História A Stark Perdida - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Os Vingadores (The Avengers)
Personagens Anthony "Tony" Stark, Dr. Bruce Banner (Hulk), Pepper Potts, Personagens Originais
Tags Next Generation, Os Vingadores
Visualizações 45
Palavras 574
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Famí­lia, Romance e Novela, Universo Alternativo

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 13 - Capítulo 13


Bruce respirou fundo reunindo suas amostras e experiências, ele arrumou tudo e decidiu que contaria as notícias pela manhã do dia seguinte. Assim, depois do café da manhã, ele partiu para o orfanato apressado, fazendo todos estranharem sua urgência. Chegando ao prédio, Bruce perguntou a Helen se Alissa podia recebê-lo. Com uma resposta positiva, ele entrou e encontrou Alissa admirando algum dispositivo de metal do tamanho de uma caixinha flutuando. Ela tinha um sorriso estampado em seu rosto.

-Parece que você continuou trabalhando - ele interrompeu o momento.

-Sr Banner? - Alissa piscou - eu não esperava que viesse hoje.

-Eu tenho uma coisa importante pra te contar - ele respondeu - mas primeiro você pode me contar o que é isso - ele apontou para o dispositivo.

-Ah - o sorriso de Alissa diminuiu lentamente - é só uma coisa que eu inventei quando era criança; Jenifer dizia que eu roubava o espaço dela com a minha cama e as minhas coisas; Aí eu pensei que se minhas coisas flutuassem não ocupariam o espaço do chão e sim do ar, aí ela não implicaria mais comigo.

-Esse foi o motivo pra inventar algo tão criativo? - Bruce perguntou a ela.

-É - Alissa respondeu e agarrou a caixinha no ar, sentando-se com seu invento em seu colo - E então? O que é tão importante que tem a me dizer?

-Bom - Bruce começou - você lembra quando eu disse que eu te ajudaria a encontrar sua família?

-Lembro - Alissa disse meio preocupada - Encontrou meus pais? Eles estão vivos?

-Eu encontrei sim - ele respondeu - eu perguntei a Helen sobre o que ela sabia sobre o seu nascimento. Ela disse que você nasceu em Nova York e que seu pai se chamava Anthony.

-Foi o que ela me contou também - Alissa confirmou.

-Você não sabe mas - Bruce continuou - meu amigo Tony teve uma filha chamada Alissa também e ela nasceu no mesmo dia que você. Até hoje não sabemos o que aconteceu com ela, mas provavelmente ela fi sequestrada e deixada nesse orfanato.

-Como pode ter tanta certeza disso? - Alissa estava impressionada.

-Bem eu tomei a liberdade de - ele explicou - fazer um pequeno teste de Dna.

-Como? - ela ficou mais intrigada - Com que amostra?

-Eu analisei o código genético de um fio de cabelo seu e da Sra. Stark - Bruce continuou - e o resultado final foi que eles combinam perfeitamente.

-Quer dizer - Alissa murmurou - tá dizendo que... o sr e a sra Stark... são meus pais?

-Isso mesmo - Bruce concluiu.

-Quer dizer que os meus ais são ricos e - Alissa se levantou perplexa - está mentindo, sr Banner! Isso só pode ser brincadeira.

Ele só entregou a ela os papéis que confirmavam o que tinha acabado de dizer. Alissa leu os resultados e sentou-se assustada.

-Como desconfiou que eu era... filha deles? - Alissa conseguiu perguntar.

-Sua fisionomia lembra muito Pepper e Tony - Bruce respondeu - e a sua genialidade.

-Eles já sabem? - ela perguntou.

-Não - ele respondeu - eu pretendo contar ainda hoje.

-Eu... - Alissa expirou - preciso de um tempo... pra absorver tudo isso... e conversar com a Helen... e aí decidir o que fazer.

-Eu entendo - Bruce disse e partiu de volta para a torre Stark, deixando Alissa se acostumar com a ideia de que tinha uma família.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...