História A noiva do meu melhor amigo LUTTEO - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna
Tags Lutteo
Exibições 186
Palavras 1.021
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Famí­lia, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olá galerinha voltei com mais um cap e hoje tá iper top,galerinha do meu coração me deculpem por não responder os comentários pois o meu celular trava de mais e quando vou responder ele fica lento e trava o que acaba me dando raiva mais adoro ler o comentário de vocês então não fiquem tristes quando eu não responder os comentários Mais prometo que vou fazer o possível de responder vocês hoje bom era só isso beijos!

Capítulo 9 - Verdade revelada e Socorro


Simon estava desacreditado no que Ámbar havia falado,por um lado ele estava acreditando por outro estava duvidando o que mais deixava duvida na cabeça de Simon era como Matteo conhecia esse tal de Gastón Perida.
-Simon te fiz uma pergunta você conhece esse Matteo Balsano?- Perguntou
-Claro-Falou-Ele é o meu melhor amigo - Completou
-Serio eu nem sabia - Falou sem importância 
- Ámbar eu preciso ir - Disse Simon se levantando e indo embora
-Simon espera - Levantou mais não conseguiu alcançar Simon


Simon saiu da cafétaria bufando de raiva acreditando no que a loira havia falado mas ele não iria dar o braço a torcer para Luna ele sabia que a morena não queria se casar com ele por isso ela poderia estar tendo um caso com outra pessoa.Ele resolveu ir no Roller para ter uma conversa com a morena.


Delfina estava saindo da faculdade apurada pois ela tinha que resolver alguns problemas do casamento da irmã,assim que a morena saiu da porta da faculdade ela entrou no carro para poder seguir com o seu destino mas assim que a mesma ligou o carro percebeu que estava sem gasolina e ficou bufando de raiva segurando no volante;A morena logo desceu do carro pra pedir ajuda mas a rua não estava com nenhuma movimentação então ela optou trancar o carro e ir atrás de um posto de gasolina,a morena saiu do local procurando um posto desesperada pois não queria decepcionar a irmã.Delfina nem sabia por onde estava indo mas a mesma entrou em um beco sem saída onde havia bastante rapazes com garrafas de cerveja sem parecer que estava com medo ela resolveu se aproximar para pedir ajuda.


- Olá vocês sabem onde se encontra um posto de gasolina? - Perguntou um pouco nervosa
XXX - Claro gatinha - Falou um dos caras 
- É onde fica? - Perguntou nervosa
XXX - Mas pra frente - Disse se aproximando da morena
- Obrigada - Disse 
XXX - Não tão rápido - Segurou com força no braço da morena
- Me solta seu imundo - Disse tentando se soltar
XXX - Não - Respondeu rindo
- O que vocês vão fazer comigo? - Perguntou com medo
XXX - Você não queira nem saber - Falou


Do outro lado da cidade Luna estava com um aperto enorme no coração ela estava sentindo que algo estava acontecendo ou iria acontecer mas ela logo tirou esses pensamentos fora e voltou a trabalhar mas foi atrapalhada por Simon.


- Luna precisamos conversar seriamente - Falou serio 
- Mas agora - Disse - Não está vendo que estou trabalhando? - Completou
- Estou vendo perfeitamente - Pegou no braço dela
- Ai me solta seu grosso - Reclamou
- Tabom - Disse soltando o braço dela
- O que você quer fala logo? -Perguntou impaciente
- Que historia essa de você sair me enganando como se eu fosse trouxa você acha que eu sou quem? - Gritou bufando de raiva 
- Mas do que você está falando? - Perguntou sem entender nada
- De você me enganar com seu amante - Disse
- Amante - Perguntou
- Sim o seu amante Gastón Perida - Falou com sarcasmo - Achou que me enganaria por muito tempo,achou que eu não iria descobrir? - Completou
- Eu nem conheço esse tal de Gastón Perida nunca vi ele na minha vida - Disse se aproximando de Simon
- Mentira sua mentirosa - Gritou com ela o que fez todo mundo olhar
- Não estou mentindo - Disse com os olhos marejados - Isto e tudo armação do crapula do seu amigo - Chorou
- O Matteo? - Perguntou um pouco desconfiado
- O próprio - Falou - Hoje mais cedo ele apareceu aqui no Roller tentando me beijar e depois disse que ele havia mentindo para a irmã dele que eu era namorada do melhor amigo dele Gastón Perida e também falou que iria desmentir mas pelo visto e igual a família um mentiroso - Completou com raiva 


Simon viu sinceridade nos olhos de Luna e acabou pedindo desculpas por ter falado um monte de coisas que não queria falar ele estava morrendo de raiva de Matteo e só isso o que importava,Luna estava com raiva de Matteo mas também com pena por um lado ela acabou mentindo que Matteo tentou beijar ela mas por outro estava morrendo de vontade de bater nele,o casal acabou se perdoando e decidiu passar o dia juntos no Roller.


Ainda no mesmo lugar em que Delfina estava a morena não parava de gritar pedindo socorros ela estava muito assustada e apavorada,até que derrepente um motoqueiro misterioso apareceu no beco salvando Delfina e batendo nos rapazes que tentaram fazer alguma coisa com a morena.


- Sobe na garupa - Falou o motoqueiro subindo na moto


Delfina subiu na garupa da moto sem exitar,sem mais nem menos o motoqueiro tomou partida da moto correndo em alta velocidade com a morena na moto ela estava muito assustada mas agradecida por um momento Delfina pensou que eles poderiam fazer alguma coisa com ela mas graças a Deus não aconteceu nada esses foram os pensamentos dela até chegar no posto de gasolina pois ela pediu que ele levasse ela lá.


- Obrigada por me salvar você foi um verdadeiro herói - Disse saindo da moto - Não sei o que aconteceria comigo se você não aparecesse - Completou
- Eles iriam te matar - Falou ainda com o capacete
- Tira esse capacete quero ver o rosto do meu herói - Disse passando em cima da cabeça do capacete
- Tabom - Disse tirando o capacete                          
- Você ? - Perguntou surpresa 


Luna havia chegado em casa com a companhia de Simon ela pediu que ele ficasse para o jantar com sua família mas a castanha logo percebeu a ausência da irmã e ficou preocupada;Luna resolve ligar para sua irmã mas cai na caixa postal o que faz Luna ficar mais preocupada enquanto as chamadas dela caia na caixa postal ela recebe uma ligação inesperada com um número que ela nunca viu na vida. Quem será a chamada desconhecida?

 


Notas Finais


Comentem e favoritem e beijos😘😘😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...