História A Órfã - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Zayn Malik
Tags Drama, Incesto, Romance
Exibições 217
Palavras 1.569
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Heeey guys! Vocês ainda estão por aqui? Desculpe a demora, meus amores. Eu, pelo jeito, infelizmente, perdi tudo o que havia no meu notebook, então decidi que não seria tão difícil reescrever esse capítulo, uma vez que o outro que eu havia feito - que no caso, eu perdi - não ficou tão bom. Esse está bem melhor. Não ótimo, mas melhor.
Espero que ainda estejam por aqui, porque eu realmente aprecio cada uma de vocês, e eu senti saudades hehhe </3 espero que gostem!!
xoxo Laaaah <3
P.s.: Obrigada pelos 128 favoritos, meus amoooores, fico muito feliz que eu esteja agradando vocês com a minha fanfic xodó <3

Capítulo 15 - Quero ser seu primeiro.


Fanfic / Fanfiction A Órfã - Capítulo 15 - Quero ser seu primeiro.

ANTERIORMENTE EM "A órfã" 

- Porra eu vou gozar Melanie! Tira a boca! Eu... – Nem deu tempo de mais nada, logo seu jato já preenchia minha boca, foi estranho, deu ânsia, mas engoli o que consegui.

- Que sujeira Malik! – Falei rindo enquanto me recompunha no meu lugar.

Senti o carro dar uma virada brusca, era Zayn o colocando no acostamento.

- Minha porra Melanie! – Ele disse enquanto me puxava para seu colo e atacava minha boca.

(...)

**********************************************************************************************************************

Somos tão jovens
             Estamos na estrada para a ruína
             Nos fazemos de bobos
             Mas sabemos exatamente o que estamos fazendo - New Romantics 

Zayn’s POV

Eu estava inundado de sentimentos naquele momento, eu só conseguia pensar nas diversas maneiras de foder aquele corpinho magro bem no estofado do meu banco. Abandonei sua boca sedenta começando a beijar seu pescoço branquinho distribuindo pequenos chupões por ali, definitivamente não seria bom deixar marcas no pescoço dela.

- Z – Ela sussurrou com a voz tremula puxando meus cabelos.

- Shi, não fala nada se não eu desisto – Admiti, exasperado.

Analisei aquele corpo maravilhoso e voltei a me perguntar se aquela garota havia mesmo 16 anos. Ela estava me deixando louco, literalmente, louco. Ela prontamente atendeu meu pedido ficando caladinha e beijei seu tronco. Dei leves beijos por toda a extensão de sua barriga, chupei levemente a pele exposta de seu seio a fazendo estremecer, meu pau já estava começando a doer de tanto tesão.

Quando fui tirar seu sutiã uma batida forte no vidro do meu carro me fez afastá-la rapidamente, ela me encarou com os olhos arregalados e joguei sua blusa em sua direção, a qual ela vestiu o mais rápido que deu. Concertei minha cueca e subi minha calça, abaixando o vidro em seguida.

Droga! Mil vezes droga!

- Algum problema senhor? – O policial perguntou analisando o interior do meu carro e pousando seus olhos em Melanie.

- Hmmmm, nenhum – Falei tentando ao máximo soar convincente, mas eu estava no mínimo em pânico. Imagina se descobrissem e me tirasse ela. – Estávamos só conversando – Falei tranqüilo.

Um vidro fumê nunca tinha sido tão útil como naquele momento.

- Hm, cuidado na pista garotos – Ele avisou se distanciando em seguida e eu soltei um suspiro pesado.

- Puta merda essa foi por pouco – Comentei encostando minha cabeça no volante.

- Melhor nós irmos Z – Ela disse com uma voz baixa e eu assenti rindo sem graça.

- Não está com o maior susto da vida? – Perguntei dando partida no carro.

- Estou - ela me olhou profundamente – Mas valeu à pena.

Sorri de forma maliciosa e voltei a prestar atenção na estrada.

(...)

Melanie’s POV

 Zayn tinha parado num posto para comprar cigarro e eu havia ficado dentro do carro presa aos meus pensamentos. Eu não sabia o que sentia em relação ao Zayn, isso nunca havia me acontecido antes e droga! Porque eu não conseguia parar de pensar nas mãos dele me tocando e naqueles lábios me beijando.

- Voltei, trouxe pra você – Ele disse com um sorriso, me entregando uma barra de hershey’s e dois m&m’s

- Obrigada – Falei sorrindo e abrindo o chocolate.

- Você ta bem? – Ele perguntou percebendo o meu desconforto.

- Não Z – confessei encarando minhas mãos e o chocolate entre elas. – Isso que está acontecendo entre nós... Eu não sei o que pensar.

Ele me encarou, olho no olho, um olhar tão profundo que me deu um arrepio estranho.

- Vamos esquecer então, para o bem de nós dois. Eu sou seu pai agora – ele disse num tom sério e eu concordei de imediato.

- Nunca mais vai se repetir – Falei.

- Nunca mais – ele repetiu baixo, mas sem muita convicção na voz.

(...)

- Sunshine! – Uma mulher apareceu em nosso campo de visão, vindo na direção de Zayn. – Nossa como você está magro – Ela disse o abraçando forte, fazendo a gente rir. –Oh meu Deus, e você é a famosa Melanie? Ouvi tanto sobre você, querida.

Sorri sem graça sem saber como agir, quer dizer, essa mulher, parcialmente desconhecida era minha avó agora.

- É um prazer te conhecer...

- Pode me chamar de vó querida, não é como se eu já não estivesse acostumada. – Ela riu e eu enruguei minha testa.

- Minha mãe cuida de crianças – Zayn me explicou e eu sorri, abobada.

A partir daquele momento comecei a adorar aquela senhora.

- E eu estou muito animada com a idéia de o Z ter te adotado, fiquei muito contente quando soube da novidade – Ela disse sorrindo. – E agora vê se toma juízo Malik.

Zayn riu sem graça coçando a nuca.

- Venha, vamos entrar, Yaser ainda não chegou, mas as garotas estão ansiosas pra te conhecer Mel – Ela disse e eu franzi o cenho e Zayn sorriu pra mim.

Entramos na pequena casa e logo de cara vi três garotas, todas com um sorriso de orelha a orelha. A menor correu para abraçar Zayn e as outras duas vieram em minha direção.

- Ai meu Deus – Uma delas disse me assustando – Você é linda! – Sorri aliviada.

- Obrigada! Você também é linda, aliás, vocês são uma linda família – Comentei.

- Ela não é uma graça – Trisha falou sorridente.

- Meu nome é Waliyha, essa é a Doniya – Disse apontando para a que parecia ser a mais velha. – E aquela é a grudinho do Z, a Safaa – Ela riu e eu ri junto.

- Estávamos muito empolgadas pra te conhecer – Doniya disse.

Sorri amarelo, eu estava me sentindo meio deslocada apesar da bela recepção. Elas foram incríveis, me acolheram do mesmo modo que o Z e era tudo o que eu precisava, mas eu não sabia como agir, quer dizer, aquela era minha família agora, eu não podia corar a cada elogio que elas me fizessem.

- Melanie essa é a Safaa, ela quer te dar um presente – Zayn disse enquanto Safaa sorria alegremente.

- É um cordão com um “M” – Ela disse docemente – É tanto pra Melanie, como pra Malik. É um presente de todos nós – Ela disse de uma forma tão doce, que de repente meus olhos já estavam inundados de água.

Eu nunca havia me sentido tão amada como naquele momento.

- Obrigada! Isso é lindo! – Falo limpando o canto dos meus olhos, Zayn riu e veio em minha direção com o cordão em mãos. Ergueu meus cabelos e o prendeu em volta de meu pescoço, dando um beijo na minha nuca antes de soltar meus cachos.

Olhei em volta e vi Trisha num canto, sorrindo abobado.

- Que família linda a minha! – Ela disse, animada – Bom, podem subir e tomar um banho se quiserem, Yaser vai chegar a qualquer momento, fique a vontade querida – Trisha disse. – Irei terminar de aprontar o almoço, com licença – Ela disse se retirando da sala.

- Ela é incrível – Falei num sussurro para Zayn e ele sorriu, me dando um beijo na testa.

- Quer tomar um banho? – Perguntou e eu assenti.

Zayn me guiou escada acima até chegarmos a um quarto, presumi ser o dele, pois tinha algumas pichações maneiras.

- O quarto é uma suíte – Ele disse apontando para uma porta a direita. – Fique a vontade, minha linda.

- Obrigada Z!

Virei-me abrindo a pequena mochila que eu havia pegado e tirei de lá um conjunto de calcinha e sutiã e uma regatinha preta com uma calça azul clara. Pude ouvir a porta bater atrás de mim e presumi que Malik já havia saído.

Comecei a me despir, tirando minha blusa e em seguida meu short, deslizei minha calcinha pelas minhas pernas até tirá-la completamente, levei minhas mãos até o fecho do meu sutiã e bufei alto ao perceber que não estava conseguindo tirá-lo.

- Deixa eu te ajudar – Ouvi aquela voz e dei um pulinho, sentindo suas mãos frias em contato com as minhas costas.

Ele abriu o sutiã com facilidade e passou as mãos sob meus ombros os acariciando, ele deslizou suas mãos desde aquele local até chegar a minhas mãos, e em seguida depositou um beijinho no meu ombro. Eu sentia minha intimidade latejar.

 - Oh meu Deus – Deixei escapar quando ele colocou meus cabelos para um lado e chupou minha orelha.

- Shiiiu, meu bem – Ele sussurrou e me virou pra ele. – Puta merda Melanie – Ele disse assim que me analisou dos pés a cabeça. – Você... É maravilhosa!

Sentia seu olhar queimar em cima do meu busto descoberto.

- To com muita vontade de você – Ele confessou e meus pelos se ouriçaram. – Desculpa, eu simplesmente não posso evitar.

Olhei em seus olhos, eles estavam mais escuros que o normal. Suas mãos num gesto rápido envolveram meu rosto o aproximando do dele, sentia sua respiração pesada e então seus lábios vieram de encontro ao meu, lento e docemente. Sua língua acariciou a minha e automaticamente minhas mãos foram para seu cabelo.

Zayn’s POV

Que aquela garota me levava ao delírio já não era mais nenhum segredo, ainda mais depois de vê-la daquela forma, ela era boa demais, era a coisa mais linda que eu já havia visto. Eu estava fascinado.

- Melanie – Sussurrei seu nome com os lábios colados aos dela, eu estava prestes a falar algo que não devia, mas quem liga? – Eu quero ser seu primeiro.

(...)

Se te amar é errado, eu não quero estar certo

Se estar certo significa estar sem você

Eu prefiro viver uma vida fazendo errado - If Loving You Is Wrong 


Notas Finais


Mil perdões se tiver algum erro gramatical, mas não deu tempo de revisar, tô saindo agora \o/ hehhehe
Espero que não tenha as decepcionado, girls!
P.s.: Amo esse casal! Couple Goals <3
Xoxo Laaah <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...