História A Prince and A Princess - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Larry, Larry Stylinson, Nosh, Nosh Devoran, Ziam, Ziam Mayne
Exibições 73
Palavras 2.016
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Slash, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi galera desculpem a demora mas é pq eu viajei p fazer uma prova de vest e fiquei estudando aí voltei só hj! Mas tá aí um cap massa p vcs
Enjoy it xoxo

Capítulo 3 - Capítulo 2


Harry ia de cueca pra escola, já que usava roupas masculinas para sair de casa, então, caso sua calça pouco folgada caísse um pouco, ninguém veria uma calcinha vermelha com uma pimentinha pendurada na frente. Sim, mesmo que ninguém fosse o ver, já que não tinha relações sexuais, ele tinha umas roupas íntimas até bem extravagantes. Usava sempre cuecas brancas, as preferia. E dessa vez usava uma da Calvin Klein, e convinha dizer que este se sentia ótimo já que tinha calcinhas da mesma marca. 

O alarme soou e se levantou rapidamente percebendo que estava um pouco atrasado. Zayn tinha o horário inglês reforçado em mente e nunca se atrasava. O jovem de 18 anos sempre pegava o melhor amigo em casa, por mais que nunca tivesse a adentrado, mas, pelo menos, já conhecera Trisha, nas primeira vezes que o moreno ia buscar o mais novo, porém não conhecia Liam, mas sabia que Styles tinha um irmão, e, sim, sabia que era adotado, mas isso não era muito relevante. Eram irmãos de coração. Zayn repetira de ano, seu segundo ano. Por isso era um ano mais velho que Harry e tinha seu próprio carro.

-A princesa demorou hoje, ein?! - zombou rindo e Harry apenas sorriu sereno, gostando do que o amigo acabara de falar, de como havia o chamado. Porém, este nem sequer cogitava na ideia do outro gostar. 

-Foi mal, não ouvi os primeiros despertadores! - riram e assim seguiram seu caminho para a escola.

A manhã passou normal, como sempre, e, no final da aula, seguiram para a lanchonete ao qual sempre passavam no começo da tarde, para almoçarem, e, também, para verem seu amigo loiro. Niall também tinha 18 anos e era garçom numa lanchonete que tinha entre a escola e a casa de Harry, ao qual seu pai era dono e ele seguiria com o ramo da família. Ele conhecera Zayn na escola quando ambos tinham 8 anos, porém, quando o moreno repetiu o segundo ano do colegial, este teve que mudar de colégio, assim conhecendo Harry. 

-Harry... - Zayn começou a falar assim que seus pedidos chegaram sendo trazidos pelo loiro. - Porque você nunca me deixa ir na sua casa? - quando o menor ia começar a falar, já fora interrompido. - E não adianta falar que sua mãe não gosta de mim, porque ela me adora. - o encaracolado suspirou derrotado. - E nem que seu irmão anda pelado pela casa, até porque isso seria ótimo de se ver, mesmo que eu não o conheça. - riu sapeca e o outro revirou os olhos.

-Liam tem namorada. - disse sério e Zayn bufou.

-Ok, mas o ponto não é esse. - deu mais uma mordida em seu sanduíche e continuo. - Sério Haz, somos melhores amigos há um ano e meio, você vai na minha casa toda hora, e eu nunca nem sequer pisei na sua. - Harry o olhou triste. - Não que seja uma necessidade eu ir em sua casa, mas temos que ter essa amizade de bater na porta do outro a qualquer momento e já ir entrando como se fosse sua própria casa. - o mais novo riu. Seria ótimo ter uma amizade assim, verdadeira. - Mas não sinto isso na sua casa, não a conheço. Você não me dá essa chance, fica difícil. - finalizou seu discurso, quase numa forma de insistir e o menor bufou derrotado.

-Tudo bem... - disse e Zayn sorriu largo. - Mas só na sala, cozinha. Não sobe! - disse sério.

-Poxa, porque não? - fez beicinho.

-Porque não! - falou ríspido. - Não vai entrar em meu quarto. - evitou contato visual e assim continuou comendo. O moreno sorriu sapeca.

-Porque não? Você guarda algo secreto, Styles? - provocou. - Tem um arsenal de armas? - perguntou e Harry revirou os olhos. - Talvez de camisinhas... - o mais novo arregalou os olhos e o mais velho piscou pra ele.

-Cala essa merda, eu só não quero. Acabou! - Malik levantou a mão em forma de rendição. - Primeiro andar ou nada, você escolhe. - desafiou e Zayn sorriu. Ele sabia que Harry não era assim e só o fazia quando estava nervoso, irritado, essas coisas

-Tudo bem... - disse ainda sorrindo. - Contanto que seu irmão esteja andando pelado pela casa, será uma honra ficar só na sala. - gargalhou quando, ao dizer isso, fez Harry se engasgar com a própria comida.

Harry não podia negar que estava tenso. Muito nervoso. Só não estava mais nervoso que o dia quando contou à sua mãe e seu irmão sobre si. Eles já estavam próximos da casa dele, e o mais velho percebia o incômodo do amigo ao seu lado.

-Tá tudo bem? - o clima estava tenso. E Harry apenas assentiu nervoso. - Cara, se quiser a gente deixa pra outro dia, tá legal? - disse tentando o confortar e o encaracolado negou rápido com a cabeça.

-Tá tranquilo, Zayn. Relaxa. - falou mais pra si do que para o melhor amigo.

-Quem precisa relaxar é você! - riu internamente, pois sabia que isso irritaria o amigo.

E, de fato, Harry o fuzilou com os olhos, prestes a pular em seu pescoço, mas a visão de sua casa se aproximando o interrompeu, e este engoliu o seco nervoso. Ele balançava a perna freneticamente, como se isso fosse adiantar de alguma coisa. Não imaginava o que pudesse acontecer, na verdade, estava mais preocupado do melhor amigo subir as escadas e se deparar com o quarto feminino de Harry. Isso, com certeza, o assustaria completamente. O mais novo não queria perder sua amizade por nada nesse mundo; Zayn fora o amigo mais leal e verdadeiro que Harry já tivera. Não queria o perder por um descuido de sua parte. Mas, por outro lado, pensava que, não apenas pelo fato de o moreno ser gay, mas por esse ser tão de bem com a vida, não iria ligar tanto. Ficaria surpreso, claro, quem não ficaria? É uma novidade, para qualquer pessoa. Achava que ficaria mais um pouco tranquilo pensando dessa forma, já que optava para que isso acontecesse. Mas em outro momento, não seria agora que este deixaria o mais velho pisar em seu aposento dos pôneis. 

-Chegamos... - Harry disse nervoso e Zayn riu.

-Eu sei, Haz... - tiraram seus cintos, prontos para saírem do carro. - Te pego aqui todo dia. - riu de novo e o outro assentiu com a cabeça. 

Zayn via o nervosismo perceptível de Harry, e começou a ficar preocupado, pois nunca vira o amigo dessa forma. Pensou o quão importante seria para que ele pudesse entrar na casa do outro. Não entendia porque tal tensão num assunto tão normal. Pelo menos, para ele, era comum você ir na casa dos amigos, ainda mais do seu melhor amigo, que conhece há um ano e meio, e nunca pisou na casa. Ele achava até estranho. Algo tinha de errado, disso ele podia ter certeza. 

Pararam na frente da porta da residências dos Styles e o anfitrião suspirou pesado. Olhou para o lado e o amigo sorriu confortante para ele. Passou a chave pela fechadura, abriu a porta de sua casa assim revelando, à sua frente, uma escada grande. À direita tinha um sofá grande com uma televisão e uma mesinha de centro, e, à esquerda, um mesa, e mais adiante, uma porta que dava para a cozinha. 

-Mãe... - Harry gritou. - Cheguei! - avisou e ouviu passos de sua mãe na cozinha. Styles suspirou e fechou os olhos. - Zayn está aqui. - disse e ouviu um grito agudo vindo da cozinha e passos apressados puderam ser percebidos.

-Uau, cara! - o moreno exclamou. - Sua casa é muito legal! - observava o cômodo onde estava.

-Zayn! - Anne exclamou, surpresa. Claro. - Você por aqui! - foi em seu encontro para abraçá-lo. - Que surpresa boa... - o analisou. 

Se perguntava porque diabos ele estava ali, como seu filho havia criado coragem o suficiente para deixar que seu amigo entrasse. Imaginou que fosse por alguma necessidade que o novato na casa estava ali. Talvez um trabalho da escola que fosse demorar a fazer e era necessário que fizesse em casa e teria que ser lá. Não sabia ao certo, mas não podia acreditar que simplesmente Harry tinha deixado ele ir apenas por deixar; tinha que ter alguma justificativa. Olhou para seu filho com um olhar de que queria uma resposta, e ele sorriu derrotado. Ela entendeu - ou pelo menos acha que entendeu - que Zayn havia insistido, e ele tivera que ceder a insistência do melhor amigo.

-Pois é, tia Anne. - riu e deu uma cotovelada no garoto ao seu lado. - Depois de um pouco de esforço, um empurrãozinho, finalmente entrei aqui. - riram. 

-Mas com condições! - Harry se pronunciou sério. Zayn riu debochado e virou-se para a mãe do amigo.

-Acredita que ele não me deixou ir ao quarto dele? - riu e Anne arregalou os olhos tentando não parecer um pouco assustada.

-Sério?! - secou as mãos suadas. Temia por isso. - Venham comer um lanche. - riu nervosa e andou a passos rápidos para a cozinha, a adentrando.

-Mãe, você avisou ao Harry? - gritou o filho mais velho da senhora Styles lá de cima.

Quando ambos se prepararam para segui-la, Liam desce as escadas, sem blusa, vestindo apenas sua bermuda azul, a sua preferida. O irmão de Harry tinha um porte físico até um pouco invejável, tendo em vista que este tinha músculos aparentes no braço e um abdômen definido. Zayn arregalou os olhos. Finalmente vira o tão falado irmão de seu melhor amigo. "Puta que pariu!", pensou instantaneamente. Ele era muito melhor do que o moreno sempre imaginava. Achava que era algo completamente diferente do homem à sua frente. Estava abismado com tal beleza. O encarou intensamente, fitando principalmente nos seus lábios carnudos. 

Já Liam não estava muito diferente. "Que cara gato, caralho!", pensou ao avistar o amigo de seu irmão. Nunca cogitou na ideia de se sentir atraído por homens, não que ele realmente estivesse naquele momento, mas achou o menino bonito demais para ser verdade, e por um momento ele ficou com vontade de passar o dia apenas desfrutando daquela beleza. Ele tinha uma namorada, é claro. Sophia, fazia Medicina também, foi a partir daí que eles se conheceram. Mas não que ele a amasse, ele gostava dela; era chata as vezes, de vez em quando incomodava a sua presença, mas ele já havia acostumado. Eram apenas namorados, saiam, conversavam, se beijavam, mas nada que ele sentisse aquele fervor de querer passar o resto da vida com ela. Mas mesmo admirando o garoto parado em frente à porta de sua casa, ele não a trairia, mesmo que fosse pelo pensamento. Liam é leal demais para isso.

Harry percebeu o clima entre o irmão mais velho e seu melhor amigo e sorriu sapeca. Se pôs no meio do dois e encarou ambos.

-Liam... - se posicionou em direção ao irmão. - Este é o Zayn. - apresentou o melhor amigo. - Zayn. - virou pra o moreno que o fuzilava com os olhos, e ele apenas piscou. - Este é o Liam! - finalizou apontando para o mais velho entre os três, e Liam, como o mais calmo, estendeu sua mão no ar.

-Prazer, Zayn. - o moreno encarou a mão à sua frente e a imaginou fazendo outra coisa. Pensamentos sujos? Exatamente. Riu com eles e assim apertou a mão no ar.

-É um grande prazer. - sorriu sereno, como de quem não quer nada, mas Harry sabia exatamente o que ele estava fazendo. 

-Venham meninos, o bolo já está pronto! - a mãe deles gritou da cozinha e assim Liam seguiu para o outro cômodo, tendo Zayn encarnando descaradamente a sua bunda, fazendo com que Harry arregalasse os olhos e ele risse. 

-Vai ser uma longa tarde... - suspirou e assim foram ao encontro de sua mãe e seu irmão no outro aposento da casa.

E, Anne, você avisou ao Harry? 


Notas Finais


É issoooooo tô SUPER ansiosa pro próximo capítulo, já imaginam oq é né???? amooooo
Cooooomentem pls pls pls
bjaoaoaoao


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...