História A Prostituta — Imagine Kim Namjoon - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Rap Monster
Tags Bangtan Boys, Bts, Festa, Hentai, Imagine, Imagine Bts, Namjoon, Sexo, Você
Visualizações 650
Palavras 1.071
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa noite, tudo bem com vocês?

Como vocês devem ter percebido, eu tento fugir do hot a todo momento. Não por questão de não souber fazer, até porque eu sei kkk. Mas sim porque eu não quero que nem tudo nessa Fanfic seja sexo. Por mais que seja de prostituição, mesmo assim não quero sexo a toda hora. Espero que entendam isso > _ <

Boa leitura =

Capítulo 10 - Seremos eu e você.


Fanfic / Fanfiction A Prostituta — Imagine Kim Namjoon - Capítulo 10 - Seremos eu e você.

Vem comigo. — Sorri de lado quando senti ele me puxar.

— Para onde vamos? — Perguntei quando saímos do apartamento. 

— Quero te levar em um local. Garanto que irá gostar. — Assenti com a cabeça. 

Gukkie resolveu me levar a pé para o suposto local. Talvez não fiquei muito longe daqui já que estejamos indo andando. 

— Eu quero te levar para conhecer minha família. — Olhei completamente assustada para o mais novo.

— Você está ficando doido? — Ri. — Eu sou uma prostituta, Jungkook.

— Não, agora você é minha namorada! — Selo nossos lábios. 

— Não me lembro de você ter me pedido em namoro. — Fiz uma cara de pensativa. 

— Irei lembrar a você depois, então. — Me olhou malicioso. — Eu quero que saia dessa vida. 

— Não é tão fácil assim, deixar essa vida. — Baixei minha cabeça. — Depois que entra, não sai mais. 

— Mas eu irei te tirar disso, eu garanto a você. — Sorri para o mesmo. 

— Você não é o único que deseja que eu saia da prostituição. Outros clientes também querem isso. — Lembrei-me de Namjoon nessa hora. 

— Você não tem mais clientes. Agora seremos eu e você. — Beijou minha testa. 

Mesmo que esteja com Jungkook, eu não consigo deixar de pensar em Namjoon, ele era o amor da minha vida. Gukkie era doce, amavel e gentil. Eu gostava dele, mas amava Namjoon. 

Dentro de mim só terá ele, apenas ele. Namjoon era o único que mexia comigo, o único que me satisfaz. Eu te amo Namjoon.

— No que pensa? — Ele disse me fazendo desperta dos meus pensamentos. 

— Não é nada de mais, apenas no que você havia dito. — Sorri para ele. 

— O você disse para ele? O negou? — Olhei para ela. — Eu realmente espero que sim.

— Sim Amanda, eu disse que ficaria com Jungkook. Mas estou arrependida. — Baixei minha cabeça. 

— Mesmo que não queira você com ele, eu quero que fique feliz. Se você o ama, vai atrás. — Sua voz parecia de decepção.

Eu entendia Amanda, eu sabia que ela só queria meu bem. Mas amo Namjoon, por mais que ele me magoe, eu o amo. E preciso dele em minha vida. 

— Vai atrás da sua felicidade. — Ela sorriu fraco. Fez um movimento com a cabeça e então pude notar que Jonnie esteva na entrada da boate. 

Respirei fundo e andei até ele. O mesmo estava de costas, reparei que ele esteva fumando. 

Joonie? — O vi levantar sua cabeça, seu corpo virou para meu lado. — Porque você está aqui? 

— Vim atrás de alguém que possa transar comigo. — Seu timbre falhou nessa hora. 

— Você achou alguém? — Eu sabia que não tinha ninguém, mas precisava perguntar.

— Está bem na minha frente. — Sorri quando ouvi ele dizer àquilo. — Eu não me importo que tenha outra pessoa agora. Eu só quero ficar com você. — Selo nossos lábios.

— Eu também só quero você, Kim Namjoon. — Sorri mais uma vez e o beijei. 

Escutei meu celular tocar, peguei o mesmo vendo o nome de Jungkook aparecer, sorri de lado, mas resolvi não atender. Eu quero aproveitar Joonie hoje. 

— Não atenda nada, hoje você será minha. Hoje e sempre. 

— (S/N)? — Olhei para trás e vi Amanda me chamar. — Para onde vai? Acabamos de chegar. 

— Eu irei voltar, apenas sairei com Joonie por algumas horas. — Olhei para o mesmo sorrindo. 

— A empresa não gostara quando souber disso. — Sorri para a mesma. 

— Ela não precisará saber, a não ser que você conte, não é mesmo? — Ele falava. 

— Eu só não digo nada, porque gosto dela, e sei como ficará se a empresa souber. — Eles dois pareciam não se dá bem. 

— Eu voltarei logo, Amanda. — Sorri para a loira, enquanto acompanhava Joonie até seu carro. 



[X~X~X~X~X~]



— Você ficará de vez com ele agora? Se for para ficar nesse termina e volta, acho bom terminarem de uma vez. 

— Agora estamos de vez, não pretendemos terminar nunca. Se amamos. 

— Então você irá sair da empresa? Me deixar sozinha aqui? — Seu timbre era de preocupação. 

— Joonie disse que me tiraria dessa vida, não sei quando, mas iria me tirar. Eu não irei te deixar sozinha, se eu sair você vem junto. 

— Seu namorado não gosta de mim. Acho que ele nunca irá me tirar daqui também. 

Quando estava perto de responder, a campainha de minha casa foi tocada. Olhei para Amanda e fui até a mesma. Quando abri dei de cara com o dono da empresa. 

Preciso conversa com você. — Olhou para dentro de minha casa. — A sós. — A loira aseentiu com a cabeça e saiu.

— Como você já deve saber, você é a melhor prostituta que tem na empresa. — Disse assim que se sentou. Assenti com a cabeça. — Então me diga porque a procura por você vem caindo? — Engoli a seco.

— Eu não sei senhor, às vezes ele querem conhecer pessoas novas. Homens se cansam do mesmo produto sempre. 

— A questão não é essa. A um bom tempo que isso está acontecendo com você. Me diga o quê você está fazendo para eles não te quererem mais? 

— Eu não sei senhor. — Meu timbre falhou. — Mas garanto que irei retorna com isso. 

— Seu dinheiro está caindo. — Olhei espantada para ele. — Você bem sabe que seu dinheiro é movido com sexo. Quando mais você faz, mais você ganha.

— Você irá diminuir quanto do meu salário? — Engoli a seco. Ele apenas rio.

Não diminuírei nada, se você parar de transar com Kim Namjoon. — Arregalei os olhos. — Eu sei bem que é ele quem está fazendo seu progresso cair. Por favor me diga que não está gostando dele. 

— Não estou. Eu apenas transo com ele, só isso mesmo. — Tentei fazê-lo acreditar. 

— Eu não sou burro, (S/N). Eu sei que você só está querendo ele. Isso será um problema agora. Se não deixá-lo não terá mais dinheiro, porém você continuará na empresa. 

Eu não sabia o quê fazer, eu estava dividida. Mas precisava do dinheiro, não por mim e sim por minha família, tudo isso está indo para eles. 

Eu deixarei Kim Namjoon. Não irei mais vê-lo. — Disse seca. 


Notas Finais


Quanta complicação entre eles dois, oxi.

Espero que tenham gostado, beijinhos e até o próximo ❤

Perfil: @StayGirl


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...