História A Seleção De Um Peculiar - Interativa - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Seleção, O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares
Personagens Personagens Originais
Tags Fanfic Interativa, Interativa, Peculiares
Exibições 53
Palavras 1.436
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Magia, Romance e Novela, Saga, Universo Alternativo

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olá

Capítulo 6 - Cap 6- " Qual é sua peculiaridade, Senhorita?"


Pov Nathan

Uma garota morena caminhava graciosamente até mim, com uma expressão também graciosa.

- Bom dia, Alteza. - sorri meiga a garota.

- Bom dia, Senhorita Katie. Como está?

- Muito bem, obrigada.

- Que bom. Qual é sua peculiaridade, Senhorita.

- É como uma Floracinese, controle sobre alguns elementos da natureza... - tentou me responder claramente a garota, fazendo uma careta (até que fofa) ao ver que não conseguiu.

- Poderia me explicar por favor? - pedi. Katie olhou para mim e depois para o teto antes de começar a falar.

- Posso fazer qualquer planta crescer ou voltar a crescer; em caso de plantações mortas. - ela tinha peculiaridade parecida com a da minha mãe, tirando o fato que essa controlava tudo e qualquer coisa da natureza.

- Nossa, deve ser bom ver qualquer planta crescer e aposto que melhor ainda para agricultores. - brinquei e consegui fazer Katie rir -

Como nosso tempo é curto, peço que procure a tutora Lillianna e diga que por ordens minhas a Senhorita ficará sob os cuidados dela.

A morena assentiu e com um gentil "Até mais" que eu respondi se retirou, chamando a próxima Selecionada.

Katie parece ser simpática e tímida pelo modo como agiu, bem no canto dela.

Uma loira esbelta se aproxima, com as feições um tanto fechadas. Confirmo minha especulação de que os cabelos dela eram mais escuros que a coloração que estavam - não que isso seja relevante.

- Olá, Alteza. - Diz a garota, parecendo estar incomodada.

- Olá, Senhorita Misaki. Como vai? - Pergunto, tentando descobrir com a resposta o motivo de seu incômodo

]- Bem.  -Responde curta e sem dar mais detalhes, até que parece se lembrar de algo - E você? - complementa

- Estou bem, obrigado por perguntar - Misaki  assente impaciente - Tem certeza que a senhorita está bem? -Indago novamente. Ela não parecia nada bem mesmo.

- Sim, Alteza, tenho certeza. - Responde, sendo um tanto grossa. Nossa. Qual seria o motivo de tão irritabilidade? Eu, que eu saiba, não fiz nada pra ela, então seria quase improvável ela estar assim por minha causa. Ao menos ao meu ver.

- Certo, então... Poderia me dizer qual é sua peculiaridade? - Pergunto tentando ser amigável e bastante enrolado com as palavras.

- Visão do Futuro Imediato e Eletrocinese. - Responde, bufando levemente. Estou começando a ficar sem paciência com isso...

- Poderia me explicar como cada um funciona? - Sigo o roteiro.

- Com a Visão do Futuro Imediato eu posso ver algo que acontecerá daqui a cinco ou dez minutos. Se eu me esforçar consigo ver um pouco mais além. E com a Eletrocinese eu posso controlar ou gerar raios,energia e tempestades. - Fala sem muita enrolação.

- Oh, parece ser bem legal suas peculiaridades... Mas,sinto muito, o nosso tempo é curto, então temos que encerrar a conversa. - Soo sincero, realmente impressionado. Já pensou como seria se eu pudesse ver o futuro? Demais! - Pode falar com a tutora Lillianna e dizer que você ficará com ela por ordens do príncipe? - Ela assente, já se levantando. Mas minha curiosidade (e ao mesmo tempo indignação) falam mais alto e indago - O que fiz para a Senhorita para que me tratasse assim?

Ela rola levemente os olhos e fala, mas percebo que certa expressão brincalhona surge no canto de seus lábios:

- Estou num período em que constantemente fico irritada demais por qualquer coisa. Me perdoe - ela pisca pra mim e entendo o que ela quis dizer. Uma tal de TPalguma coisa. Sorrio. Perdoável e cômico - Até mais, Alteza.

- Até, Senhorita. - Respondo vendo ela se afastar. Talvez daqui há alguns minutos ela possa se acalmar.

Misaki chama a próxima Selecionada que caminha elegantemente até mim.

- Olá, Alteza - cumprimenta a bonita asiática.

- Olá, Senhorita. Devo dizer que gostei do seu vestido. - olho para o vestido meio purpura ou sei lá  que cor é (não sou muito bom com essas coisas), em cima de brilho e em baixo florido, com a saia fina e transparente mais comprido de um lado do que do outro; mas outra saia rosada por baixo.

- Obrigada, Alteza, gostei bastante também. - a moça brincou com a saia do vestido - e minhas peculiaridades são Telepatia e Controle dos Cinco Elementos. - contou Victoria antes mesmo que eu perguntasse.

- Usou a Telepatia? - quis saber, afinal, só pode ser. A asiática riu de um jeito lindo e negou

- Não, soubemos que fez essa pergunta a todas, então... - eu ri também. Óbvio que as conversas não ficariam só entre eu e a Selecionada.

- Ah, Entendi. É meio estranho esse negócio de Telepatia. Me arrepia - Victoria riu de novo - Mas me explique o Controle dos Cinco Elementos.

- É bem simples, controlo água em todos os estados, posso criar centelhas de chamas em minhas mãos, controlo o ar e a natureza. Todos esses elementos juntos resultam no Metal, o qual também posso mover e criar. - explicou, usando de base o princípio da Alquimia.

- Entendo, a Senhorita parece ser forte então - Victoria deu de ombros - Peço que procure a tutora Elizabeth e diga que por ordens minha ficará sob os cuidados dela.

- Claro, Alteza. Até mais. - a asiática fez uma reverência

- Até, Senhorita. - Victoria sai e já chama a próxima garota.

Uma outra ruiva vinha em minha direção.

- Bom dia, Alteza.

- Bom dia, Senhorita Lianna. Como está?

- Bem, e você?

- Um pouco nervoso ainda, mas bem. - Liane sorriu e mostrou um par de covinhas que fizeram meu coração parar por um segundo. Voltei ao mundo real no mesmo momento - Qual é sua peculiaridade, Senhorita?

- Pressagios de Morte, Alteza.

Mais uma vez meu queixo caiu:

- Essa é uma peculiaridade extremamente rara e preciosa, Senhorita. Já ouvi falar de algumas pessoas que tem essa, mas não muitas. Como funciona a sua?

- Ouço ruídos de almas na minha cabeça, e posso prever o local, hora e que pessoa que vai morrer. Quando eu tenho uma premonição eu dou um grito meio perigoso... E a tem a parte de Telecinese. Mas tenho a mente bloqueada.

Lianna termina e fico imaginando como seria esse grito, se era perigoso...

- Hm... Senhorita, precisamos encerrar por enquanto. Poderia procurar a tutora Lillianna e dizer que por ordens minhas ficará sob os cuidados dela?

- Claro, Alteza - a garota sorriu, acenou com a cabeça e se retirou. Essa parece ser bem aberta, mas tivemos uma conversa bem breve.

Foquei nos cabelos cor de fogo e nos olhos que mesmo a distância se percebia que eram azuis. A garota parou na minha frente e estagnou, demonstrando que esperava uma ordem minha. Então, a dei:

- Pode sentar-se, Senhorita Nyx.

- Obrigada. E bom dia, antes de qualquer coisa.

- Bom dia para a Senhorita também. Gosto do seu nome. Nunca ouvi falar de ninguem cujo nome é igual ao seu.

- Gostou mesmo? Muito obrigada, Alteza. Amo meu nome - diz empolgada.

- Tem que se gostar mesmo. - eu ri - É complicado esse negócio de trocar de nome, pelo que ouço falar.

- Se é o que diz... - a garota sorriu de volta. Devo dizer que ela é demasiado bonita.

- Mas Senhorita, preciso saber: qual é a sua peculiariedade? - eu não queria ter que ficar cortando o assunto, mas se eu tivesse outra opção...

- Pirocinese e Umbracinese.

- Poderia fazer uma breve explicação de cada uma? - Nyx assente e começa:
 

- Pirocinese é a tecnica de controlar o fogo - ela tem a mesma peculiaridade que minha irmã - Posso criar, controlar chamas; fazer seres de fogo; criar labaredas e fazer meus cabelos pagarem fogo.

Meu queixo caiu com essa última parte. Estava até que explicado o motivo de os cabelos dela serem ruivos. Se ela fosse morena, por exemplo, ficaria diferente, na minha opinião. ISSO EU QUERO VER! NÃO MORRO ANTES DE FAZÊ-LO!

- E Umbracinese é a arte de controlar sombras. Não gosto muito dessa, mas às vezes uso. Com ela também posso transportar-me ou transportar alguém pelas sombras para algum lugar.

- Nossa, deve ser o máximo! - Nyx sorriu. Ela é uma garota bem alegre... Mas Deus, eu preciso ver os cabelos dela em chamas! - Senhorita, peço que procure a tutora Elizabeth e diga que por ordens dela, ficará sob seus cuidados. Até mais, Senhorita.

- Até mais, Alteza. - Nyx se retirou e chamou a próxima garota.
 


Notas Finais


Espero que tenham gostado

Amanha eu coloco as aparências, porque tenho que sair do spirit agora, e aviso as pessoas que comentarem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...