História A um oceano do Amor (to one ocean of love) - Capítulo 10


Escrita por: ~ e ~Erikka

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Suga
Tags Bts, Jimin, Romance, Trianguloamoroso, Yoongi
Exibições 17
Palavras 1.066
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Apenas seja sincera com seus sentimentos
não minta pra mim
me deixe ver sua verdade.

Capítulo 10 - A Verdade e Revelada


Fanfic / Fanfiction A um oceano do Amor (to one ocean of love) - Capítulo 10 - A Verdade e Revelada

Acordo e percebo que dormi no sofá o cheiro de yoongi chama minha atenção, eu estava abraçada com sua camisa que ele me deu pra vestir, novamente uma grande dor aperta meu coração, a dor do adeus eu nem tinha certeza de que estava apaixonada por ele ate perceber que ele estava indo embora, lagrimas estão escorrendo dos meus olhos, eu nunca fui capaz de imaginar que alguém pudesse chorar tanto, será que ele se sentiu assim quando perdeu a garota que ele amava, talvez eu não devesse julga-lo pelo que ele e agora, p/q eu mesma acho que não serei capaz de amar ninguém novamente, "droga!" eu xingo baixinho tudo que eu queria era poder ter yoongi, que ele me amasse e agisse comigo como fez com aquela fã, eu gostaria de ver seu lado gentil, seu lado engraçado, mas eu não terei mais nada dele.

O fim de semana acabou e eu ainda não consegui me recuperar, jimin não pode vir me ver, o que e bom p/q eu realmente não posso engana-lo devo contar a verdade com yoongi pediu. chego ao camarim e ele estar cheio, os meninos todos percebem quando eu chego e me cumprimentam mas yoongi me ignora como se eu nem existisse, e isso inevitavelmente me machuca, Jimin sorrir e pisca um olho pra mim e eu apenas sorrio de volta eu me sinto horrível pelo que fiz a ele, e me sinto pior em saber que faria de novo por não conseguir manter a porra do controle sempre que yoongi se aproxima de mim.

                Estou arrumando as roupas de cada um em “araras” diferentes quando uma coisa me chama a atenção, a gravata escura e macia que yoongi usou daquela vez para me amarrar, ela e uma das peças de roupa de namjoon, eu estico a mão e a toca lentamente enquanto as memorias giram pela minha cabeça

- e uma gravata bonita- a voz de yoongi parece divertida, e sua aproximação de mim deixa meu coração acelerado

- não vá só pela beleza yoongi- falo- ela pode machucar bastante- lembro da dor que ela deixou no meu pulsos, me viro e o observo

-eu tbm percebi isso- ele fala- não só em relação a gravata- ele me olha nos olhos e em seguida sai

                O dia passa voando, os meninos tem que refazer a maquilagem viárias vezes, trocar de roupa, em uma das troca de roupa percebi que yoongi estava usando a grata que devia ser do namjoon, aquela gravata

- você não errou de gravata?- pergunto

-gosto dessa gravata- ele responde- ela tem uma boa historia- ele olha pra mim

-nem todos diriam que foi boa- respondo e saio rápido de perto dele  antes que eu não consiga mais fingir que sua voz não me afeta.

                No fim do dia as gravações dão uma pausa, todos precisão dar uma pausa e comer, eu não tenho tanto apetite mal consigo comer desde a sexta feira, então logo volto para o camarim e começo a preparar as coisas pras horas de gravações que ainda restam

-Alguém aqui e bem focada no trabalho, vejo que indiquei uma ótima- funcionaria- a voz de Jimin me assusta, ou talvez meu coração só esteja acelerado p/q estou aqui sozinha com ele e eu não quero isso, mas na verdade eu gosto disso, jimin se aproxima sem muita cerimonia já que agora somos namorados, ele coloca suas mãos em minha cintura e me puxa pra um forte abraço, depois ele me beija, seu beijo e lento e demorado, quente e tranquilizante, aos poucos começo a me embriagar com sua boca e seu aperto ao meu redor e começo a esquecer de tudo e me entrego o beijando de volta de uma forma intensa, mordo seus lábio e ele da um pequeno sorriso antes que nossas línguas iniciem um ritmo frenético, o aperto de jimin aumenta e seus beijos começam a descer pelo meu pescoço ate os ombros, e retornam ate a minha orelha e ele a morde, minha cabeça cai para traz dando a ele acesso ao meu pescoço e ele o lambe e da pequenos “chupões”, ele me senta sobre a mesa e aumenta a profundidade do seu beijo que logo se torna mais selvagem, minhas mãos seguram seus cabelos macios, ele pressiona sua pelves contra mim e antes que eu possa parar meu pensamentos vão para um certo garoto de olhos selvagens e sorriso travesso, e de todas as sensações que ele provoca sobre o meu corpo, não, não, não eu não preciso pensar no yoongi não agora,  então logo eu me encho de culpa por estar enganando jimin, ele precisa saber que eu não pertenço a ele, não ainda, eu interrompo o beijo

-oh, desculpa- jimin fala ofegante- acho que me empolguei não e- ele me da um pequeno sorriso

-não e isso- respondo- eu preciso falar algo serio com você- jimin se afasta um pouco e me ajuda a descer da mesa- eu... eu

-seja o que for, só me fale S/ N não fique enrolando

-eu não devia ter aceitado namorar com você sem antes te falar a verdade

-que verdade?-ele pergunta

- meu coração jimin, ele não pertence a mim, ele já estar nas mãos de outra pessoa

-eu pensei que você nunca estivesse se apaixonado- ele fala lembrando da conversa que tivemos naquele dia na escada

- eu nem sabia que gostava dele, ate ele me falar que não queria nada comigo-digo triste

-quem e ele S/N?- jimin questiona

-acredite jimin você não precisa saber- me sinto um pouco tonta

-preciso sim S/N, preciso saber se posso competir com ele, e tomar seu coração para mim-jimin insiste

-Você não pode jimin, eu que preciso pega-lo de volta- a minha tontura aumenta e me sinto fraca

-pfv diga a porra do nome – agora jimin estar gritando, ele parece zangado, eu estou tão tonta que não sei onde estou pisando, não sei oq estou fazendo

- Foi ao yoongi,- ouço alguém falar e percebo que minha própria voz, tento me segurar mas não ah em que, tropeço ate a porto e antes de cair alguém me segura, sinto o cheiro familiar em sua camisa, estou nos braços de yoongi

-ela estar bem?- ouço a voz de jimin perguntar

-você não percebeu, ela nem mesmo comeu no intervalo- yoongi parece gritar com jimin, então tudo fica escuro e eu apago.....


Notas Finais


obrigada por ler :)
ate a próxima
beijinhuusss!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...