História A Secretária - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias 2NE1, AOA, Fiestar, G-Dragon
Personagens Choa, Cl, G-Dragon, Jimin, Minji, Park Bom, Sandara Park, Seolhyun, Yezi
Tags Yezi, Yuri
Visualizações 16
Palavras 1.818
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Romance e Novela, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Helloiii pessoal, tudo bom com vcs? Espero que sim!
Fiquem com o capitulo (que vai ser sem capa mesmo hehe)
Boa Leitura ❤

Capítulo 6 - Capítulo 6


Chaerin P.O.V's :

 

 

Acordo bem cedo e faço minha higiene matinal. Coloco uma calça preta, blusa branca e um sapato normal.
Saio do quarto e vou até a sala, onde vejo Jiyong dormindo no sofá.
Respiro fundo e vou até a cozinha. Faço algo bem reforçado e depois saio de casa, deixando Jiyong lá.

Jiyong realmente me trai. Isso já está bem na cara! Porque ele fez isso? Talvez eu nunca tenha sido o suficiente para ele!
Eu preciso fazer alguma coisa! Não posso deixá-lo me fazer de trouxa, não de novo!

Ah Jiyong, você não sabe o tamanho do ódio que estou tendo de você!

 

 

Chego na empresa e estaciono meu carro. Entro na empresa e na entrada, no balcão de minhas amigas, vejo uma garota de costas.
Dou de ombros e passo por elas, mas ouço Dara me chamar.

 

-Chae!  -  me viro e as olho. Vou até elas e as encaro curiosa.

-Sim?  -  Dara aponta para a garota à sua frente.

-Essa é a nova secretária do senhor Kwon.  -  ela fala ainda apontando para ela. A olho de cima à baixo, tenho que concordar que ela é bem bonita!  -  Vai, se apresenta!  -  ela sussurra para garota que assente nervosa.

-Eh... Meu nome é Yezi, prazer em te conhecer, senhorita Lee!  -  ela levanta sua mão, pego na mesma e a cumprimento.

-O prazer é todo meu Yezi, estávamos à procura de uma secretária urgente, saiba que você nos salvou!  -  sorrio pra ela, que parecia ainda nervosa. 

-Fico feliz por isso, senhorita Lee...  -  ela sorri de lado.

-Por favor, me chame de Chaerin ou Chae!  -  dou uma piscadela para ela, que assente sorrindo.  -  Vou para minha sala, te espero lá para começarmos à trabalhar duro!

-Ok, senhorit... Chaerin!  -  ela sorri.

 

Saio do local e entro na sala. Coloco tudo em cima da mesa e começo a ler todos os papéis e assiná-los.

Em pouco tempo a garota, Yezi, aparece e parecia envergonhada. Ela dá um "oi" baixinho e senta em sua nova mesa, que ficava ao lado da minha.

 

-Aqui, esses são os papéis e documentos que você irá ler, quando terminar tudo, vá a sala de Jiyong e fale um "resumo" de tudo. Mas antes, lembre-se que cada detalhe é importante!   -   pego os documentos e a entrego, e explico oque ela irá fazer, ela parecia perdida.

-Okay... Ehh Jiyong?  -  ela pergunta confusa. Sorrio.

-O presidente!  -  respondo. Ela levanta as sobrancelhas e sorri de leve.

-É que todos os chamam de Kwon...  -  rio alto com sua resposta.

 

Após mais algumas risadas, a sala fica silenciosa, tínhamos que ler tudo devagar e com atenção, sem interrupções!

E sobre a Yezi, ela é legal, pelo menos hoje ela mostrou ser...

 

###

 

 

Estava tudo tranquilo, até a porta ser aberta por uma Minzy ofegante...
Olhamos para ela curiosas.

 

-Chaerin, Jiyong está te chamando na sala dele. Ele está bem irritado!  -  ela diz rapidamente.

-Okay... Diga a ele que vou em um minuto.  -  respondo.

-Mas ele disse que quer te ver AGORA mesmo!  

-Aish, ta!   -  digo e me levanto. Olho para Yezi   -   Volto logo, continue com seu trabalho.   -   sorrio e saio da sala.

 

 

 

 

Caminho até sua sala, que era bem próxima da minha. Respiro fundo antes de abrir a porta, abro a mesma e vejo Jiyong de costas.
Ao ouvir a porta sendo aberta, ele se vira e praticamente me metralha com os olhos.
Já até sei o porquê dele estar assim...

 

-Porque me chamou?  -  pergunto, ele cruza os braços e me olha perplexo.

-"Porque me chamou?" !?!? Ainda tem a cara de pau de perguntar isso!?!?   -   ele pergunta em um tom mais alto.

-Eu deveria saber o porquê de ter me chamado por adivinhação?  -  perguntei grossa. Ele respira fundo.

-Porque se trancou no quarto ontem?! Eu tive que dormir no sofá! E porque não me acordou hoje?! Eu cheguei muito atrasado!!   -  ele começa a falar. Reviro os olhos e cruzo os braços.

-E porquê isso te interessa?!   -   ele me olha, de novo, perplexo e se aproxima de mim.

-Está brincando, não é?! Me interessa simplesmente porque você é minha noiva! E eu me preocupo com você!  -  ele responde em minha frente.   -   Agora me diz o motivo desse seu comportamento!

-...

-Chaerin! Você não sabe o quanto está me irritando...  -  ele fala se aproximando mais.

-Se estou te irritando tanto, me deixe sair!   -   respondo grosseira e ele me olha surpreso. Eu nunca tinha o tratado daquela maneira, mas a raiva que estou sentindo só por ver a sua cara...é bem maior!

-Eu não te deixarei sair até me contar oque está havendo com você!   -   ele diz firme. Fico calada e pelo jeito ele fica mais irritado.   -   CHAERIN, ME DIZ LOGO QUE PORRA QUE TA ACONTECENDO!!! EU ESTOU PERDENDO MEU TEMPO COM VOCÊ! QUE MERDA!!!   -  me assusto com seus gritos e me encolho, mas rapidamente me recomponho.

-Não está acontecendo nada, não perca seu precioso tempo comigo.   -   digo firme me virando e saindo de sua sala.

 

Eu estava tremendo e prestes à chorar, Jiyong nunca gritou comigo e nunca disse nada tão duro como "Estou perdendo meu tempo com você"... Ele sempre foi tão gentil, romântico e fofo... Deve ser realmente como minha mãe dizia "As pessoas mudam com o tempo, oque me dói ver é que a maioria ficam secas e sem vida"

Entro novamente em minha sala, fecho a porta e escorrego por ela, já chorando.
Vejo o olhar preocupado de Yezi sobre mim.

 

-Chaerin?! Está tudo bem?  -   ela se levanta rápida e vem até mim. Não a respondo nada, apenas continuava a chorar...   -  Calma... Eu.. Eu vou buscar uma água! Por favor se acalme!

-Não! Não precisa...  -  falei a segurando pelo braço. Ela nega com a cabeça, me ajuda a levantar e me coloca sentada numa cadeira

- Precisa sim! Olha seu estado!! Eu volto rápido!  -  ela diz e sai correndo.

 

...

 


 

Yezi P.O.V's :

 

 

Consigo pegar um copo de água e volto correndo para nossa sala. Abro a porta e a vejo ainda chorando. Caminho até ela e lhe entrego o copo com água.

 

-Aqui, beba!  -  digo e ela o faz. Ele bebe tudo, coloco o copo em cima da mesa, eu não sabia oque dizer naquele momento...   -  Eu... Ouvi os..gritos..   -   falei e ela me olha com seus olhos já inchados.

-Ouviu?! Será que mais pessoas ouviram?! Aish!  -  ela pergunta à si mesma.

-Acho que não. Eu ouvi porque as salas são próximas, sabe...  -  ela assente   -   Então...Quer conversar? 

-Não, não quero atrapalhar você, e além disso é seu primeiro dia, precisa se dar bem!   -  ela seca suas lágrimas. Chaerin é uma mulher muito legal e bem responsável.  As meninas me disseram que ela é a noiva do senhor Kwon... Pelo jeito eles não se dão bem...   -  Vamos continuar oque estávamos fazendo e esquecer tudo oque aconteceu aqui! Okay?

-...Okay   -   respondo, ela se senta em sua cadeira e eu na minha. E assim as horas se passam mais rápido do que eu pensei.

 

 

###

 

 

Eram 21 horas, sai da empresa acompanhada de Chaerin, Dara, Minzy e Bom, elas foram super gentis e me ajudaram com oque precisei, acho que já arrumei amiguinhas.

Vejo um carro chegando e estacionando no outro lado da rua, eu e as meninas o olhamos. Quem sai de dentro do carro é Seolhyun, ela estava de óculos escuros...

Quem usa óculos escuros de noite?!

Ela me olha e com sua mão faz um sinal para seu carro. Ela estava me chamando para ir embora.

 

-Aquela pessoa está falando com você?  -  Minzy pergunta me olhando.

-Eh..sim, estou indo embora. Tchau meninas!   -  respondo e abraço uma por uma.

-Tchau Yezi, até amanhã.  -  Chaerin fala quando chega sua vez de a abraçá-la.   -   Por favor não fale nada do que viu e ouviu hoje.  -  ela sussurra em meu ouvido e em seguida me dá um beijo na bochecha.

 

Assinto disfarçadamente e lhes dou tchau mais uma vez. Caminho até o outro lado da rua e entro no carro. Seolhyun dá partida e tira aqueles óculos.

 

-Porque está usando isso de noite?  -  perguntei curiosa, ela demora um pouco para responder.

-Porque não posso ser reconhecida por elas, até porque sou de uma empresa rival. E vem cá... oque a Lee falou para você?   -   ela pergunta com o olhar cheio de curiosidade. Por qual razão ela quer saber!?

-Ela não me disse nada!  -  minto e ela sorri irônica.

-Vamos, fale para mim!  -  ela insiste.

-Ela realmente não disse nada! Oque quer que eu diga?!  -  minto outra vez.

-A verdade!  -  ela está curiosa demais para mim! Isso já esta me irritando!

-Que merda! Já disse que ela não me disse porra nenhuma! Será que dá pra parar e dá partida nesse carro?!  -   falo em um tom mais alto. Essa sim sou eu, e não uma menininha inocente e indefesa que deixa os outros cobrarem de si!

 

Ela se surpreende com minha reação e fica calada. Dá a partida e fomos para sua casa, ao chegar lá corri para meu quarto. Tomei um banho rápido e coloquei uma roupa folgada.

Mais tarde ouço alguém batendo na porta e entrando logo em seguida.

Eu estava deitada na cama, mexendo em meu celular, olho para porta e vejo Seolhyun entrando.

 

-Oi... Me desculpe por hoje, lá no carro... As vezes sou bem curiosa.  -   ela sorri leve, mas para ao me ver séria. 

-Porquê toda aquela curiosidade?  -   pergunto e ela suspira, fecha a porta e se senta na cama, me olhando.

-Entenda, ela é de uma empresa rival! E...eu tenho que saber as coisas que ela e sua empresa aprontam! Tenho que saber suas jogadas, porque é capaz de sua empresa avançar e a minha ficar para trás!   -   ela explica calma.  

-Então não confia nas pessoas que trabalham na sua empresa?  -  ela me olha confusa.

-Oque..? 

-Falando assim dá para entender que não confia nos trabalhadores de sua empresa e que não acredita em si mesma! Você não precisa saber oque os outros fazem para fazer algo melhor e "vencê-los"! Você tem que usar sua cabeça para fazer algo vindo de você mesma, sem ter essa ideia de rivalidade!   -   divei! Simplesmente filosofei! Desde quando eu comecei à dar sermão nos outros mesmo?!  Ela me observa séria e logo cai na gargalhada.

 

-Pequena Yezi, você não entende de comercialização! Você não tem nem uma ideia do quanto é difícil...  -   ela diz de cabeça baixa.

-Posso até não ter, mas oque está fazendo é errado! Se você tentar pegar qualquer informação minha sobre a K.J. saiba que não terá nada!   -   digo e saio do local. Desço as escadas e saio de sua casa.

 

...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...