História A New Beginning - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pretty Little Liars
Personagens Alison DiLaurentis, Aria Montgomery, Ashley Marin, Caleb Rivers, Emily Fields, Hanna Marin, Jessica DiLaurentis, Pam Fields, Spencer Hastings, Toby Cavanaugh
Tags Emison
Exibições 56
Palavras 1.595
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Vi que gostaram e fiquei animada em escrever logo o segundo, espero que gostem.

Capítulo 2 - Mudanças


Pov Alison

 

 

Logo que acordei as palavras da Hanna vieram na minha cabeça. Passei a noite pensando nisso até que cai no sono, e cheguei a conclusão que ela realmente estava certa, ou não estava mas não quero pensar muito no que pode acontecer quero apenas fazer acontecer sem planos, mas preciso primeiro conversar com a minha mãe isso vai ser um pouco difícil para ela, mas como é para o meu bem creio que vá aceitar essa minha escolha. Assim que levanto decido que hoje é o dia de sair desse quarto. Tiro minha camisola e vou logo tomar meu banho, passo um bom tempo de baixo do chuveiro apenas pensando em tudo que pode acontecer daqui pra frente. Assim que saio coloco uma roupa e me olho no espelho e digo: Você vai conseguir superar tudo isso Alison, hoje é o dia em que sua vida vai mudar pra melhor. Respiro fundo, pego minhas coisas e vou descendo, vejo minha mãe na cozinha e logo vou ao seu encontro.

- Bom dia, Mãe

- Bom dia minha filha, que surpresa agradável você por aqui, achei que ia ficar o resto da sua vida no seu quarto.

- Antes da Hanna vir aqui era isso mesmo que eu queria, mas ela me fez ver que posso tornar minha vida melhor e é sobre isso que preciso conversar com você hoje.

Logo minha mãe fica sem entender nada e me olha meio desconfiada ja vi que essa conversa não vai ser nada fácil, me aproximo e pego em sua mão, vou com ela até a sala onde sentamos no sofá e olho fixamente em seus olhos.

- Mãe eu passei a minha vida toda aqui em Rosewood, até a minha faculdade estou fazendo aqui como você e papai sempre quiseram, mas aqui não é mais um lugar onde me sinta à vontade ainda mais depois da morte do Elliot.

- Mas minha filha...

- Mãe, por favor deixar eu terminar.

- Tudo bem, continue.

- Eu sei que foi difícil quando meu pai morreu e logo após Jason saiu de casa deixando nos duas aqui, eu venho aguentado essa barra junto com você e a única pessoa que me dava forças para não desistir se foi e me sinto perdida sem saber o que fazer. Hanna veio aqui ontem e me fez um convite de ir morar em outro lugar, no começo confesso que achei uma loucura mas pensando mais em tudo vi que pode ser o que eu precisava para me sentir viva de novo. Eu preciso disso, Mãe. Preciso acordar todo dia e ter vontade de sair do meu quarto ao invés de ficar o dia todo chorando por alguém que não vai mais voltar, eu quero ser uma filha que te dê orgulho e aqui já acabou, o que eu tinha que viver aqui já deu e preciso que me entenda.

Assim que termino de falar vejo qual é a expressão da minha mãe e logo abaixo a minha cabeça eu sei que ela não vai aceitar e isso é algo que não vou mudar. Logo sinto ela pegar em meu queixo e levantar meu rosto.

- Você cresceu tanto e eu nem percebi isso, sempre quis te manter por perto mas estou vendo que isso não está te fazendo feliz.

Vejo ela respirar fundo e logo uma lágrima desce e acaba pingando na minha mão, aquilo doeu, ver minha mãe chorando era algo que eu não aguentava.

- Alison, eu quero o seu bem sempre e para isso tenho que deixar você seguir o seu rumo, saiba que irei te apoiar em todas as suas escolhas daqui pra frente, mas quero que me prometa que vai fazer de tudo para ser feliz nessa sua nova vida.

Olho para ela surpresa e ao mesmo tempo com uma imensa alegria por saber que ela me apóia, é inevitável não chorar. Deixar minha mãe vai ser a coisa mais difícil que vou fazer e espero que tudo isso que estou fazendo seja o certo. Logo abraço ela bem forte, e fico por um bom tempo assim aproveitando cada segundo que tenho ao seu lado até a minha partida.

Assim que terminamos de conversar vamos para a cozinha e tomo meu café, minha mãe até tenta ne fazer comer algo mas no momento nao desce nada, me despeço e saio de casa respiro fundo assim que vejo meu carro, última vez que vi Elliot ele estava no banco do carona. Logo entro no carro e tento esquecer tudo, ligo o mesmo e vou indo em direção a minha faculdade preciso resolver tudo antes de me mudar, não avisei a Hanna de nada pois quero que seja surpresa pra ela e sei que isso vai deixar ela bem feliz.

 

Pov Hanna

 

Já acordei atrasada pra faculdade, já não bastava ter dormido pouco ainda tive que vir sem maquiagem nenhuma e isso realmente me deixa irritada. Assim que estaciono meu carro vejo uma loira sentada e fico sem acreditar no que estou vendo sim é a Alison e isso não é um sonho. Me aproximo por trás dela

- Olha olha quem saiu do seu mundinho, até achei que era uma miragem quando sai do meu carro.

- Bom dia para você também.

Vejo Alison olhar pra trás.

- Nossa, você não dormiu hoje? Nunca saiu sem maquiagem ainda mais pra faculdade.

- Me erra Alison, e pode ir me falando o motivo de estar aqui que sei que não é para estudar.

Logo sento ao seu lado.

- Vim resolver as coisas da minha transferência.

Assim que escuto as palavras de Alison fico sem acreditar no que ela diz.

- Como assim transferência? Você vai aceitar a minha proposta?

- Sim, eu vou aceitar e já até conversei com a minha mãe sobre tudo e ela disse que vai me apoiar.

Não vou negar, achei que seria a coisa mais difícil tirar a Alison daqui e ouvir ela falando isso fez com que eu ganhasse meu dia. Logo abraço ela forte e vejo ela retribuir não vejo a hora de sair daqui e começar uma vida nova ao lado da minha melhor amiga.

Ficamos conversando mais um pouco antes de entrar, logo falo pra Alison sobre o convite da Aria e ela fica super animada quando escuta a palavra Nova York. Ajudo Alison com tudo em relação a transferência e também faço a minha assim que terminamos Alison vai pra casa e eu fico super animada em ir pra minha e ligar pra Aria, aquela baixinha vai amar saber que eu realmente irei morar perto dela. Saio de faculdade e vou pra casa, mexer com toda essa papelada me deixou exausta. Assim que chego jogo as minhas coisas na cama e me sento logo disco o número da Aria e ela atende.

 

Pov Aria

 

Assim que saio da faculdade com Emily meu celular toca, logo que vejo o número fico feliz.

- Emily espera um instante, Hanna está me ligando.

Vejo Emily parar e logo atendo

"Olá, jurava que o que me disse ontem não passava de uma simples brincadeira"

"Posso brincar com muitas coisas Aria mas com isso eu realmente estava falando sério. Alison aceitou ir comigo e quero sair desse lugar o mais rápido possível"

"Hanna você não sabe o quanto ouvir isso me deixa feliz, espera um segundo"

Emily, Hanna aceitou vir morar com a gente e ainda vai trazer uma amiga isso não é incrível?

Logo Emily pega meu celular

"Hanna é mesmo você na linha, pois jurava que você nunca ia aceitar o convite da pequena aqui, mas fico feliz que esteja vindo, estou ansiosa para te ver, Aria sempre falou muito de você"

"Demorou um pouco mas eu vi que precisava sair daqui Emily, e também estou ansiosa"

Logo tomo o celular da Emily

"Hanna, você sabe que vai ficar no apartamento que era meu, já que vim morar com a Emily ele está vazio e é todo seu e da sua amiga a Alison né?"

"Sim, é ela. Pretendo ir no final de semana vou agilizar logo as coisas aqui e apressar a Alison mas prometo não demorar."

"Então está tudo certo, espero vocês aqui no fim de semana"

Logo desligo meu celular.

- Emily, temos até o fim de semana para dar um jeito no meu apartamento para quando as meninas chegarem estar tudo pronto.

- Eu posso até te ajudar mas vai ter que ir naquele encontro comigo pois eu não quero ficar nem 1 hora com aquela menina, só prometi ir pois ela me chama já faz um mês.

- Você e seus encontros em, nunca fica quieta com ninguém.

- Eu até tento, mas está difícil arrumar alguém que queira algo sério hoje em dia.

- Eu te entendo amiga, mas sua hora vai chegar e acho que não vai demorar muito.

Logo eu e Emily vamos pra casa, estou muito feliz com a vinda da Alison pra cá, faz muito tempo que não a vejo, desde que saí de Rosewood com 15 anos só conversamos por ligação e ela sempre estava ao meu lado quando eu precisava, vai ser bom ter uma amiga de infância ao meu lado. Não que Emily não seja uma boa amiga, na verdade ela é incrível desde que cheguei aqui ela foi quem me deu suporte pra tudo e agora somos inseparáveis. Logo entro no carro e a Emily entra logo em seguida, ficamos o caminho todo falando sobre a vinda das meninas, não vejo a hora delas chegarem.


Notas Finais


Escrevi pelo celular então desculpa qualquer erro. Até o próximo capítulo 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...