História A Última Primavera - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Nina Dobrev, Shawn Mendes
Personagens Nina Dobrev, Shawn Mendes
Visualizações 31
Palavras 597
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Suspense, Violência

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - He is real.


Fanfic / Fanfiction A Última Primavera - Capítulo 2 - He is real.

Estava voltando pra casa com Mad. Me obrigaram a sair de casa para pega-la na escola. Algumas pessoas nos olhavam torto, pela roupa que eu vestia. A maioria até se inclinava para ver meu rosto. Mad não parava de tagarelar ao meu lado, rolei meus olhos dando uma apertadinha na mãozinha da mesma.

- Aí Miranda. Por que fez isso ?_ soltei uma risada fraca. 

- Você está falando demais Madison_ a mesma soltou minha mão parando de andar. 

- Eu não falo demais. Não quero que você me leve pra casa_ rodei meus calcanhares a olhando. 

- E quem vai te levar ? Para de birra, vamos logo_ bufei tirando meu capuz, Madison cruzou os braços me ignorando. 

- Por que a mamãe não veio me buscar? Você é chata Miranda_ Soltei a respiração olhando em volta. 

Meu corpo paralisou ao olhar pro outro lado da rua, eu o vi. O garoto dos meus sonhos, ele estava lá, parado me olhando, assim como eu o olhava. Ele segurava uma rosa nas mãos. Eu já não tinha mais o controle de minha respiração, muito menos do meu corpo. Não conseguia desviar meus olhos do garoto. 

- Miranda. Miranda!_ saí do pequeno transe com a voizinha de Mad, a mesma me balançava, a olhei. 

- O que foi Madison ?_ voltei a olhar pro outro lado da rua, ele já havia sumido.

- Podemos ir agora ? Está chovendo_ só depois de ouvir Mad falar que realmente saí do transe. 

As pessoas já corriam para se esconder da chuva. Puxei Mad pela mão começando a correr. Chegamos em casa completamente molhadas, fui obrigada a ouvir as broncas de minha mãe dizendo que devíamos estar em casa há quase meia hora. Me tranquei em meu quarto com a cara enfiada na janela, observava a chuva cair lá fora. Meus pensamentos estavam no garoto. Então ele existe, eu não estou ficando louca. Ou será que estou ?.

- Mamãe, a Miranda estava estranha hoje_ Mad falou bebendo um pouco de suco.

- Estranha princesa ?_ larguei meu prato e olhei minha mãe. 

- Será que podemos comer em paz ? Sem falar de mim ?_ respirei fundo. 

- Claro que sim filha. Vamos mudar de assunto_ meu pai me olhou calmo.

Dei um meio sorriso pra ele voltando a comer. Eu estou cansada, minha mãe sempre dá um jeito de falar sobre mim no jantar. E eu sempre perco a fome. As vezes meu pai é o único que me entende nessa casa. Terminei meu jantar e saí da mesa, caminhei pra sala e me sentei no sofá ligando a tv. Mad se sentou ao meu lado. A mesma me entregou uma boneca ficando com outra. 

- O papai disse pra te pedir desculpas. Você não é chata_ Passei meus dedos nos cabelos da boneca. 

- Você só tem cinco anos Madison. Criança age assim mesmo_ ouvi ela bufar o que me fez rir. 

- A gente pode brincar agora ?_ a olhei e sorri.

- Sim. Vamos brincar agora_ rolei meus olhos e Mad riu. 

- Espera. Eu vou pegar o seu namorado_ a segurei pela mão. 

- Que namorado Madison ? Sempre foi só nós duas_ Mad assentiu rindo. 

- Agora não é mais. Eu vi você olhando pra ele do outro lado da rua, acho que ele ficou com com vergonha de mim. Ele não te entregou a rosa bonita_ Mad falou e saiu saltitando. 

Apertei a bonequinha contra meu corpo. Engoli em seco, Mad o viu. Ele não é minha imaginação. Ele não vive só nos meus sonhos. O garoto é real.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...