História A secretária do meu amigo - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Sasusaku
Exibições 352
Palavras 2.454
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Nudez
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Espero que gostem

Boa noite leitores

Boa leitura até a as notas finais...

Capítulo 21 - Capitulo 21


                     Naruto

Eu me encontrava deitado no sofá  juntamente com Hinata, quando Karin, chegou e disse que ia dormi um pouco,  pois sua cabeça estava explodindo. Me disse que ficará bebendo até tarde com algumas amigas  e acabará ficando rui demais para volta para casa e dormiu na cama de uma delas e subi-o a  escada.

 

-Naruto: que toma   algo, podemos liga para a pizzaria. – pergunta a Hinata que estava tão  encolhida ali nós meus braços  que até parecia uma criança. 

 

 

-Hinata: sim estou morrendo de fome.- sorri passando a mão  na barriga e eu retribuo o sorriso e depósito um leve beijo nós  lábios da morena adeixando com suas típicas bochechas vermelhas.

 

 

-Naruto : dorme aqui hoje ?!- pedi enquanto acariciava  suas madeixas negras e beijava o topo de sua cabeça. -se não quiser dormi comigo tem uns três  quartos de hospede  disponível. – Hinata  levantou seu rosto para me olha, totalmente corada.

 

 

-Hinata: n-não N-Naruto-kun. Quero dormi em seus braços – meche em seus dedos enquanto  falava  se atrapalhando com as palavra ficando casa vez mais corada e mais linda, sorrir e a puxei para um beijo que de início fora calmo, mas logo tratei de deixa-lo mais atrevido e pedi espaço  para que minha língua passasse e ela me deu, troquei de posição  ficando por cima da menina e acariciando sua cocha e bunda ainda a beijando. Logo nós  afastamos a procura de ar, seguir os beijo para seu pescoço   e apertei os seios, fartos  e redondo ouvindo logo em seguida um gemido e rubro na face da menina que se assustou com meu ato, mas também  havia gostado eu sentir aquilo no seu gemido. Tornei a beija-la e passe-a minhas   mãos  em seu corpo perfeito, apertando bunda e cochas arrancando gemidos tímidos da mesma, começo a tira seu short e em seguida   desabotoar  os botões  de sua blusa enquanto beijava o lugar que começará  a fica descoberto.

 

 

-Naruto: fala para mim para agora ou se não  continuarei.- disse observando os seios grandes da mesma salta para fora após a blusas  ser desabotoada por completa. Apenas a luz da TV nos clareava.

 

 

-Hinata: q-quero q-que  c-continue por favor.- aquilo foi o suficiente  para eu enlouquece e esquece do resto do mundo e fica apenas naquele momento, naquela menina que a agora eu a faria mulher. Abocanhei seus lábios com luxúria, logo destruir beijos em seu pescoço  descendo até os seus seios farto e durinho, eu estava sendo o primeiro a prova-los  e pretendia ser  o único, Hinata gemia baixinho tentando os prende, mordendo os lábios a mesma cobria suas pernas e barriga com um coberto, o tiro dela e o coloco  no chão  em seguida pego a morena que encontrava-se  Apenas de calcinha  e coloco sobre o coberto que cobria o chão  gélido, que nós  o esquentaria  agora. Após coloca a mesma sobre a coberta me ajoelho e absorvo ela ali tentando  cobrir os seios totalmente corada, sorrir da situação e começo a me despir, sobre o olhar curioso da menina. Já sem roupa me deito por cima dela e torno a beija-la nos lábios,  em seguida fui para os seios e logo estava tirando aquela pequena  e incômoda peça. Beijei a intimidade  de Hinata que se assustou  e tentou fecha-las, então a olhei e fiz cara de pidão vendo o rubro  cada vez mais na face da mesma, quero prova la  de todas as formas  possíveis. Então deslizei minha mão até sua intimidade molhada fazendo movimentos circulares com o dedo e logo as suas pernas se abriram novamente em meios  a os  gemidos e eu aproveite a deixa para prova-la  a lambendo e beijo com vontade aquela parte seu corpo, pois  alguns minutos, o corpo da mesma estremeceu enquanto gemia em baixo de mim ofegante. 

 

-Hinata: Na-Naruto-kun o-que  está  a-acontecendo co-comigo aaah.- pergunta em meio a gemidos. logo sinto o líquido quente, salgado invadir minha boca, depósito um beijo carinhoso ali e olho  para Hinata , que estava de olhos fechados e ofegante com suas bochechas corada ainda segurando o pano firme. Alisei seu cabelo e depositei um beijo em sua testa e vir seus olhos se abrirem lentamente, pareciam diamantes  e então  eu sorrir para  ela, que ficou com seu rosto corado enquanto  sorria tímida com as mãos em frente a seu rosto, afastei aquelas mãos  de frente  daquele rosto  lindo que amava acaricia, pausei a mão  em seu rosto e a fitei por segundos é logo tomei seus lábios para mim, comecei a excita-la novamente, com beijos  em seu pescoço  e seios  e logo  ouvir gemidos toquei  Eu intimidade  já bem lubrificada e me posicionei em  meio  as pernas de Hinata começando penetra-la lentamente, sentir suas unhas  serem cravadas  em minhas  costas e  a olhei estava com os olhos marejados e mordia seus lábios para não  solta gemidos. A penetrei por completo  e as unhas dela penetraram mais em minha pele, ela sujou  os meus lábios  tentando abafa o gemido alto que mais parecia um grito de dor,  enquanto  lágrimas  escorria por sua face vermelha. Fiquei quieto a acariciando enquanto  eu ainda estava dentro dela, meu membro pulsava, queria continua, mas só continuaria  se Hinata quisesse não  queria machuca-la mais. 

 

 

-Naruto: vamos para por hoje.- falei baixinho e beijando sua testa, bochecha e lábios. Tentei  sair de dentro daquela maravilha de mulher, que era tão  quente e apertada, aquilo era maravilhoso e eu não queria sair dali nunca mais, mas ela não me deixo prendendo meu corpo contra o dela. 

 

 

-Hinata : dói.- disse baixinho.

 

 

-Naruto: me desculpe minha Hina.- acariciar seus lábios  e beijei seu pescoço  sentido o corpo da menina responde  e continuei com aquilo até que ela se mexia e gemia em baixo de mim, troquei de posição  a deixando por cima e a ajudando a se move, sentindo meu membro ficando cada vez maior e dentro  intimidade  de Hinata  cada vez mais me apertando e quando a mesma subia e descia fazendo seus seios balançarem, logo sinto o  gemido alto de Hinata  e o líquido quente escorrer por todo o meu membro com  seu corpo estremecendo a deixei por baixo e comecei a da estocadas  fortes ouvindo gemidos da menina de puxar meus cabelos, sorrir e Rosnei como um cão,  quando sentir que estava chegando ao orgasmo. Fazia muito tempo que não sentia aquela sensação que fora bem melhor de todas as outra que já sentir. Eram a mesma, mas era  diferente, era mais gostosa, mas desejado. Cai para o lado a puxando para cima de mim, a mesma deita em meu peito enquanto eu a acariciava.

 

 

-Naruto: eu amo você! – falei baixinho e ela levantou sua cabeça para me olha com os olhos surpresos e ao mesmo tempo marejados.

 

 

-Hinata: eu também  te amo N-Naruto-kun – a beijei e logo o som da campainha foi ouvido.

 

 

-Naruto: deve ser a pizza. – Hinata  arregalou os olhos e puxou o lençol  quando me levantei pegando minha box e colocando meu short mole olhei para Hinata coberta com o lençol,  cobrindo  a bica e nariz, deixando apenas os olhos grandes de fora, sorrir e fui rapidamente até a porta a abrindo.

 

 

-Naruto: Sasuke? – perguntei surpreso, por vê-lo ali, eu não estava esperando, seus olhos pareciam  um vulcão  em chamas 

 

 

-Sasuke: onde está Karin?  – perguntou entrando e eu me lembrei  de Hinata  sem roupa no chão.

 

 

-Naruto: no quarto dela. o que aconteceu?  - perguntei preocupado, mas Sasuke apenas passou por mim indo em direção  a escada, sem nota que Hinata estava no chão  por conta da pouca iluminação  de tinha  ali. Fui até  Hinata  que estava com uma cara de assustada.- se vista.- disse apontando para o banheiro e ela confirmou com a cabeça  levantando com o coberto  cobrindo seu corpo. Eu a observei entra e subi as escada temendo o que podia está  acontecendo  naquele quarto.

 

                     AUTORA 

 

Sasuke subiu  as escada furioso, chegando ao final e seguindo direto para o quarto de karin, abriu a porta e adentrou . O quarto estava escuro , era clareado apenas com um pouco da luz do Jardim que entra pelo a janela, olhou em direção  a cama e viu a ruiva que ali dormia.

 

-Sasuke : Karin. – a chamou com voz firme, tirando  o lençol  de seda que a cobria.  A mesma abriu os olhos lentamente  e sorrio ao vê  Sasuke ali

 

 

-Karin : você  no meu quarto?! – perguntou ainda deitada enquanto  Sasuke  se aproximasse ainda mais da cama.- em fim cansou de brinca de casinha com a rosada. - disse engatinhando  para perto do moreno que se aproximava, ao chegar próximo, sente seu cabelo ser puxado com violência  e ser jogada da cama para baixo, fazendo  seu corpo colidir com o chão, causando  uma dor insuportável enquanto sangue escorria de um corte que fora aberta em sua testa ao bate contra o chão- está  maluco  sasuke-kun ? – tenta-se levanta, mas e pega pelo o cabelo novamente  e levafat até a parede onde Sasuke troca os cabelos ruivos pelo o pescoço e a levanta apenas com uma mão pelo o pescoço  contra a parede. Karin se esperneava enquanto tossia e arranhava a mão  de Sasuke em uma tentativa tola achando que se  soltaria se ela fizesse aquilo. Naruto entra no quarto  e surpreendesse ao  vê  a cena

 

 

-Naruto: o que tá  fazendo  teme? Vai mata-la! – karin já estava sem força  e sem ar também, seus olhos já reviravam  com a tentativa inútil de puxa ar.

 

 

-Sasuke: essa  e a intenção.- olha de lado para  Naruto. 

 

 

-Naruto: não sei o que ela fez, mas acredite. Você  não precisa fazer isso, pensa em seu bebê, em Sakura.

 

 

-Sasuke : e exatamente  nelas que eu estou pensando! 

 

 

-Naruto : Sasuke pare por favor.  Seja lá  o que ela fez, não  precisa disso.

 

 

-Sasuke: por culpa de sua prima, Sakura está no hospital preste a perde nossa filha!- apertou, mas  o pescoço  da mesma. Lágrimas escorriam dos olhos de  Karin.

 

 

-Naruto: eu te entendo, mas pare com isso. E  se Sakura não  perde?! Ela precisa de você, pense... sua filha não terá o pai por perto na infância assim como a gente, mas não  por que ele morreu e sim por que ele matou alguém. Sakura vai precisa de você e você  atrás das grades não  poderá fazer nada para ajuda-la.- Sasuke  soca o a parede passando centímetros do rostos de karin, que fechou os olhos com medo. A soltou  e a mesma foi de encontro  ao chão. 

 

 

-Naruto: muito bem.. essa foi aí melhor e escolha.- tocou o ombro do moreno. Enquanto  Hinata  adentrava no quarto e olhou  para karin no chão 

 

 

-Hinata: N-Naruto-kun  oque está acontecendo aqui?-  pergunta abraçando a um dos braços de Naruto. 

 

 

-Naruto: nem eu mesmo sei Hina. 

 

 

-Karin: m-me desculpe sasuke-kun.- pede em meio a tosse, enquanto acariciava seu pescoço  na tentativa  de alivia a dor. Sasuke a olhou cuspindo fogo

 

 

-Sasuke: escute bem karin, você  tem apenas três  horas, para reza  para que nada aconteça  com minha mulher e minha filha , caso Sakura perca a menina, você  pode se esconde onde for, eu vou atrás e vou te acha e aí ninguém me impedirá.- das as costa para a menina saindo do quarto esbarrando em Naruto que olha para karin por segundos  e logo abaixa sua cabeça e balança  negativamente, fazendo mais lágrimas caírem dos olhos da menina que ainda continuava no chão. Naruto saio do quarto enquanto  Hinata se aproximou de karin. Naruto descia a escada as pressas, corre ao ouvir o barulho  porta  ser fechado, corre para o elevador   e  ao  chegar na garagem do condomínio,  vê Sasuke  se aproxima  do carro 

 

 

-Naruto : EI TEME.- grita enquanto Sasuke  abria a porta do carro.

 

 

-Sasuke: o que quer?

 

 

- Naruto: o que aconteceu?! O que karin fez com Sakura-chan?!- Sasuke da as costa  para o loiro

 

 

-Sasuke :pergunta para sua prima, e por conta dela que Sakura está em  risco a coisa mais importante que já tive em toda minha vida... se é  que cheguei a ter.- entra no carro sem espera o que Naruto tinha para fala dando partida saindo em disparada. Naruto Observa o carro saindo  até que some.

 

                   TSUNADE 

 

Estava preocupada com aquela situação, Sakura  estava bem, perdeu líquido, mais uma vez. a bebê  que acabamos de descobrir que uma menina, estava com os batimentos críticos. Seria três horas decisivas para essa pequena, Sakura estava entrando no quinto mês  de gestação. Me perguntava  como da essa noticia para ela quando acordasse, e nada tinha  me vindo a cabeça e agora Sasuke resolveu toma chá  de sumiço. Estava ficando louca  sem sabe o que fazer.

 

-Tsunade: se acalme Tsunade, já passou por isso antes.- disse pra mim mesma. Alguns minutos  depois shizune aparece na porta me avisando que Sakura havia acordado. Levanto de imediato e vou até o quarto onde a mesma se encontrava.

 

-Sakura : Tsu! Como meu bebê  esta?- pergunta enquanto eu via seus reflexos.- Minh cabeça, o que aconteceu comigo? Cadê  sasuke-kun?!

 

 

-Tsunade: ela está bem e você também! – mentir, pois não  queria deixa Sakura preocupada.- você teve uma queda de pressão. Sasuke foi toma um café – sorrir ao vê a mesma acaricia a barriga com os olhos cheios de lágrimas.

 

 

-Sakura: e umas menina? E minha bebê?  - pergunta com o rosto coberto de lágrimas. – sasuke-kun já sabe? 

 

 

-Tsunade : e sim e uma menina e Sasuke já sabe sim. Pelo o que vejo vocês  estão  bem juntos.- tentei distrai-la.

 

 

-Sakura: estamos sim, nós nos entendemos  ontem no meu aniversário, já estávamos  bem melhor antes, mas  só  ontem nós  acertamos  de verdade depois de seus conselhos e das meninas .- disse com o rosto corado.- é  ele ficou feliz por ser menina o nosso bebê?! – bom  sabe o que Sasuke  sentia em apenas olha-lo acho que ninguém  conseguia  além do Naruto. Sorrir para Sakura.

 

 

-Tsunade: e claro por que não  ficaria! Fico feliz por vocês e feliz que meus conselhos  tenham servido para algo.- conversei com a mesma até  que dormisse, para tenta fazer com ela não  senti muita  falta de sasuke ali, e foi o que  aconteceu  Sakura perguntou por Sasuke duas vezes e volto a dormir, enquanto eu a observava. Ouvir passos de alguém que passava  pelo a porta, e me virei  pensando que fosse shizune, que me avisaria sobre alguma imergência, mas não era a mesma e sim um moreno. 

 

-Sasuke: como ela está?! -perguntou se aproximando da cama a olhando ali deitada.

 

 

-Tsunade: acordou, perguntou por você, conversamos e dormiu. Onde estava?

 

 

-Sasuke: resolvendo uns problemas – confirmei  com a cabeça. 

 

 

- Tsunade: entendi, bom agora que chegou, deixarei elas em suas mãos. Daqui a 15 minutos venho vê  como elas estão.- sair da sala e fiquei observando Sasuke  acariciar o rosto de Sakura com carinho.

 

 

                      Continua...


Notas Finais


Comentem ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...