História A Piramide Vermelha - outro lado da historia - - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~SashDaBatata

Visualizações 4
Palavras 1.249
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


se divirtam


voa leitura

Capítulo 2 - Porra já faz mais de três anos. vocês querem o que ?


Fanfic / Fanfiction A Piramide Vermelha - outro lado da historia - - Capítulo 2 - Porra já faz mais de três anos. vocês querem o que ?

~ Pov Zia off ~

~ Pov Neftis on ~

 

O dia começou normal como todos os outros, eu acordava antes do sol nascer e ia correr no bosque atrás da minha casa, corri 25 km por quatro horas, com meu famoso moletom de panda e quem se importa pro que eu visto ?? quem quem ?? isso mesmo. ninguem !! chego em casa suada e cansada por ter corrido mais que o normal, minha mãe me olha sorrindo da cozinha e já percebo que rolou alguma coisa, ela nunca acorda de bom humor.
- o que foi senhorita lisa ?? - pergunto rindo me aproximando dela, ela fecha um olho e tampa o nariz . 
- vai tomar um banho primeiro !!! depois eu lhe conto.  - ela se afastou de mim rindo e fui atrás dela com um sorriso malicioso.
- como assim ?? naaaooo !! quero saber agora !! - abraço ela pelas costas e sinto ela me estapear, solto gargalhadas pela sua reação
- aahh !!! noojo !! me solta menina !! saaai !! - ela berrava enquanto ria e eu ria junto virando ela pra mim . 
- conta logo mamãe !! - implorei com carinha de cachorro pidão, ela sorriu pra mim e tirou minha franja enorme da testa, beijando a mesma em seguida.
- vá logo tomar seu banho !! antes que eu me arrependa disso !! - emburro a cara e faço bico soltando ela e virando, sinto ela bater na minha bunda e rio alto saindo correndo pela cozinha subindo as escadas feito criança, enquanto mamãe falava alguma coisa e voltava a fazer o café. 

Entro no quarto apressada e começo a tirar a roupa. entro no banheiro bocejando e tomo um banho demorado e relaxante, lavo meu cabelo e hidrato o mesmo que fica macio e cheiroso - hmmm...cheirinho de morango...te adoro viado !!- falo com meu próprio cabelo, ele era comprido e loiro, meio liso e encaracolado, totalmente diferente do cabelo da minha irmã...minha irmã...porque diabos fui lembrar dela agora... sinto meus olhos meus olhos se enchem de lagrimas ao lembrar que fazia 3 anos que não a via, ela deve estar muito diferente...- merda ! MERDA !! - grito segurando o choro e respiro fundo espalmando a mão no box do banheiro. Me acalmo aos poucos sentindo toda a minha animação se esvair. saio depois de me secar e escovar os dentes, vou ate meu closet pego minhas peças intimas e visto olhando minhas roupas, suspiro e visto uma roupa qualquer, saio do quarto penteando o cabelo e descendo as escadas, vejo mamãe conversando com alguém no telefone, ela parecia animada, então escuto ela chamar a pessoa de amor, corro ate ela sentindo toda aquela animação que tinha se esvaído voltar triplamente mais forte. 
- PAI !!! ZIA !!! - grito eufórica pulando em volta da mamãe que ria da minha reação.
- oooiiiiii naat !!! - ouvir meu pai gritar do telefone, meus olhos brilharam

- CADE A ZIA PAI ??? - grito animada
-  calma filha !! seu pai esta trabalhando agora e a zia esta na biblioteca, tchau querido, bom dia pra vocês !! - escuto minha mãe falar e bufo de raiva. 
- tchau amor, bom dia pra vocês também !! - encaro minha mãe prestes a dar um surto ma ela me interrompe antes de qualquer coisa.
- eu sei que queria falar com seu pai, mas ele esta trabalhando, ele só ligou pra avisar que a viajem deles foi adiada para as nove e eles só chegaram aki uma ou duas da manhã - escuto ela e logo minha boca se abre se formando um "O". 

Sinto meu coração acelerar e um sorriso largo se forma em meus lábios. Meus olhos começam a lagrimejar e minha voz trava na garganta
- CO-CO-CO-COMO ASSIM ?? – grito com a voz alterada 
- eles vem passar as ferias aqui minha filha - vejo minha mãe sorrir e logo sorrir besta pulando em cima dela a abraçando apertado. 
- serioooo ??? a zia ta vindo me ver mamãe !!! eu vou poder conversa com ela pessoalmente !!! aaahhhhh !!! não acreditoooo !!! - eu gritava esterica abraçando ela e beijando seu rosto .- preciso comprar presentes !!! varios e varios presentes !!! - eu a vi rir e eu ria junto, ela sorrio boba e concordou com a cabeça .
- mas primeiro tome cafe !!! - ela sorriu e se sentou a mesa começando a se servi, eu fiz o mesmo sorrindo abobada, me sirvo e como rapidamente conversando com ela durante um tempo, pego as chaves do meu carro e saio correndo ate a garagem pegando minha bolsa no sofá, entro no carro e aperto o botão do controlezinho pra abrir o portão, ligo o carro e saio com o mesmo passando pelo patio e jardim da casa, saio da casa e aperto de novo o botão fazendo o portão se fechar. vou pro centro e escolho parar em um dos enormes shoppings da minha querida cidade.

 estaciono o carro no estacionamento do shopping e saio do carro segurando minha bolsa, tranco o carro e vou pra dentro do shopping que era de seis andares contando com o estacionamento, subo na escada rolante e depois de subi por dois andares de estacionamento dou de cara com o andar das lojas dos shopping, sorrir e saio andando comprando roupas de todos os estilos, não sabia qual estilo da minha irmã então comprei de todos, comprei alguns bonés e algumas boinas que eram estilosas, comprei algumas toucas que iriam combinar muito com seu cabelo, sapatos, tenis, sandalhas, saltos eu realmente estava animada, saia entrando de loja em loja comprando um monte de coisa ate que me deparei com um iphone 6 igual o meu, sorrir e compro ele pra ela já que o dela foi roubado quando ela viajou pra Roma com o papai, junto com um notebook, shipp e cartão de memoria, passo a manhã todinha no shopping fazendo compras, embrulho tudo em uma caixa de presente, sorrir e ligo pro mordomo vim buscar os presentes.

Se vocês estão pensando que eu sou rica, sim eu sou podre de rica graças ao papai. Mas vocês querem que eu faça o que ? faz três anos que eu não a vejo. É muita emoção pra mim suportar. O mordomo vem e leva tudo pra casa,  ligo para as minhas amigas e saio com as mesmas indo a um churrasco na casa da mãe da Andy junto com a Letícia, elas eram minhas únicas amigas " verdadeiras " em toda cidade...bem... elas estudaram comigo desde a setima serie e nos somos muito apegadas, mesmo que nós nos separamos no teceiro ano por conta de eu te repetido e elas passado, mas eu finalmente consegui me forma e agora to livre leve e solta pra sair quando quiser com elas.

ficamos ate sete da noite conversando e bebendo, claro, eu bebia pouco. não queria chegar em casa e levar bronca por ir buscar minha maninha bêbada, então bebi pouco,  joguei varios joguinhos idiotas que só a Letícia tem a malicia de nos indicar a jogar, e comi feito um mendigo !! cheguei em casa umas meia noite morta de cansada, tomei um banho relaxante e me arrumei pra ir buscar minha irmã. mesmo exausta eu ainda estava animada pra ver minha maninha. Afinal a saudade era tanta que chegava a queimar meu corpo de dentro pra fora 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...