História A submissa do meu pai (Jimin) - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Hoseok, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Namjin, Namjoon, Rap Monster, Suga, Taehyung, Yoongi, Yoonseok
Exibições 100
Palavras 635
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Fluffy, Hentai, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oooie. Voltei. Estou morrendo. Estou apaixonada por Byun Baekhyun... Meu Deus. Já escutaram Adrienne do the Calling? Escutem.. Meu Deus.

Boa leitura. [^_^]

Capítulo 23 - Coma??


Fanfic / Fanfiction A submissa do meu pai (Jimin) - Capítulo 23 - Coma??

Co-Coma?-Pergutei em choque

-Sim, está. Não posso garantir que ela acordará logo e tão pouco posso dizer quanto tempo vai demorar, isso depende de pessoa em pessoa. Mas posso garantir que cuidaremos dela

-O-obrigado, doutor-Falei segurando o choro e ele saiu.

-Papai, papai-Disse Ana balançando minha perna.

-Oi, pequena-Disse me abaixando pra ficar da altura dela.

-Que é co-coma? "puque" a mamãe tá com isso?

-Olha, meu amor-Eu peguei ela no colo-A mamãe quando fui pegar você daquela moça malvada ficou muito cansada e ela vai dormir por..muito tempo aqui no hospital, está bem?

-Mas ela...ela vai acordar?

-Claro que vai!-Disse mais para mim mesmo do que para ela.

-Mas eu quero ver a mamãe-Ela disse chorando e eu deitei ela mo meu colo.

-Você vai ver ela logo-Eu comecei a balançá-la e a fazer carinho em seu cabelo

-Quando?

-Depois que a gente por você na escola e a Jandi na creche.

-Vai mesmo me trazer?

-Prometo-Ela me abraçou.

-Te amo, papai

-Eu também te amo

-Vamos pra casa? Você tá com cara de soninho

-É. o papai tá cansadinho, princesa.

Eu peguei as chaves do carro e saímos do hospital. Eu coloquei Ana deitada no banco de trás e fui para casa. Assim que chegamos, eu a deitei em sua cama e fui direto pegar a Jandi.

Assim que cheguei na casa da vagabunda, toquei a campainha e esperei.

-Oi, tio Jimin. Veio pegar a Jandi?

-Vim sim, desculpe a demora.

-Sem problemas. Jandi, o papai-Ela gritou. A pequena Jandi veio correndo e pulou no meu colo-Eu falei com ela, Tio. Ela gosta de você e da sua noiva

-A pequena Jandi já sabe falar?

-"Xim, pa-pa-pai"-Ela disse gaguejando e eu sorri.

Eu falei com a Min. Desmontei o berço dela e levei. Coloquei ela na cadeirinha e fomos para casa. Ao chegarmos, eu desmontei o Berço, coloquei no quarto da Ana, puis Jandi dormindo nele e fui ao quarto.

Eu tomei um banho e me deitei na cama. Deitei e chorei. Chorei... Chorei como se isso pudesse fazer Amanda acordar. Eu preciso tanto dela, ficar um dia...uma hora sequer sem ela faz meu coração bater cada vez mais fraco...Amanda, volta pra gente?

Foi a última coisa que pensei antes de adormecer em meio as lágrimas que queimavam meu rosto.

[…]

-Vamos, Ana?

-Onde?

-Te por na escola

-Qual escola?-Ela perguntou feliz

-A que tem balé, você gosta?

-Muito, muito, muito-Ela disse pulando e eu sorri.

Coloquei as crianças na cadeirinha e fui a escola. Assim que chegamos eu coloquei Jandi no carrinho, dei a mão para Ana e entramos. A escola era grande, bonita, calma e limpa. Parecia um lugar bom. Avistei a recepção e fui até lá.

-Bom dia, Senhor. Posso ajudar em algo?

-Como funciona aqui?

-As aulas começam as 8:00 e terminam as 13:30. Terças e quintas por 60 Won. Tem balé e pelas manhãs natação as sábados. A matrícula é 2000 Wons e a mensalidade 7300 Wons. O material é 500 Wons, mas com aula extraxurricular fica 350. O uniforme é 300 Wons e oferecemos almoço e lanche na creche. Na creche a mensalidade é 4200 Wons e o material 100 Wons . São as mesmas aulas extracurriculares mas sem desconto no material. O uniforme é roupa normal e a hora é das 8:00 as 16:00p.m

-Ah, obrigado. Irei matriculá-las.

Dei as informações delas, minhas, da Amanda..assinei papéis, paguei as matriculas e voltamos ao carro.

Eu coloquei a Ana na cadeirinha e tentei tirar o cinto do carrinho de Jandi mas não saia. Eu puxei e puxei mas não saia de jeito nenhum. Eu estava me irritando muito.

-Sai logo-Disse impaciente.

-Posso ajudar-Disse uma moça bonita com um bebê, também no carrinho.

-O cinto...-Disse envergonhado.

Ela me colocou de lado, pegou o carrinho e soltou.

-Obrigada.

-Não seja por isso. Reconheço de longe pais de primeira viagem...Eu me chamo HaNi. Minha pequena também estuda aqui.

-Eu me chamo, Jimin. Prazer. Matriculei elas hoje..

-Que bom. Elas vão gostar...qualquer coisa que precisar de ajuda...-Ela deu uma pausa-Com as crianças, claro Pode me procurar aqui-Ela sorriu e saiu...


Notas Finais


Eitaaaa, pourra. Haniguete na área.
Parei..
Até o próximoll.
Beijos, morangos e abraços.
~Myka


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...