História A new day - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Resident Evil
Personagens Ada Wong, Albert Wesker, Ashley Graham, Barry Burton, Carla Radames, Chris Redfield, Claire Redfield, Derek C. Simmons, Helena Harper, HUNK, Jake Muller, Jessica Sherawat, Leon Scott Kennedy, Nemesis-T Type, Personagens Originais, Rebecca Chambers, Sherry Birkin, Sheva Alomar
Exibições 29
Palavras 2.233
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção Científica, Harem, Hentai, Luta, Policial, Romance e Novela, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Canibalismo, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpe pela demora é que nunca fiz esse tipo de capitulo, fico meio forçado porque tive problemas, mas agora vou fazer com calma, então boa leitura.

Capítulo 3 - Uma longa noite


Fanfic / Fanfiction A new day - Capítulo 3 - Uma longa noite

Ada ON

Ada: “Só vou te amarrar na cama e te dar um remédio querido” tinha me esquecida como ele era fofo dormindo,... Braços pernas, pronto.

Leon: “Krauser...seu”.

Ada: “querido, acorda” ele sempre teve um sono pesado, ainda mais com esses sonhos.

Leon: “Ada, porque esta no meu quarto?”.

Ada: “eu saio se você tomar seu remédio” Ele ta com tanto sono que não percebeu que estava amarado, que bobinho.

Leo: “Esta bem”.

Eu dei o comprimido na sua boca e ele engoliu em seco.

Leon: “Espere eu não tomo nenhum medicamento, Ada o que você me deu”.

  Ada:_Vejo ele me perguntando coisas que eu nem ouvia porque estava encantada com a beleza dele,  até que o fofo tenta levantar.

Leon: “Que, como você me amarrou, mas que droga Ada me sou..”.

Ada: “Parece que começou o efeito” de agora em diante ele não vai ter força para se defender.

Leon: “Ada... o que....fez”.

Ada: “O que fiz com você? Te droguei bobo” ele não consegue nem falar, isso o deixa ainda mais fofo.

Ashley: “Ada para, por favor”.

Ada: “Não adianta pedir fedelha, não vou deixar ele para você”.

Ashley: “Por favor, me deixe entrar, te faço o que você quiser”.

Ada: _A droga da Ashley não parava de chorar, eu me lembrei de mim mesma quando Leon terminou comigo, “Esta bem vou te deixar entrar, mas você nunca ira me incomodar quando eu estiver com Leon”.

Ashley: “Esta bem”.

Droga não acredito que estou fazendo isso, abro a porta e ela me empurra indo na direção de Leon.

Leon: “obrigado, por..não fazer ...”.

Ada: “Espere eu não disse que eu não iria dormir com você, eu só disse que a Ashley poderia entrar, Ela pode nos assistir se quiser” Eu não perderia uma chance como essa só porque eu estou com pena dela.

Ashley: “Que?”.

As mãos dela começarão a tremer 

Leon: “Ashley me desamarre”.

Ada: “também não adianta, ele não vai ter forca para levantar só se uma garotinha birrenta tiver força o suficiente para levantar o dobro do seu peso” a vejo desesperadamente o desamarrado e logo em seguida ele não conseguir nem levantar.

Leon: “Droga.. Ada pense direito”.

Ada: “Não preciso pensar em dormir com quem eu amo, chega de espera” Deito na cama com Leon, mas a Ashley estava abrasada nele e chorando.

Puxo Leon da Ashley e começo a beijar ele, vou descendo até o seu pescoço.

Leon: “Ashley sai daqui”.

Ada: “deixe ela, talvez ela queira ver o seu amado ser roubado por outra” Eu queria deixar claro que o Leon era meu.

Continuo beijando seu pescoço e vou à barriga.

Ada OFF.

Leon ON.

Leon:_Eu sentia Ada me beijar enquanto eu olho para Ashley agarrada no meu braço chorando e tremendo, ela sabia que não tinha força o suficiente para parar Ada.

Ashley: “Leon, não quero perder você”.

Leon: “Não se preocupe, agora vai pro seu quarto e tranque a porta e não saia de La, não sei do que Ada ainda é capas” Eu usava toda minha força para enxugar as lagrima de seu rosto.

Ashley: “NÃO, SE EU SAIR VOU TE PERDER PARA SEMPRE”.

Leon: “Não, não vai, você sempre vai ser a mesma garota que salvei, depois você pode me pedir qualquer coisa” ser forçado a dormir com Ada não era um problema já que ela é minha ex-namorada, mas Ashley ver isso era o problema.

Ashley: “Quando você vai entender que não sou uma garotinha, eu sempre gostei de você, mas você ignora esse fato”.

Leon: “Eu não te vejo como uma garotinha, você é linda inteligente e alem de tudo corajosa, você passou pelo inferno e mesmo assim se manteve firme apenas agüente mais uma noite, que depois você pode me pedir qualquer coisa”.

Ashley: “Vou pedir agora”

Leon: “s-sim” quase solto um gemido, Ada avia tirado meu shorts e massageava meu pau.

Ashley: “Então faça isso”.

Leon:_No começo não entendi, mas quando ela minha mão e a colocou na sua calcinha, quando eu comecei a mexer os dedos, ela começou a gemer enquanto me beija.

   Ashley: “unn..haa...hyaa”.

Ada: “Hora de provar o gosto desse garotão”.

Leon­:_Ela lambia meu pau e depois começou a chupar, enquanto eu beijo e masturbo a Ashley, até que chego ao meu limite.

Leon: “Ada, eu vou” Eu estava prestes a gozar, mas Ada imediatamente parou.

Ada: “Ainda não querido”.

Leon:_Ada tira a cueca que ela estava vestindo e fica em cima de mim, ela estava pingando de tanta excitação.

Ada: “O meu primeiro vai ser bem grande”.

Leon: “Ada você ainda é virgem?” Eu estou surpreso que ela ainda é virgem, ela é linda como ainda não dormiu com outro homem. Eu coloco a mão no quadril de Ada e a guio, estranho parece que a droga não esta mais surtindo efeito.

 

Leon OFF.

Ada On.

Ada:_Eu começo a colocar o pau de Leon e sinto dor enquanto ele vai mais fundo.

Ada: “haaa..,isso é muito bom” quando o pau dele entrava totalmente eu sentia encostar no meu útero, depois de um tempo meu quadril se mexia sinhozinho, cada dor da metida eu apertava e aranhava o corpo dele.  

Ashley: “Eu também estou pronta”.

Ada:_ Ashley parecia estar no 2° orgasmo e ela não parava de beijar o Leon admito que a inveje já que antigamente Leon também me beijava assim

Ada: “Leon, estou muito cansada” Não agüentava mais mexer meu quadril para cima e para baixo, fui treinada a chutar pessoas não pra isso.

Leon: “Esta bem vamos mudar de posição”.

Ada:_Ele puxa Ashley a deitando na cama a deixando de barriga para cima e me coloca em cima dela, nós duas ficamos cara a cara coradas de vergonha por nós estarmos nuas.

Ada: “Leon essa posição é muito, hyaaaaa” Antes de terminar a frase ele meteu de novo, meu deus se ele continuar com isso não vou mais agüentar.

Ashley: “Leon eu não quero ficar só assistindo”.

Leon: “Vou te dar atenção só se você beijar a Ada”.

Ada: “Que, eu não vou beijar ela, eu a odei..” eu sinto ela me puxar e me beijar.

Ashley: “Pronto, seja gentil também é minha primeira vez”.   

Eu olho nos olhos dela e vejo uma expressão de dor e prazer.

Leon: “você também teve a mesma reação Ada”.

Ada:_Ele revezava em meter, mas depois eu não conseguia pensar em mais nada só no pau dele, quando eu cansei de me apoiar na cama, eu cai em cima de Ashley e nos abraçamos. Até que de repente ele para.

Ashley: “Leon?”.

Ada: “Porque parou?”.

Leon: “Por que quero que vocês implorem por mais”. 

Ada: “Eu quero que você meta logo, rápido Leon”.

Ashley: “Eu te imploro, por favor, me fode”.

Ele começa a transar com a Ashley, mas não comigo.

Leon: “Ela implorou diferente de você”.

Ele sabia que eu odiava implorar, mas eu não podia ficar sem aquele pau por mais tempo.

Ada: “Por favor, eu quero que você meta em mim com toda força”.

Ele da um tapa na minha bunda e mete tudo de uma vez.

Ada: “kyaaaaaaaaaa.... m-ma..is por favor”.

Ele começa a meter com mais força e dar tapas nas nossas bundas.

Ada Off.

Ashley On.

Quando ele começou a dar tapas na minha bunda eu não conseguia nem pensar de tão excitada que eu estava, Ada parecia estar em outro mundo igual a mim.

Ada: “To gozando”.

Eu tinha perdido as contas em quantos orgasmos nó duas tivemos. Até que Leon chega ao seu limite.

Leon: “Estou quase gozando”.

Ada: “Goza dentro de mim”.

Ashley: “Não, em mim” Nós duas queríamos que Leon gozasse dentro de nós, mas ele era só um.

Leon: “estou gozando”.

Ele goza fora.

Leon: “É melhor nós tomarmos banho agora”.

Ada: “Eu vou tomar banho com você”.

Ashley: “Eu também vou com você” Não posso ficar para trás, agora tenho que competir por Leon.

Banheiro de Leon 3:52 da manha.

Estávamos nós 3 no banheiro, eu olhava para o Leon e via marcas, cortes e aranhões de unhas no seu corpo inteiro eu também tinha colaborado .

Leon: “Vocês são muito agressivas”.

Ada: “Não pude me conter, vou te ajudar a lavar suas costas”.

Ashley: “Eu vou lavar seu peito”.

Leon: “Não precisa disso, eu sei me lavar sózi...shhhhh”.

Ada tinha jogado álcool nas costas dele.

Ada: “Tem certeza”.

Leon: “Ainda sim posso me...aaaa, Ada!”

Ada: “Tem certeza?”.

Leon: “Pensando bem acho que preciso de ajuda”.

 Ela sorri para mim, tira a sua toalha e a de Leon, eu também tiro a minha, depois de um tempo no banheiro nos lavando, e Ada jogando álcool cada vez que Leon discordava dela, até que ela sussurra no ouvido dele.

Ada: “Nós estamos prontas para outra rodada”.

Leon: “Eu estou muito cansado, ainda estou sobre os efeitos da DROGA que você me deu”.

Ada: “Você esta mentindo não te dei tanto para durar até agora apesar de que é impossível uma pessoa enfrentar hordas de zumbis e lutar contra um Tyrant, se cansar só com uma transa mesmo estando sobre efeitos de sedativos”.

Leon: “Me deu sedativo?”.

Ada: “Queria o que, se eu não tivesse te acalmado, eu estaria em apuros”.

Eu tinha perdido minha virgindade há pouco tempo, mas ainda queria mais então pulei em cima dele.

Leon: “Espera”.

Ada: “Depois que nós terminarmos você pode falar”.

 Ada senta no rosto dele e ele começa a lamber a vagina dela eu não perco tempo e eu sento no pau dele.

Ada: “hunn você também é bom com a língua, se não fosse pela teimosia você seria perfeito”.

Ashley: “Vou começar” Eu sento no pau dele, quando ele termina com Ada ele se vira pra mim e me levanta, colocando minhas costas na parede e começa a meter meu deus aquela posição, eu estava vendo estrelas até que nós gozamos.

Ada: “Depois vai ser eu”.

Leon: “Outro dia agora vamos terminar de nos lavar”

Ashley: “Ok” Ele termina primeiro o banho.

Leon: “Vou arrumar a cama, terminem de tomar banho”.

Ashley, Ada: “Esta bem” Quando nós duas estávamos sozinhas começamos a conversar.

Ada: “Eu posso ter aceitado você dormir com ele, mas foi só essa noite”.

Ashley: “Eu tenho a vantagem de conhecer ele por mais tempo” Não tinha como ela competir contra isso até que ela da um sorriso.

Ada: “Tem certeza que você conhece ele há mais tempo?”.

Ashley: “Que quando você conheceu Leon?” Não tem como eles terem se conhecido antes do meu seqüestro.

Nós terminamos o banho e saímos do banheiro vimos de cara à cama arrumada com um novo lançou já que o outro estava manchado com sangue.

Leon: “Bem vocês duas dormem nessa cama eu vou para o quanto das visitas”.

Ada: “A não vai não, ajuda Ashley”.

Ashley: “T-ta nos duas seguramos ele na cama até ele desistir.

Leon: “Como depois eu sou o teimoso”

Ashley: “Leon posso te fazer uma pergunta?” Eu estava intrigada sobre eles terem se conhecido há bastante tempo.

Leon: “Claro”

Ashley: “Quando você conheceu a Ada?”

Leon: “Bem isso é uma longa história quer mesmo que eu te conte?”

Ashley: “sim” Ele se conheceram há tanto tempo assim?

Leon: “Bem a primeira vez que a vi foi em Raccoon City a mais ou menos 14 anos”.

Ashley: “Nossa há 14 anos” Eu vejo Ada mostrando a língua para mim.

Leon: “Bem vou te contar tudo para você entender”.

Ele falou tudo sobre como ele conheceu Ada a bomba em Raccoon City, ela quase ter morrido no meio da explicação Ada cai no sono, mas eu ouso toda a historia, cara palavra com ódio, desgosto e tristeza me deixava mais impressionada com Leon, por tudo que ele passou, até que ele termina a historia.

Leon: “Daí ouve a morte de Simmons, e a de Carla Radames”.

Ada: “Ada teve uma clone, ela era realmente igual?”

Leon: “Sim, mas agora vamos dormir já são quase 6:00 da manha”.

Eu e Ada dormimos agarradas em Leon para ele não sair.

Cama de Leon horas 12:20

Ashley OFF

Leon ON 

Eu sou o primeiro a acordar meu corpo ainda estava todo aranhado e com marcas de unhas, acho que vai demorar para sair as marcas, Ada e Ashley ainda estavam dormindo eu ia voltar a dormir até que ouço meu celular tocar, eu tento levantar mas tenho dificuldade com Ashley e Ada me agarrando.

Ada: “Leon, volta pra cama”.

Ashley: “Volta logo”.

Leon: “Esperem eu ver quem é” Elas tentam me agarrar de novo, até que consigo levantar, eu pego meu celular e vejo o numero [numero não identificado].

Desconhecido: “Leon Scott Kennedy”.

Leon: “Sim, com quem estou falando”.

Desconhecido: “Fique atento”.

Leon: “Como assim atento” A pessoa desliga que droga foi essa, me pergunto quem era aquela pessoa, eu ia voltar para cama até que ouço a campainha tocando e logo me preocupo, por precaução eu pego minha pistola que estava na gaveta.

Ada: “Tudo bem Leon, tem algo de errado?”

Ela me pergunta causando o olho de tanto sono.

Leon: “Tudo bem isso é só força do hábito” Eu me mostro calmo, mas estou muito preocupado de que estaria na porta.

Ashley: “Quem ta tocando há essa hora a campainha”.

Ada: “Já é 12:24 boba”.

Ashley: “Nossa como passou rápido”.

Coloquei uma causa e fui para a porta, mirei a pistola para porta e a abri, quando eu me assustei com o que eu vi.  


Notas Finais


Obrigado por ler,aceito dicas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...