História A obsessão - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Criminal Minds
Personagens Aaron Hotchner, David "Dave" Rossi, Derek Morgan, Dr. Spencer Reid, Jennifer "JJ" Jareau, Penelope Garcia, Personagens Originais
Visualizações 14
Palavras 757
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Hentai, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - The girl


Aimee estava nervosa, ela faria a entrevista para a UAC, que seu irmão conseguira para ela,  não queria colocar tudo a perder, apesar de ter que vivenciar dia após dia mais coisa sobre assassinatos e assassinos cruéis.

Ela sempre pensava no pior, e se eles não a aceitassem por ter sido a obsessão do assassino? E se ela não fosse boa o suficiente? Seu irmão vivia contando para ela que eles tinham um prodígio na UAC, Doutor Spencer Reid, não precisariam de outro, ainda mais alguém como ela.

O apito do elevador tocou e ela foi seguindo a instruções até a sala do agente Hotchner.

POV'S Aaron Hotchner

Havia acabado de chegar um novo caso, um sádico que já matou dois homens a facadas. Porém, ao invés de ir a reunião da minha equipe, eu deveria informar a senhorita Blancher que seu trabalho começa hoje. As batidas na porta anunciavam que ela já chegara e não me surpreendi ao ver a garota de cabelos negros cacheados entrar na sala.

- Senhorita Blancher, sou o Agente Hotchner, chefe da equipe da UAC em que você estará agora.

- Senhor Hotchner, Simon fala muito do senhor, é uma honra estar em sua equipe.

 - Sei que é muito cedo, mas temos um caso agora, ele será sua entrevista de emprego.

A garota oscilou um pouco, e observava minha sala com atenção.

- Eles vão me aceitar bem? As pessoas geralmente me evitam quando sabem quem eu sou.

POV'S Aimee

Hotchner ria. Acho que a pior ideia da minha vida foi vir para a UAC. Vou anotar na minha lista de coisas pra fazer, nunca, mas nunca mais ouvir meu irmão.

- Nós trabalhamos prendendo serial killers, acha que vamos nos importar se o alvo de um deles estiver trabalhando aqui? - Hotchner disse, talvez eu esteja sendo paranóica em pensar que eles me recusariam pelo que ele fez. - Vamos, ainda tem toda uma equipe pra conhecer. E Blancher, me chame de Hotch, seu irmão é um grande amigo e acredito que você será uma também.

- Obrigada, Hotch.

Estavamos na frente da sala de reuniões.

- Não se assuste com a García. - Disse ele abrindo a porta e entrando logo em seguida. - Antes de começarmos, devo anunciar nossa nova integrante, Aimee Blancher, o caso será como um teste. 

Uma mulher loira correu e me abraçou com força. Ela usava roupas extravagantes e bem coloridas, me deixando meio envergonhada da minha calça branca e blusa preta.

- Sempre esperei ter alguém que não parecesse tão durona na equipe. - A loira parecia muito animada.

- Pega leve, baby girl, ela pode se assustar. - Falou um moreno, rindo da cena.

- Vocês vão dizer que ela não é fofa? - A loira me apertava como se a vida dela dependesse disso.

-Garcia tem razão, ela é uma gracinha. - Uma morena falou olhando nos meus olhos.

- Blancher, essa é Kate Calahann, Penelope Garcia, Derek Morgan, Jennifer Jereau, David Rossi e o Doutor Spencer Reid. -   Hotch me apontava cada um deles, e automaticamente eu começava a analiza-los, sei que eles fariam isso comigo. - Vamos nos sentar e começar, o jato sai em 40 minutos.

...

POV'S Spencer Reid

Aquela era a garota. Eu estudava o caso dela desde que entrei na UAC, o assassino nunca foi pego e o irmão dela quase fora morto. O agente responsável pelo caso dela era o Gideon, e eu o via no seu tempo livre o analizando e acabei querendo participar também, eu tinha visto uma foto dela quando era mais jovem, mas nunca imaginaria que um dia eu a conheceria, muito menos que trabalharia com ela.

Gideon falou que eu estava ficando obcecado por ela, mas eu nem sequer a conhecia, ela nem parecia real pra mim. Era como estudar um sonho, estudar algo inexistente. Mas ver ela ali, me fez perceber que era real, e todo o terror que ela passou também.

Ela prestava atenção em tudo, nossos nomes, rostos, atitudes. Ela parecia estar lidando bem com toda a situação, mas apesar de manter a compostura ao ver as cenas do crimes pelas fotos, eu pude ver o quanto ela estava apavorada e quebrada.

POV'S Aimee Blancher

Eu estava lidando bem, todos foram legais comigo, somente Reid não falou comigo e ficou somente me olhando, como se estivesse fazendo meu perfil. A Garcia falava sobre os dois homens mortos, Joseph Harrison e Mike Smith, ambos mortos com multiplas facadas no abdomen, e mesmo eu não querendo, as cenas me deixavam meio enjoada.

Eu tentava buscar alguma ligação entre os dois, mas era um imenso vazio, e ter o Doutor me olhando não ajudava muito.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...