História A palavra que não se escuta - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Chara, Flowey, Frisk, Grillby, Mettaton, Napstablook, Papyrus, Sans, Toriel, Undyne, W. D. Gaster
Tags Undertale Sansy
Exibições 58
Palavras 483
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Escolar, Festa, Hentai, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


coisas inesperadas com a Frisk

Capítulo 5 - A noite quente


Fanfic / Fanfiction A palavra que não se escuta - Capítulo 5 - A noite quente

No dia seguinte, Mettaton sem nem tomar café, vai direto para o chuveiro tomar banho, quando saiu vestiu uma blusa tomara que caia, um short jeans bem curto,um salto preto tirando os acessórios,  Papyrus ao ver ela vestida daquele jeito fala:
-Aonde você pensa que vai com essa roupa?
-A padaria amor.
-Oque? tudo isso para ir à padaria? nananinanão! Pode colocar uma legge ou uma blusa melhor, sem mim você não vai e nem pense e me chamar porque eu não vou.
  -Ai, tudo bem então, papy querido.
Discutiram Papyrus e Mettaton.
  Frisk mais uma vez, até o quarto de Sans e ve se ele está dormindo, ele fingia dormir, porém Frisk sabia, ela se senta ao lado dele, coloca as mãos na barriga dele e da um selinho na boca dele, em seguida se aproxima de seu ouvido dizendo:
-Sans,me desculpe, por favor.
  Sans naquele momento abre os olhos e a empurra para longe dele dizendo:
-Saia de perto de mim! Desgraçada! Maldita! Eu não aceito o seu beijo, para mim você não presta!
-Sans ? Você me chateia muito, ja e a terceira vez que me machuca e diz que eu quem não presto?
  Disse Frisk chorando.
  Ao sair do quarto, vai para o quintal para pensar um pouco, fechou os olhos e começou a meditar por 15 minutos.
  Depois destes 15 minutos, ela vai tomar um banho, quando acaba,sem nenhuma roupa vai para o quarto de Sans, ele ao ver aquilo logo diz:
-Opá! Frisk oque e isso? Coloque uma roupa ou uma toalha.
-Não se faça de bobo,sei oque você quer ha, ha ande logo.
  Falou Frisk se aproximando de Sans:
-Nossa mais você esta tão sexy, quer que eu faça rosk rosk com você e isso mesmo?
  Perguntou Sans com um rosto meio safado:
-Oh, com prazer!
  Falou Frisk com as mãos na barriga de Sans.
  Então como Frisk queria rolou oque era para rolar(Rosk, Rosk), rolou uma coisa tipo"ai, ui, oh yes"a noite toda.
   No dia seguinte, Sans olha bem para Frisk e diz:
-bem, foi otimo ontem à noite mas eu so digo uma coisa, se você engravidar eu não vou cuidar dos filhos em, foi você quem quis.
   Frisk se retira do quarto e vai se vestir, o dia passou e Mettaton decide sair à noite:
-Papy querido,eu irei sair quer vir junto so chegarei amanhã.
  Falou mettaton:
-Não amor , pode ir dirvirta-se!
  Falou Papyrus.
  Depois que o religio bateu as nove, Frisk vai tomar banho e novamente não s veste, dessa vez vai ate o quarto de Papyrus e diz:
-Olá papy.
-NYEH! Olá Frisk, porque não esta vestida, esta sexy mas vá se vestir.
falou Papyrus:
-Não eu não quero, então oque vai fazer comigo esta noite presciso de alguem.
  Disse Frisk:
-Você quer que eu faça aquele negocio com você?
-Pode ser.
-Opá, bora lá!
   Comversaram Papyrus e Frisk.

Continua...


Notas Finais


no próximo capítulo, momento de perdão com Papyrus e Mettato e reencontraremos Chara.
Fiquem atentos no próximo capítulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...