História A nova geração de Undertale ( interativa ) - Capítulo 17


Escrita por: ~ e ~Friskado

Postado
Categorias Originais, Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Burgerpants, Chara, Doggo, Error Sans, Flowey, Frisk, Gerson, Greater Dog, Grillby, Ink Sans, Mettaton, Muffet, Napstablook, Papyrus, Personagens Originais, Sans, Toriel, Undyne, Vulkin, W. D. Gaster
Visualizações 24
Palavras 1.619
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Saga, Survival, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Oi gente, pra começo de conversa, sorry por ter ficado esse tempão sem postar caps. Me perdoem.... Agora vai começar a sair caps com mais frequência. Bem, agora sim podem ler o cap. Bye bye

Capítulo 17 - Ainda te mato....


                                                    P.O.V Fary
Eu tava mexendo no meu pc BENDYboas ( quem já ouviu falar de Bendy and the ink machine, já jogou ou ja viu yotubers jogarem, serio...me perdoa se tu já entendeu a referencia.. e-eu não podia deixar isso passar em branco... se vc nunca ouviu falar de batin, pesquise, veja tudo e depois volte e entenda a piada ) até que o Nath me liga:

Nath/Amor da minha vida
            (atender) (recusar)
Eu então atendi e logo falei:
- ( Bosejo ) Oi Nath... Que que foi?
- Bem, eu posso ir na sua casa amanhã?
- Bem, pode, mas pra que?
- Uai! Pra conhece meu sogro e minha sogra!
- Pode vir.... Bem tchau, eu tô morreno de sono...
- Tu ainda não dormiu? Pensei que tinha te acordado!
- Nyn..Eu durmo tarde...
- Tarde? Só tarde? Já são fucking 5 da manhã!
- Yep.... Yep... Mas eu tava fazendo um bilhão de coisas... e é sábado 
- Mesmo assim! Bem, deixa pra la, tchau e até a manhã
- Tchau Nath... - Desliguei o meu celular e fui dormir.

                                        Sábado de manhã exatamente 10:00 horas

Eu tava dormindo e minha mãe veio me chamar falando qur o Nayh avia chegado, eu me levantei e desci de pijama mesmo ( cof...cof...preguiçosa...cof...cof... ) eu desci e meu pai tava fazendo café, de primeira eu fiquei tipo"WTF QUE CARALHAS TA ACONTECENDO NESSA PORRA?" Eu então me sentei em uma cadeira na frente do Nath, eu ví que ele tava BEM nervoso, eu então peguei na mão dele serião, meu pai lansou um olhar de morte pro Nath... Depois de um tempo, eu disse que ia tomar um banho e subi pro meu quarto.

                                                                    P.O.V Nath
Eu tava suando frio de tanta nervosia, depois que o Sans acabou de fazer o café, ele pegou um vidro de kethsupe ( não sei como se escreve ) e veio conversar comigo, ele então me deu um copo com café dentro, eu então bebi, serio, eu fiz força pra não fazer careta, ele então iniciou uma conversa com a simples frase:
- Pivete, esse café tava ruim, não tava?
- Bem... Um pouco...
- Preste atenção, se você fizer minha filha sofrer, você vai fica pior que esse café. - ele disse isso com uma voz muito assustadora, eu fiquei calado tremendo muito, pra quebrar o gelo, a Fary veio pulando e o disse:
- Vamos Nath? Nós aida temos que passar no apartamento da Amy!
- B-b-bem... v-vamos...- A Fary dei um beijo no Sans e saímos, mas uns 3 segundos antes o Sans me olhou com um olhar de tipo MORTE NA CERTA. Nós estavamos quase chegando lá.

                                                   P.O.V Amy
Eu tava pronta pra saír com a Fary, o Nath e com o Fresh. Sim, vamos sair todos juntos... Já to vendo que vai rolar briga entra a Fary e o Fresh... 

                                           ~ Quebra tempo de 8:00 minutos~
Quando eu menos esperava, a Fary me chamou, então eu e o Fresh descemos e eu abri a porta, persebi que o Nath tava meio assustado e a Fary tava mais animada do que o normal. Nós então fomos para o parque e ficamos indo nos brinquedos lá, a nossa sorte é que era só agente comprar umas fitinhas por 30 conto, sim, 30 conto, mas se agente comprasse 1 ai podiamos ficar 24 fucking horas andando nos toys ( brinquedos ) sem pagar miseria nenhuma! Então cada um comprou a sua fitinha e fomos em uns brinquedos bem LOKOS lá. Quando era umas 9:00 da noite, nos fomos embora cada um para a sua casa. Quando eu e o Fresh chegamos no apartamento, eu subi e fui pro meu quarto e ele foi pro quarto dele e fomos dormir. Quando estava de madrugada ( 3:00 da madruga ) eu acordei porque tava um frio da PEGA! Eu então eu tomei coragem, peguei meu travesseiro e meu cobertor e fui diretamente até a porta do quarto do Fresh, assim que eu cheguei la, eu bati 4 vezes na porta e ele foi la atender com uma cara de sono muito fofa :3! Eu então falei meio envergonhada:
- F-Fresh.... E-eu posso dormir a-ai com você? - Eu percebi que ele tava meio corado, ele fica muito fofinho assim....
- Bem.... P-pode...- Eu então entrei e nós nos deitamos ( autora: eles dormiram juntos... hummmmmm ) eu então fechei meus olhos lentamente e percebi que o Fresh estava olhando para mim, eu corei um pouco mas ignorei e dormi.

                                                              P.O.V Fary
Assim que deixamos a Amy e o Fresh no apartamento deles, o Nath me deixou na minha casa, óbvio eu lhe dei um beijo e entrei. A casa estava toda escura.
- Aposto que meus pais já foram dormir - cochichei para mim mesma e subi para o meu quarto, coloquei meu pijama e me deitei, mas não consegui dormir pensando no baile... Vai ser depois de amanhã.... Ai ai.... Depois de umas 2 horas eu consegui dormir.

                                          No outro dia exatamente as 9:00 da manhã  
Eu tava dormindo profundamente até que sinto alguem pulando em cima de mim ( para ser mais exata, na barriga ) eu então abro os meu olhos me levanto e vejo a Pyra, sempre pirralinha...mesmo assim eu amo ela. E me levantei e tirei ela de cima de mim e disse:
- Iai Py, tudo de boas?
- Sim e você?
- Bem... Vamos descer.
- Ok :3 - Nós descemos e eu dei um abraço na minha mãe e no meu pai. Eu peguei um cookie e subi pro meu quarto de novo e fui desenhar.

                                             1:00 hora depois
Eu parei de desenhar e coloquei minha roupa normal e sai de casa. Fiquei andando até que a Mary me aparece ( autora: sabe Fary, deve ter tipo pentagrama satanico por ai, não?. Fary: Deve ser.... ) eu tentei sair mas aquela PUTA segurou meu braço, eu então me virei e disse:
- Que que cê que o piranha?
- Quero que você saia do meu caminho!
- Rrrrrrrrr! Que MERDA! Eu tava saido e tu que veio me encher o saco!
- Sua... sua....
- Quer saber? Vamos resolver essa parada em um lugar melhor! - Nós saímos e fomos até um lugar sem pessoas. Só nos estavamos lá. Eu larguei minha bolsa no chão e tirei minha blusa de frio e taquei ao lado da bolsa. Fechei meus olhos e um deles ficou azul meio amarelado. Mary se preparou e veio para cima de mim correndo e quando chegou bem perto, ela ia me dar um soco, mas eu segurei sua mão e a taquei longe. Minha ALMA veio acima de mim e a dela também ( a ALMA dela é uma vermelha escura com rosa que significa "metides" ) começamos a luta e eu admito que ela é forte, mas tem uma fraqueza muito grande que é um inceto chamado BARATA ( autora: ouuuu seja, ela tem medo dela mesma :3 ) eu posso até ter um certo receio de baratas, mas eu não tenho tipo um MEDO de baratas. Eu então invoquei um clone meu que a atacou, enquanto isso, eu preparava um poder novo que eu tinha desenvolvido treinando com o meu papi que é invocação de animais ou incetos. Eu então coloquei minha mão sobre o chão e invoquei 7 baratas. Assim que Mary as viu, ela ela ficou tremendo e suando frio, eu dei um sorriso de lado, ela então se teletransportou para atraz de mim e ia me dar uma facada, mas eu me teletransportei para atraz dela e preparei um gaster blaser e ia a atacar, mas não a ataquei e apenas disse:
- Olha Mary, se você OUSAR segurar meu braço de novo, EU MATO VOCÊ!!! - Falei isso de forma meio assustadora, andei até minha bolsa e a peguei junto a minha blusa de frio e me retirei do local, mas antes eu invoquei mais 9 baratas e sai com um sorriso de canto no rosto e ela estava pulando de medo. Cheguei em casa e fui direto mexer no pc. Fiquei la assistindo canais no yotube e desenhando no pait ( minha vida )
até que minha mãe me chama., eu então fui até ela e ela falou que tinha uma pessoa querendo me ver, então entrou um menino na sala e quando ele se virou para mim, eu quase chorei, fui correndo o abraçar, serio, eu não imaginava que iria ve-lo novamente.... Ai você me pergunta quem é, é meu melhor amigo Alan, quando eu era pequena, ele foi meu primeiro amigo. Nós sempre brincamos antes de eu me mudar para essa cidade. Depois de um tempo eu parei de abraça-lo e disse:
- Pensei que nunca mais ia te ver... Você não mudou nada...
- Você também não! Tá a mesma baixinha!
- B-baka... - Nós ficamos conversando até que alguem tocou a campainha, eu logo fui atender e antes de eu ver quem era, Alan disse que ja ia embora, se despediu de mim e foi para a sua casa. Quando eu me virei para ver quem era, era a Nia!!! Uma das minha melhores amigas! Eu lhe dei um abraço bem apertado e ela retribuiu, eu a chamei para entrar mas ela disse que só queria me dizer algo:
- Fary, já que faz um tempão de nós não nos vemos, quital agente sair hoje a noite?
- Claro Ni :3
- Bem, só isso mesmo, bye :3
- Bye- Ela foi embora e eu subi para o meu quarto, coloquei meu celular para dispertar 7:00 da noite e fui dormir bem feliz por ter revido meu 2 amigos.

                                                             Continuaaaaaaaaaaaaaaa


Notas Finais


Espero que todos vocês tenham gostado do cap. Até o próximo cap e sayonara :3 E isso é pros criadores dos personagens: Alan e Nia. Isso é caso vocês não tenham gostado da ideia da Nia e o Alan serem amigos distantes da Fary. Bem, agora sim, sayonara :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...