História A Princesa e o Dragão. - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Erza Scarlet, Gray Fullbuster, Lucy Heartfilia, Natsu Dragneel, Zeref
Tags Fairy Tail, Gruvia, Jerza, Nalu, Romances
Exibições 93
Palavras 1.314
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Festa, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Yo, sei que demorei ksksk mas foi sem querer fiquei sem net para postar...
Então... Daqui uns 3 capítulos tem a volta as aulas e a Lucy entra em ação nela.
Enquanto isso Natsu vai trabalhando até lá.

Capítulo 6 - Trabalhos e certas festas?


Acordei pela manha com aquele maldito despertador, não sabia nem desligar aquela merda.


Me levantei e fui em direção ao banheiro, tirei a roupa joguei no cesto e entrei no chuveiro, tomei um banho bem quente e sai enrolado na toalha, me direcionei ate o closet e peguei um dos ternos com uma gravata vermelha.


Coloquei o mesmo em cima da cama e fui até a cozinha para ligar a cafeteira, liguei-a e liguei a TV colocando no noticiário.


Voltei para o quarto e coloquei a roupa, estava em frente ao espelho arrumando a gravata, mas aquela merda me sufocava e não conseguia usa-la.


_ Ah quer saber? Foda-se não vou usar gravata. –Joguei a gravata em cima da cama, e abri o Blazer preto que estava abotoado, arrumei a gola da camisa, coloquei perfume e estava pronto. –Eu to lindo. –Mexi em meu cabelo


Fui ate a sala, o café estava pronto , peguei uma xicara e servi ocafé, e fui para sala sem colocar açúcar, para ajudar a acordar.


Sentei no sofá, e olhei o relógio da Nixon em meu pulso, eram 7hrs 40min, sairia as 8hrs, observava as noticias que se passavam, ate chegar na hora, terminei meu café e fui ate o balcão pegando minhas chaves, o cartão do Apartamento, e meu capacete vermelho com algumas labaredas, combinando com a moto.


Desci ate o estacionamento, fui ate a moto e subi na mesma, dando a partida e saindo do estacionamento.


A empresa era a alguns minutos dali, estava a passar pela cidade movimentada, quando percebo um pessoa do outro lado da rua quando paro no sinal.


Aquela loira... De novo? Meu deus é o destino, ela andava pelas ruas olhando para os lados e com uma câmera em mãos, ela tinha um belo quadril e um grande busto, admito que apreciei aquela visão.


O sinal abriu e arranquei com a moto, e a umas duas quadras cheguei no local.


Entrei, deixando o capacete preso a moto. Peguei meu celular e fui verificar o e-mail, tal de Sherry me enviou o e-mail vou procurar por ela.


Ao chegar perto da recepção um segurança me barra.


_ Senhor, esse prédio é privado para sócios e empregado, o senhor não pode entrar...


_ Você esta falando com o próximo dono da empresa... –falei confiante.


_ Não é hora para brincadeiras senhor... –O homem que era meio alto coloca a mão sobre o revolver que estava no terno.


_ Me chamo Natsu Dragneel...


_ O senhor é o Natsu? Mil perdoes senhor, mil perdoes...


_ De boa... Hey conhece alguma Sherry por aqui?


_ Seria aquela ali... Com uma prancheta em mãos. –Ele apontou para a garota que estava a olhar a prancheta em sua frete.


Ela olha em minha direção e acena chamando minha atenção.


_ Senhor Dragneel certo? –Ela disse com um sorriso gentil.


_ Sim sou eu...


_ Muito prazer Sou Sherry, estou muito grata que tenha vindo assumir a empresa.


_ Bom era do meu pai e já que nenhum merda conseguiu faze-lo né... Bom temos um porem... Eu ainda estudo e termino o 3º esse ano, isso interfere em algo?


_ Bom não muito, se você tiver a tarde disponível, seria ótimo né...


_ Tenho sim, agora me diga quais minhas funções na empresa?


_ Venha comigo. –Indicou ela entrando no elevador e pondo a mão na porta para poder acompanha-la. –Vou lhe mostrar a sua sala.


Entrei no elevador e fomos ate o ultimo andar, sai do elevador e segui a ruiva, ate o fim do corredor, ela chegou em uma sala totalmente de vidro, a abriu.


_ É essa... Seus deveres são organizar as finanças, liberar orçamentos, e mandar em tudo aqui, e levantar a empresa ao máximo.


_ Certo. –Segui ate a cadeira e me sentei me virando para a grade janela, e me virei novamente para a garota bem devagar. –Sente-se, por favor.


_ C-certo... –A garota confusa se sentou na cadeira em minha frente.


_ Tire a roupa e me mostrei tudo que tem... –Falei em um tom malicioso.


_ Esta bem. –A mesma larga a prancheta sobre a mesa e agarra a barra da blusa.


_ Ei calma foi brincadeira... –Falei balançando as mãos em frente ao corpo.


_ Ah que pena, achei que queria... –Falou ela provocando.


_ Não me provoque, se não sabe brincar com fogo, talvez uma hora dessas...


Ela apenas riu e se retirou da sala, e em alguns minutos um funcionário trouxe alguns papeis para eu assinar.


_ Oque seria isso? –Perguntei olhando para a folha.


_ É um orçamento senhor, preciso dele para terminar o Projeto...


_ É um orçamento meio salgado não acha?


_ Você que diz ser ou não senhor...


_ Faz o seguinte, faz a lista dos itens que precisa e me traga, ai sim talvez eu libere o dinheiro. Certo? E pare se me chamar de senhor...


_ Certo... –O rapaz pegou a folha e saiu da sala.


EM seguida Sherry voltou ate minha sala com alguns papeis.


_ Preciso que assine isso. –Ela colocou os papeis sobre a mesa.


_ Oque é isso? –Peguei os papeis e comecei a lê-los.


_ É sobre sua nova admissão na empresa...


_ Hum... Tudo bem... –Peguei da porta-canetas sobre a mesa e rubriquei com um ND nas folhas.


_ Obrigada...


O tempo foi passando e eram folhas e folhas vindo para a sala, logo no primeiro dia recebia tantos orçamentos, essa empresa ta na merda em...


Olhei para o relógio e já eram 18hrs peguei meu blazer que havia posto na cadeira e fui andando ate o elevador e entrei no mesmo.


Encostei-me e na parede do elevador e comecei e pensar.


Caramba, quando voltar as aulas vai ser difícil se acostumar com rotina.


Meus pensamentos sumiram quando um grupo de garotas entrou no elevador e ficaram me olhando e cochichando.


Dava para ouvir alguns como “Ele é o novo chefe, que gato, eu pegava” e outros.


Soltei um sorriso de canto quando uma das garotas me perguntou.


_ Desculpe o senhor é o novo chefe? –perguntou meio corada.


_ Sou sim, Natsu Dragneel, muito prazer. –Estendi minha mão para a garota que fez o mesmo.


_ O senhor é casado? –Ela perguntou receosa.


_ Não, livre, leve e solto... Tenho apenas 18 anos... Opa é meu andar, ate mais garotas...


Sai do elevador colocando o Blazer que antes estava em minhas mãos, fui ate a moto e subi na mesma dando a partida e saindo dali.


Estava andando devagar pela cidade, a noite estava linda não havia como negar. Não estava afim de ir para casa, queria sair um pouco, já sei.


Encostei a moto pegando meu celular e ligando o fone bluetooth e liguei para Erza.


_ Alo? –Perguntou com sua voz fina e calma no telefone.


_ Boa noite, quanto este o programa?


_ Que engraçado, quem esta falando?


_ O amor da sua vida...


_ Só pode ser o infeliz do Natsu...


_ Droga com o soube?


_ Eu não sabia. –Ela riu.


_ Mas e ai como você esta?


_ Bem e você?


_ Cansado, assumi a empresa do meu pai, mas diz ai, oque acha de fazer um encontro essa noite?


_ Encontro? Todos juntos?


_ Sim, sabe alguma balada aqui perto, quero me divertir um pouco e ver todos novamente...


_ Sei sim, uma ótima, vou mandar o endereço por mensagem e nos encontramos la esta bem? Vou avisar todos.


_ Certo vou para casa me arrumar...


Desliguei o celular e segui ate chegar no apartamento...


Tomei um banho e ao sair recebi a mensagem com o endereço.


Coloquei meu coturno, o colete com uma blusa preta por baixo, e minha calça preta.


Peguei minhas chaves e novamente fui para o estacionamento.


_ Essa noite vai ser louca... –Sorri dando a partida na moto e dando o arranque. 


Notas Finais


Tá eu sei que ficou um pequeno coco, mas foi oque veio na cabeça, vou trazer capítulos melhores não se preocupem kk
Até o próximo...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...