História A Princesa da Biblioteca e o Dragão de Fogo - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Levy McGarden, Natsu Dragneel
Tags Levy, Nale, Natsu
Exibições 78
Palavras 1.111
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Bom gente, eu tive uma ideia bem legal pra uma one shot e aqui estamos espero que gostem.

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction A Princesa da Biblioteca e o Dragão de Fogo - Capítulo 1 - Capítulo Único

A Princesa da Biblioteca e o Dragão de Fogo.

Oito anos antes.

Yumi-… E então o príncipe matou o grande dragão e resgatou a princesa, ele a levou de volta ao reino e eles se casaram e viveram felizes para sempre- disse fechando o livro e sorrindo a garotinha de cabelos azuis.

Levy- Mamãe, eu não gostei da historia- disse inflando as bochechas de um jeito fofo.

Yumi- Por quê? – perguntou.

Levy- Porque eu acho essas estórias são todas repetidas, eu queria ver algo novo- disse chateada.

Yumi- Então eu vou contar uma estória que realmente aconteceu há muito tempo atrás- disse sorrindo- Era uma vez uma princesa de cabelos azulados chamada Levy, ela era adorada por todos do reino menos pela bruxa Ana que sempre teve inveja de sua beleza, um dia a bruxa enfeitiçou a princesa e a transformou em um mostro horrendo e disse que ela só voltaria ao normal quando recebesse um beijo de amor verdadeiro, mais quem poderia se apaixonar por ela agora, a princesa fugiu para muito longe do reino dos humanos e foi parar em uma caverna escora e vazia, o tempo foi passando e um dragão que estava voando pela região a viu chorando e desceu par saber o porquê, ele foi ate ela e perguntou- por que você chora? – e ela respondeu- fui enfeitiçada por uma bruxa e só poderei voltar ao normal quando receber um beijo de amor verdadeiro, mais ninguém quer ficar perto de mim pela minha aparência- o dragão foi coberto por uma forte luz e quando essa sumiu tinha um garoto da mesma idade de princesa com cabelos rosados e olhos ônix que disse- eu posso ser seu amigo então não chore mais, meu nome é Flame- disse ele calmo e ela respondeu- obrigada Flame meu nome e Levy- os anos se passaram e eles ficaram cada vez mais próximos e tanto Levy quanto Flame começaram a despertar sentimentos um pelo outro, mais tinham medo da reação do outro, Levy por ser um monstro e Flame por ser um dragão, um dia quando Levy finalmente tinha tomado coragem para revelar seus sentimentos por Flame caçadores apareceram na área próxima à caverna e se assustaram e atiram nela pensando que fosse um monstro e um dos tiros a acertou na barriga, quando Flame chegou se assustou ao ver sua amada daquele jeito, e desesperado assumiu sua foram humana e a pegou nos braços já chorando e com a voz chorosa suplicava- por favor, não me deixe, eu faço qualquer coisa mais, por favor, não me deixe, eu te amo- ela juntou toda a força que ainda tinha no corpo e colocou a mão sobre a bochecha dele e disse- eu também… te… a- ela não terminou a frase por ter desmaiado e Flame chorando a beijou, um beijo demorado que demonstrava tudo o que sentia pela jovem, quando ele se separou dela uma forte luz cobriu todo o seu corpo e quando passou ela tinha voltado ao normal e o ferimento já não estava mais lá, ao ver isso Flame abriu um sorriso, e levou Levy em direção ao reino, quando Levy acordou estava em seu quarto no castelo, ela foi ate o espelho que tinha em sua penteadeira e viu que tinha voltado ao normal, ela foi andando pelos corredores do castelo ate chegar à sala de jantar, ela viu na mesa três pessoas, seu pai, sua mãe e Flame, quando seu pai abriu a boca para falar algo ela já estava beijado Flame, um beijo calmo e paixonado, quando se separaram e disse que só ficaria no reino se pudesse se casar com Flame, e foi o casamento mais falado por todos os reinos, um casamento entre uma princesa humana e um dragão, e eles viveram felizes para sempre.

Levy- Nossa que estória linda- disse sorrindo.

Yumi- Agora vai dormir, esta ficando tarde- disse e deu um beijo na testa da pequena- boa noite.

Levy- Boa noite- disse sorrindo e logo caiu no sono.

Tempos atuais.

Levy agora tinha 16 anos e tinha desenvolvido um interesse muito grande por dragões e estava atualmente em uma biblioteca lendo mais um livro sobre dragões ate um certo garoto rosado chegar.

???- Você gosta de dragões é? – perguntou com um sorriso vendo o colar que ela usava que tinha um dragão.

Levy- Sim, eu gosto, por quê? – perguntou.

???- Por nada, meu nome e Natsu Dragneel- disse calmo.

Levy- Levy McGarden- disse.

Natsu- Então Levy, você esta ocupada hoje à tarde? – perguntou.

Levy- Não, Por quê?

Natsu- Você não gostaria de sei lá… ver um filme?

Levy- Claro, por que não?

Natsu- Me diz onde você mora que eu te pego as 18:00- disse sorrindo.

Eles ficaram conversando mais um pouco e depois Natsu foi embora, e as seis como combinado Natsu foi a pegar pra ir ao cinema, o tempo passou e como na estória eles ficaram muito amigos e com o tempo namorados e agora tinham 17 anos.

Natsu- Está atrasada baixinha- disse sorrindo, Natsu foi buscar Levy pra ir ao baile de formatura do colégio.

Levy- Eu tenho que ficar bonita pra você rosinha- disse também sorrindo.

O baile foi legal exceto quando uma garota ficou se esfregando em Natsu e tomou um sacode da Levy.

Oito anos depois.

Um menino de cabelos azuis e uma menina de cabelos violetas estavam correndo de um lado para o outro na casa.

Levy- Igneel e Ayumi parem de correr e venham aqui- disse autoritária.

Crianças- Hai- disseram juntas e foram ate onde a mãe estava.

Levy- Colocaram tudo de importante na mala? Não esqueceram nada? – perguntou calma- nós já estamos de saída pro Japão pra ficar com o pai de vocês.

Igneel- O Natsu nunca esta em casa e quando esta e sempre cansado do trabalho e nunca brinca com a gente, aposto que ele gosta da gente- disse irritado.

Levy- Para Igneel, o seu pai estava sempre ocupado demais com as empresas Dragneel, e ele gosta de vocês sim, mais agora ele arrumou outra pessoa pra tomar conta das empresas e só vai ser chamado pra reuniões muito importantes que realmente precise dele ou seja ele vai ficar mais em casa agora filho- disse sorrindo.

Natsu- Oi, estão todos prontos? – perguntou depois de beijar a Levy.

Levy- Sim, agora vamos- disse levando as malas pro carro.

Natsu- Igneel, Ayumi quando nós chegarmos lá eu vou levar vocês pra tomar sorvete- disse sorrindo.

Crianças- Serio? – perguntaram com os olhos brilhando.

Natsu- Sim, agora chega de reuniões, eu vou ter mais tempo pra brincar com vocês dois- disse e os abraçou.

E aquela família foi muito feliz ate o FIM.


Notas Finais


Espero que tenham gostado, se tiverem alguma critica ou algo a dizer não tenha medo de comentar.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...