História A rebelde e o Popular - Capítulo 20


Escrita por: ~

Exibições 33
Palavras 507
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


O que será que vai acontecer nesse último capítulo?

Capítulo 20 - Samanta e Daniel(especial)-parte 5 final-primeira vez.


Daniel om

Bom, eu levantei da cama e fui tomar banho, saí do boxes e me sequei e enrolei a toalha da cintura pra baixo, e fui ao guarda-roupa e tirei a toalha, e vesti:uma camisa branca,uma calça social preta,  um sapato social  preto. Escovei meu cabelo mas deixei um pouco bagunçado, e fui buscar a minha princesa, peguei a chave do BMW preto, e fui. Quando cheguei, não tinha nenhuma fã, ainda bem.

Samanta om

Eu tinha acabado de tomar banho, e me vesti:Uma lingerie marfim, um vestido branco com renda rosa que vai até a metade da coxa tomara que caia, um salto alto preto com a sola dourada, um conjunto de biju de prata com pingente de safira. Fiz uma transa cascata no meu cabelo, passei uma sombra preta, um batom vermelho escuro, peguei o óculos de sol e minha bolsa de couro rosa. Ouvi a campainha tocar, e fui abrir a porta, quando a abrir me deparei com um par de azul-céu, como eu amo esses olhos.

-Olá minha flor.-falou me dando um beijo na mão, e depois na boca.

-Olá meu príncipe.-falei retribuindo o beijo, depois nos separa-mo e entreguei minha bolça para ele, que a pegou delicadamente da minha mão.

-Nossa, só agora que reparei que você está gata, meu amor-falou abrindo a porta para eu entrar.

-Só pra você, príncipe-falei entrando no carro, assim que ele fechou a porta, deu a volta no carro e entrou no mesmo, e me entregou a bolça. Quando chegamos, não tinha nenhum fã, isso é estranho. Entramos no sete, entreguei a minha bolça novamente para Daniel. E fui a procura da Heloísa.

Daniel om

A Samanta me entregou a bolça e foi procurar a Heloísa, e eu fui conversar com o Lucas, que faz o Henrique.

-Cara, você não acred...-parou de falar, assim que viu a bolça da minha princesa na minha mão-Cara, o que a bolça da Samanta está fazendo com você?

-Ela me entregou a bolça, e foi a procura da Heloísa-falei como se fosse nada demais.

-Cara, vocês estão namorando, por acaso?-perguntou desconfiado.

-Sim, estamos.-falei com muita animação.

Autora om

Então, o dia passou rápido, e Daniel ia dormir na casa de Samanta, mas o que os dois não sabiam, era que essa noite vai ser a primeira vez deles.

Samanta om

Chegamos em casa, e me joguei no sofá, e Daniel se sentou no mesmo rindo, e perguntei:

-Está rindo do que? Filhinho de papai?-perguntei ironicamente.

-Nada meu amor-respondeu me dando um beijo, mas eu quis aprofunda-lo.

Eu me sentei no colo dele, e rodei o pescoço do mesmo com meu braços, e ele a minha cintura. A gente foi pro quarto, mas não paramos de nos beijar nenhum segundo sequer. Tiramos a roupa e ficamos nus. E ele começou a me penetrar, gente como isso está bom.

-Mais rápido Daniel-eu disse entre gemidos, então ele foi mais rápido e em estantes chegamos ao espice e gosamos juntos, e caimos no sono, essa foi a melhor noite da minha vida.


Notas Finais


Amanhã, vou voltar apostar normal, bye


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...