História A Series Of Coincidences (That Brought Us Together) - Capítulo 20


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Amor Não Correspondido, Angst, Aparições Do Got7, Aparições Do Monsta X, Bts, Eu Sinto Muito, Fluff, One Sided Jikook, One Sided Namjin, Slow Build, Smut, Yoonmin
Exibições 78
Palavras 1.095
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 20 - Nightmares (Take Them Away)


 

-Yoongi-

 

- Isso foi horrível! Se eu nunca mais conseguir dormir de novo a culpa é toda de vocês! – Hoseok gritou do sofá, eu simplesmente revirei os olhos em resposta.

 - Você vai sobreviver. – Jungkook respondeu. – A menos que a freira venha pegar você enquanto você dorme. – Ele completou dando de ombros, recebendo tapas de um Hoseok angustiado.

- Não se preocupa Hobi hyung! Eu te protejo de todo o mal! – Taehyung gritou jogando os braços ao redor do corpo dele, esquecendo de calcular o próprio peso, que no caso estava todo nas costas do sofá praticamente, o que fez com que o móvel virasse, levando Hoseok e os dois irmãos ao chão, o que só fez com que Hoseok entrasse em desespero e mais pipoca espalhasse pelo porão.

Jungkook ria tanto que lágrimas começaram a escapar pelo cantos dos olhos dele e não saía mais som nenhum por entre os lábios dele, ele apenas rolava pelo chão convulsionando e com falta de ar, Jimin também tinha se dissolvido em uma bola de risinhos no meu colo. A cena era tão ridiculamente adorável que eu comecei a cutucara as laterais dele só para prolongar o momento, Jimin se afinava de tanto rir, as bochechas comprimidas pelo tamanho do sorriso dele e os olhos se transformaram em crescentes. Em pouco tempo a sala já havia se tornado um caos absoluto, Eunsoo usava uma almofada para bater nos outros enquanto Taehyung e Hoseok jogavam pipoca para todo lado e todo mundo estava rindo e jogando almofadas, pipoca e qualquer coisa que encontrasse pelo caminho no alvo mais próximo.

- Yah! Vocês! Arrumem essa bagunça e direto pra cama! A-G-O-R-A! – Gritou a mãe do Jungkook da escada. – Onde já se viu? Ficar mandando um bando de marmanjo ir dormir porque tão fazendo muito esporro?! - Um coro de “joesonghamnida” e “mianhae eomma” ecoou pela sala. – Agora arrumem essa bagunça e vão dormir porque já são duas e meia da manhã, e eu estou querendo dormir. – Ela finalizou subindo as escadas e voltando para o andar de cima.

- Vocês ouviram, vamos, me ajudem a levantar o sofá. – Seokjin disse se levantando do chão e puxando Taehyung consigo.

- O que a gente faz com a pipoca Kookie? – Jimin perguntou se levantando do meu colo indo ajudar.

- Só tenta juntar o excesso, amanhã a gente limpa isso.

- Okay.

E em pouco tempo a sala estava mais ou menos no mesmo estado de antes do filme começar e todos começaram a se organizar para dormir.

 

-o-

 

Hoseok estava roncando no sofá acima da minha cabeça aninhado entre Taehyung e Jungkook, no final das contas ele conseguiu convencer os dois mais novos a deixarem ele dormir com eles, Namjoon e Eunsoo estavam abraçados no colchão de casal ao lado do meu, Jin no de solteiro na ponta do deles e Jimin ressonando ao meu lado. Eu não conseguia dormir, mas isso não era nada novo para mim, eu não tinha horas normais de sono, geralmente eu passava boa parte da madrugada compondo e produzindo, ou simplesmente ouvindo música quando a inspiração não vinha, mas nesse momento meu celular estava sem bateria e conectado ao carregador no andar de cima junto com o meu caderno e as minhas canetas e eu não conseguiria escrever nem ouvir nada, além do fato de que todos estavam dormindo e o cômodo estava quase completamente escuro com exceção do brilho azul e suave que vinha do relógio no DVD Player.

Em algum momento eu comecei a divagar, pensando em letras que eu provavelmente esqueceria de manhã quando eu acordasse, mas fui tirado desses pensamentos quando senti Jimin se mexer ao meu lado no colchão de ar, ficando de frente para mim, o cenho dele estava franzido.

- Jimin. – Sussurrei levando uma mão ao braço dele, mas isso só pareceu deixa-lo mais inquieto.

A respiração dele pareceu acelerar um pouco e na luz fraca do DVD eu pude ver umidade na testa e nos cantos dos olhos dele.

- Jimin. – Eu falei um pouco mais alto, ficando de joelhos no colchão e passando os dedos entre os fios negros do cabelo dele, ele fez um barulho dolorido no fundo da garganta e se mexeu um pouco mais.

- Não! – Ele gritou acordando, a respiração errática, uma lágrima descendo pela bochecha dele. – Yoongi?

- Calma, Jimin, tá tudo bem, eu tô aqui. – Eu disse me deitando de novo ao lado dele, puxando-o para os meus braços. – Eu tô aqui. – Afirmei de novo beijando a testa dele sentindo a respiração acelerada dele contra o meu peito.

- Eu tô bem, - Ele respondeu puxando uma respiração entrecortada e me apertando um pouco mais em seus braços. – Eu odeio filmes de terror, eu sempre tenho pesadelos depois.

Depois que ele disse isso meu estômago deu um nó, a culpa me cutucando.

- Desculpa por ter te provocado, não sabia que era sério. – Eu estava me sentindo oficialmente o maior cuzão do mundo.

- Geralmente não é tão ruim, eu só acordo estressado, mas esse foi um pouco pior. Estar dormindo num porão não ajuda. – Ele terminou rindo silenciosamente.

- Queres ir lá pra cima? Acho que dá pra você dormir na cama do Jungkook...

- Não! Eu não quero ficar sozinho.

- Eu vou com você. – Ele assentiu e eu fui acordar o Jungkook para perguntar se poderíamos subir para o quarto dele, e ele respondeu ainda meio dormindo que tudo bem, que ele só não queria limpar a nossa bagunça depois. E com isso eu e Jimin pegamos nossos travesseiros e subimos para o quarto do mais novo.

O quarto do Jungkook era pequeno, bem menor que o porão, com espaço o suficiente apenas para a cama, um guarda-roupa pequeno e um criado mudo, apesar de várias prateleiras e pôsteres decorarem as paredes. Eu me deitei na cama pequena de solteiro e encostei as minhas costas na parede, gesticulando para Jimin se juntar a mim, e ele prontamente se aninhou entre os meus braços, esfregando o nariz no meu pescoço e entrelaçando as pernas nas minhas.

- Confortável? – Perguntei e ele apenas assentiu. – Desculpa Jiminnie.

- Tá tudo bem, eu só tive um sonho ruim.

- Quer falar sobre ele?

- Talvez amanhã, agora eu só quero dormir mais um pouco. – Eu assenti e dentro de poucos minutos ele estava dormindo de novo, ressonando suavemente conta o meu peito, eu permaneci fitando o rosto adormecido dele, iluminado pela luz da rua que infiltrava por entre as cortinas, e deixei a respiração calma dele embalar o meu sono.


Notas Finais


Esse capítulo foi bem curtinho, mas essa era a parte que eu queria botar no final do capítulo anterior e eu não consegui, então o próximo vai ser maior eu prometo!
Hoje eu parei pra refletir sobre essa história, é louco ver o quão longe ela chegou. Quando eu comecei eu achei que ela teria tipo 20k palavras e uns 10 comentários, hoje quando eu fui ver ela já estava com mais de 30k palavras, 50 comentários e 30 favoritos, vocês sabem o quanto isso significa pra mim?? Essa é a minha primeira fanfic e ela já chegou tão longe! Eu ainda tenho algumas coisas pra escrever, essa história ainda vai continuar por um tempo, mas em dois meses eu já alcancei tanta coisa e eu queria agradecer do fundo do meu coração por tudo isso, vocês que acompanham a minha fanfic, são pessoas incríveis e eu queria agradecer do fundinho do meu coração por todo apoio que eu tenho recebido.
E com essa nota eu me despeço, espero que tenham gostado desse capítulo e que estejam gostando da história, comentem, favoritem e eu vejo vocês no próximo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...