História A Seleção - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Chloé Bourgeois, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mylène Haprèle, Nathanaël, Plagg, Sabine Cheng, Tikki, Tom Dupain
Tags Adrinette, Marien
Exibições 32
Palavras 1.318
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Famí­lia, Ficção, Luta, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olha é minha primeira fanfic de Miraculous ,sim haverá a Ladybug e Chat Noir porém não aparecerá tão rapidamente e capitulos seguidos só de luta,a fic é inspirada na Seleção de Kiera Kass mas não é necessário ler ela para entender então relaxem e aproveitem a fic!Espero que gostem.

Kissus de Chocolate !Até as Notas Finais!

Capítulo 1 - Os Pretendentes


Fanfic / Fanfiction A Seleção - Capítulo 1 - Os Pretendentes

35 garotos e uma coroa

Quem ganhará o coração da jovem Rainha?

Capitulo-1 –Os pretendentes

 

-Marinette -Ouvi Alya me chamar acordando de meu transe profundo –Marinette ,já acabou-Chamou- me novamente achando ou melhor supondo que eu não a tinha ouvido

-Eu ouvi Alya-Falei para a mesma parar de falar ,dando um pequeno e imperceptível bocejo -Como isso pode ser tão irritante?-Perguntei a ela,esfregando cuidadosamente meus olhos para não estragar a maquiagem feita pela Mylene e pela Rose,minhas adoráveis criadas.

-Como uma reunião pra falar apenas sobre uma coisa pode ser tão irritante,que chega a eu ter  vontade de dormir ou morrer?-Perguntei adicionando algumas coisas em minha pergunta,acho que sabia a resposta de minha pergunta mas queria ouvir de outra pessoa.

-Mari -Riu Alya achando engraçado a minha desgraça, olha até que rima isso! Vou anotar essa rima mais tarde,porém acho que isso não é o pensamento certo para essa hora. –Não é a reunião irritante é o fato que eles estavam falando sobre a seleção e seus pretendentes não?

-Uhum que saco todos são das classes mais altas,e meu pai disse que só vai colocar três cinco e apenas um seis para participar para dar uma mistura para ninguém achar que é uma farsa-Falei irritada quando ao meu pai ,se aquele ser é realmente meu pai!Sinceramente meu pai é o contrário de mim,e acha que sou um objeto.–Sendo que na verdade tudo que ocorre no castelo é uma farsa!

Minha vontade era de sair correndo e me trancar no meu quarto ler ou jogar algum game que eu tinha,mas é claro que uma rainha ou princesa tanto faz o titulo não tem muita diferença,voltando ao que interessa uma princesa\rainha como eu (Uma coisa que para minha sinceridade eu não gostaria de ser) ,tem compromissos a cada minuto!Sério isso é completamente irritante!Dança,Saber falar todas as língua do mundo (Literalmente até as mortas),esgrima,piano ,canto,estudos entre muitas coisas ainda terei que encaixar a seleção em minha vida!

-Está na hora do Jornal Mari-Chamou-me avisando-me que estava na hora de ir,ou seja ,correr para o próximo compromisso meu.

               Num pequeno suspirou me levantei colocando minha nova e pesada coroa ,arrumando agora meu vestido vermelho pesado e fingindo brotar um sorriso verdadeiro,como se eu quisesse ser rainha(Tradução para:Utilizar vestidos e coroas pesadas me portar feito um anjo e falar em público).O Jornal Oficial era gravado hoje dentro do palácio ,com uma amiga de minha mãe.           

Ao chegar ao lugar das gravações meu pai estava sentado conversado com um amigo,assim que me encarou acho que seu olhar mandou uma mensagem direta para mim “Sorria,levante a cabeça,seja educado e finja ser alguém normal sua pirralha irritante” meu pai achava que eu era apenas um objeto que ele iria manipular após sair do trono.

Sem ele nota  revirei meus olhos e continuei andando ,porém apenas para fingir obedece – lo coloquei um sorriso e me sentei ao lado de minha mãe que parecia inquieta.

                   -Tudo bem?Mãe!-Chamei sua atenção, então ela suspirou e me deu um sorriso que apenas ela sabia fazer.

- Claro, querida. -Ela respondeu automaticamente - Só acho estranho que vou descobrir os pretendentes apenas no Jornal, seu pai não me contou nada!-Ela falou um pouco brava, mas voltando ao sorriso e alegria matinal.

              -Muito bem!Iremos começar exatamente..Agora!-Falou a apresentadora se sentando e começando a gravar  o chamada Jornal Oficial de Paris,em Páris ,isso mesmo digamos que  os tempos passaram e no lugar da antiga frança outro páis de origem e seu nome é o nome da cidade mais famosa do antigo país,e de quase todo mundo,Paris.-Boa Noite Paris!-Disse ela com um fingimento de alegria e de um esboço de sorriso-Hoje será o dia que 35 garotos de lugares diferentes serão os pretendentes da nossa princesa,Marinette!-Disse ainda fingindo uma alegria.

                Ao ver as câmeras focarem em mim esbocei um pequeno sorriso,esperando alguma pergunta.

                        -Então Marinette o que tem a dizer  para os seus pretendentes.-Disse

                   Pensei um pouco antes de responder,então sorri para a câmera e disse:

                      -Aproveitem seu último dia em sua casa,família,e casta –Disse-Pois indepedente de como seja o final da seleção e com que eu acabe me casando sua vida nunca será a mesma.-Disse fazendo um sorriso falso.

                      -Sabias palavras princesa,sábias palavras,mas me diga então,você já sabe quem são os seus pretedentes-Perguntou -me  ,pensei em falar a verdade porém meu pai me mataria no final do programa e não haveria seleção.

                      -Não irei conhece-los ao mesmo tempo que as pessoas de casa-Merda,devia ter falado Conhecer os senhores.

                     -Então iremos ver os pretendentes para a Princesa Marinette-Disse tal apresentadora

                 -Vamos Ver...-Antes de começar ela olhou pra mim e deu um sorriso não sei por que adorava tirar com a minha cara-Princesa por que não lê?

               -Ahn,E-eu-Deu uma pequena gaguejada e meu pai bufou e olhou feio-Ah ,claro !-Disse me levantei cuidadosamente com aquele meu vestido vermelho pesado e decorado até demais e uma coroa que eu estava equilibrando em minha cabeça com seu fosse uma bíblia.

                   -De...-Li um pouco  e então continuei-Clamart, Senhor Nathaniel Kurtzberg ,Dois.-Continuei a ler nomes e mais nomes-Até chegar aos últimos-De  Proença,Senhor Lê Chien Kim,Dois.

                      Li os últimos nomes dando um sorriso discreto para que ninguém visse minha alegria que os nomes estavam acabando.

                  -Senhor Max Kanté,de Nice,3-Disse olhei o papel e li-Senhor Nino Lahiffe,De Paris ,Cinco-Disse-E esse são os canditados-Disse abaixando a folha,porém pensei um pouco meu pai não tinha dito três cinco e um seis.?

                   -Bem e com isso nós acabamos o quadro sobre a sele...

                   -Espera senhorita-Disse interrompendo –Faltou um!-Disse lendo e depois encarando a câmera-Senhor Adrien Agreste,de  Lyon,Seis.Parabéns a todos os escolhidos para participar da seleção e espero que aproveitem a oportunidade,pois acreditem ela será única-Sorri .Vi então a câmera focar para a apresentadora então sentei,meu pai olhei e sem fazer som moveu seu lábrios dizendo algo como “ótimo,você podia ter tirado um seis do jogo sem ele nem participar,pirralha irritante”.

                        O programa acabou pouco tempo depois com a seguinte frase da apresentadora.

                      -Amanhã os catitados já estarão no pálacio em Paris!-Sorriu falsamente-Então arrumem as malas pretendentes amanhã vocês conhecerão a próxima Rainha de Páris! –As câmeras desligaram e meu pai me puxou pelo braço irritado.

                        -Sua pirralha irritante onde estava com a cabeça?PODERIA TER SE LIVRADO DE UM SEIS!UM SEIS NUNCA VAI SER PRINCIPE!-Berrou-ENQUANTO EU VIVER ELE NUNCA IRÁ SE CASAR COM VOCE!-Berrou assustando minha mãe que ia logo atrás

                          -Ahn,querido ela não...-Ele a interrompeu

                  -CALE A BOCA!-Gritou minha mãe recuou alguns passo,rapidamente me soltei e a puxei,para aonde ele não me segurasse ,quando estava seguras no salão das mulheres,minha mãe desabou ,há temspos ela estava assim frágil,triste e insegura.

                -S-seu pai não era,a-assim-Murmurava entre soluços-T-tudo por causa de um seis...Por que tudo isso?Como eu me apaixonei por alguém como ele?-As lágrimas desabavam,tristemente.

                Espero realmente que esse seis pelo menos seja alguém bom por ter feito tudo isso comigo e com minha mãe,ou melhor por ter conseguido irritar o rei assim.

                -Mãe fique aqui até se acalmar,o rei não pode entrar aqui,você sabe-Ela Concordou se sentou em um dos sofás tentando secar as lágrimas que ela gastava por um pessoa que não merecia,suspirei e me levantei-Mãe ,eu-Tirei a coroa e a coloquei com cuidado sobre sua cabeça-Não quero mais uma coroa em minha cabeça ,então quero que fique com ela-Minha adorava coroas mas meu pai não a deixava usa-la a não ser em aparições ao público o que era bastante raro.

                Cheguei o mais rápido á Alya que estava preparando para a chegada.

                -Alya tem como os pretendentes chegaram hoje?-Perguntei numa rapidez impressionante

                -Sim ,claro..Mas por...

                -Traga-os para cá ainda hoje -Falei lhe interrompendo-A Seleção começa hoje!-Falei brava dei de costas para andando o mais rápido possível soltei meu cabelo assim que sai de sua vista e o prendi em dois pequenos rabos,meu pai queria um pessoa perfeita?Ele nunca mais a teria.

 

Algumas lendas são ditas

Algumas viram pó e outras ouro

Mas você se lembrará de mim

Lembrará de mim por séculos

Centuries.


Notas Finais


Desculpe meus erros esperam que tenham gostado até mais!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...