História A Origem dos Guardiões: O retorno do Rei dos Pesadelos - Capítulo 10


Escrita por: ~

Visualizações 190
Palavras 323
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Luta, Romance e Novela
Avisos: Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Toothiana sempre leva consigo a memória de seus amigos.

Capítulo 10 - Terceira parte: Toothiana nunca esquece um amigo


1999

            Abhay era tão corajoso que nunca recuou quando alguém o enfrentava. Era conhecido como “o protetor”, pois nunca deixava uma criança maior reprimir as outras. Principalmente se via alguém rebrimindo uma criança de casta[1] inferior a sua.

            Por isso, Abhay vivia perdendo os dentes em brigas. Sempre recolhia-os como prova de seus grandes feitos, mas toda vez que ia procurá-los nas gavetas da casa, haviam desaparecido. Em seu lugar, sempre encontrava uma moedinha.

            Abhay ficou tão intrigado com isso que resolveu arrancar o último dente de leite que lhe restava e ficar de tocaia para ver quem estava roubando seus dentes.

            Esperou… esperou… até que um colibri entrou pela janela. Era isso, então?! Um beija-florzinho estava roubando as provas de sua coragem?

            Abhay correu e prendeu a pobre criaturazinha em um copo. E que susto ele levou quando uma bela moça, metade pássaro, metade gente, invadiu a casa com suas duas espadas prontas para atacá-lo.

            Mas quando Toothiana viu que era apenas uma criança, incorporou todo o seu “que” de mãe e deu-lhe uma bela bronca… em Hindi! Abhay falava inglês muito bem, mas ficou ainda mais envergonhado por ter que ouvir a bronca em sua língua-mãe.

            Pediu muitas desculpas e chorou muito, pois havia feito algo muito feio, que traia todos os seus princípios como “protetor”. Toothiana aceitou suas desculpas e seu sorriso desdentado.

            Alguns anos depois Abhay, agora com 15 anos, perdeu um dente numa partida de futebol da escola. Por algum motivo, resolveu colocá-lo em baixo do travesseiro.

            Acordou bem a tempo de ver Toothiana virar-se para ele e sorrir antes de voar janela a fora. Em baixo de seu travesseiro, ao invés de uma moeda, estava o seu último dente de leite amarrado com um cordão de colar. Com ele, a memória da primeira vez em que vira aquela linda rainha.

            Toothiana nunca esquece um amigo.

 

[1] O sistema de casta é uma divisão social da sociedade Hindu. 


Notas Finais


Em breve, mais um capítulo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...