História A Suicida. - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Orfã, Harry Styles, Isabelle Fuhrman, Justin Bieber, Mackenzie Foy, Megan Fox, Paulina Goto, Vera Farmiga
Personagens Isabelle Fuhrman, Justin Bieber
Tags Drama, Suícidio, Violencia
Visualizações 19
Palavras 1.390
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 9 - 1 Dia de aula e reencontro!.


Fanfic / Fanfiction A Suicida. - Capítulo 9 - 1 Dia de aula e reencontro!.

Hoje é meu primeiro dia de aula, estou muito ansiosa!. 

Eu resolvi que iria com: uma blusa rosa claro, uma saia branca e sapatilhas que eram rosas também... 

Deixei o meu cabelo solto em fiz uma maquiagem leve, não gostava de usar coisas muito " exageradas ". 

**************************************

Depois de tomarmos café, o meu pai ficou me esperando no carro. Então peguei a minha mochila, quando estava prestes a sair o telefone tocou e eu fui lá atender: 

- Alô?! 

- Olá, sou eu o Charles!

- Oi Charles sou eu a Esther!. Estamos morrendo de saudades de você!. 

- Ah... É você... Poderia passar o telefone pro papai ou para a Megan?! 

- Eh... A Megan não tá ela saiu. Foi fazer compras... E o papai está me esperando no carro. Ele vai me levar pra escola... 

- Hum... Depois ligo de volta, Adeus!. 

- Alô?! Charles?!. 

Ele desligou... Pelo menos pude escutar a voz dele... 

É tão triste ter um irmão que não gosta de você... E ainda mais, jogar na sua cara isso... 

Despertei dos meus pensamentos, quando escutei os gritos do meu pai: 

- Vamos Pirralha, vai se atrasar!. 

Corri imediatamente pro carro, antes que ele me batesse... 

**************************************

Ele me deixou na porta da escola e foi embora.

Fiquei admirando um bom tempo a escola... 

Era muito bonita!. Uma mistura de clássica com moderna... Algo incrível!. 

Então, eu escutei o sinal tocar, peguei o meu horário e vi que a minha primeira aula era a de Inglês.

Assim que eu entrei na sala me sentei em uma cadeira no fundo da sala... 

Praticamente todo mundo tinha alguém para sentar junto, só eu estava sentando sozinha... 

Por enquanto... 

Quando íamos começar a aula uma garota, provavelmente atrasada interrompeu, e perguntou: 

- Professora, posso entrar?! 

- Pode. Agora arrume um lugar para se sentar. 

O único lugar vazio que tinha era ao meu lado. 

Assim que ela se sentou percebi que ela me lembrava a alguém, mas não me lembrava qual pessoa... 

A professora pediu que fizéssemos uma redação. Ela queria, que falássemos o que esperávamos: do ano, da escola e etc. 

Percebi que ela também me olhava assim como eu olhava ela. Será  que ela também me achava familiar?!. 

**************************************

Estava passando no corredor, assim como muitos alunos, já que as aulas tinham acabado. 

Quando me esbarrei com uma pessoa: 

- Ai!.

- Desculpe, eu sou tão desastrada!. 

Ajudei ela a levantar, era aquela aluna que estava me encarando, sabe?! 

Mas assim que ela se levantou pude ver o seu rosto com mais clareza. 

Assim como eu, quando viu melhor o meu rosto ficou surpresa. E ficou olhando para mim fixamente e com a boca aberta. 

Então ela começou a falar: 

- Esther é você?! 

- Sim... Eu me chamo Esther... 

- #OhmeuDeus. Você não se lembra de mim?! Sou eu a Mia!. 

- Não acredito... 

Então ela me puxou para um abraço apertado!. 

- Esther que saudades eu tive de você!. 

- Eu também Mia... 

Já estávamos chorando, abraçadas... Naquele momento, não pensávamos em mais ninguém... Não estávamos nem aí se alguém estava olhando... Simplesmente, nada importava!. 

Fomos pro pátio da escola... Ficamos conversando besteiras, sabe?!, 

Não Queríamos falar do passado agora, Queríamos viver o momento!. 

Eu dei o meu número a ela, então ela salvou no celular. Nessa hora o meu pai chegou, então demos um abraço de despedida: 

- Esther prometo que vou ligar, ok?!. 

- Ok. 

Então entrei no carro do meu, já pensando no Demônio que eu iria encontrar em casa... 

**************************************

Assim que eu cheguei, vi a mesa repleta de comida japonesa... 

O que a Megan tá aprontando?! 

- Olá meus amores! Preparei um almoço japonês pra gente!. 

- Obrigada meu amor... 

Disse meu pai beijando a Megan, que nojo!. 

- Esther vá deixar sua mochila no quarto pra irmos almoçar!. 

- Sim papai... 

Deixei a mochila no quarto, lavei as mãos e fui comer... 

O meu pai e a Megan estavam se deliciando com o prato, e eu estava brincando com a comida. A Megan reparou que eu não comi nada, então resolveu abrir a sua maldita boca: 

- Não gosta de comida japonesa Esther?! Ou não gostou do prato que eu preparei?!.

- Comida japonesa não é a minha favorita... Mas tenho medo de comer, você pode ter colocado veneno aqui. E você não preparou nada Megan, você não sabe cozinhar, só organizou!. 

- Você é tão engraçada Esther!. Lógico que não tem veneno... 

- Não sei o que você achou graça Megan, ainda não trabalho como comediante!. E também nunca se sabe...

Então ela se calou. Foi aí que eu lembrei que o Charles ligou: 

- Antes que eu me esqueça, o Charles ligou hoje de manhã... 

- O que ele queria?! - Perguntou o meu pai. 

- Eu não sei, ele disse que ia ligar de volta... 

- Hum... É melhor eu ligar... Vai que ele esquece... 

- Então Esther, como foi o seu 1 dia de aula?! - Megan perguntou. 

- Foi bom... 

- Fez amigos?! 

- Não, foi só o meu 1 dia... 

**************************************

Depois de um tempo o meu pai foi embora pro trabalho, e ficou só eu e a Megan em casa. 

Estava assistindo TV no meu quarto quando escutei o meu telefone tocar: 

- Alô?!. Sou eu a Mia!. 

- Oi Mia, tudo bem?! 

- Sim, eu estou ótima!.

- Então... Queria saber se você quer ir tomar um sorvete comigo, pra podermos conversar melhor. Você topa?! 

- Então... Eu vou perguntar pra minha " mãe " se ela deixa. Eu salvo o seu número aí depois eu te ligo, ok?!. 

- Ok 👌. 

Então desliguei o celular e fui pedir permissão a Megan. Me senti tão mal ao chamar ela de " mãe ". 

A Megan estava falando com uma de suas " amigas ", e os papos eram tão interessantes... 

- Pois é amiga, ele me deu um carro e um conjunto de Esmeraldas e brilhantes...

- Pois é, ele é um máximo... 

Assim que ela me viu, me olhou com cara feia e desligou o telefone. 

- O que é Esther?!. 

- Então... Megan, posso sair?! 

- Não!.

- Por que?! 

- Por que a cozinha não está limpa!. 

- Como assim Megan?!

- Você não varreu, passou pano, não lavou a louça... 

- Eu fiz tudo isso Megan!. Eu varri, passei pano, lavei a louça de ontem e hoje... 

Então ela me puxou até a cozinha, e eu disse: 

- Tá vendo Megan, tá tudo limpo!. 

- Por enquanto... - Disse dando seu sorriso diabólico. 

Então ela pegou um cesto de lixo que tinha na cozinha, e revirou ele fazendo com que a cozinha ficasse repleta de lixo

Pegou alguns pratos de vidro e louça do armário e jogou eles no chão, fazendo com que quebrassem

E ainda por cima pegou ketchup e sujou a pia inteira!. 

- Tem certeza de que está limpo?!. 

- VOCÊ TÁ LOUCA MEGAN - Disse espantada!. 

- Tô sim!. Louca de raiva, de ódio que eu tenho por você!. - Disse com um olhar de psicopata. 

Ela foi e pegou a sua bolsa que estava na sala, olhou para mim e disse: 

- Eu vou sair agora queridinha. Eu espero que quando eu voltar, esteja tudo limpo!. 

Então ela mandou beijinhos para mim e saiu. Eu ainda estava: 

HORRORIZADA com a cena. 

Não estava acreditando nisso... 

Então, eu lembrei que eu tinha que ligar para minha amiga avisando que não poderia ir mais... 

- Oi Esther, vai poder ir?! 

- Desculpe Mia, mas não vou poder ir... 

- Por que?!. 

- Porque vou ter que arrumar a cozinha hoje... 

- Tá bom... Da próxima vez você vai né?! 

- Vou tentar... 

- Ok, tchau linda!. 

- Tchau princesa!.

Desliguei o telefone e fui arrumar a cozinha... 

Enquanto estava recolhendo os cacos de vidro, fiquei pensando... 

Hoje não foi TÃO RUIM assim... Em compensação reencontrei minha 1 e única melhor amiga. Não vou deixar que ninguém acabe com a nossa amizade... Estou agradecendo muito a Deus por isso, porque agora, vou estar com alguém que me ama de verdade!. E claro, eu também falei com meu irmão... Sei que ele não gostou de ouvir a minha voz... Mas eu gostei de ouvir a dele... Queria saber como ele está... 

Só sei que eu estou aqui, limpando a cozinha enquanto a Megan sai, se diverte e provavelmente traindo o meu pai!. 
















Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...