História A raposa e a lua - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Gina Weasley, Luna Lovegood
Visualizações 8
Palavras 828
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Escolar, Ficção, Magia, Shoujo (Romântico)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - O recomeço


Fanfic / Fanfiction A raposa e a lua - Capítulo 1 - O recomeço


Finalmente setembro chegara. Por mais que Gina sempre tivesse adorado passar os dias n'A Toca, principalmente as férias verão, onde os dias se resumiam a partidas de quadribol e visitas ao lago com seus irmãos, esse não era um ano normal. Apenas 4 meses haviam se passado desde a queda d'aquele que não deve ser nomeado, e por mais que por todo o mundo bruxo o leve brisa de felicidade é calma se espalhasse, a coisa não era a mesma ali. Jorge havia falecido, lutando, e com isso toda a família, principalmente a senhora Weasley e Fred praticamente não saiam de seus quartos, um onde de tristeza e depressão pairava pela casa. 

É claro que eles tentavam agir o melhor que podiam. Gui e Fleur estavam esperando o primeiro filho, Rony finalmente admitira seus sentimentos por Hermione, papai conseguira um cargo de alto escalão no ministerio, e Harry parecia ter finalmente entendido seus sentimentos por ela. Porém, o que ela mais queria era finalmente volta a Hogwarts, se encher com as lições de casa e os estudos pro N.I.E.M's, treinar quadribol até se esgotar, e com isso tentar se distrair de todo o clima ruim de casa.

Hoje era o dia. Ela iria embarcar para Hogwarts junto com Hermione, que havia dexidido que iria prestar os exames tambem. Uma leve agitação percorria A Toca, afinal, seria o último ano que eles levariam alguém até a estação, uma vez que Gina era a última Weasley, a caçula. 

A senhora Weasley se encontrava na cozinha quando ela acordou, e assim que viu Gina desatou a chorar:

-Ah, minha querida, estou tão orgulhosa, nossa única menina finalmente vai se formar, acredita, Arthur?

O senhor Weasley vinha descendo as escadas nesse exato momento, extremamente interessado em um pequeno objeto em sua mão.

-ah, sim...claro... Molly querida, não estou com fome, obrigada, vou comer quando chegar lá...

A senhora Weasley revirou os olhos como quem já estava acostumada com esse tipo de comportamento se voltou para a filha:

-como ia dizendo Gina querida, o último ano é extremamente importante, e saiba que continuo orgulhosa, é claro que estaria ainda mais  se voce  tivesse conseguindo o distintivo de monitor, mas....

-MOLLY - gritou o senhor Weasley - Gina não precisa de um distintivo de monitor, ela é a capitã do time de quadribol...

A senhora Weasley saiu correndo pela cozinha, diretamente para o quarto, chorando. E Gina pensou em como era realmente ótimo estar voltando para Hogwarts e não ter mais que se preocupar com cada palavrinha que era dita a mae.

Arthur se virou para a filha:

-Querida, vou atrás de sua mãe, e por isso peça para Percy te levar.

Uma hora depois Gina estava em uma cabine, ouvindo Hermione tagarelar freneticamente sobre suas férias com Rony na Romênia, e todos os detalhes de seu relacionamento. 

Ouvindo cada detalhe desses, uma coisa invadiu a cabeça dela: por que ela não sentia todas essas coisas por Harry, afinal fora apaixonada por ele desde o primeiro momento que o vou, e agora, anos depois finalmente estavam juntos? Mas ela não sentia nada parecido com o que Hermione descrevia. 

Antes que pudesse pensar mais alguma coisa alguem apareceu a porta. Estava vestida com um longo vestido branco, estampado com rabanetes, um sorriso largo no rosto, varinha pendurada na orelha esquerda, e uma grande gaiola pendurada nos braços.

-Olá - disse Luna - Posso me sentar aqui?

Antes que Hermione pudesse abrir a boca, Gina afirmou, e com isso recebeu olhares chateados de Hermione, que com certeza não iria continuar a história na frente de Luna. 

Luna se acomodou ao lado de Gina e colocou a gaiola cuidadosamente ao lado de Hermione. Ao olhar para a gaiola Gina se deparou com o coelho mais.... ela não tinha palavras para descrever... talvez, diferente, que ela já vira. Ao percebeu o olhar de desaprovação de Hermione, Luna logo correu dizer: 

- Não é linda? Ganhei de meu pai há duas semanas, dizem que traz sorte! 

-Aham, muita sorte - Hermione revirou os olhos - Espere até McGonagall ver isso, ela vai te expulsar...

- por que? -pergintou Gina - o que tem de errado com um simples coelho branco?

-Simples coelho? - indagou Luna - O coelho da lua é uma das raças mais  extraordinárias que existe!! É extremamente difícil encontra-los, e quem os encontra carrega com ele sorte pro resto da vida! Além de que são extremamente dóceis...

- E são ótimos ladrões - completou Hermione.

Com um olhar de indignação, Luna levantou, e saiu da cabine com seu coelho. 

Gina sentiu uma subita pontada no peito, olhou feio para Hermione e disse:

- Você tinha que ser rude com ela, né? 

-Eu não fui rude, ela é quem traz essas bolas de pelo perigosas para escola, quando os professores souberem...

- E como você sabe que são perigosos? - indagou Gina 

- E desde quando você virou defensouda das birutices dela? 

Gina não soube o que responder, por isso voltou a encarar a janela e só se virou após Hermione desses na estação de Hogsmeade. 




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...