História A Novata Virgem - 1Temporada - Capítulo 111


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ecchi, Harem, Hentai, Original, Yuri
Visualizações 30
Palavras 1.165
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Harem, Hentai, Romance e Novela, Yuri
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Desculpem pela demora!!!!
Que meu pc deu problema e mandei para arrumar.
Ou seja? Estou usando um provisório só para não deixar fic parada
Capítulos todos os dias.

Capítulo 111 - Helena POV - Parte 1


Helena POV – Parte 1

 Não acreditava que ela teve coragem de dar as caras aqui depois do que ela fez no ano passado. Fiquei calma não queria brigas de novo.

Helena: Que faz aqui Francine?

Francine: Vim pedir desculpas... Devolver uma coisa.

Helena: Que?

Francine: Dinheiro que você me arrumo, tudo está aqui pode contar se quiser e eu sei fiz foi errado. Parou tudo por mim sinto muito mesmo de verdade.

Helena: Tá tudo bem, pode ficar com metade.

Francine: Obrigada... Como está indo restaurante?

Helena: Bem... Na medida do possível.

Francine: Li matéria sobre sua irmã, médica não é?

Helena: Sim...

Francine: Fiquei surpresa com que eu li, realmente está muito bonita.

Helena: Vamos. Eu tenho que ir para casa quer uma carona?

Francine: Não, eu vou ver um amigo. Obrigada Helena, até mais.

Helena: Se cuida garota...

 Verifiquei mais uma vez para ter certeza que fechei tudo, só então desliguei todas as luzes e tranquei restaurante. Entrei no carro e fui para casa.

 Assim entrei Chris mexia notebook, ao seu lado Henry que pego no sono. Levei-o até seu quarto. Depois tomei banho para relaxar pouco. Coloquei outra roupa eu fui comer já que hoje não deu tempo.

Chris: Difícil hoje?

Helena: Nem me fale... Como ainda por lá?

Chris: Bem, propósito eu li matéria da sua irmã eu fiquei surpreso ao saber que ela deu volta por cima realmente.

Helena: Já estava na hora... Tudo bem com nosso garoto?

Chris: Sim... Não se preocupe, ele já quase um adolescente.

Helena: Eu sei... Francine devolveu resto do dinheiro, fiquei surpresa quando ela tiro envelope da bolsa. Peguei metade ela ficou com resto.

Chris: Vou me deitar, amanha tenho que levantar cedo.

Helena: Tá... Vou depois.

Chris: Ok...

 Todo mundo até mesmo no restaurante falava sobre matéria, decidi ler para saber pouco mais. Realmente fiquei surpresa com grande mudança da vida dela. Casada e tem uma linda filha, belo homem também.

 Tudo isso me fez lembrar alguns anos atrás... Quando ela ainda namorava Nisha e de tudo que aconteceu. Como será que estão agora? Conseguiram virar aquela pagina seguiram em frente?

 Apesar de ter passado 15 anos...

...

...

Manhã seguinte. Tive que levar Henry para escola. Coisa que não faço a muito desde que passei trabalhar bastante no restaurante. No cominho fizemos algumas paradas e comemos juntos como mãe e filho.

Henry: Papai saiu cedo hoje né?

Helena: Sim... Não e bom sair comigo?

Henry: Claro que é... Faz tempo que não fazemos isso.

Helena: Como vai escola?

Henry: Bem... Só estou tirando notas boas e entrei para time de futebol.

Helena: Incrível... Então vamos?

Henry: Só mais um mãe? Por favor?

Helena: Ok... Mais comeremos no caminho ta?

Henry: Sim!

 Pedi a conta, seguida comprei outro lanche e seguimos nosso caminho até escola eu parei quase próximo do portão. Deu tempo de ele finalizar hambúrguer. Jogo pouco de higiene bocal e assim que abriu portão dei beijo nele e seguiu para dentro escola e aceno para mim.

 Ainda tinha tempo sobrando antes de ir para restaurante, passei na casa da minha mãe Sarah. Soube tinha voltado de viagem faz pouco tempo. Eu não sei se vai ficar aqui ou ela tem outro lugar em mente. Tava hospedada num apartamento pequena o que me fez suspeitar que ela não ira lugar algum. Bati na porta ela abriu e me mando entrar.

Sarah: Filha! Veja só você tão crescida.

Helena: Mãe, por que está nesse apartamento?

Sarah: Esse meu, como vai restaurante?

Helena: Bem, senhora vai ficar?

Sarah: Sim... Por mais que mundo de? Melhor eu ficar aqui perto de você. Eu senti a sua falta querida... Quinze anos longe me deixo doida.

Helena: Senti sua falta também... Eu me casei mãe sabia?

Sarah: Claro que eu sei... Ele tão bonito meu neto, mesmo sendo pouco nova para ser avó mais não importa... Que gato seu marido em... Belo jornalista.

Helena: Eu o amo muito, ainda trabalha com médica?

Sarah: Sempre vou ser médica querida, mesmo estando parada. Mais acho que eu devo fazer outras coisas.

Helena: Então preciso da senhora no meu restaurante, estou vendo estou passando mais tempo lá do que com ele. Entendeu?

Sarah: Claro que sim querida, eu percebi isso também. Como foi deixe-la na escola?

Helena: Incrível... Ele sente minha falta, apenas eu não percebi.

Sarah: Também fiquei sabendo da Anne... Quando li sobre ela? Uau, incrível como ela conseguiu.

Helena: Pensei mesmo.

Sarah: Então começo amanha, sei onde fica seu restaurante.

Helena: Ótimo, obrigada mãe... Tenho voltar, Layssa já está mandando mensagens.

Sarah: Vou arrumar aqui e passo lá hoje. Ok?

Helena: Tá! Estarei esperando.

 Deixei casa da minha mãe e fui direto para restaurante, ele já estava cheio. Só deu o tempo de colocar meu uniforme e fui para trás do fogão preparar os pedidos que via todo momento.

 Mais uma vez dia corrido, e quando movimento deu acalmado no final da tarde que fui comer alguma coisa no escritório. Depois me deite no sofá pouco para descansar e que recebo ligação da escola do Henry dizendo que ele se machucou.

 Foi bem na hora minha mãe apareceu, mandei-a ficar na cozinha enquanto fui até a escola. Fui feito um foguete. Cheguei tão rápido que só fiquei calma quando o vi não foi quase nada apenas cortinho pequeno na testa.

Helena: Oh meu deus... Que susto, Laiyla como aconteceu?

Laiyla: Foi durante uma brincadeira, sentimos muito pelo ocorrido.

Henry: To bem mãe, não foi nada.

Helena: Eu sei... Vim voando.

Laiyla: Ele está dispensado por hoje, amanhã não terá aula por causa da reforma.

Helena: Ah sim eu sei... Obrigada Laiyla.

Laiyla: De nada, e até mais Henry!

Henry: Tchau professora.

 Saindo da escola, mandei uma mensagem para Layssa perguntando se estava tudo bem ela disse que sim e que minha mãe estava dando conta. Fiquei surpresa quando ela disse isso. Liguei para ela para ter certeza.

Helena: Então?

Layssa: Sua mãe incrível... Ela ótima na cozinha, acho teve onde puxar não é?

Helena: Sério? Uau... Então vou ficar com Henry em casa por hoje qualquer coisa só me avisar ta?

Layssa: Tá! Deixa comigo, eu aviso.

 Enfim, entrei no carro e fomos para casa.

 Mandei-o ir tomar banho enquanto preparava algo para ele comer, fazia tempo que eu não fazia comida em casa. Chris só come coisa no trabalho então preparei prato favorito dele.

 Eu também tomei aquele banho para relaxar pouco, coloquei comida fomos para o sofá aonde vimos filme juntos. Passamos tarde divertida. Quando anoiteceu levei ele até quarto estava cansado e logo pego no sono outra vez.

 Esperei por Chris mais ele chegaria tarde hoje, peguei os pratos levei até cozinha, os lavei e deixei janta dele pronta dentro microonda. Voltei para sofá e peguei notebook quando aparece uma noticia de que Anne estaria Nova York para conferencia anual ela viria acompanhada da filha dela Amber.

 Depois de quinze anos? Ela decide voltar?

 Como será vai ser nosso reencontro?

POV Helena

Concluído


Notas Finais


POV da Helena concluído!
No próximo capitulo começa o da Nisha! Capitulo vai ser grande e promete mais ou menos 3.000 ou mais.
Então aguardem!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...