.- Elas saim rindo elas sabem que eu odeio que me chamen assim. Eu fui em direção ao banheiro e tomei banho, depois fui no closet e peguei um short, uma blusa preta de mangas compridas, peguei uma sapatinha nude e meu casaco e desci indo em direção a cozinha encontrando lá a empregada e as duas passa fome, eu me sentei do lado da Carol peguei um torrada passei geleia, depois botei suco e comi.

-Bom dia!- Falei

-Se lembrou agora de dar bom dia Bia?

-Não me chama de Bia porra que droga! -Falei irritada.

-Tudo bem, tudo bem só não me agredi ok

-Essa e a minha vontade e de fazer isso quando vocês estão me irritando.- Mumurrei mas parece que a Carol ouviu pois a mesma olhou para mim fazendo cara do tipo "magoo" , eu só revirei os olhos.

-Então me diz porque você não esperou a gente a voltar pra casa  ontem em? -Perguntou Amanda.

-Depois eu conto vocês. -Falei e elas sorriram maliciosas entendendo oque tinha acontecido... eu acho.

-Vamos logo para a escola e parem de comer, parece que nunca viu comida na vida de vocês -Falei rindo de leve.

-A comida da sua casa e melhor que a da gente Bi.

-Uhum ok.

Nós fomos no carro mesmo, sim de carro estava com preguiça de ir de skate eu entrei no meu carro que e super foda pois como eu já disse anda nem lançou.Eu sempre vou de Skate e quando e na hora de ir o meu motorista paticular vem deixar meu carro aqui, eu sempre me pergunto o porquer de eu ter um motorista se eu nem preciso e tabem o porque de eu não poder voltar de skate.Mas enfim fomos o caminho todo conversando e zoando umas com as outras e eu contei a ela oque aconteceu com o filho do diretor, tempo depois chegamos na escola chamando a atenção de todos na escola de novo, por mais que todo munto ache que e mentira eu odeio chamr atenção, ai vocês perguntam então porque tem um carro desses que nem  lançou, na verdade eu nem queria esse carro mais a minha mãe vez questão de me dar vai entender.Nós fomos andando até a nosso classe, a gente sempre gostava de chegar e ir logo para a sala ficar conversando lá e não ia ser hoje que ia ser diferente né.Tempo depois a sala começou a encher e a chegar gente, o professor começou a dar aula a aula estava muito chataaaa eu estava quase dormindo quando batem na porta e o professor abre a mesma revelando a pessoa que mais me fez sofrer, a pessoa poe quem eu era apaixonei perdidamente estava ali na minha frente do alguns passos de distancia.

-Atrasado de novo Sr.Moreira.-Esbravejou o professor olhando diretamente para o Rafael.

-Desculpa professor equi eu acordei tarde.

-Isso não foi oque eu vî quando estava vindo para a minha sala.

-Err foi mal mesmo isso não vai se repetir professor eu prometo.

-Não prometa uma coisa que você não vai comprir, agora vá se sentar atrás da Srt.Stwart.

-Será um prazer professor-Falou ele me olhando com aquele sorriso de deixar qualquer mulher louca, o sorriso que ela nunca deu para mim quando eu era uma nerd. Eu foi até onde eu estava e se sentou e uma banca atrás de mim, logo depois disso o professor boltou a dar aula e eu senti alguma coisa cutucando meu braço então eu olhei para atrás dando de cara com o Rafael sorrindo pra mim.

-Então tem um lapís para me emprestar?

-Tenho, aqui toma.- Fui até o meu estojo e dei um lapís a ele, eu sabia que ele tinha um, ele só estava fazendo isso para puxar conversar para depois levar a garota para cama era sempre a mesma coisa. Depois disso eu só pensei uma coisa:

-Eu vou fazer a vida dele em um inferno igual a ele fez comigo- Falei bem baixo só pra mim escutar.






Notas Finais


Esse e o Cap de hoje ta pequeno eu sei, mais eu ainda tenho que fazer a outra História. Talvez eu poste outro Cap. Amanhã bjs e até o proxima Capitulo tchaaau.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...