História A onde tudo começou - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Tags Erza, Gajeel, Gale, Gray, Gruvia, Jerza, Juvia, Levy, Lucy, Nalu, Natsu
Exibições 84
Palavras 2.370
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Ecchi, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


pessoas espero que gostem se gostarem comentem por favor que me deixa com mais animo para postar :)
desculpa qualquer erro de ortografia
essa fanfic vai ter duas musicas, se vocês quiserem ler a fanfic as escutando.

Capítulo 6 - Capitulo 6- vamos formar uma banda?


Fanfic / Fanfiction A onde tudo começou - Capítulo 6 - Capitulo 6- vamos formar uma banda?

Capitulo 6- vamos formar uma banda?

Lucy on

Continuando... Como já disse milhares de vezes, eu e a cambada nos tornamos grandes amigos, e eu sempre ficava falando do Japão, mesmo não gostando das pessoas de lá eu amava o Japão. E de tanto eu falar todos começamos a fazer aulas de japonês, eles disseram que também querem conhecer o Japão junto comigo e que não querem depender de mim para traduzir tudo, eu fiquei muito feliz de saber que eu não vou voltar pra lá sozinha.

Acho que vou contar mais uma de nossas incríveis ideias, então senta que lá vem historia.

Então, me lembro de muito bem daquele dia, eu estava conversando com Levy até os meninos chegarem animados:

Gajeel- vocês não acreditam o que o Gray esta fazendo

Levy- pelo amor de deus me diz que não ta namorando uma puta- disse com medo da resposta, os meninos sempre foram badboys, mas nunca aquele tipo que vive pegando mulher e jogando fora. Eu sempre soube que Gajeel era apaixonado por Levy e ela por ele mais o orgulho dos dois era muito grande. E Gray que eu saiba só teve uma namorada que não durou muito tempo porque ele mesmo disse que se fosse para namorar alguém que ele não ama então ele não namoraria.

Gray- muito engraçado, Gajeel me convenceu a voltar a tocar bateria- disse feliz.

 Lucy- eu nem sabia que você tocava

Gray- eu parei de tocar quando minha mãe morreu, eu sempre tocava com Gajeel, ele sempre tocou baixo. Desde então sempre vivia tentando me convencer a tocar até que eu decidi que deveria superar isso.

Levy- que bom Gray desde que eu conheço vocês Gajeel sempre me falou que você era muito bom, eu também toco. Quando era mais nova minha mãe me obrigou a aprender órgão aquele piano esquisito. Mas eu a convenci a me deixar a tocar teclado mesmo. E você Lucy?

Lucy- eu o que?

Gray- mais é lerda em- disse e eu me emburrei- eu toco bateria, Gajeel baixo e guitarra e Levy teclado, o que queremos saber é se você toca alguma coisa?- disse bem lentamente

Lucy-bem, de uns tempos pra cá eu queria aprender a tocar guitarra, mas acho que eu não conseguiria- disse triste.

Gajeel- eu posso te ensinar- ele disse e eu me animei

Lucy- serio?

Gajeel-porque eu mentiria?

Lucy- sei lá você sempre zoa com a minha cara.

Levy- isso é verdade.

Gajeel- eu sei que sempre zuo com sua cara, mas é impossível de parar- disse rindo- você da cada brecha.

Gray- ai eu tenho que concordar

Levy-eu também

Lucy- ta já entendi- disse brava- quando você pode me ensinar?

Gajeel- você pode ir hoje à minha casa, ai você pode ver o Gray tocando também.

Levy-também quero- disse erguendo a mão

Gray- tudo bem lá tem um teclado e você pode tocar também

 Levy- legal

---------- quebra-----de------tempo-------

Eu e Levy fomos até a casa de Gajeel e Gray, não foi a primeira vez que a gente tinha ido La. A mãe de Gajeel é muito simpática e eu adoro a irmã dele. Quando chegamos tocamos a campainha e Wendy nos recebeu

Wendy- Lucy, Levy- disse nos abraçando- eu nem sabia que vocês vinham

Lucy- o Gajeel não falou nada pra você?

Wendy-nada se acredita- Wendy era uma menina muito simpática e fofa, mais assim como Levy às vezes tem crise de bipolaridade.

Lucy- Wendy pode nos levar a onde os meninos estão?

Wendy – claro, eles estavam montando os instrumentos na garagem.

Quando chegamos lá tinha uma bateria, um teclado, um baixo e duas guitarras e três microfones.

Lucy- eita, seis tão podendo em- disse rindo.

Eles se viraram e falaram

Gray- claro, para alguém do meu nível tem que ter um instrumento de classe- disse debochado, Gray não é nem um pouco metido só fica assim quando esta brincando com a gente nem com a família ele é assim.

Levy- então vamos começar?

Wendy- eu também quero tocar

Lucy- você toca Wendy?

Wendy- Gajeel me ensina desde pequena e eu sou melhor que ele

Gajeel- é nada

Wendy- sou sim. Meu filho você tem que aceitar que o aprendiz ultrapassou o mestre.

Depois dessa Gajeel ficou quieto e a gente começou a rir

Lucy- porque vocês não tocam um pouco primeiro e depois o Gajeel me ensina?

Levy- tudo bem, mas quem vai cantar?

E como se fosse combinados todos olharam para mim e disseram:

Todos: a Lucy

Lucy- porque eu?

Gray- porque você sempre fica cantando quando esta com os fones de ouvidos e sua voz é linda.

Gajeel- bunny girl ele tem razão não gosto de admitir, mas você é muito boa

Levy- viu Lucy- disse sorrindo- você canta- ordenou

Lucy- tudo bem, que música?- disse me rendendo

Levy- você escolhe

Lucy- vocês conhecem a abertura de fullmetal alchemist, melissa?- tenho que dizer que desde pequena eu sempre fui fascinada por animes e essa é uma das minhas aberturas favoritas.

Como todos também adoravam animes todos assentiram. Ficamos em posição: Gray na bateria, Levy no teclado, Gajeel no baixo, Wendy na guitarra e eu no microfone. Respirei e comecei a cantar:

Com a sua mão, no meu coração

Destrua tudo que me fez sorrir

Acabe com a dor, tristeza por amor você pode mudar

Já é hora de abrir os olhos, ver o sol nascer

 

E outra vez vai embora sem me dizer porquê

Eu não sei quanto mais meu coração vai poder agüentar

Vejo um pássaro no céu, livre a voar

Deve estar indo pra longe daqui, onde o vento levar

 

Vá, me leve com você

Para onde você for

Para qualquer lugar

 

Pode ser o mais alto que puder

Pra longe

De tanta gentileza, de tudo que há no mundo, posso ir e...

 

Com a sua mão, no meu coração

Destrua tudo que me fez sorrir

Acabe com a dor, tristeza por amor você pode mudar

Já é hora de abrir os olhos, ver o sol nascer

 

Sinto a brisa que me leva a continuar

Pelo ar quero seguir com ou sem asas pra me levar

Como flor de Melissa solta à dançar

Por aí, sem compromisso eu vou até onde eu puder chegar

 

Eu vou achar o meu lugar

Se eu me libertei

Posso me encontrar

 

Mesmo sem respostas pra buscar

Ou mesmo

Vento sem direção, com meu destino ou não, vou seguindo

 

Com a sua mão, prendeu meu coração

Já me aprisionou, me deixe onde estou

A chave se perdeu, agora sabe que eu não posso mais fugir

É, agora eu já não posso mais ver o sol nascer

 

A alma vai quebrar, meu tempo acabar

E quando acontecer, a luz irá nascer

E ela vai estar, para sempre brilhar bem alto lá no céu

Dará brilho a uma linda noite com o seu luar

Eu cantei com tudo o que eu tinha pois essa musica significa muito pra mim, eu sempre a ouso quando sinto saudade do Japão ou do natsu, a gente vivia escutando essa musica juntos. Quando terminei de cantar ficamos em silencio até Gray falar:

Gray- vamos formar uma banda

Lucy- se ta doido?

Levy- a vai Lucy a gente foi muito bem e você foi incrível

Lucy- minha fia e quem vai querer que a gente toque?

Gajeel- a gente não precisa tocar pra outras pessoas. Podemos ficar na minha garagem, vamos tocar para nos mesmos para ficarmos felizes não para agradar os outros.

Lucy- se for assim eu topo e vocês?

Levy- claro

Wendy- eu também

Gray- é isso ai já que todos aceitaram vamos treinar para o show de talentos da escola

Lucy- que historia é essa?

Gray- nem vem Lucy você já aceitou e você disse que nunca volta atrás na sua palavra porque esse é seu jeito ninja – disse rindo

Lucy- já falei que aquilo era uma fase- disse ficando vermelha- mais é verdade eu concordei então vamos ensaiar

Gajeel- é isso ai. Mas qual o nome da banda?

Ficamos pensando até que eu disse:

Lucy- The celestial dragoons

Levy- adorei

Wendy- eu também – disse feliz

Gray- tudo bem vai ser esse, agora vamo ensaiar cambada.

---------quebra-----de-----tempo -----------

Era dia do show de talentos já havia passado alguns meses então já estava tocando mais ou menos a guitarra mais dessa vez decidi não arriscar já estava muito nervosa só de cantar. Sem me gabar mais eu estava um arraso estava com uma blusa preta do skillet, uma calça jeans rasgado e claro minhas pulseiras amadas. A cambada estava muito bonita também todos case do mesmo estilo que eu.

 Diretor- e agora the celestial dragoons- quando falou pensei que meu coração ia sair pela boca mais mesmo assim eu subi no palco não podia voltar agora então ele continuou- tocando numb do link Park.

Eu estava muito nervosa, mas no momento que eu comecei a cantar o nervosismo passou:

Numb

 

I'm tired of being what you want me to be

Feeling so faithless, lost under the surface

I don't know what you're expecting of me

Put under the pressure of walking in your shoes

 

Caught in the undertow, just caught in the undertow

Every step that I take is another mistake to you

Caught in the undertow, just caught in the undertow

 

I've become so numb

I can't feel you there

I've become so tired

So much more aware

 

I'm becoming this

All I want to do

Is be more like me

And be less like you

 

Can't you see that you're smothering me?

Holding too tightly, afraid to lose control

'Cause everything that you thought I would be

Has fallen apart right in front of you

 

Caught in the undertow, just caught in the undertow

Every step that I take is another mistake to you

Caught in the undertow, just caught in the undertow

And every second I waste is more than I can take

 

I've become so numb

I can't feel you there

I've become so tired

So much more aware

 

I'm becoming this

All I want to do

Is be more like me

And be less like you

 

And I know

I may end up failing, too

But I know you were just like me

With someone disappointed in you

 

I've become so numb

I can't feel you there

I've become so tired

So much more aware

 

I'm becoming this

All I want to do

Is be more like me

And be less like you

 

I've become so numb

I can't feel you there

I'm tired of being what you want me to be

 

I've become so numb

I can't feel you there

I'm tired of being what you want me to be

(tradução)

Insensível

 

Estou cansado de ser o que você quer que eu seja

Me sentindo tão sem esperança, perdido abaixo da superfície

Eu não sei o que você está esperando de mim

Vivendo sob a pressão de seguir seus passos

 

Pego pela correnteza, simplesmente pego pela correnteza

Cada passo que eu dou é outro erro para você

Pego pela correnteza, simplesmente pego pela correnteza

 

Eu me tornei tão insensível

Não posso te sentir aí

Fiquei tão cansado

Tão mais consciente

 

Eu estou me tornando isso

Tudo o que eu quero fazer

É ser mais eu mesmo

E ser menos como você

 

Você não consegue ver que está me sufocando?

Segurando tão apertado, com medo de perder o controle

Porque tudo o que você pensou que eu poderia ser

Desmoronou bem na sua frente

 

Pego pela correnteza, simplesmente pego pela correnteza

Cada passo que eu dou é outro erro para você

Pego pela correnteza, simplesmente pego pela correnteza

E cada segundo que perco é mais do que eu posso suportar

 

Eu me tornei tão insensível

Não posso te sentir aí

Fiquei tão cansado

Tão mais consciente

 

Eu estou me tornando isso

Tudo o que eu quero fazer

É ser mais eu mesmo

E ser menos como você

 

E eu sei

Eu posso acabar falhando também

Mas eu sei que você era como eu

Com alguém desapontado com você

 

Eu me tornei tão insensível

Não posso te sentir aí

Fiquei tão cansado

Tão mais consciente

 

Eu estou me tornando isso

Tudo o que eu quero fazer

É ser mais eu mesmo

E ser menos como você

 

Eu me tornei tão insensível

Não posso te sentir aí

Estou cansado de ser o que você quer que eu seja

 

Eu me tornei tão insensível

Não posso te sentir aí

Estou cansado de ser o que você quer que eu seja

Quando eu terminei de cantar todos aplaudiram, eu demorei um tempo para entender que havia acabado e que eu tinha me saído bem. Levy chegou por trás e me abraçou:

Levy- lu você foi incrível

Lucy- vocês também- disse sorrindo- agora vamos esperar o resultado- disse e ela concordou

Depois de muitas apresentações chegou a grade hora eu estava a ponto de desmaiar de tanta expectativa até que o diretor começou a falar:

Diretor- bom como podemos ver tivemos grandes apresentações hoje. Mas somente uma sairá vencedora- fez uma grade pausa- e os ganhadores desse ano foram- mais pausa, o cara chato- os the celestial dragoons.

Quando ele falou isso só ouvi os gritos da plateia. Tinha ganhado, eu não estava acreditando. Há um pouco mais de um ano atrás eu jamais imaginaria que eu teria amigos e agora ganharia um show de talentos. Comecei a chorar até sentir varias pessoas me abraçando quando eu olhei a cambada toda estava me abraçando.

Gray- ei não precisa chorar- disse chorando também

Levy- olha quem fala- disse com lagrimas nos olhos- você é uma mocinha

Gajeel- você não esta muito diferente dele baixinha- ele não estava chorando mais dava pra ver que estava emocionado.

Wendy- vamos parar de chorar e vamos comemorar gente- falou enxugando as lagrimas.

Lucy- é isso ai- pegamos o premio agradecemos e fomos até minha casa e comemoramos a noite inteira, minha mãe tinha amado. Ela tinha adorou o meu novo visual e sempre me apoia em tudo, meu pai também nos deu os parabéns e comprou pizza, refrigerante e sorvete. E foi assim que passamos a noite toda.

Sabe eu estava muito feliz, mas mal sabia que minha alegria iria acabar logo.


Notas Finais


então o que acharam? gostaram? odiaram? comenta ai :)
vou colocar as musicas de novo vai que você não viu lá em cima
1°musica melissa:https://www.youtube.com/watch?v=GZ8T_UdSMFc
2°musica lumb link park: https://www.youtube.com/watch?v=kXYiU_JCYtU
<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...