História A Series Of Coincidences (That Brought Us Together) - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Amor Não Correspondido, Angst, Aparições Do Got7, Aparições Do Monsta X, Bts, Eu Sinto Muito, Fluff, One Sided Jikook, One Sided Namjin, Slow Build, Smut, Yoonmin
Exibições 92
Palavras 1.741
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - And We Meet Again At The Coffee Shop (I'ts Raining)


-Jimin-

Quando Yoongi apareceu no café de novo na semana seguinte estava chovendo, mas dessa vez não era um temporal de primavera que vem encharca todo mundo e depois vai embora, era uma chuva suave que já estava caindo desde a madrugada, então dizer que eu fiquei confuso quando Yoongi passou pelas portas da frente encharcado e xingando igualzinho à primeira vez, seria o mínimo.

- O que diabos aconteceu Yoongi? A chuva nem ta forte, como você conseguiu se molhar tanto? – Gritei indo até ele com um pano em mãos. – Pelo amor de deus, hyung. Você vai pegar uma pneumonia desse jeito! – Eu sei que tecnicamente ele era o hyung, mas ele era um hyung que não ligava muito para saúde em tipo noventa por cento do tempo.

- Yah, Park Jimin, não precisa exagerar, eu no máximo vou ficar com uma dorzinha de garganta.

- O que aconteceu?

- Maldita chuva – Ele xingou enquanto secava os cabelos. – Eu tava andando e esse carro veio correndo e passou numa poça que tava bem do meu lado! Eu juro aquele filha da puta fez de propósito.

- Yah hyung, calma, eu te empresto uma roupa seca, eu sempre deixo uma aqui caso aconteça alguma coisa.

- Não é só isso! – Eu tentei não recuar com o tom agressivo que ele estava usando, mas ele pareceu ter percebido a forma que eu vacilei, porque logo em seguida ele suspirou passando as mãos no rosto. – Seokjin não vai poder me ajudar a gravar a música do meu projeto final. Aparentemente ele pegou uma virose e o prazo acaba essa semana. – Ele suspirou. – E eu definitivamente não vou conseguir achar outro cantor que encaixe bem na música que eu compus em tão pouco tempo.

- Eu sinto muito hyung. Já pensou em perguntar pro Tae ou pro Kookie? Eles cantam bem, talvez eles possam substituir o Jin hyung... – Sugeri, mas pela cara do Yoongi eu não estava ajudando.

- Não dá, a voz do Jeongguk não encaixa e a do Tae é pior ainda, elas são muito graves. – Ele praticamente grunhiu em frustração. – Pra ser bem honesto nem a do Jin era perfeita, mas foi o melhor que eu consegui, sem falar que eu tenho que arrumar algumas coisas na parte instrumental ainda hoje, nem fudendo que eu vou conseguir terminar isso a tempo.

- Quer um chocolate quente? Eu sei que um chocolate quente não vai poder cantar a música, mas talvez ajude a melhorar o seu humor! – O sorriso fraco que ele me deu foi o suficiente. Me dirigi em direção ao balcão e comecei a preparar a bebida quente.

- O Jimin sabe cantar! – Minhyuk gritou da porta da cozinha.

- Hyung! – Eu gritei em resposta, corando. – Eu só canto por cantar, eu não sou bom que nem o Jin hyung. – Disse olhando para Yoongi, não queria dar falsas esperanças para ele.

- Ele só tá sendo modesto Yoongi-ssi. E eu ouço você cantando todo dia enquanto faz café!

Eu estava pronto para negar de novo quando ouvi a voz grave e levemente rouca do Yoongi.

- Você pode pelo menos tentar Jiminnie? Por mim? – Eu ia negar, eu juro, mas o tom dele e os olhinhos de cachorrinho abandonado não me deixaram.

O que era realmente injusto porque ele não deveria nem ser capaz de um olhar tão fofo considerando que ele ficava de cara amarrada durante a maior parte do tempo.

Não que eu achasse Min Yoongi fofo.

- Tá. – O sorriso que ele abriu com a minha resposta me fez sorrir de volta. – Mas não espera muito de mim, okay?

- Eu poderia te dar um beijo agora Jimin! – Ele disse arrumando suas coisas e indo em direção à porta. – Eu te mando o endereço do meu estúdio depois, me encontra lá as sete, acho que eu consigo terminar tudo que eu preciso ainda hoje se eu correr.

E então ele já estava do lado de fora da porta e eu tentei me convencer que o rosa nas minhas bochechas era por causa da risada escandalosa do Minhyuk e não por causa do que o Yoongi disse.

-o-

Cedo demais meu turno acabou, respirei fundo e saí na chuva fina em direção ao estúdio.

O local era pequeno e bagunçado, mas não um bagunçado de descaso, como se o dono não se importasse, era um bagunçado de alguém que tem uma mente cheia demais e muitas ideias surgindo simultaneamente e para tudo para captura-las no papel antes que elas desapareçam. Além de todo equipamento para a produção das músicas havia na sala um sofá desbotado e gasto, duas cadeiras que não combinavam e muitos, muitos cadernos e canetas espalhados por todo lado.

- Eu sei que não é muito. – Disse Yoongi sentado em uma das cadeiras de rodinhas. – Mas foi o melhor que deu pra conseguir juntando as nossas economias, no caso, minhas, do Namjoon e do Hoseok.

- Vocês todos cursam música? – Perguntei olhando fascinado para todos os botões diferentes presentes, querendo muito apertar cada um para descobrir o que fazem, mas pelo que Yoongi já tinha me contado esses equipamentos tinham sido comprados com sangue suor e lágrimas, então não me atrevi a apertar nada, apesar de os meus dedos traçarem suavemente a superfície das teclas.

- Nah, Namjoon cursa administração e Hobi cursa dança, nós nos conhecemos num clube de rap underground, então só eu curso música, mas eles também fazem algumas faixas aqui e ali, apesar de que o Hoseok usa mais pra fazer as músicas que ele usa pra dançar. – Ele deu de ombros e apontou para a cadeira ao lado dele. – Senta, primeiro eu vou te mostrar a base.

- Okay. – Respirei fundo, começando a sentir os primeiros sinais de nervosismo me mordendo pelas beiradas.

A melodia começou a soar pelo cômodo ela era tocada em um piano e era realmente muito bonita e agradável e quando ela chegou ao segundo refrão eu já estava murmurando ela.

- Eu realmente gostei muito hyung. – Eu disse sentindo um sorriso se espalhar pelo meu rosto, dava para ver só por aquela melodia que ele sabia compor e sabia faze-lo bem.

- Ela se chama Lost, eu escrevi ela quando eu ainda tava decidindo o que eu ia fazer, antes de escolher música. – Eu murmurei em resposta e ele continuou dessa vez me fitando. – Eu mudei um pouco ela com o passar dos anos, mas o refrão continua praticamente o mesmo. – Depois disso ele me entregou um dos cadernos com a letra e recomeçou a música, dessa vez a versão completa, com uma batida de fundo e mais sons que se entrelaçavam, cantando baixinho e fora do tom, mas sem nunca tirar os olhos de mim.

Quando a música acabou de novo eu sentia meus olhos arderem, ela era realmente muito boa, a junção da letra com a melodia formando algo bonito e fazendo calor se espalhar pelo meu peito alcançando todas as minhas extremidades, a forma carinhosa com a qual Yoongi me olhava intensificando a sensação.

Se me perguntassem eu não saberia responder, mas em algum momento nós fomos nos aproximando sem perceber, até que eu fiquei perto o suficiente para ser capaz de contar os cílios dele, os olhos castanhos me fitando, quando me dei conta da proximidade me afastei um pouco.

- Vamos gravar? – Perguntei desviando os olhos, a sensação quente e agradável se misturando a algumas borboletas no meu estômago, a ansiedade para gravar me fazendo ficar nervoso.

- Claro, claro. – Ele limpou a garganta se afastando um pouco mais e começou a mexer nos equipamentos que ele tinha na mesa. – Só vou preparar o microfone e podemos começar.

-o-

Depois de alguns testes Yoongi me assegurou que o microfone estava funcionando e estava tudo pronto para gravar.

- Jiminnie, você não quer ensaiar algumas vezes antes de gravar?

- Eu to bem. – Puxei uma respiração meio tremula.

Se eu tivesse que comparar a forma que eu estava me sentindo a algo, eu compararia a quando Jeongguk estava me fotografando, mas naquela ocasião eu tinha Yoongi com seus olhos castanhos para me acalmar, dessa vez a forma que ele me fitava só me deixava mais nervoso.

- Yah Jiminnie, eu não vou te morder, relaxa, se não der certo podemos gravar de novo, okay?

- Okay. – Respondi e respirei fundo. – Eu preciso só ir no banheiro antes, tudo bem?

- Claro, segunda porta a direita, vou ficar aqui vendo se tem alguma coisa que eu precise arrumar. – Eu sabia que Yoongi conhecia aquela melodia como a palma da mão se ele estava trabalhando nela há tanto tempo, era só uma desculpa para me dar mais privacidade, me assegurar que eu podia ir com calma, que eu tinha tempo para por a minha cabeça em ordem.

Quando cheguei ao banheiro molhei meu rosto em seguida me olhando no espelho, eu não era um cantor profissional, mas eu sabia que a minha voz não era ruim, por mais narcisista que soe, eu gostava de me ouvir cantar, principalmente em banheiros, o eco fazendo a minha voz parecer mais alta e agradável. Respirei fundo uma ultima vez fechando os olhos.

Enquanto Yoongi preparava o microfone e o resto dos equipamentos eu fiquei lendo a letra e ouvindo a melodia, não consegui ouvir mais de quatro vezes contando com as primeiras antes que estivesse tudo pronto, mas a minha memória estava fresca o suficiente para eu me lembrar do refrão. Murmurei a melodia durante alguns segundos e comecei a cantar o refrão, aumentando o volume conforme ia me sentindo mais seguro para continuar, devo ter feito isso umas duas vezes até que abri os olhos novamente e quando olhei o reflexo no espelho dois pares de olhos retribuíram o olhar.

- Se você conseguir cantar tão bem no estúdio quanto conseguiu aqui no banheiro não temos nada com o que nos preocuparmos. – Yoongi disse com um sorrisinho de canto.

- Pelo amor de G-Dragon Yoongi! Você quase me matou do coração. – Disse colocando a mão no peito e sentindo meu pulso forte e levemente acelerado se acalmar aos poucos. – Há quanto tempo você tá aí?

- O suficiente. – Respondeu dando de ombros e eu senti minhas bochechas esquentarem. – Vamos Minnie, eu sei que você consegue.

E então me deixei ser guiado de volta para o estúdio por mãos grandes e quentes, sentindo novamente a calma voltar para o meu corpo e o nervosismo se dissipar.


Notas Finais


Gente eu sou muito rápida né? Mds eu mereço um premio hahahahaha

Na real que eu nem ia atualizar hoje, eu tinha conseguido escrever mais ou menos metade do capítulo, mas daí eu travei, e reescrevi a parte onde o Jimin chega no estúdio e ouve a música umas três vezes antes de ficar frustrada e falar "foda-se, não ta saindo, ta ficando uma bosta, depois eu lido com isso" daí eu fui pra dança e falei com a Catarina e ela me acalmou, e daí, quando eu tinha desistido de postar hoje praticamente, as coisas começaram a fluir, então agradeçam de novo a Catarina, serião, sem ela não ia nem ter cap novo hoje, então é isso Cata, all the kudos pra você <3

(PS: Espero que você tenha gostado da atualização surpresa <3)

Aliás eu escrevi esse capítulo todo praticamente ao som dos covers do Smyang (https://www.youtube.com/user/Fogotish/videos), inclusive eu quase chorei ouvindo o que ele fez Lost, então se quiserem dar uma checada no canal dele super recomendo.

De amanhã até quinta eu vou ter várias paradas pra fazer, então é possível que eu só consiga atualizar de novo sexta (mentira, eu me conheço, eu vou chegar em casa quinta super cansada e vou ficar escrevendo até a uma da manhã porque acreditem ou não eu estou tão animada para os proximos capítulos quanto vocês). E eu sei também que ninguém vai parar pra ver a notificação de cap novo a meia noite, mas eu não consegui me controlar, então só aceitem e aproveitem.

Espero que tenham gostado do capítulo e vejo vocês no próximo!

CATIAU!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...