História A Seleção-Os Jogos Reais - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Seleção, Jogos Vorazes (The Hunger Games)
Tags A Seleção, Jogos Vorazes
Exibições 80
Palavras 1.521
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Romance e Novela
Avisos: Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Mais um capitulo,gente serio vcs sao muito fofos nos comentarios,muito obrigada msm...Boa leitura <3

Capítulo 11 - Treinamento


Ele sorriu quando me viu entrando,e eu parei.

O que ele estava fazendo ali?

Claro,dizer que ele está sendo bondoso em não me executar ali mesmo.

Mas não foi isso que ele fez.Ele andou até mim,me cumprimentou e disse,num tom suave:

-Como está depois de tudo o que houve?-abri a boca,mas a voz quase não saiu de alívio:

-Bem,bebendo água e me cuidando-disse,ele sorriu e perguntou:

-Senhorita Jasmine,me concederia a honra de sua presença,para um jantar mais tarde?-ele sorriu,então pareceu relaxar.

O que? Jantar?

-S-sim,Alteza-respondi,me curvando levemente.Ele abriu um sorriso enorme e disse:

-Bom,então está marcado,um guarda acompanhará a senhorita até o local do encontro,tenha uma boa tarde,Jasmine e.. se cuide-Ele disse e se retirou,sorrindo suavemente.

Ele havia me convidado.E no final me chamou apenas de Jasmine.

Eu não tive muito tempo pra pensar no assunto,exatos cinco minutos depois,a porta bateu e eu fui abri-la imaginando Sirena.

Mas era Lydia.

-Boa tarde,Jasmine-assenti e abri a porta,ela entrou e se sentou.

Fui até ela e me sentei,à sua frente.Ela levantou a cabeça e finalmente disse:

-Jasmine,me perdoe pelo tapa que eu te dei ontem,eu fiquei tão nervosa que me descontrolei totalmente,você não merece isso,você acabou de chegar aqui,é obvio que vai errar mas...não pode desacatar a família real,entende?-Eu entendia,não queria ser submissa,mas talvez houvesse algo de legal:havia a comida farta,a cama,o fato de não me preocupar se havia comida e todos estavam bem.Sorri.

-Claro,eu que fui a imprudente,mas na hora eu estava com tanta raiva e o mal-estar que eu simplesmente falei,mas claro,pus em risco até seu emprego.Ela sorriu e me abraçou.

-Bom,não se precisa se preocupar comigo,apenas com você,já vi pessoas presas por menos,entende?-Sim,havia que parar de ser tão imprudente,não podia colocar em risco a segurança da minha família.

-Eu sei,me desculpa,mas..e se eu te contasse que o príncipe Kalis acabou de me convidar para jantar?-eu falei,tentando aliviar o clima e já contando o que houve.

Lydia abriu a boca e fechou,então abriu de novo,exasperada.

-O-o que? Você tem noção do que isso significa? Você foi a primeira convidada! A primeira!

Primeira?

-O que? Então ele irá jantar com todas?-perguntei.

-Não exatamente ele tem mas se quiser pode também,porém de qualquer jeito,você foi a primeira!-Ela disse,pulando de alegria-Então você está perdoada!

Eu ainda estava meio confusa,como sempre,e não entendia nada.

-Mas hoje começa o treinamento,e você precisa se arrumar para ir!

-Opa,treinamento? Eu não sei de nada disso-falei pra ela,que já estava de frente para o armário.

-Ah claro,você não sabe,mas o treinamento dura duas semanas,uma para treinamento social e comportamental e treinamento físico para os Jogos,o primeiro começa hoje,a supervisora avisou,não foi?

-Sim,Ínis,ela foi lá e nos avisou-disse,enquanto colocava um vestidinho rodado amarelo desbotado com azul e sapatinhos de salto baixo.

-Então,vocês terão aulas de etiqueta,o básico de história e geografia e dança,entendeu?

Assenti.

-Ah,e no sábado ainda há a sessão de fotos!-ela me sentou na penteadeira e mexeu um pouco ne meu cabelo.

-Sessão de fotos?

-Sim,com o príncipe,e depois começa o treinamento físico,o fim de semana para descanso e então..os Jogos começam-ela diminuiu um pouco a voz-Esse é o seu cronograma e o de todas,aqui.

Longos dias,seriam.

Suspirei e novamente bateram na porta.Lydia arregalou os olhos.

-E se o príncipe Kalis voltou? Levante,vem,fique aqui-ela me ajeitou,então lembrei do combinado com Sirena..Eu ia levar novamente uma bronca.

-Oi,Jasm..Ah,senhorita Lydia,é isso,não é?

Lydia assentiu,olhando para ela como se ela já tivesse uma faca escondida ali,fui até a porta.

-Oi,Sirena,estamos apenas se ajeitando,se importaria de esperar um minutos?-perguntei,ela apenas assentiu,alegremente e fechei a porta.

-O que é isso,Jasmine?

-Eu sei,mas a Sirena é legal.

-Ah,sim,imagino que na arena ela será legal também,não acha?-Lydia e seu sarcasmo..

-Mas ela pode ser uma aliada,não acha?-retruquei,calando-a.

-É,bom,mas tome cuidado..Samantha me falou,que a menina é mesmo legal,mas pode ser estratégia-ela alertou.

-Eu sei-abri a porta,Sirena estava lá,na escada,sentada.

-Vamos-chamei-a,ela sorriu,se levantou e avistamos o guarda que nos guiou para o elevador,onde Samantha ia sair,mas nos viu,cumprimentou,e me olhou de soslaio também.

O guarda desceu até o primeiro andar,acima do terréo e nos guiou novamente até uma grande porta,onde uma garota de longos cabelos pretos estava na porta,com uma ruivinha baixinha e gorducha,que deduzi ser sua instrutora.

Ela nos viu,sorriu,retribuímos e ficamos esperando.Três minutos depois,Ínis chegou.

-Ora,apenas três? Atrasos não são lá muito elegantes-ela piscou,sorriu e abriu a porta.

Como era de se esperar,enorme,e com um tapete macio e grandes janelas,e no centro uma mesa com doze cadeiras e uma espaldada na ponta.

Sentamos as três lado a lado,eu no meio e Sirena no meu lado direito,com a menina morena à esquerda.Cabelos longos,pretos e o sorriso meio bruto e raivoso.Vicentina.Me lembrei,mas como era o nome?

Frida? Não.Fredericca Minasi.Exato.Sem querer,imaginei um machado na sua mão,e o estrago que ela poderia fazer,fiquei olhando pra ela tanto tempo que Lydia me cutucou.

-Bom,senhoritas,após a chegada de todas,daremos ínicio à primeira etapa do treinamento,que é comportamental,e hoje começam com etiqueta,comigo-ela disse,Sirena se mexeu ao lado.

-Então,não será necessária a presença de instrutoras-ela falou,sorrindo sugestivamente para Lydia,Samantha e a instrutora de Fredericca Minasi.

Elas sorriram,e Lydia se despediu,encostando a boca no meu ouvido:

-Fique quieta e de noite estarei esperando com o seu vestido,tente ser o mais educada possível-sorri e ela foi,junto com as outras.

Ínis pegou pápeis e os analisou,deixando um silêncio desconfortável entre nós três,até que Sirena sussurrou:

-Minha pulseira está meio larga,será que você não sabe dar um jeitinho?-ela falou,me virei para olhar a pulseira e tentar ajudar.

Uma pulseirinha de barbante,simples,e estava bem apertada.

-O que acha da supervisora?-Levantei uma sombrancelha.

-Não sei,parece legal..hum,sua pulseira não parece ser do palácio-falei pra ela,que sussurrou de volta.

-E não é-ela disse,e sorriu.

Sivia e Arianna entraram,com seus vestidos rosa e dourado e saltos fazendo barulho,juntas,rindo.

Alianças estavam sendo formadas.

Olhei para Ínis,na direção esquerda,onde vi que Fredericca revirou os olhos.

Depois de cinco minutos,todas as cadeiras estavam preenchidas.

E Ínis começou a aula,perguntando nomes e Estados,feito isso,ela começou:

-É importante que entendam que etiqueta não é futilidade,ou inutilidade,é necessário até mesmo para convivência social,se você é educado,uma pessoa tende a ser com você também,e assim as coisas ficam bem,você sabiam que guerras podem ser iniciadas pela falta de um cumprimento? Bom,se não sabiam,saibam agora,e definitivamente uma rainha tem a obrigação e responsabilidade maior até mesmo do que o rei nesse quesito-ela fez uma pausa-Pois,ela tem que ser gentil,e educada sem deixar de ser rainha,e mostrar isso,o rei tem que ser educado,mas a rainha tem que representar quase..a mãe da nação,certamente sabem que uma mãe é bondosa mas não deixa de ser uma autoridade,e isso é importante,entenderam agora?

Concordamos e ela começou a aula,ensinando o modo de sentar e andar,e colocou todas em fila,indo até a porta,voltando e sentando nas cadeiras.

Depois da aula de etiqueta,outra mulher entrou e se apresentou:

-Sou Clary,a professora de história de vocês-ela aparentava ter uns 33 anos e era morena com olhos pretos,explicou os Dias Negros,a importância de Lividium,e paramos para o chá.

Nos sentamos nos sofázinhos e nos servimos.Foi aí que percebi a posição de cada uma: Todas praticamente dispersas,apenas Sivia,Arianne e surpreendentemente Mila de Kreasa,juntas,conversando sobre a aula,e outras que ocasionalmente conversavam entre si rapidamente,mas ninguém queria assunto,evitavam até olhar para as outras,Sirena ficou meio distante,olhando para a pulseira e tomando chá,e quando fiz uma piadinha com ela sobre estar tão silenciosa quanto o mar,seus olhos pareceram marejar e ela foi ao banheiro.

A aula de geografia chegou,com a professora Diana e aprendemos sobre Lividium e sua geografia e clima,e depois que a aula acabou,fomos para o Salão de Dança,e esperamos a professora,e eu aproveitei e fui ao banheiro,e quando estava voltando,Arianna estava indo e passou por mim,com um risinho baixo debochado e me sentei de novo,tentando me acalmar.

O dia se passou e a professora de dança nos despediu depois de vermos ela ensaiar alguns passos básicos,e eu e Sirena fomos para os quartos,na hora de se despedir,lhe desejei boa noite e fui para o quarto,quase me esquecendo que tinha um jantar.Quase.Porque Lydia estava me esperando.

-Finalmente,como foi?-ela perguntou,animada.

-Bem-respondi,indo para o banheiro.

-Mesmo?-ela perguntou,enquanto eu já entrava na banheira.Ah,era tão relaxante.

-O seu vestido é absolutamente lindo-ela disse.

Depois de tomar banho,Lydia,Rylie,Miranda e Giovanne me ajudaram a por os perfumes,hidratantes e infinidades de óleos no corpo e cabelo,e finalmente,Lyvia veio:

-Ah,que saudade-ela me abraçou.

-Digo eu-falei.

-Soube que o príncipe veio pessoalmente te convidar-ela sorriu,e eu confirmei,rind,com elas.Jantar com o príncipe Kalis.O que eu iria fazer? Sirena podia imaginar que Nicolas era o príncipe e ajudaria,eu não tinha nem um primo.

Elas me vestiram,e colocaram o sapato,me maquiaram,tudo com os olhos fechados para não ver o vestido.Era longo,dava para perceber.

-Linda,venha,venha ver como você está-Lyvia convidou.

E abri os olhos.

Com certeza,linda com um vestido preto rodado com mangas caídas,olhando o geral,mas olhando para meus olhos uma segunda vez,percebia-se a tristeza,o cansaço e talvez até mesmo a desesperança.

Mas Lydia continuava animada.E não era para menos,eu estava linda,como uma princesa mas,como sempre eu estava sentido insegurança no quanto eu estava preparada,e quando eu estava prestes a suplicar a Lydia para não ir e desistir,o guarda bateu a porta.

Havia chegado o momento,em algum lugar do pálacio Kalis estava me esperando.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


O vestido eu posto capitulo que vem,certo? Comentem,por favor,está bom? E...eu sei foi meio parado,mas estou me esforçando,mesmo...muito obrigada pelo apoio,espero vcs nos comentários...<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...