História A Seleção de Fallen - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Seleção, Fallen
Personagens Ariane Alter, Cameron Briel, Daniel Grigori, Gabrielle "Gabbe" Givens, Gavril Fadaye, Lucinda "Luce" Price, Mary Margaret "Molly" Zane, Roland Sparks
Tags Escolha, Maldição, Romance
Visualizações 19
Palavras 1.096
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Survival, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Suicídio
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá pessoas...

Mais um capítulo, espero que gostem!💖💖

Capítulo 3 - A Luz Misteriosa Atráz de Mim


Fanfic / Fanfiction A Seleção de Fallen - Capítulo 3 - A Luz Misteriosa Atráz de Mim

Doreen Price, minha mãe, escancara a porta. O seu rosto, que na frente das câmeras é doce e suave, estava vermelho ardente, de raiva e fúria.

Eu me puxo para tráz e bato na cabeceira da cama com as costas. Eu estava com medo do que ela podia fazer. Ela sempre foi rude comigo, e nunca se deu o trabalho de cuidar de mim. Quando pequena, tive uma ama de leite, e diversas babás. Nunca tive uma mãe.

A rainha de Illea dá um passo rápido para frente e tento imaginar tudo o que ela faria. Chingar. Castigar. Maltratar. Ela já fazia tudo isso, mas com certeza não deixaria passar como um vento. Ela seguraria e faria o pior que pudesse comigo.

-Onde estava antes de ser anunciada?-diz curta e grossa.

-Na festa.-respondo em mesmo tom.

Ela suspira fundo e eu relaxo um pouco, sento mais confortavelmente na cama por minha mãe não ter partido para a agressão.

-Tem certeza? Não vi você desde o começo, e tenho certeza de que depois saiu. Onde estava?-dessa vez, ela repete "onde estava" com mais precisão. Agarro os cobertores macios da minha cama com força.

-Por quê quer saber? Está preocupada com sua filha, ou com a princesa?-viro o jogo.

-A princesa. E quero saber por quê eu me preocupo com essa princesa. Ela é minha herdeira e precisa de cuidado e preteção.-essa doeu, literalmente doeu na alma.-Agora, sua vez de responder perguntas. Onde estava?

-No jardim, com as...-lembro-me de quem elas eram. Minhas amigas, e não podia contar.-...as filhas da Senhora Elleran.

Minha mãe desconfia. Depois ela olha para mim com o mesmo despreso de sempre e diz:

-Volte para a festa.-ordena curta e grossa.

-Eu não vou fazer uma seleção.

-Enquanto eu for a rainha, eu mando. A seleção vai servir para distrair as pessoas da crise que estamos passando. E você sabe muito bem que a crise é grande.-praticamente soletra, pela lerdeza em que falou. Pareceu por um momento, uma professora de história.

-Enquanto isso gastamos em festas o dinheiro que sobra...-sussuro baixo o suficiente para minha mãe não ouvir.

-O que disse?-talvez não tão baixo assim...

-Nada.-minto.

-Nada? Pensei que tinha concordado em fazer A Seleção. Espera... Você não tem que concordar.-diz irônica.

Reviro os olhos. Minha mãe tem problemas psicológicos, pois seu rosto só é doce em multidão, parece um controle automático...

Ela vira as costas.

Eu teria uma seleção.

Meu pior pesadelo.

Garotos fedidos em minha casa?

Arrrrrgggggg...

Me irrito de uma forma que sinto o sangue quente e fervente na minha própria cabeça.

Tento relaxar e suspiro fundo.

-Então, os garotos que virão, eu poderei eliminálos? Digo, eu vou escolher?-pergunto tentanto manipular Doreen.

Ela vira-se novamente para mim e sorri malignosamente. O seu sorriso me deixou mais assustada do que ao vê-la irritada.

-Poderá escolher até certo ponto. Com licença.-disse como se eu fosse uma estranha.

Suspiro e jogo meu corpo na cama. Ouço vários passos desajeitados com saltos e a voz de Ariane irritada com seu sapato:

-Droga de sapato!

-Shh Ariane! A rainha pode ouvir!-Gabbe a repreende.

Enfim levanto a cabeça e vejo elas na porta. Minha cara não era a das melhores...

-Ela não te matou... Ufa... Pensei que iríamos a um funeral...-diz Ariane, tentando me animar. Sorrio levemente.

-Menos Ariane!-Anna fala do jeito que uma mãe diria se você falasse números exagerados.

As três param de falar e olham para mim de uma maneira fofa que pedia "desculpas, ta tudo bem com você?".

-To bem...-digo sem muita animação.-Ela disse para mim voltar a festa...

Me levanto. Gabbe pega o estojo de maquiagem e começa a refazer a minha rapidamente. Anna pegou a escova e refez o penteado e Ariane desamassou meu vestido. Elas terminam de me produzir e Ariane diz:

-Tenho que confessar... Está mais linda do que antes...-ela falou de uma maneira que me fez rir.

Ela sempre me faz rir...

-Obrigada Ariane...-digo levemente.

-Mas e A Seleção?-Anna muda para um assunto mais sério.

Percebo que Gabbe a cutuca com o cotovelo na barriga.

-Ah...-desanimo-me.-Terei que fazer A Seleção. Mas... Se eu não gostar de nenhum, não preciso me casar com nenhum deles... Foi assim na seleção de meu pai... Ele... Teve duas seleções pois não achou quem realmente amava.

-Hm...-confirma Anna-Mas... Como funciona essa tal seleção? Nunca vi uma...

-Os garotos se inscrevem, e acontece um sorteio em cada província, então, um garoto de cada província vem ao castelo.-suspiro-É tudo o que sei...

Elas olham para mim tentanto me acalmar. Eu estava confusa além de tudo. Eu tinha apenas 17 anos, e se encontrar alguém que eu ame, terei que me casar, ainda assim, muito nova.

-Mas, se você pode terminar a seleção sem escolher ninguém, quer dizer que talvez, encontre o amor de sua vida...-Anna me diz e senta-se ao meu lado e segura minhas mãos absurdamente geladas.

-Anna está certa Luce. É bem provável que encontre o amor de sua vida!-diz Gabbe tentando me dar apoio.

Eu já me sentia bem melhor.

 

                            ***

Durante o final do baile, fiquei sorrindo e minha mãe me olhava com desaprovação por não ser um sorriso sincero.

As meninas não puderam vir a festa pois teriam que trabalhar naquele período na cozinha e foram rápidas ao trocarem de roupa e correr para o andar de baixo sem que ninguém percebesse.

Minha vida só era divertida com minhas amigas por perto...

-Princesa?-alguém chama meu nome atrás de mim.

Me viro e levanto. Era um garoto com um lindo terno e cabelos morenos e jogados de lado.

Eu não o conhecia, mas recebi uma reverência.

-Sim?-refiro-me ao que ele iria me dizer.

-Alteza, sou Cameron Briel. Sou filho do braço direito de vosso pai, e é um prazer conhece-la.-ele pega delicadamente minha mão direita e a beija suavemente.

Ele tinha os olhos malignos, mas não parecia ser ameaçador, talvez ele fosse alguém legal.

-Cameron, sou Lucinda Price, a princesa de Illea e se me der licença, vou beber algo.-decubro suas intenções. Ele queria estar na seleção, com certeza.

Por isso dei um fora nele e me retirei rapidamente de perto dele antes que ele pudesse reverter tal situação.

Não gosto de pessoas que me encantam de primeira, esse tipo de pessoa sempre me apunha-la pelas costas.

E Cameron Briel me encantou.

                             ***

Fico tonta novamente, antes das "visões" aparecerem isso sempre acontece. Me escoro na parede no fundo do salão antes que eu caia.

Dessa vez a imagem que aparece diante de meus olhos não é um par de silhuetas luminosas, mas são grades negras e tudo estava escuro, retirando a parte de uma forte luz atrás de mim. Viro-me na visão mas a luz não está lá e sim, atrás de mim novamente. O medo toma conta de mim e tento abrir as grades. A luz desaparece, junto da visão.

Antes estava escorada na parede e agora estava caída no chão, fraca e imobilizada pela dor e tontura.


Notas Finais


Não esqueçam de ver minhas outras fanfics;

Anjos em Minha Vida(Baseada em BTS);

https://spiritfanfics.com/historia/anjos-em-minha-vida-9875525

Jogos da Seleção(Baseada em Jogos Vorazes e A Seleção);

https://spiritfanfics.com/historia/jogos-da-selecao-7557184

Até o próximo capítulo!
Deixe nos comentários sua opinião da fic!

_Xoxo_


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...