História A seleção-Katherine White - Capítulo 1


Escrita por: ~

Exibições 29
Palavras 2.113
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Romance e Novela, Saga, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


A historia se passa antes da seleção de maxon e ate mesmo antes da seleção de seu pai.

Capítulo 1 - Capitulo 1


Fanfic / Fanfiction A seleção-Katherine White - Capítulo 1 - Capitulo 1

Katy, Katy.
Acordo e me deparo com uma figura de cabelos loiros levemente borrada que supus ser a tay ao lado da minha cama.
Taylor collins, também conhecida por mim como Tay, é a minha melhor amiga, nos conhecemos quando tinhamos cerca de 5 anos e nos tornamos amigas , apesar de eu ser uma dois e ela uma seis,a  diferença de castas não interfere em nossa amizade, quando ela completou 16 anos, a minha familia lhe empregou como minha criada, o que claro foi apenas uma desculpa para ajudar os Collins sem que ferisse o orgulho deles,  desde que nos tornamos amigas a minha familia tem tentado ajuda-los financeiramente, mas nunca os collins aceitaram a ajuda, a taylor tem cerca de 3 irmãos, e trabalha para ajudar a sustentar a familia.
Por falar em apresentações, acho que eu deveria me apresentar, Meu nome é Katherine White, eu sou uma dois, desde pequena venho trabalhando em filmes, alias foi como conheci a tay, sua mae trabalhava como faxineira do set do meu primeiro filme, atualmente tenho 18 anos. Tenho um irmão chamado Noah.O Noah tem 19 , ele é modelo, assim como a maior parte da minha família, com a pequena exeção de mim e do meu pai.
Viro para o lado e falo:
-só mas 5 minutinhos...
Taylor sobre em cima de mim e começa a me chacoalhar.
-Vem logo katy, você tem que tomar cafe da manhã, o dia do sorteio é hoje.
Levanto sonolenta ainda sem raciocinar direito.
-sorteio...que sort- nessa hora me lembro, Hoje seria o sorteio para as participantes da seleção do principe, claro que eu não tinha me inscrito , não fazia parte dos meus objetivos me tornar rainha, entretanto tinha um encontro marcado com o sofá, a pipoca e as gargalhadas que eu, taylor e Alex, meu melhor amigo, daríamos ao ver a cara da pobre garota que seria escolhida-AI MEU DEUS! AQUELE SORTEIO.
eu e tay começamos a rir.
-então o grande dia chegou, ein?- brinco e nos duas rimos.
-Sim, agora levanta, estou com fome- a taylor é minha criada, entretanto o fato de que ela estava mais ali para me divertir e ser minha amiga do que desempenhar sua função de criada era inegável. 
Apos me arrumar com a ajuda da Tay, descemos as escadarias da minha casa direto para a sala onde a mesa de jantar já estava cheia de aperitivos para o café da manhã, grande parte deles eu mesma mandei serem feitos para comemorar a chegada do dia, em uma das cadeiras, se encontrava um garoto de cabelos cor de mel , olhos verdes e pele bronzeada, que com certeza eu conhecia tao bem quanto conhecia a Taylor.
-Alex, que bom que ja esta aqui- digo rindo.
Alex é um 3, ele esta treinando para ser um escritor.
-E como eu poderia perder o grande dia não é mesmo?-diz ele rindo- alem disso não e todo dia que temos esse belo banquete.
-Mentiroso, quase todos os dias vocês tomam café da manhã aqui- digo rindo.
-Que seja, voces vao mesmo discutir quando nos temos ou nao comida? Com licença mas eu estava todo esse tempo esperando a bela adormecida aqui acordar para poder comer-diz a Taylor rindo.
Nos sentamos na mesa e comemos.
-A proposito que horas são?-Alex pergunta.
-11 horas- responde a Taylor 
-11 horas?! Então temos que nos apressar- digo, apesar de não querermos participar da seleção, a presença de todos os cidadãos era obrigatória na praça principal, aparentemente, o rei e a rainha queriam uma grande plateia para assistir o sorteio da possível futura rainha de Illéa.
Apos o cafe da manhã, pegamos um carro no qual minha mãe e o meu pai juntamente com meu irmão já nos esperavam.
-Bom-dia querida-diz a minha mae- Bom-dia Alex e Taylor.
-Bom-dia katy, Alex , Taylor-meu pai fala por cima do roteiro que está lendo.
-Bom-dia- respondemos em unissono.
Apos cerca de 1 hora chegamos na praça central.
Ainda estava cedo então conseguimos ,na área vip, bons lugares para presenciar de perto a escolha da selecionada.
Olho ao redor, a praça estava decora com as cores da bandeira de Illéa, bem na frente da praça, havia um telão e um enorme palco de onde ,supus ,que os organizadores fariam comentários.
-Uau, parece que capricharam na decoração dessa vez- alex murmura impressionado.
Taylor não falou nada mas não havia resquício de  duvida de que achava o mesmo.
A praça foi aos poucos se enchendo de gente. Uma mulher sobe ao palco vai até o microfone, eu estava prestes a fazer uma piada mas a taylor me deu uma cutuvelada indicando que eu deveria ficar quieta.
-Boa-tarde, senhoras e senhores da província de Carolina, agredecemos a presença de todos vocês nesse dia tão especial para a família real e principalmente para o principe. Antes de começarmos, vamos relembrar vocês um pouco sobre o que é a seleção-ela faz uma pausa e sai do palco, um homem assume dessa vez.
-"agradecemos a sua presença"-imita a taylor- ha, como se fosse escolha nossa...-dessa vez foi o Alex que cutuvelou a Taylor, o homem estava começando a falar.
-Bom,Como muitos de vocês ja sabem, a seleção é uma tradição de Illéa que vem sendo praticada por muitos anos, ela se trata da melhor forma encontrada pela família real de manter uma harmonia com o povo, ao escolher uma rainha diretamente dele, demonstrando a união entre a família real e o povo. A seleção conta com o sorteio de 35 garotas com a idade entre 16 e 21 anos, cada garota será sorteada de uma província de Illéa para representa-la. Hoje, uma entre todas as garotas da província da Carolina concorrerão por uma vaga na seleção.-ele faz uma pausa-Agora , iremos para a entrevista com o principe James.
O telão se acende e uma imagem do príncipe em uma cadeira de frente para o apresentador Paul Visser surge nele.
-Então Vossa alteza-começa Paul- o grande dia finalmente chegou, como se sente?-pergunta ele-algum nervosismo, ansiedade?
-Para falar a verdade Paul, Não, desde que sou pequeno sei que esse dia chegaria, então estou mais do que preparado para sortear os nomes das selecionadas-responde o principe.
-Interessante, ao que parece, a vossa alteza não sente nenhum medo da seleção-paul olha para a camera- Então diga-me, o que procura na futura rainha de Illea, Vossa alteza?-pergunta Paul virando-se novamente para o principe.
-Poucas coisas alem do que normalmente os principes de Illéa tem exigido-responde ele-Procuro...-entretanto ele e intereompido por Paul.
-Por que nao diz isso olhando para a camera vossa alteza? Assim estara falando para as futuras selecionadas-sugere Paul.
-Claro-sorri o principe, ele olha para a camera e por um momento encaro os olhos azuis do principe, ele era bonito, nao se podia negar, possuia um cabelo loiro, olhos azuis e um leve bronzeado-Procuro uma rainha que possua espirito de liderança para me ajudar com as questões relativas ao governo, uma mulher inteligente e responsável, que saiba como se portar em frente as câmeras e a frente do povo, alem disso, procuro uma mulher que possa me fazer feliz -ele diz essa parte um pouco desconfortável.
Rio, aparentemente, essa foi a parte do discurso que ele menos ensaiou.
-Ao que parece Vossa alteza é bastante exigente-Ri paul, o principe tambem reage rindo
-É necessário quando se trata da futura rainha de Illéa e mãe dos meus filhos-sorri o principe.
-Com certeza-sorri Paul- Bom, a nossa entrevista com o príncipe esta chegando ai fim para que ele possa se preparar para o momento em que escolherá o nome das selecionadas, eu sou o Paul Visser , Boa-tarde.
-até que em fim, que horas são?-pergunto
Mamãe olha para o relógio- 4 horas- ela ri- o sorteio deve começar a qualquer instante.
Por volta das 5 horas o telão é novamente ligado, tratava-se ,agora, da imagem do que parecia ser uma enorme sala , no final, a familia real estava sentada em suas cadeiras, ao redor deles, percebi, haviam enormes caixas de vidro com pequenos papeis, haviam cerca de 35 o que significava que eram as caixas com os nomes das inscritas para o sorteio.
-"a qualquer momento"-murmura Alex sarcasticamente.
Nesse momento uma voz começou a falar, apresentando a familia real e o explicando o que estaria prestes a acontecer, entretanto a minha atenção foi desviada para o meu irmão mais velho que estava me cutucando.
-quer parar?- brigo com ele
-voce se inscreveu maninha?-diz ele rindo
Fico seria, e dou um sorriso sarcastico-sabe que não.
-Por que nao maninha?O principe não é bom o suficiente para o seu "coração de gelo "?-implica Noah, Noah pode ser bem legal  quando quer, mas quando quer também pode ser insuportavel, "coração de gelo" é uma brincadeira que eu , Taylor e Alex fazemos já que nenhum de nos jamais se apaixonou. Fui tomada de raiva ja que ele nao tinha o direito de usar nossa piada interna contra mim.
-Quer calar a boca?Está arruinando o grande momento.
-O momento em que seu nome vai ser escolhido?-replica ele.
Tento ignora-lo mas ele continua.
-Você sabia que "coração de gelo" não e mais uma piada interna de voces?
Olho para meu irmão nos olhos, alguns poderiam dizer que somos parecidos, temos os mesmos olhos, mas de personalidade, com certeza não.
-Ta bem, por que escolheu justo agora para me irritar?
-Por nada, só acho que voce não quer participar por que seus amigos também tem um "coracao de gelo", pensando bem vou te chamar de garota de gelo agora.
-O que? não é nada disso, eu só... não quero casar com um desconhecido.
Meu irmão ri.
-O que é tão engraçado?-pergunto com raiva.
-Você nem se quer tem um motivo valido, é o mesmo que dizer que você é boçal por ser uma dois.
   -ta certo, agora me deixa em paiz- volto a atenção para o telão novamente, o príncipe estava chegando perto da provincia da carolina e eu queria saber se conhecia a pobre, desafortunada e condenada garota que seria escolhida, mas meu irmão não me deixa em paz.
-e se eu te dissesse que vi algo..-ele começa.
-Nao me importo-corto ele.
-Sabe, um dia estava saindo de casa para ver a Mandy-mandy é a namorada do meu irmão- e vi algo? Algo que diz respeito a você?-ele olha para a Taylor e o Alex que estavam agora indo comprar uma agua-Algo...que diz respeito a eles?
-Como ja disse não me interessa.
-Ok, Ok se esta sendo tao rude e não é mesmo do seu desejo saber vou lhe deixar em paz.
Já estava dando graças a Deus, até que ele se aproxima novamente e ri
-É tão óbvio, acho que voce é mesmo muito inocente, jamais poderia enfrentar a seleção.-provoca ele
-Eu poderia enfrentar o que eu quisesse se fosse de meu interesse, entretanto nao é...-minha frase é enterrompida por uma breve olhada para o telão e pela perseção de que o principe estava chegando perto  da caixa de Carolina, me ajeito na cadeira e sorrio- Com licença o grande momento chegou, Taylor e Alex também ja haviam voltado e se acomodam nas duas cadeiras ao meu lado, meu irmão finalmente parece disposto a me deixar em paz, talvez tenha atingido sua cota de aborrecimento diário.
-É agora- fala Taylor.
-Cala boca, quero total atenção no telão-fala Alex.
O príncipe fica frente a frente com a caixa de carolina, ele anuncia o nome da província, segue-se alguns segundos que,tenho certeza , foram um tormento para a maior parte das garotas na plateia, o príncipe coloca a mão dentro da caixa, ele demora um pouco antes de começar a remexer a mão a procura de um papel.
Olho para o relógio da minha mae, 8 horas, quanto mais tempo aquela tortura duraria? Depois de longos minutos remexendo os papeis dentro da caixa o príncipe finalmente escolhe um deles e o retira da caixa, nesse momento tive certeza de ouvir o gritinho frenético de uma garota, vi outra chorando de ansiedade e mais muitas outras na mesma situação ou pior.
O príncipe aproxima o papel no rosto e o desenrola, ele primeiro lê o nome que esta la dentro, logo em seguida olha para a tela e sorri.
Finalmente. Estavamos prestes a saber quem seria a pobre condenada dona do nome sorteado.
O principe abre a boca e então anuncia:
-Da provincia da Carolina...-lembro me do nome que ele disse, era de alguem conhecido, sim. Definitivamente, alguém que eu conhecia muito bem, a minha única duvida era: quem pôs aquele nome, naquele papel, naquele exato dia da inscrição para o sorteio?
O principe repete mais uma vez o nome que acabou de ler:
- Katherine White.

 

 

 

  

 

 


Notas Finais


Tentei colocar fotos dos personagens entretanto não consegui, portanto aqui colocarei os modelos/atores/pessoa que imagino como cada um deles:
Katherine white: karisma Collins
Noah White: Chris collins
Pai da katy: tom cruise
Mae da katy: charlize thoron
Principe James: Neels Visser
Rei:brad pitt
Rainha:angelina jolie
Irmã do principe: annika boron
Taylor: lele pons
Alex: juanpa zurita


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...