História A Piramide Vermelha - outro lado da historia - - Capítulo 4


Escrita por: ~ e ~SashDaBatata

Visualizações 4
Palavras 2.073
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


vamos começar a brincadeirinha
hehehe

voa leitura

Capítulo 4 - O maldito museu. jacarés gigantes e barcos que voam


Fanfic / Fanfiction A Piramide Vermelha - outro lado da historia - - Capítulo 4 - O maldito museu. jacarés gigantes e barcos que voam

" UMA SEMANA DEPOIS DA CHEGADA DE ZIA " 

Me arrependo daquela noite de sabado que resolvi passar no maldito museu, se eu soubesse o que iria acontecer eu nunca teria entrando no maldito museu....como eu queria que tudo fosse um sonho...

- naaat !!! corre !! - ouvia zia falar desesperada, seu desespero não chegava perto do meu. afinal, não e todo dia que tem cinco soldados russos com metralhadoras na mão pronto para nos assassinar. Sim isso mesmo...nossos nomes foram cair nas listas das mais caras recompensas de Manhattan, como nos fomos parar em Nova York ??? nem me pergunte....longa historia....para piorar tudo, estamos eu com uma roupa de linho marrom era branca mas agora ta toda suja, a Zia com o mesmo tipo de roupa só que a dela ta mais branquinha que a minha, minha antiga gata Mia que agora se chama Bastet e tem forma humana...não me pergunte também !!! vou lhes contar como isso aconteceu, um corvo que só eu e a zia podemos ver,  –como pode isso ??? eu também não entendo– ele tem olhos vermelhos, a zia sempre conversa com ele, seu nome e tonny e ele tem uma forma humana...ou  nem tanto. nem queira saber como e a forma humana desse animal. e também tem a ninfa. Sim ela é uma ninfa. e ela tava dentro de mim assim como o corvo dentro da zia...estranho ??? vocês não viram nada !!! o nome dela e esmeralda...e ela é linda

- porra nat, conta logo merda da semana que passamos, não temos todo o tempo do mundo !!! 

- ta ta ta !!! você e chata em zia !!! 

- sei sei....conta logo !!!           

~ flash back on ~

uma semana antes 

" nos estávamos nos arrumando para ir ao cinema ver um filme, a zia estava animada era uma 4:30 da tarde, papai e mamãe haviam ido comprar pipoca doces refris e doritos, o filme estava prestes a começar, nós iriamos assistir o famoso Van Hellsing o caçador de monstros, o filme começou foda e terminou mais foda ainda, a zia estava se acabando de chorar junto com a mamãe e eu e o papai estávamos rindo delas. 

- nossa que mulher chorona eu tenho !!! - disse o papai rindo e eu o acompanho nas gargalhadas, mamãe não consegue nem o olhar ameaçadoramente pois estava sentida pelo fato do caçador ter matado a própria amada, a zia estava toda chorosa hoje, chorou por causa de um video no facebook de um cãozinho morrendo afogado e agora por causa do filme, papai puxou elas e abraçou as duas que não negaram o abraço, após o momento amoroso e viadetico familiar, fomos andando pela rua, já era umas 7:00 horas da noite, eu vi um museu antigo e fechado, sorrir travessa e puxei a manga da camisa de manga que a zia usava . 

- vamos especular um museu caindo aos pedaços ?? - disse sorrindo divertida, ela esboçou um sorriso travesso e corremos ate o museu deixando nossos pais namorando num canto qualquer sozinhos, entramos no lugar, estava completamente escuro e empoeirado, tinha vários objetos cobertos por lençóis brancos, nos fomos parar em uma sala que parecia mais um salão de dança antigo, era um dos primeiros cômodos que nós vimos que era limpo, impecável !! e lindo, era iluminado por um lustre de cristais dourados, pura perfeição,tinha pilastras que pareciam ser de vidro, ao redor de todo o comodo/salão de dança/sala de estatuas antigas de deuses egípcios, tinhas varias estatuas e esculturas, e no final do salão havia uma mesa enorme com um banquete, vários acentos estavam em volta da mesa, haviam três cadeiras logo a frente da mesa, pareciam ser um tipo de trono, um banquete real pro rei....eu pensei...mas minha irmã curiosa como sempre correu...não...ela voou ate o local e mexeu em tudo, era tudo verdadeiro, a mesa os acentos a comida, o trono o tapete vermelho, e por fim...um sarcófago, olho em volta e tudo começa a se contorce e muda o cenário começa a ficar mais realista, comecei a ouvir musica e ver vultos, minha visão fica embaçada e minha respiração descompassada, caiu de bunda no chão e olho em volta procurando zia em meio aquele monte de gente....isso era gente ??? não....tinha tudo o que e tipo de coisa....demônios deuses deuses menores deuses maiores.... deuses cuidadores que são aqueles que cuidam dos deuses velhos e esquecidos pela humanidade....como e quando foi que eu comecei a saber dessas coisa ??? nem eu sei....só sei que tudo estava acontecendo...um banquete real para o rei...Osíris e sua rainha Isis com sua fiel escudeira Bastet que depois de ser libertada por Osíris da prisão de Apofis, o servia fielmente, de um outro lado do salão eu via o deus Seth...eu conhecia esse deus....mas não era o mesmo conhecimento que tinha dos outros deuses....eu me sentia mais...eu tinha mais afinidade com ele....sei la não sei explicar....

após longos minutos de festa celebrando a unificação do lado fisico ao magico do egito, onde os magos e faraos estavam unidos aos deuses, estava tudo a mil maravilhas ate que o filho mais velho de nut, o rei, foi pego em uma armadilha feita pelo proprio irmão seth, e então o mundo dos deuses se dividiu entre bom....e mau....os do bem ficaram ao lado de osiris que morreu e virou deus do submundo e os maus ficaram ao lado de seth que ocupou o trono de seu irmão e tomou sobre controle de todo o egito, sabendo disso, Rá que ate então estava as escondidas resolve aparecer e tomar de volta o que era dele, mas seth estava muito poderoso e alem de poder ele era inteligente e tinha seus suditos, consguiu fazer com que todos se juntassem a ele, e fez o mundo humano pagar pelos deuses que o afrontavam, e assim ele resolveu destruir a terra e criar outra pra si, com essa ideia na cabeça seth começou a construir uma das maiores piramides feitas no egito, mas seus planos foram arruinados logo quando Rá se juntou a Isis que antigamente tinha o traido e o feito renunciar o trono para que Osíris seu marido ( e irmão ) tomasse o trono para si, então juntou se eles junto ao filho de Isis e Osiris, Horus e conseguiram salvar o mundo tirando seth do poder, e então seth foi aprisionado num mesmo tipo de sarcófago que osiris foi aprisionado, e então todo o lugar volta a ser sem vida e tudo que vi não passou de ser só uma lembrança profunda....ate que um sarcófago apareceu no meio do nada, o mesmo que estava em minha visão, o mesmo que aprisionava seth...meu corpo foi dominado por uma onda de ansiedade, corri ate o sarcófago e ouvi alguem gritar , 

- NÃO ABRAA !!! O MUNDO CAIRA NO CAOS SE FIZER ISSO !!! -  escuto uma voz grave com sutaque russo e me viro, vejo um homem com aparência russa, isso não me intriga, o que me intriga e o porque dele esta aqui...neste momento tão....glorioso ??? não sei explicar só sei que foi rapido e contra minha vontade, me virei e vi meus pais a poucos metros de mim me encarando como se eu fosse um desconhecido, levanto uma sobrancelha e logo abro o sarcófago, meu pai tenta falar algo e minha mãe fica horrorizada, ele é sugado por uma sombra maligna pra dentro do sarcófago, minha mãe começa a tossir e sai água de sua boca, seu cabelo e corpo mudam, principalmente suas vestes seu cabelo fica num tom branco azulado, mas não um branco feio e acabado...pelo contrario, era lindo e onduladamente liso perfeitamente maravilhoso, seu seus olhos ate então azuis ficaram lilas, o chão começou a abrir e logo ela sorriu pra mim me estendendo a mão . 

- vamos filha....precisamos de vocês duas....- mamãe falava doce e meigo, mas a zia que estava de boca aberta e olhos arregalados me puxou na hora um tiro passou de raspão em meu ombro .

- ai !!!- resmunguei e na hora que virei vi o homem russo com um rifle em sua mão . 

- TRAIDORAS !!! ELAS SÃO HOSPEDEIRAS !!! ESTÃO CONVERSANDO COM DEUSES !!! MATEM NAS !!! - o homem gritou e meu sangue ferveu, engoli em seco e logo mamãe fez água sair do buraco do chão, e com essa água ela fez uma enorme onda e que atingiu em cheio todos os seis homens que viriam correndo em nossa direção com objetivo de nos matar, mamãe olhou para nós duas sorriu de novo me dando um bilhete.

- chegue em casa, pegue minha maleta em cima do guarda-roupa e vá para a casa de seus tios no brooklyn, ao chegar a leia essas palavras em voz alta- ela fala se referindo ao bilhete - não leia este bilhete ate chegar no brooklyn meu amor.....e que Rá esteje contigo minha linda....- ela disse e deu um beijo na minha testa, beijou a bochecha de zia e falou alguma coisa em seu ouvido, zia sorrio com os olhos marejados e mamãe desapareceu deixando nós duas sozinhas, respiro fundo e saio correndo puxando zia para fora do museu caindo aos pedaços, logo chegamos em casa, arrumamos nossas coisas, zia chorava igual criança falando coisas sem sentido, abraço minha ruivinha e tento acalma la, depois de minutos no banheiro relaxando nós saimos e fomos para o aeroporto, nada de alem de uma mochila com comida algumas peças de roupa dinheiro e a maleta da minha mãe, claro que eu nunca iria deixar minha querida Mia, minha gatinha branca com listras acinzentadas e amarronzadas, peluda e grande de raça ragamuffin, ganhei a quatro anos atras, ela era meu amorzinho. 

ao chegamos no aeroporto comecei a ver as coisas distorcidas, ate que uma coisa chamou minha atenção, um homem alto e bem vestido apontou em nossa direção e logo cinco soldados russos vinheram em nossa direção, agora estamos lascadas....agora sim...fudeo...ou não. do nada apareceu um jacare gigantescos no meio da multidão de pessoas mas elas nem se davam conta de havia um ser enorme entre elas, os soldados se puseram a caçar o bicho. olho pro lado vendo minha ruivinha dormindo sentada no banco com a cabeça em meu ombro um sorriso de orelha a orelha se formava em meu rosto, ate que...um garoto moreno com uma espada em forma de interrogação aparece no meio da parada botando o jacare pra bater perna junto com os soldados russos uma garota loira de cabelos castanhos claros ondulados com mexas rosas e roxas apareceu do nada e puxou a gente pro lado de fora do aeroporto, eu não sabia o que dizer nem o que fazer então eu só os segui. 

- chama o barco Carter !!! - disse a loira impaciente 

- não e tão fácil assim Sadie !!! - retrucou o menino concentrando em alguma coisa ele fala um alguns palavras em uma língua desconhecida e alguns hieróglifos egípcios aparecem do nada e uma fenda dimensional se abre e um barco flutuante sai de dentro da mesma, o menino se curva na hora ofegante e suado. a menina sobe no barco e ajuda ele a subir , 

- vocês duas são sobrinhas do Amos Rachid não e ?? - a loira pergunta e eu digo que sim num aceno de cabeça, a zia ainda estava lezada e raciocinando tudo que tinha acabado de acontecer . - vamos levar vocês ate ele....na casa do brooklyn....

- como você sabe ??? - pergunto ainda desconfiada 

- eu explico a vocês depois....acho melhor andarmos rapido...seus amiguinhos não parecem muito felizes...- vejo os soldados russos correndo em nossa direção e puxo zia pro barco, logo a menina sorrir e da o comando de partida, acaricio a mia que estava quieta todo esse tempo sem da um miado se quer. 

então aqui nossa semana de mistérios e descobertas começa, será que isso pode mesmo esta acontecendo ??? papai ser engolido por um sarcófago, mamãe virar uma linda deusa da água, dois adolescentes nos ajudando a escapar de soldados assassinos, como será que eu e a zia vamos viver com essa toda confusão, eu me pergunto, mas ai bem La dentro de mim vem uma resposta do meu incosciente. vivendo...vivendo e aprendendo...protegendo e cuidando daquilo que e mais sagrado para nós....Zia Rachid ela é tudo que é mais sagrado para nós...."



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...