História A new beginning - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~Zamaky

Postado
Categorias Teen Wolf
Personagens Alan Deaton, Bobby Finstock, Breaden, Claudia Stilinski, Derek Hale, Kira Yukimura, Liam Dunbar, Lydia Martin, Malia Tate, Mason Hewitt, Melissa McCall, Paige, Personagens Originais, Scott McCall, Sheriff John Stilinski, Stiles Stilinski
Tags Romance, Stydia, Suspense, Teen Wolf
Exibições 114
Palavras 1.206
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Esporte, Ficção, Ficção Científica, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Estou começando a escrever fanfics agora, me desculpem por não colocar foto, pois não sei editar nada. A fanfic, vai ser meio que suspense e muito romance,o drama vai ser quase que total. A história se passa depois da 5 temporada. Estou aberto a críticas.

Capítulo 1 - Prólogo


  —Law.... Lawes me ajude.Uma voz suave e familiar me chamava.

 A única coisa que eu via a minha frente era escuridão, assim como estava meu coração neste exato momento.

  —LI... LIA!!! É VOCÊ?

 Acordei assustado, ofegante, olhei para minhas mãos, elas estavam suadas. Já tinha se passado uma semana e até agora não me acostumei com isso, tudo estava sendo difícil demais para mim. Não sei até quando irei suportar tudo isso. Peguei meu celular que estava em uma mesinha do lado da cama onde ficava todas minhas lembranças de Lia, sentia que isso só piorava as coisas, mas não poderia simplesmente esquecê-la. Liguei o celular, eram 5:50 estava quase na hora e ainda não tinha feito as minhas malas. Íamos nos mudar para Beacon Hills por causa do serviço dos meus pais, a sede da empresa seria transferida para lá, como eles são os dois empresários mais importantes, seria essencial tê-los por perto. Poderia ser um novo começo para mim, esquecer tudo que aconteceu, tentar ser feliz novamente.

                        ~~~~~~ Um mês depois ~~~~~~

  Tudo está melhorando, aos poucos estou me recuperando de tudo que aconteceu na minha antiga vida, uma ponta de culpa atravessou meu peito ao pensar sobre isso. Sou apenas um garoto de 17 anos, que preciso curtir a vida enquanto há tempo, estou fazendo a coisa certa, estou feliz com isso. Sou um dos garotos mais populares da escola, o capitão do time de Lacrosse, todas as garotas me desejam, mas mesmo assim eu sinto que ainda falta uma parte de mim que nunca será preenchida. Os meus novos amigos me ajudam muito, mas isso não é o bastante, quero voltar a sentir o que  eu já senti um dia, o meu maior medo é que eu não consiga sentir isso novamente.

  Era sexta-feira, mais um dia normal de aula. Me levantei, tomei uma ducha na tentativa de despertar totalmente do sono. Coloquei uma blusa branca com a estampa da minha banda de rock favorita e uma jaqueta de couro por cima, seguido por uma calça totalmente preta  e por um All-Star com listras brancas e vermelhas. Desci as escadas, meus pais já estavam tomando o café da manhã.

—Esses assaltantes são realmente uns cretinos, fico me perguntando como alguém consegue fazer uma coisa dessas.Meu pai falou  folheando o jornal.

—O homem consegue destruir a si mesmo.—Respondi-lhe , sentando ao seu lado.

—Bom dia, Sr. Filósofo . Minha mãe falou em tom sarcástico.

—Bom dia.—Respondi.

 Os dois conversaram sobre assuntos da empresa, aquele blá blá blá cotidiano. Estava tentando fazer com que meu estômago aceitasse alguma coisa,mas depois de algum tempo, desisti de tentar. Me levantei e peguei a chave do carro, junto da minha mochila.

—Não vai comer nada? —Perguntou meu pai desviando o olhar de minha mãe para mim.

—Estou sem fome, já vou indo, boa sorte com aqueles cretinos.

—São esses cretinos que te sustentam.—Respondeu minha mãe sorrindo, retribui o sorriso e atravessei a porta.

  Liguei o carro e quando estava saindo da garagem, vi o Scott.

 —Eaí cara, quer uma carona?

—É uma boa ideia, assim você me poupa de ter que perguntar.Ele entrou no carro, dando risada.

—Muitas meninas já devem ter sentado nesse banco.

—Você sabe né, já perdi as contas.Scott começou a rir.

 Na verdade nem uma  garota sentou naquele banco, todos tinham uma imagem distorcida de mim. Quando estávamos chegando na escola o Scott resolveu falar.

—Ah, já ia me esquecendo, a Lydia vai dar um festa hoje, aparece por lá.

—Não se sei é uma boa ideia, não fui em nem uma festa desde que me mudei para Beacon Hills.Scott deve ter percebido que eu estava tentando enrolar ele.

—Foi a Lydia que me mandou te convidar, cara, você não percebe o jeito como ela olha pra você? Pode ser uma boa aparecer por lá.

—Vou pensar, no intervalo te aviso.

 Eu não tinha ido a nem uma  festa não só desde que me mudei, e sim desde de que aquilo aconteceu.

 As aulas pereciam não passar, finalmente chegou o intervalo. Me sentei com o Scott, Stiles e o Liam, na mesa que eles chamavam ‘’ A mesa dos machos ‘’.

–Cara, a festa de hoje vai ser demais, esse é o nosso último ano aqui, temos que aproveitar isso ao máximo. Stiles estava todo animado.

—Acho melhor você segurar a onda aí, você já tem namorada.Scott retrucou.

—Nós estamos dando um tempo, pode se dizer que estou livre na pista.Todos nós rimos da resposta. 

—Esse é o último ano de vocês, não o meu.Liam parecia não gostar da ideia que todos seus  amigos iam se formar, e ir para  a faculdade enquanto ele ainda continuava na escola.

—Você sabe que sempre manteremos contato com você. Stiles respondeu tentando confortar o Liam.

—Então, Lawes pensou no que eu te disse? vai aparecer?

—O quê? ele está pensando em não ir? você está louco, vai ser pegação total, nem pense em não ir. Stiles meio que me influenciou na resposta, já que todos iam ir, que mal faria.

—Claro que eu vou.

O sinal tocou, e todos fomos para o vestiário. A melhor aula do dia com toda certeza é a de Lacrosse, e a única que eu me saía bem. Nós nos trocamos e esperamos o treinador começar a falar.

—ME ESCUTEM BEM, semana que vem jogaremos o jogo mais importante do ano, quero que se dediquem ao máximo nos treinos, só assim poderei escalar o time ideal, não me importa se você é o jogador mais habilidoso da liga, se vocês não se dedicarem, não serão escalados, AGORA CHEGA DE PAPO E VAMOS TREINAR!

 O professor Finstock, conseguia animar a todos, acionando o espírito de competitividade em todos, em alguns até de mais. O treino começou com finalizações e terminou como  um jogo treino, o dia foi muito produtivo para mim.

—Mandou bem, Sr. Finter, será uma boa opção para começar como titular.

—Valeu treinador, pelo voto de confiança.

 Fui para o vestiário, tomei uma ducha e arrumei minha coisas, não estava com vontade de assistir a última aula. Cheguei em casa, estava vazia como de costume. Deitei na cama e dormi, acordei com a minha mãe me chamando, já era 7:00 horas, estava quase na hora da festa e eu nem tinha começado a me arrumar. Enquanto me arrumava percebi que com tudo de novo que estava acontecendo comigo, tinha esquecido as coisas do passado. Estava fazendo a coisa certa, não tinha outra forma de superar isso do que seguindo em frente.

 Desci a escada, todo arrumado o que surpreendeu minha mãe.

—Aonde você vai todo arrumado assim? Ela já sabia a resposta, e estava feliz por isso.

—Vou a uma festa.—Respondi vendo a cara dela de felicidade.

—Já estava demorando, um garoto da sua idade tem que curtir a vida, tome cuidado e não volte muito tarde.

—Não perca tempo com as bebidas, vá direto para as garotas.—Disse meu pai gargalhando.

—Pode deixar, seguirei o seu conselho.Devolvi a gargalhada.

 Peguei a chave do carro e saí. A casa da Lydia não ficava muito longe, demorei uns dez minutos. Quando cheguei arregalei meu olhos, nunca tinha visto uma festa como aquela, isso ia acabar em problema.


Notas Finais


Bom, para começar é isso ai. Obs : o '' w '', de lawes se le como '' u ''


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...