História A New Clan - Interativa - Capítulo 21


Escrita por: ~

Exibições 61
Palavras 1.504
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Harem, Hentai, Lemon, Lírica, Luta, Magia, Mecha, Mistério, Misticismo, Poesias, Policial, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Super Power, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Iae, bom? Desculpa a demora pra postar, é pq eu to estudando pra um concurso (Mentira, to jogando cs), mas isso não importa pq eu trouxe um cap que saiu do forno pra vcs!
Boa Leitura :3

Capítulo 21 - Nova Integrante e Objetivos.


Após o xingamento de Rias ter acabado, Staz e seu clã voltam para casa e cada um vai para o seu canto.

Staz: Não tem muita coisa para fazer... A Ophis disse que ia arrumar as coisas para que nós entrássemos oficialmente na Khaos, então... – Ele se lembra de que Rias tinha convidado eles para irem jantar na casa dela junta com a vó – Stak!

Ele sai do sofá e vai até o quarto de Stak, vendo que ele olhava a lua pela janela.

Stak: Não sabe bater na porta?

Staz: Não interessa, vamos nos arrumar!

Stak: Pra quê?

Staz: Pra ir à casa da Rias jantar com a vó dela.

Stak: E se eu não quiser?

Staz: Não estou pedindo, estou mandando. Se você lembrar dela vai ser ótimo para começarmos a guerra!

Stak: Ah, logo hoje que tinha especial de The Walking Dead.

Após os dois se arrumarem, eles estavam na frente da mansão dos Gremory. Stak bateu a campainha e Koneko atendeu.

Koneko: Ah, Staz-san e Stak-kun, podem entrar, a Buchou está fazendo o jantar no quarto andar.

Stak: Obrigado. – Os dois vão para o elevador e selecionam o número quatro.

Staz: Se for realmente ela o que você vai fazer?

Stak: Agirei normal e depois faremos um plano para matar ela.

Staz: E se ela se lembrar de você?

Stak: Bem, tentarei manter a paz para continuar com o plano.

Staz: Ok, então vamos lá.

O elevador se abre e Staz e Stak veem o clã Gremory, Sirzechs e sua vó esperando a comida enquanto conversam no sofá.

Sirzechs: Oh, Staz-kun e Stak! Por favor, sentem-se.

Os dois chegam mais perto deles e se sentam.

Staz: Onde está sua vó?

Issei: Ajudando a Buchou na cozinha.

Stak olhava todos ali, até que olhou para Xenovia e a mesma olhou para outra direção corada. Staz, percebendo isso, fez uma cara de gato e passou o braço por trás do pescoço dele e falou no ouvido do Stak.

Staz: Parece que alguém está afim de tu, irmão.

Stak: Não venha com ideias erradas. - Diz empurrando Staz.

Staz: Tire suas próprias conclusões, mano.

Nêmesis: O jantar está pronto! – Diz saindo de um corredor, mas para ao ver Stak. Ele a encara com raiva – Olá garoto, você é do clã do Staz? É um prazer, sou Nêmesis Gremory!

Staz: Vamos ver se ele mantém a calma mesmo. – Pensa.

Stak: Daryck Stak Wolfang, o prazer é meu.

Nêmesis: Daryck? Acho que já ouvi esse nome antes... Bem, vamos jantar! – Ela vai para a cozinha sendo acompanhada de todos.

Staz: É ela? – Pergunta por telepatia.

Stak: Sim, a mulher que me amaldiçoou e que eu devo matar. – Responde do mesmo jeito.

Staz: Acalme seus nervos, vamos matar ela mais tarde.

Stak: Ok.

Eles chegam na cozinha, vendo uma grande mesa cheia de pratos com vários tipos de comida.

XxX

Após o jantar, os dois saem da mansão e Stak estava irritado pela mulher falar com ele como se fosse inocente.

Stak: Eu vou matar aquela velha!

???:  Não guarde rancor, garoto! – Diz um vulto com cabelos vermelhos que pousa na frente deles.

Staz: Tá porra, a Kushina veio ver a gente!

???: Não, eu não sou a Kushina. – Diz após uma risada. – Sou Misaki Kamishiro. – Sai das sombras mostrando ser uma bela garota com olhos vermelhos de gato, cabelos vermelhos carmesim, com uma espada vermelha nas mãos e com um sorriso.


Staz: Misaki... Já ouvi seu nome em algum lugar.

Misaki: Oh, eu não sabia que era popular. – Diz com uma pose confiante.

Stak: Estou vivo desde a idade média e nunca ouvi falar de você.

Misaki: Cortou meu alto estima. – Diz cabisbaixa.

Staz: Ae, quer entrar? Conheço uma pessoa que vai se dar bem com você.

Misaki: O-Ok.

Eles entram na casa e Staz grita.

Staz: RAZOR, VEM AQUI! ARRUMAMOS UMA NAMORADA PRA VOCÊ!!

Misaki: Ehhhhh?

Razor: Como é que é? – Diz descendo as escadas tranquilamente.

Staz: Apresento a você a sua namorada! Ela tem os mesmos gostos que você, vai adorar el... – Para, pois recebeu um soco na barriga da garota.

Misaki: Você acha que sou um brinquedo, senpai? – Pergunta irritada.

Stak: Sem mãe também!

Teufel: Essa é a mais clássica de todas. – Diz surgindo em um pequeno redemoinho.

Razor: É só ter piada ruim que o Teufel aparece.

Staz: Nossa essa doeu vei.

Mia: Nova integrante? – Diz aparecendo de cabeça pra baixo nas escadas.

Alexia: Nova integrante? – Diz surgindo ao lado de Mia do mesmo jeito.

Misaki: Tá surgindo gente de tudo quanto é lado.

James: Não liga, é sempre assim. – Diz só com a cara de fora de uma passagem secreta no chão. Ele fecha a passagem e desparece.

Staz: É só eu sair um pouco e vocês já transformam minha casa em um campo de batalha. – Diz com uma veia saltando de raiva.

Yukio: Não, na verdade estamos apenas transformando sua casa numa fortaleza.

Staz: ARRUMEM ESSA PORRA LOGO!! – Grita emanando uma aura assustadora, todos desaparecem e Allen desce as escadas coçando a cabeça e bocejando.

Allen: Que gritaria é essa?

Stak: Você estava dormindo?

Allen: Sim, aí alguém chamado Staz deu um grito que deve ter acordado o quarteirão inteiro e me acordou. – Ele repara a garota na sala – A Alexia tá fazendo cosplay de morte? Não, se bem que os peitos dessa são maiores do que os da...

Ele recebe um soco de Misaki que sobe as escadas irritada.

Staz: Aonde vai?

Misaki: Vou pro meu quarto. Sim, vou ser do seu clã e espero que sejamos todos amigos, senpai. – Ela volta a subir as escadas e Staz e Stak ficam se encarando.

Stak: Quando você deixou ela ser do clã?

Allen: Bem, do jeito que estamos famosos por ter ganhado da Ophis, muita gente deve vir atrás da gente pra entrar no clã.

Staz: Bem, quanto mais pessoas poderosas melhor.

XxX

No dia seguinte, Yukio acorda com algo macio tocando ele. Ele apalpa a ‘coisa’, mas quando consegue enxergar direito, vê que era Mia dormindo na mesma cama que ele.

Yukio: O que você tá fazendo aqui?!

Mia: Ah, Yukio-kun, o que você tá fazendo no meu quarto? – Pergunta acordando, Yukio Não tirava os olhos dos grandes peitos da garota.

Yukio: Não, você que está no meu quarto!

Mia olha ao redor e da um sorriso kawaii.

Mia: Desculpa, devo ter dormido aqui porque estava cansada de arrumar a casa.

Yukio: Então você veio no meu u quarto porque estava cansada, que droga. – Diz decepcionado, pois pensou que ela tinha ido por outra coisa.

Mia: Disse alguma coisa?

Yukio: Não, deixa pra lá.

Yukio sai do quarto, mas começa a escutar gemidos como se fosse alguém lutando. Ele segue o som e encontra Fuyuki e Staz tendo uma luta.

Staz: Se você relaxar assim na guerra, eu vou te descartar.

Fuyuki: Gomem! – Ela vai pra cima dele, mas ele esquiva pro lado e da um tapa na cabeça dela e a garota cai no chão.

Staz: Nem parece que você é a Trihexa desse jeito.

Mia: Ele não esqueceu dela, não é? – Diz apoiada na parede olhando os dois ao lado de Yukio.

Yukio: Como ele pode esquecer da garota que salvou?

XxX

James: Ok, hoje vamos ver os objetivos de cada um e começaremos pelo mais fácil até o mais difícil.

Stak: O meu, o da Mia e o do Staz são os mesmos.

James: Ok, Teufel!

Teufel: Eu quero ter a luz e a escuridão como elementos.

James: Alexia!

Alexia: Apenas ajudar todos na guerra.

James: Razor.

Razor: Nenhum, acho que só ficar forte pra guerra mesmo.

James: Allen?

Allen: Destruir a Facção dos Heróis!

James: Yukio.

Yukio: Ter a Alexia de volta.

James: Eh, você é do clã? – Pergunta para Misaki.

Misaki: Sim, eu sou!

Staz: Eu não te aceitei, então não venha achando que vai botar moral.

Misaki: Onegai! – Faz uma cara de cachorrinho triste.

Staz: Affs, tá bom. – Ele joga uma peça de peão no peito dela e a peça entra dentro dela.

Misaki: Peão?

Staz: É a única peça que tem, vai reclamar?

Misaki: Não, obrigada!

James: Então, qual é o seu objetivo?

Misaki: Era entrar para um clã, mas acabei de fazer isso, então...

James: Ah, apenas três objetivos...

Staz encara Stak que se lembra de seu objetivo.

Stak: Ah! Eu quero matar a vó da Rias por ter me amaldiçoado com esse negócio de lobisomem.

James: Quatro objetivos. – Ele para e fica pensativo – Vamos começar fazendo o Teufel ter a luz e escuridão, em seguida matar a vó da Rias, ressuscitar a Alice e depois acabar com a Facção dos Heróis.

Razor: O resto é a guerra.

James: Isso, agora vamos treinar o Teufel.

Fuyuki: Na real não, no céu tem um globo de luz e nas trevas tem o da escuridão.

Allen: Vai ter que ser no modo stealth pra roubar essas coisas.

Razor: Imagino o stealth da Alexia.

Alexia: Oi?

Staz: Então vamos lá.

Teufel: Mas agora?

Staz: Sim, ou você não quer ter seus poderes?

Continua...


Notas Finais


Então, tá na hora de ser stealth e roubar os bagui (Tenho uma sensação de que isso não vai dar certo).
Bjs, amo todos e até o 21 cap!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...