História A Sereia e o Pirata - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Chloé Bourgeois, Félix, Gabriel Agreste, Hawk Moth, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mestre Fu, Mylène Haprèle, Nathanaël, Nino, Nooroo, Plagg, Tikki
Tags Adrien, Adrinette, Marinette, Miraculous, Pirata, Romance, Sereia
Visualizações 94
Palavras 1.513
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Fantasia, Ficção, Misticismo, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 24 - TE AMO


Fanfic / Fanfiction A Sereia e o Pirata - Capítulo 24 - TE AMO

Marinette -on-

Seria a última cidade que me apresentaria, para finalmente pagar a dívida, uma que eu sentia ter, pelo carinho que essas pessoas tiveram comigo e eu não iria abandonar eles até que terminássemos a turnê, como eles chamavam. Eu estava tão animada para finalmente voltar para capital e reencontrar Adrien, não que eu não gostasse de ficar aqui e dançar, na verdade adorava, e iria sentir saudade, mas eu tinha saudade maior daquele pirata.

Também fiquei sabendo o que tinha acontecido com a família real, que Felix agora era rei, e parece que o povo está gostando dele. Lila era na verdade uma cafetina, que graças aos desejos realizados por Nooroo ela conseguiu fingir ser da realeza. E agora Bridgette se tornou a nova rainha, eu queria conhece-la, pelo que soube somos quase gêmeas, a diferença sereia o cabelo. Eu estava fazendo os últimos remendos no vestido, queria que não tivesse nenhum erro, já que seria minha última apresentação.

Marinette -off-

Adrien -on-

Eu estava frustadíssimo, já era a quarta cidade que estávamos procurando, estou com uma cara de emburrado, sentado na cama e me perguntando por que ainda não tinha achado ela.  Me levantei e andei até a gaveta da minha escrivaninha era lá que tinha guardado o enfeite de estrela do mar da minha sereia. Tikki estava no meu ombro só encarando e enfeite também, queria poder falar com ela, assim teria uma pista de onde Mari está. E deveria agradece-la por me fazer companhia durante todo esse tempo. Ouço a porta abrindo.

-*Suspiro* Por que não achamos ela ainda Nino?

-Por que mal começamos a procurar.

-Mas já é a quarta cidade!

-Adrien, você sabe que achar pessoas não é tão fácil.

-Eu sei é que grrrrr!- Gurni de frustação

-Acredite eu sei como é, fiquei dois anos longe de Alya. Então eu e ela decidimos que vamos te animar um pouco.

-Como vão me animar?

-Chegou na cidade a Companhia Joie, e me parece ser interessante, principalmente para te animar, por isso vamos. O show começa as 19:00 daqui a uma hora.

-Fique a vontade, eu não vou.

Após ouvir o isso Tikki ficou agitada.

-O que você quer passarinha?- Disse impaciente, ela me bicou.-AI!

-Acho que ela está querendo que você vá.

-Vai ficar querendo.

-JÁ CHEGA. -Nino gritou e pisou forte.-Você vai, nem que for arrastado Adrien Agreste, você precisa relaxar um pouco, não suportamos mais ver você assim, e além do mais Mari não está fugindo de você, pode até estar te procurando também, estão acho melhor o senhor se acalmar e ir.

Ok Nino estava muito irritado, era melhor eu ir a esse show...Fui bufando, mas fui...

Todos os marujos, Alya, Nino e eu fomos até o tal circo, que estava em uma carruagem/palco? Nunca tinha visto aquilo, nos sentamos, e que as luzes se apaguem, vai começar...

-Senhoritas, Senhoras e Senhores, é com orgulho que esta noite apresentaremos uma atração que será deleite para seus olhos. Que o espetáculo comece.-Ela se curvou e saiu.

Quem entrou logo em seguida era um homem forte que conseguia levantar o peso da minha âncora sozinho, me pergunto onde posso contratar um cara forte desses. Depois veio uma contorcionista, que parecia mais feita de elástico não de ossos. Apareceu e seguida a ilusionista, ela tirou da cartola um gato? Não seria um coelho? Bem era um gato preto de olhos verdes, me lembrava muito Plagg, ou será que era ele mesmo? E ai chegou o domador de fogo, isso me lembrou da experiencia que tive com o fogo, isso me assustou um pouco, até que enfim acabou.

-Infelizmente, meus caros espectadores, tudo que é bom dura pouco, aproveitem o que lhes apresento agora, pois é o último dia da nossa dançarina Ladybug.

Esse nome, não acredito, pode ser real? Seria My Lady. A música começou, ela entrou dançando, tão linda, era ela! Sem perceber eu estava me aproximando do palco, hipnotizado pela dança e por sua beleza, eu não podia me conter, não podia mais esperar. Subi em um pulo e fui em sua direção, dançava junto com minha sereia, ficamos em silêncio, mas estávamos aflitos para matar a saudade que sentíamos. Nos esforçamos para não nos beijar, pelo menos, não naquele momento, rodávamos e nos grudávamos nossos corpos em perfeita sincronia, de forma que ao final estávamos ofegantes. E finalmente nos beijamos de forma voraz e sedenta.

Eu não ligava para os aplausos, quando me separei de Mari para respirar pude ver o choque dos artistas circenses e Plagg que veio em nossa direção. Fiz o que estava com vontade, peguei Lady no colo, pulei do palco, e andei rápido em direção a caravela. Marinette se agarrava no meu pescoço.

-Nino, pegue Plagg, e cuide de tudo.

Não pude ouvir sua resposta, fui direto para meu objetivo.

-Adrien, eu estava com tanta saudade.-Ela abraçou meu pescoço mais forte.- Tenho que te contar tudo que aconteceu e ...

-Agora não M'Lady, tudo que quero fazer agora é estar com você.

Adrien -off- 

Autora -on-

Adrien se sentou na cama com Marinette em seu colo, eles se beijavam com desejo.

-Eu te amo, minha sereia.

-Eu te amo, meu pirata.

Não demorou muito para os dois se deitarem, com Mari em cima de Adrien, as mãos dele subiram pela sua cintura e foram até suas costas com o intuito de desamarrar o vestido, enquanto ela lentamente desabotoava a camisa, deixando seu peito impecável nu. A roupa da sereia deslizou sobre o corpo, enquanto o pirata tira calça. Ambos estão somente de roupa intima e se beijam profundamente, fazendo suas línguas dançarem.

-Adrien. -Sussurrou ela ofegante.

E quando paravam para respirar se encaravam com malicia, logo Mari voltou a beija-lo descendo até o pescoço, peito, barriga, retirando a única peça de roupa a que impedia, o loiro já estava exitado.

-Lady.-Ele disse vendo sua sereia chupa-lo e lambe-lo, levando a loucura.- Mari.- Chamou a atenção dela, e ela pareceu não dar bola. -*Gemido* Mari.- Ele chamou mais uma vez, e ela levantou a cabeça, o encarando sedutoramente, parecendo satisfeita com o simples gemido.

Em um movimento rápido, Adrien a deitou na cama, ficando por cima dela, e a beijando na boca, no pescoço, no peito com tanta gana que com certeza iria deixar marcas, rapidamente ele tirou o sutiã dela, deixando seus seios nus, ele os beijava e lambia, fazendo a azulada gemer, isso só o deixava mais excitado. Logo ele desceu até sua intimidade, tirando do caminho sua calcinha, ela já estava molhada, não podia deixar passar os dedos ali só para provoca-la.

-Adrein.-Ela disse o nome dele junto com gemidos.-Por...favor...- Ela estava gemendo mais alto.

Depois disso, ele mesmo não aguentava mais.

-Marinette, serás minha.- Ele disse penetrando-a, provocando mais gemidos, mas dessa vez eram uma mistura de dor e prazer.

Ambos estavam ofegantes, mas isso não os impedia de se beijar, e de se acariciar, enquanto Adrien segurava firme a cintura da sereia, ela o abraçava, arranhando de leve suas costas. Seus gritinhos de prazer dominavam o quarto, e em meio a aquele vai e vem chegaram em seu ápice, com um gemido final e gozando.

Agora já suados e exaustos se aconchegavam um no outro até dormir.

-Quebra de Tempo-

Alguns dias se passaram, Chatnoir e sua tripulação voltaram para capital, e como Felix tinha prometido Adrien se tornou regente de Miraculous. Marinette esclareceu tudo que havia ocorrido em sua viajem enquanto dançarina, contou sobre a torre, Hawk Moth, Nooroo e os desejos que ele teve que realizar isso incluía a morte da mão de Adrien e do Senhor Fu.

Marinette e Bridgette finalmente se encontraram, foi até engraçado de ver, pois ambas pensavam que estavam de frente a um espelho. Alya e Nino se tornaram administradores, conselheiros da família real. A companhia Joie ganhou fama, por ter abrigado a esposa do regente, isso trouxe prestigio e dinheiro.

E como era desejo do ex-pirata, não estar preso em um lugar, pelo menos uma vez por mês saia com sua caravela e toda sua tripulação, isso incluía Nino, Alya e claro Marinette, para visitar novos lugares e pessoas, mas dessa vez não ao estilo Robin Hood. E quando voltava para terra ia direto ao seu irmão contar, como andava o reino e tudo que viu.

Adrien e Marinette não podiam estar mais felizes finalmente tinham um ao outro. O então regente fez seu primeiro desejo a sua sereia.

-Desejo ser feliz com você ao meu lado, desejo que quando nos separarmos possamos nos encontrar em um passe de mágica, desejo que seja minha e em troca serei seu.- Ele dizia enquanto a abraçava pela cintura, observando, do castelo, o imenso mar, com a cabeça apaiada na dela.

-Desejo concedido.-Ela sorriu e o beijou com ternura.

E agora o pirata abandonado tinha alguém do seu lado, o que o tornou o homem mais feliz e satisfeito de todos. A sereia sonhadora, não realizou só o seu desejo de ver a superfície, como descobriu que não precisava de magia para realizar o desejo de outras pessoas.

-FIM-


Notas Finais


Essa é na verdade minha primeira tentativa de fazer um hentai, então para que leu primeiro a one-shot, saibam que aquela é mais "aprimorada".


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...